revista ed 16

Download Revista ed 16

Post on 09-Mar-2016

216 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Diagramao de matrias

TRANSCRIPT

  • s e r v i o s e i n f o r m a e s n o p o n t o p a r a v o c

    ano 5 n 162o TrimesTre de 2012

    s e r v i o s e i n f o r m a e s n o p o n t o p a r a v o c

    como ter a tecnologia ao seu lado?

    Sistemas de automao comercial garantem agilidade nas operaes dirias e maior controle do negcio

  • CM

    Y

    CM

    MY

    CY

    CMY

    K

    AF_COMERCHAN_21X28_1002.pdf 1 2/10/12 3:10 PM

    C

    M

    Y

    CM

    MY

    CY

    CMY

    K

    AF_COMERCHAN_21X28_1002.pdf 1 2/10/12 3:10 PM

    C

    M

    Y

    CM

    MY

    CY

    CMY

    K

    AF_COMERCHAN_21X28_1002.pdf 1 2/10/12 3:10 PM

  • 2012 Ponto da beleza 3

    Gerenciar um negcio exige uma srie de planejamentos e detalhes que, se no pontuados devidamen-te, podem interferir no seu lucro e sucesso. Cada vez mais utilizada e primordial no mundo moderno, a tecnologia sempre bem-vinda, ainda mais quando pode facilitar a gesto da perfumaria. Investir, por-tanto, em sistemas de automao comercial uma boa sada para ga-nhar agilidade e eficincia.

    E, como todo negcio que trata diretamente com o consumidor fi-nal, perfumarias precisam saber es-colher e planejar o processo de se-leo de candidatos a vagas exis-tentes na empresa ponto que exi-ge tempo, dinheiro e planejamento. Afinal, de nada adianta ter uma loja bem estruturada, se toda a equipe de vendas no for bem selecionada.

    Mas nada mais a favor do ponto de venda do que a exposio dos produtos e a organizao da loja como um todo, que pode ser, ela mesma, o vendedor indireto dos pro-dutos ali expostos. A Ponto da Bele-za d dicas para que este ambiente seja agradvel e vendvel, fazen-do toda a diferena no seu negcio.

    Conhea mais tambm sobre a variedade em produtos, ofertas, no-vidades e formas de atendimento multicanal do mercado que ofere-cemos atravs da EBC e Naes Unidas, alm das vantagens de participar do projeto Beauty Point e como faz-lo. De 8 a 11 de se-tembro, voc, amigo cliente, poder participar das palestras e aes da Beauty Fair e conhecer ainda mais detalhes sobre os planos da EBC e Naes Unidas para seus negcios.

    Boa leitura.

    Mrcia Ikesaki

    editorial

    expedienteexpedientediretora Mrcia ikesaki Gerente de projetos Murilo Marcacini departamento de Compra Marcos de Campos Coordenadora de Marketing lilian lobo assistente de Marketing davy augusto departamento de Marketing marketing@ebccosmeticos.com.br

    av. Morvan dias de Figueiredo, 2875 Vila Maria So paulo (Sp)Cep 02063-000 ddG: 0800 0147444 tels. (11) 2905 3041 / 2902 4444

    SuMrio08 CapatenDnciA Sistemas de automao comercial do maior agilidade e detalhamento nas operaes da loja

    s e r v i o s e i n f o r m a e s n o p o n t o p a r a v o c

    ano 5 n 162o TrimesTre de 2012

    s e r v i o s e i n f o r m a e s n o p o n t o p a r a v o c

    como ter a tecnologia ao seu lado?

    Sistemas de automao comercial garantem agilidade nas operaes dirias e maior controle do negcio

    A favor do seu negcio

    diretoria Gustavo Godoy, Marcial Guimares e Vincius dallovo editora tnia longaresi tania@contento.com.br editora assistente Camila Guesa estagiria da Redao laura Martins editora de arte Mariana Sobral assistentes de arte agatha C. Sanvidor e larissa lapa departamento Financeiro Fabola rocha e Cludia Simplcio Colaboradores desta edio textos adriana Bruno Consultoria ester lima reviso Maria Stella Valli Fotos leandro Kendy Grfica Arvato

    04 curtas Classe C e PIB crescem, e impulsionam a venda de produtos de HPC

    06 aes especiais EBC e Naes Unidas oferecem um leque completo de

    produtos e servios

    12 ponto de vista Trabalhoso, o processo de seleo de candidatos para vagas existentes

    exige tempo e planejamento

    16 cada vez melhor Como fazer da loja e seu layout um vendedor indireto, a favor do

    ponto de venda?

    22 lanamentos De cabelos a sade em geral, indstria de HPc inova

    24 10 perguntas Em se tratando de varejo, ser sustentvel significa estar alinhado aos trs pilares: econmico, social e ambiental

    26 servios Conhea detalhes e vantagens de ser um Beauty Point

  • 4 Ponto da beleza 20094 Ponto da beleza 2012

    curtas

    Fotos: shutterstock

    Cosmticosem altaClasse C e PIB crescem, e impulsionam a venda de produtos de HPC

    PIB brasileiro cresceDados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estats-ticas (IBGe) apontam que o Produto Interno Bruto (PIB) a soma de todos os bens e servios produ-zidos pelo Pas ao longo do ano aumentou 2,7% em 2011, em relao a 2010, fruto do crescimento de 2,5% no valor adicionado e 4,3% nos impostos. Nessa comparao, os servios (2,7%) e a indstria (1,6%) cresceram. De acordo com as informaes das Contas Nacionais Trimestrais, em 2011, o PIB em valores correntes alcanou R$ 4,143 trilhes. O PIB per capita ficou em R$ 21.252, apresentando uma alta de 1,8%, em volu-me, em relao a 2010.

    www.ibge.gov.br

    Lucro nacionalO setor cosmtico brasileiro faturou, no ano pas-sado, R$ 29,4 bilhes em valores ex-factory (sa-dos de fbrica, livre de impostos sobre vendas), um aumento de 7,9% comparado a 2010. o que aponta o levantamento anual da Associao Brasileira da Indstria de Higiene Pessoal, Per-fumaria e Cosmticos (Abihpec). As subdivises de itens para cabelos (colorir/descolorir, condicio-nadores, fixadores/modeladores, permanentes, alisantes, produtos para tratamento e xampu) fecharam com R$ 6,7 bilhes ex-factory, aproxi-madamente 22,8% do total do setor.

    www.abihpec.org.br

  • 2009 Ponto da beleza 5 2012 Ponto da beleza 5

    Classe C maiorA pesquisa O Observador 2012, feita pela Cete-lem BGN em conjunto com a Ipsos Public Affairs, aponta que mais 2,7% milhes de brasileiros entraram para a classe C em 2011, vindos das classes D/E. Alm disso, outras 230 mil pessoas da classe C foram para A/B no mesmo perodo, registrando aumento de renda por volta de 50% de 2010 para 2011.O estudo revela tambm que os gastos dos bra-sileiros no ano passado refletiram as diferenas na renda das famlias, visto que a classe C foi a nica que teve gasto declarado maior no decorri-do ano em relao a 2010. Nas demais classes, o gasto total da famlia foi menor.

    www.terra.com.br

    Consumidor no recebe sorrisosA Better Business World Wide acaba de divulgar uma pesquisa global denominada Smiling Report feita em 32 pases, que revelou que por volta de um quarto dos consumidores no recebeu sorrisos durante o atendimento, no ano passado.O resultado produto da avaliao de mais de 1,6 milho de clientes ocultos e indica diminuio de 10% na qualidade do atendimento, comparando ao ltimo perodo em que o estudo foi produzido, entre 2004 e 2007. No Brasil, a pesquisa foi realizada por meio da Shopper Experience.

    www.mundodomarketing.com.br

    Famlias querem consumir maisDe acordo com a Confederao Nacional do Comrcio de Bens, Servios e Turismo (CNC), as famlias brasileiras ficaram mais dispostas a consumir em maio. A Inteno de Consumo das Famlias (ICF) teve aumento de 0,3% comparando ao ms anterior. Em relao a maio de 2011, a alta foi de 4,8%.O nvel de consumo atual cresceu 1,3% ante abril. Comparando ao mesmo ms um ano antes, a alta foi de 5,7%, revelando que as famlias esto dispostas a elevar o consumo nos prximos meses, de acordo com a CNC.

    www.g1.com.br

  • 6 Ponto da beleza 2012

    Aes especiAis

    Servios por atacado: a EBC e Naes Unidas oferecem um leque completo com sortimento de marcas e produtos, alm de diferentes canais para que o cliente realize seus pedidos

    Por Adriana Bruno

    Aes especiAis

    J

    Foto: divulgAo

    compras diz o ditado que tempo dinheiro. E para garantir que seus clientes no percam tempo, nem dinheiro, os atacadistas de cosmticos EBC e Naes Unidas

    oferecem a maior variedade em produtos, ofertas, novidades e formas de atendimento multicanal do mercado. Somente em produtos so mais de 15 itens de higiene pessoal, beleza, aparelhos eltricos e acessrios. Soma-se a esse mix a oferta de servios, campanhas promocionais e treinamentos especializados para que os canais possam se tornar cada vez mais competitivos.

    A EBC e Naes Unidas disponibilizam quatro diferentes canais de vendas para que pequenos e mdios varejistas possam realizar suas compras com comodidade e rapidez. Conhea um pouco de cada canal:

    Loja de autosservio: Tradio em qualidade e atendimento especializado so os

    destaques da loja de autosservio, alm, claro, da vasta gama de produtos e marcas disposio dos varejistas. So mais de 15 mil itens, 300 fornecedores, promoes e ofertas, campanhas exclusivas, lanamentos, espao para cursos e palestras e um estacionamento exclusivo para clientes.

    Televendas:Conta com uma equipe de profissionais especializados no

    mercado de atacado de cosmticos e higiene pessoal e treinados para atender todo o territrio nacional. O Televendas oferece amplo mix de perfumaria, um apoio para levantamento de necessidades e preparao do pedido.

    Vendas externas: Este canal tem atuao no estado do Rio de Janeiro. So

    mais de seis mil itens disposio dos clientes, que contam com representantes treinados e qualificados, e ainda com a praticidade de receber seus pedidos em at 48 horas.

    Pedido eletrnico: a grande soluo para clientes da cidade de So Paulo e da

    Grande So Paulo. O canal Pedido Eletrnico oferece acesso remoto ao maior mix de perfumaria do mercado, com segurana. O servio conta com um software desenvolvido para atender os clientes do canal e com mais uma vantagem: a implantao tem custo zero.

    Soluo de

    contatos servios

    autosservioEBC Atacado de CosmticosAvenida Morvan Dias de Figueiredo, 2875 Vila Maria So Paulo SPTelefone: (11) 2902 4444 ou 290