pragas de mamoeiro

Download Pragas de Mamoeiro

Post on 06-Aug-2015

173 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

Universidade Federal de Minas Gerais Instituto de Cincias Agrrias Insetrio G.W.G. de Moraes

PRAGAS DO MAMOEIRO

GERMANO LEO DEMOLIN LEITE ELWIRA DAPHINN SILVA MOREIRA

Bom dia turma! Hoje ns vamos falar sobre as pragas que atacam o mamoeiro.

Mas primeiro ns falaremos um pouco sobre esta importante cultura, a do mamo. Meus amigos, o mamoeiro uma planta herbcea, sendo que a sua altura pode variar de 2 at 10 metros, podendo viver at os 20 anos.

Pessoal, o fruto uma baga, nasce do caule ou do pendculo longo no caso do mamo macho, o fruto arredondado, cilndrico ou periforme e a sua casca amarelo ou alaranjado quando maduro. A sua polpa de consistncia suave e sucosa.

Entretanto, amigos, a cultura do mamoeiro comumente atacada por um significativo nmero de insetos e de caros, sendo a maioria, em condies normais, de importncia secundria. Portanto, no fim desta aula, vocs sabero as pragas do mamoeiro e seus danos, como amostrar e como controlar.

Pessoal, a primeira praga que ns vamos apresentar a vocs o caro branco, tambm conhecido como caro tropical ou caro da queda do chapu do mamoeiro. Esse caro apresenta bem distribudo no Mundo e possui vrias plantas hospedeiras.

Macho carregando fmea para copulao. Fonte: Oliveira, C.A.L., 2001

Pessoal, os caros brancos so to pequeninos, e devido o seu tamanho no permiti que seja observados a olho nu. A fmea tem em mdia 0,17 mm de comprimento por 0,11 mm de largura. Sua colorao varia de branco a amarelado, dependendo de sua idade, porm sempre brilhante. Seu quarto par de pernas reduzido e apresenta, mais em baixo, uma cerda longa e outra curta, no usando este par de pernas para locomoo. Cada fmea pe cerca de 25 a 30 ovos que so achatados, elpticos e com pontuaes brancas.

Pessoal, o caro branco pode atacar os frutos do mamoeiro, deixando leses na casca esbranquiadas.

Amigos, o caro branco ataca tambm as folhas novas, alimentando de lquidos que saem das clulas das folhas e brotos terminais do mamoeiro provocando deformaes, paraliza o crescimento das folhas reduzidas quase que somente s nervuras, e podendo causar a morte das plantas.

Ponteiro de planta mamo com queda total ponteiro, sintoma final caro branco. Fonte: Oliveira, C.A.L., 2001.

Causam o sintoma conhecido como careca do mamoeiro ou queda do chapu do mamoeiro.

Mamoeiros com sintoma de ataque do caro branco

Amigos, o caro branco a mais importante praga da cultura do mamoeiro. Ocorre principalmente durante os perodos mais quentes do ano.

Careca do mamoeiro Fonte: Oliveira, C.A.L., 2001.

Amigos, o mamoeiro atacado tambm pelo caro rajado. O caro rajado ataca a parte inferior das folhas mais velhas, entre as nervuras mais prximas do pecolo, forma colnias. Esse caro, apesar de pequeno, visvel a olho nu e forma teia, diferentemente do caro branco.

Amigos, ns podemos encontrar uma maior quantidade desses caros rajados no perodo em que chove menos e com temperaturas elevadas, pois perodo seco e quente favorece o seu aumento populacional.

Colnia de caro Rajado (Tetranychus urticae).

As fmeas do caro rajado possui um tamanho maior e corpo mais volumoso, e tendo, de modo geral, uma mancha verde escura em cada lado do dorso. Os machos medem, aproximadamente, 0,25 mm de comprimento, apresentando a parte posterior do corpo mais afilada.

Amigos, esses caros rajados introduzem o aparelho bucal no tecido da planta e removem o contedo das clulas.

caro rajado em folha de mamoeiro

As folhas de mamo infestadas por este caro inicialmente tornam-se amareladas, ficam descoloridas, na face oposta colnia.

Fonte: Oliveira, C.A.L., 2001.

Pessoal, posteriormente, com a evoluo do ferimento na folha, estas reas ficam necrosadas, ocorrem perfuraes nas folhas e as folhas ficam quebradias. Sob infestaes severas, ocasionam a desfolha precoce fazendo com que a planta emita brotos laterais, o que no desejvel. Esse caro afeta a produtividade quando em altas populaes

Planta com brotao lateral que favorece ataque caro Rajado. Fonte: Oliveira, C.A.L., 2001.

Amigos, as fmeas escolhem as reentrncias, geralmente prximas do pecolo na superfcie inferior da folha. Em plantas jovens o problema grave, pois atrasa o desenvolvimento das plantas.

Sintoma inicial do caro Rajado. Fonte: Oliveira, C.A.L., 2001.

Amigos, o nosso ltimo caro que ataca o mamoeiro o caro vermelho.

caro vermelho na face inferior de uma folha.

O caro vermelho tambm visvel a olho nu e forma teia. Os danos so similares ao caro rajado, e tambm o clima quente e seco o favorece.

caro vermelho em folha de mamona, mas o sintoma o mesmo em mamoeiro.

Amigos, um outro problema do ataque destes 3 caros que com a reduo das folhas, o fruto fica exposto aos raios solares, ocasionando danos nos frutos.

Amigos, ns temos trs pulges importantes em mamoeiro. O primeiro o pulgo Aphis gossypii que ataca outras culturas como o algodoeiro, quiabeiro, entre outras.

Pulgo Aphis gossypii.

O segundo pulgo o Toxoptera citricidus, que ataca laranja, limo, entre outras ctricas.

Pulgo Toxoptera citricidus

E o ltimo o pulgo Myzus persicae, que ataca tomate, berinjela, dentre outras.

Pulgo Myzus persicae

Pois bem pessoal, estes trs pulges ocasionam muitos problemas ao mamoeiro. O primeiro dano o direto por sugar a seiva da planta, atrapalhando o crescimento das plantas, principalmente as mais novas, e tambm deformam as folhas.

As suas excretas so aucaradas, que vo sendo depositadas nas folhas no qual crescem fungos pretos denominados de fumagina. A folha ficando preta no realiza bem a fotossntese, prejudicando a produo do mamoeiro.

Amigos, mas o pior no isto tudo que relatamos e sim que os pulges transmitem vrus s plantas de mamoeiro. O pulgo Myzus persicae transmite o vrus da mancha anelar do mamoeiro, ficando o fruto com sintomas.

Mancha anelar no fruto do mamo ocasionado por vrus transmitido por pulgo

Mas o sintoma do vrus da mancha anelar tambm aparece nas folhas do mamoeiro.

Sintoma mancha anelar na folha

Amigos, o pulgo Toxoptera citricidus transmite o vrus da mancha anelar do mamoeiro tambm. O sintoma aparece no fruto verde do mamoeiro.

Como tambm nos frutos maduros.

Meus amigos, quando a planta est muito infectada pelo vrus da mancha anelar, aparecem sintomas at no caule, sendo este vrus transmitido por pulges.

Amigos, o pulgo Myzus persicae transmite tambm vrus, mas o vrus do mosaico do mamoeiro.

Amigos, as plantas infectadas pelo vrus do mosaico apresentam reduo no crescimento, folhas encrespadas com acentuado mosaico, depreciao dos frutos e prejuzos na produo. At 100% das plantas de uma rea podem ser infectadas, se medidas de controle no forem implementadas previamente.

Pessoal, s tem uma soluo quando as plantas de mamoeiro esto com vrus, cortar e destruir, pois se no as plantas doentes passam o vrus para as plantas sadias por meio dos pulges.

Plantao destruda devido ao vrus do mosaico transmitido por pulgo. Fonte: Elena Paola Gonzles Jaimes e Renata Aparecida de Andrade/Toda Fruta

Pessoal o mamoeiro atacado tambm por coleobrocas, que so besouros, colocam os seus ovos no tronco do mamoeiro. As larvas que saem dos ovos broqueiam o tronco do mamoeiro, o que pode levar a planta a morte. Se a planta resistir ao ataque, no local onde houve o ataque fica engrossado, com a casca corroda e fendida.

Coleobroca

Amigos, uma outra praga que ataca o mamoeiro a cigarrinha verde. Essa cigarrinha ataca outras plantas como o feijoeiro.

Amigos, a cigarrinha verde tem formato triangular, e mede de 3 a 4 mm de comprimento. Os seus os ovos so colocados dentro da folha. Um fato interessante que a cigarrinha verde tem o hbito de andar de lado.

Ao sugarem a seiva das plantas causam o amarelecimento e encurvamento das folhas mais velhas. A cigarrinha verde problema em plantas adultas.

Como tambm em plantas mais jovens do mamoeiro.

Planta atacada por cigarrinha

Meus amigos, os maiores problemas com a cigarrinha-verde tm sido observados em lavouras de mamo prximas a culturas do feijoeiro.

Lavoura de feijo

Pessoal, ns temos uma lagarta desfolhadora em mamoeiro, a mesma que ataca a mandioca, o seu nome comum mandarov ou gervo.

Mandarov em mandioca

As suas mariposas so grandes e tem hbito noturno. So capazes de voar longas distncias e so dos insetos que voam mais rpido. Por isso elas tem o formato de um avio a chato.

Amigos, essas mariposas colocam os seus ovos nas folhas do mamoeiro. So ovos grandes, facilmente visveis por ns.

As lagartas comeam a comer as folhas e brotaes novas. Mas quando acabam as folhas novas, elas comem as velhas mesmo. Em alto ataque, no sobra uma folha se quer no p de mamoeiro, o que atrasa o desenvolvimento da planta bem como expe os frutos do mamo ao sol, sofrendo insolao. As suas lagartas chegam a medir 10 cm, por isto elas comem tanto, devorando todas as folhas do mamoeiro.

Pessoal, outro inseto que ataca o mamoeiro a mosca-das-frutas.

Amigos, a ocorrncia da moscadas-frutas em frutos de mamo foi registrada, pela primeira vez no Brasil, em agosto de 1987, no Espirito Santo, as perdas chegaram a atingir cerca de 15% da produo.

Mosca das frutas ovipositando em mamo quase maduro

A mosca-das-frutas ataca grande quantidade de espcies frutferas. S que o dano causado pelas larvas da mosca, as quais se alimentam da polpa do mamo, tornando flcida a regio atacada do fruto, que a parte comercial.

Bicho do mamo

O ataque ocorre em estdio mais avanado de maturao, quando o fruto, na planta, apresenta a casca com mais da metade amarelecida, e os