Manual de jurados 2011 carnaval 2011

Download Manual de jurados 2011   carnaval 2011

Post on 14-Jun-2015

1.484 views

Category:

News & Politics

3 download

TRANSCRIPT

<ul><li> 1. MANUAL DO JULGADOR DESFILE DAS ESCOLAS DE SAMBA DEFLORIANPOLIS CARNAVAL 2011 _____________________________________________________________________________________________Av. Governador Gustavo Richard,s/n, sala 01/02, Passarela do Samba Nego Quirido, Centro, Florianpolis/SC CEP 88.010-290 CNPJ 07.697.475/000128 - Fone (48) 32256216 Site: www.liesfsc.com.br e-mail: contato@liesfsc.com.br 1</li></ul><p> 2. SUMRIO1. AGENDA DO JULGADOR ................................ 032. ORDEM DE DESFILE ................................ 033DIREITOS DO JULGADOR ................................ 033.1. TRANSPORTE ................................ 033.2. ALIMENTAO................................ 034DEVERES DO JULGADOR................................ 044.1. IDENTIFICAO: USO DE CAMISETAS DA LIESF ................................ 044.2. PERMANNCIA NAS CABINES DE JULGAMENTO................................ 044.3. USO DE TELEFONES ................................ 044.4. USO DE RDIOS-GRAVADORES, PAGERS OU APARELHOS DE TV................................ 044.5. SIGILO ................................ 044.6. COMPARECIMENTO AO LOCAL DE ENCONTRO................................ 044.7. OBEDINCIA AO SISTEMA DE CONCESSO DE NOTAS E CRITRIOS DE JULGAMENTO DE CADA QUESITO................................ 054.8. JUSTIFICATIVA DE NOTAS ................................ 055. ORIENTAES SOBRE O JULGAMENTO ................................ 055.1. PREENCHIMENTO E ENTREGA DO CADERNO DE JULGAMENTO ................................ 055.2. CORPO DE JULGADORES................................ 066QUESITOS EM JULGAMENTO ................................ 067SISTEMA DE CONCESSO DE NOTAS................................ 068MAPA DE NOTAS................................ 089CRITRIOS DE JULGAMENTO DOS QUESITOS ................................ 0810 QUESITO BATERIA................................ 0811 QUESITO SAMBA-ENREDO ................................ 0912 QUESITO HARMONIA ................................ 1013 QUESITO EVOLUO ................................ 1114 QUESITO ENREDO ................................ 1215 QUESITO CARROS ALEGORICOS E ADEREOS ................................ 1216.QUESITO FANTASIAS................................ 1417.QUESITO COMISSO DE FRENTE ................................ 1518.QUESITO MESTRE-SALA E PORTA-BANDEIRA ................................ 1619.CADEIRANTES................................ 18 _____________________________________________________________________________________________Av. Governador Gustavo Richard,s/n, sala 01/02, Passarela do Samba Nego Quirido, Centro, Florianpolis/SC CEP 88.010-290 CNPJ 07.697.475/000128 - Fone (48) 32256216 Site: www.liesfsc.com.br e-mail: contato@liesfsc.com.br2 3. 1. AGENDA DO JULGADORDia 04/03 (Sexta)14 horas Reunio do Coordenador de Jurados com Diretores de Harmonia e Bateria dasEscolas de Samba;16 horas Reunio do Coordenador de Jurados para apresentao de Jurados;17 horas Reunio do Coordenador de Jurados com Diretores de Carnaval e Presidentes deEscolas de Samba;Dia 05/03 (Sbado)19 horas Deslocamento do Hotel para a Passarela Nego Quirido.2. ORDEM DE DESFILE1. 22h:30 s 23h50 - GRMIO RECREATIVO ESCOLA DE SAMBA CONSULADO;2. 00h s 01h:20 SOCIEDADE RECREATIVA E CULTURAL UNIDOS DA COLONINHA;3. 01h30 s 02h50 GREMIO RECREATIVO CULTURAL ESCOLA DE SAMBA UNIO DAILHA DA MAGIA;4. 03h s 04h20 GRMIO CULTURAL ESPORTIVO RECREATIVO ESCOLA DE SAMBAOS PROTEGIDOS DA PRINCESA;5. 04h30 s 05h50 SOCIEDADE RECREATIVA CULTURAL E SAMBA EMBAIXADACOPA LORD.3. DIREITOS DO JULGADOR3.1. Transporte Os julgadores com seu respectivo Coordenador sero conduzidos Passarela Nego Quirido em nibus especial, fornecido pela Secretaria de Turismo doMunicpio de Florianpolis PMF/SETUR. Aps o trmino do desfile, o nibus conduzir ocorpo de jurados e seu respectivo Coordenador ao local de partida para retorno cidade deorigem.3.2. Alimentao Os julgadores com seu respectivo Coordenador sero regularmentealimentados durante o dia de exerccio de suas funes. Alm do servio de alimentao,ser instalado em cada Cabine de Julgamento um freezer abastecido com bebidas noalcolicas. A responsabilidade pela alimentao, colocao de freezer com bebidas ser daPMF/SETUR. _____________________________________________________________________________________________Av. Governador Gustavo Richard,s/n, sala 01/02, Passarela do Samba Nego Quirido, Centro, Florianpolis/SC CEP 88.010-290 CNPJ 07.697.475/000128 - Fone (48) 32256216 Site: www.liesfsc.com.br e-mail: contato@liesfsc.com.br 3 4. 4. DEVERES DO JULGADOR:4.1. IDENTIFICAO: USO DE CAMISETAS DA LIESF: Todos os Julgadores, no dia dosdesfiles, devero usar as camisetas oficiais fornecidas pela LIESF.O uso das camisetas da LIESF de fundamental importncia para que o Jurado tenha fcilacesso ao sambdromo e os segmentos julgados das Escolas de Samba possam facilmenteidentificar os Julgadores.4.2. PERMANNCIA NAS CABINES DE JULGAMENTO: Os Julgadores deveropermanecer nas suas respectivas Cabines de Julgamento, durante todo o tempo de desfilede cada Agremiao. Dessa maneira, durante os desfiles, no devero permanecer, emhiptese alguma, em quaisquer outros locais que no as suas respectivas Cabines deJulgamento.4.3. USO DE TELEFONES: Os Julgadores no podero fazer uso de telefones e na hiptesede necessidades urgentes e inadiveis, devero reportar-se Coordenao de Julgadoresda LIESF, que se encarregar de receber e transmitir recados, desde que esses no serefiram a avaliaes de como cada Agremiao se apresentou perante outras Cabines deJulgamento. Dessa forma, fica entendido que esto vedadas as intercomunicaes entreJulgadores.4.4. USO DE RDIOS-GRAVADORES, PAGERS OU APARELHOS DE TV: Os Julgadoresno podero, em hiptese alguma e sob qualquer pretexto, utilizar-se de rdios-gravadores,pagers e/ou aparelhos de televiso, considerando a necessidade de se evitar quecomentrios feitos pela Imprensa possam de uma forma ou de outra, influenciar o seujulgamento.4.5. SIGILO: At o momento final da apurao do resultado os Julgadores no devem, emhiptese alguma, revelar suas notas ou proferir comentrios e/ou opinies sobre odesempenho de qualquer Agremiao, at mesmo atravs de rgos de Imprensa, para osquais conceda entrevistas ou trabalhe.4.6. COMPARECIMENTO AO LOCAL DE ENCONTRO: Todos os Julgadores deverocomparecer ao encontro no dia e horrio previamente designados pela LIESF. Considerandoque, durante o Carnaval, o trnsito na Cidade sofre profundas alteraes e,conseqentemente, algumas retenes de fluxo, torna-se necessrio que todos os julgadoresatendam rigorosamente ao horrio previamente fixado na "Agenda do Julgador", para que,dessa maneira, no haja atrasos no incio dos desfiles. Esclarece-se, ainda, que o acesso _____________________________________________________________________________________________Av. Governador Gustavo Richard,s/n, sala 01/02, Passarela do Samba Nego Quirido, Centro, Florianpolis/SC CEP 88.010-290 CNPJ 07.697.475/000128 - Fone (48) 32256216 Site: www.liesfsc.com.br e-mail: contato@liesfsc.com.br 4 5. Passarela Nego Quirido s ser possvel atravs do nibus especial que partir do localanteriormente determinado.4.7. OBEDINCIA AO SISTEMA DE CONCESSO DE NOTAS E CRITRIOS DEJULGAMENTO DE CADA QUESITO: Todos os Julgadores devero obedecer irrestritamenteo sistema de concesso de notas e os critrios de julgamento de cada Quesito, ficando,assim, evidenciado que cada Julgador dever se ater, nica e exclusivamente, s questesinerentes ao seu respectivo Quesito, no se deixando influenciar, em hiptese alguma, pelatotalidade do desfile dessa ou daquela Agremiao e levando em conta, apenas, o realdesempenho e a qualidade do que for apresentado no momento do desfile.4.8. JUSTIFICATIVA DE NOTAS: Todas as notas diferentes de 10 (dez) devero,obrigatoriamente, ser justificadas, por escrito, nos espaos prprios existentes no Cadernode Julgamento. A no justificao das notas diferentes de 10 (dez), por parte do Julgador,implicar no seu afastamento do Corpo de Julgadores, nos prximos desfiles da LIESF.Dever ser evitada a utilizao de adjetivos diferentes nas justificativas de notas de mesmovalor, bem como o uso de termos de difcil entendimento.5. ORIENTAES SOBRE O JULGAMENTO5.1 Preenchimento e entrega do caderno de julgamento: O preenchimento do Original doCaderno de Julgamento s dever ser feito aps o desfile da ltima Agremiao.A partir da, cada Julgador dever: Anotar as notas concedidas a cada Agremiao (notas intermedirias e notas finais), em algarismos e por extenso; Transcrever as justificativas de todas as suas notas, no espao prprio, exceto no caso de ter sido dada nota 10 (dez); Anotar as observaes que se fizerem necessrias, utilizando, para tanto, o espao prprio existente no Caderno de Julgamento; Apor, em letra de imprensa, o seu nome no espao prprio; Assinar no espao prprio; Colocar o Caderno de Julgamento no envelope destinado para tal; Fechar o envelope, aplicando cola em toda a sua aba de fechamento; Aplicar a etiqueta prpria na aba de fechamento; _____________________________________________________________________________________________Av. Governador Gustavo Richard,s/n, sala 01/02, Passarela do Samba Nego Quirido, Centro, Florianpolis/SC CEP 88.010-290 CNPJ 07.697.475/000128 - Fone (48) 32256216 Site: www.liesfsc.com.br e-mail: contato@liesfsc.com.br 5 6. Assinar a etiqueta, no espao prprio, de forma que a assinatura ocupe parte da aba de fechamento e parte do corpo do envelope; Aguardar a presena dos Representantes da PMF/SETUR e da LIESF que recolhero o material e o colocar em malote que ser lacrado.Solicitamos, portanto, o rigoroso cumprimento das orientaes acima, considerando que noser possvel efetuar conferncias sobre a correo do preenchimento, pois, dessa maneira,no se preservaria o sigilo das notas concedidas.5.2. Corpo de JulgadoresPara cada um dos Quesitos em julgamento foram selecionados trs Julgadores, perfazendoum total de 27 (vinte e sete) Julgadores, sem eliminao de notas por sorteio ou qualqueroutro mtodo.A apurao oficial do desfile ser iniciada s 15h do dia 07/03/11 - segunda-feira - com aleitura das notas concedidas.6. QUESITOS EM JULGAMENTO:Nos Desfiles das Escolas de Samba, os Quesitos em Julgamento so os seguintes: Bateria; Samba-Enredo; Harmonia; Evoluo; Enredo; Carros Alegricos e Adereos; Fantasias; Comisso de Frente; Mestre-Sala e Porta-Bandeira.7. SISTEMA DE CONCESSO DE NOTAS:Preliminarmente ressaltamos que os Julgadores estaro avaliando expresses artsticas.Nesse sentido, o julgamento, por si s, remete-nos ao campo da subjetividade - como o dequalquer outro tipo de julgamento - e, obviamente, diferente de uma cincia exata. _____________________________________________________________________________________________Av. Governador Gustavo Richard,s/n, sala 01/02, Passarela do Samba Nego Quirido, Centro, Florianpolis/SC CEP 88.010-290 CNPJ 07.697.475/000128 - Fone (48) 32256216 Site: www.liesfsc.com.br e-mail: contato@liesfsc.com.br 6 7. Cabe lembrar, tambm, que os Julgadores devem se isentar de emoes e de paixes,exercendo, sempre, um distanciamento crtico, como forma de garantir uma avaliaotcnica, com base no entendimento perfeito das diversas partes que integram um Quesito, noque se refere aos seus critrios de julgamento.Assim, os Julgadores no devero levar em conta O nome e/ou a popularidade dessa ou daquela Escola de Samba; O conjunto do desfile dessas ou daquela Escola de Samba, o qual em hiptese alguma poder influenciar o julgamento do seu Quesito especfico; A reao do pblico espectador diante do desfile dessas ou daquela Escola de Samba; A opinio emitida por comentaristas de emissoras de rdio e/ou televiso.Dessa forma, o julgamento deve refletir uma anlise tcnica com base nas questesinerentes a cada Quesito, levando-se em conta, nica e exclusivamente, o real desempenhoe a qualidade do que for apresentado por cada Escola de Samba, no momento do desfile e,enfatizamos, em cada Quesito. fundamental que cada Julgador atenha-se apenas aoQuesito para o qual foi incumbido de analisar.Lembramos que o desempenho de uma Escola de Samba em desfile o resultado real desua competncia artstica, tcnica e administrativa.Passemos, ento, s questes objetivas sobre concesso de notas.Cada Julgador conceder, para cada Escola de Samba, notas de sete a dez pontos,esclarecendo-se que: Sero admitidas as seguintes notas fracionadas em dcimos de ponto, ou seja, 7,00 (sete) pontos; 7,1 (sete vrgula um) pontos; 7,2 (sete vrgula dois) pontos;... at ... 9,9 (nove vrgula nove) e 10,0 (dez) pontos; S sero admitidas notas 0 (zero) na hiptese de alguma Escola de Samba deixar de apresentar o Quesito em julgamento; Em caso de rasura no Mapa de Notas, o Julgador dever esclarecer a nota no espao reservado para tal fim, ou seja, no campo denominado de "Observaes". Conforme poder ser observado nos Critrios de Julgamento, haver diferena na forma de concesso de notas para o Quesito "Samba-Enredo", pois neste Quesito, a nota ser concedida atravs do sistema de pontuao por "sub-quesitos". Os Julgadores do referido Quesito devero, ento, fazer o somatrio das notas _____________________________________________________________________________________________Av. Governador Gustavo Richard,s/n, sala 01/02, Passarela do Samba Nego Quirido, Centro, Florianpolis/SC CEP 88.010-290 CNPJ 07.697.475/000128 - Fone (48) 32256216 Site: www.liesfsc.com.br e-mail: contato@liesfsc.com.br 7 8. concedidas para os dois "sub-quesitos" e s lanar no Mapa definitivo de notas o resultado desse somatrio. Cabe lembrar que nas justificativas de notas do mesmo quesito (Samba-Enredo), os Julgadores devero esclarecer como foi o desempenho das Escolas nos dois "sub- quesitos". Informamos, tambm, que para os demais Quesitos no haver o sistema de concesso de notas atravs de "sub-quesitos". No sentido amplo da palavra, penalizar corresponde a uma diminuio de pontos, a critrio do Julgador. Portanto, quando entender ser cabvel a aplicao da pena, consequentemente, no poder o Julgador de o Quesito conceder nota mxima Escola penalizada.8. Mapa de NotasRelembrando que todas as notas diferentes de 10 (dez) devero, obrigatoriamente, serjustificadas nos campos existentes para tal fim no Mapa de Notas, explicando, inclusive, omotivo que porventura tenha levado perda de pontos e o respectivo valor desta perda paracada penalidade imposta.Enfatizamos, tambm, que o contedo do Caderno de Julgamento no dever ser revelado aningum at o resultado final da apurao, como forma de se resguardar o sigilo e a lisura dojulgamento.9. CRITRIOS DE JULGAMENTO DOS QUESITOSEm Florianpolis, antes do incio do desfile de cada agremiao, comum aDiretoria de cada Escola de Samba saudar o pblico. Neste caso, o Julgador nodever considerar este fato para efeito do julgamento mesmo que esta saudaoocorra j tendo sido disparado o cronmetro.10. QUESITO BATERIAA bateria o corao de uma agremiao, que sustenta com vigor a cadnciaindispensvel para o desenvolvimento do desfile, e tem como propriedade servi...</p>