trecho do livro transforme seu filho até sexta

Download Trecho do livro Transforme seu filho até sexta

Post on 31-Mar-2016

212 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Lanamento da Editora Mundo Cristo

TRANSCRIPT

  • S E G U N D A - F E I R A

    De onde eles vieram?

    Por que seus filhos fazem o que fazem...e continuam fazendo?

    Sua reao tem muito a ver com isso.

    Matthew, de 4 anos, estava de mau humor. Sua me percebeu assimque o pegou na pr-escola. Tudo o que ele queria era discutir com ela.Ento ele liberou o chutador impulsivo no banco de trs, enquantovoltavam para casa e gritou: Eu te odeio!

    Se voc fosse pai ou me dele, como reagiria?Voc poderia:

    1. Repreender a criana com a mesma veemncia.2. Ignorar a criana e fingir que ela no existe.3. Tentar alguma coisa nova e revolucionria que cortasse esse tipo

    de comportamento pela raiz... para sempre.

    Que opo voc preferiria?Se voc respondesse com a mesma veemncia, ambos sairiam do

    carro se sentindo pssimos e de mau humor. E o que aconteceria nofinal das contas? Voc se sentiria pssimo pelo resto do dia. Seu filhoiria para o quarto e ficaria de cara feia. Um ou os dois finalmenteacabariam pedindo desculpas (provavelmente voc primeiro, j quesua culpa paterna prevaleceria; e tambm, por se sentir mal por perdero controle da situao, voc provavelmente acabaria ministrando umaboa dose de ameaas).

    Transforme seu filho - PROVA5.p65 21/5/2009, 16:5722

  • De onde eles vieram? 23

    Se voc ignorasse a criana e fingisse que ela no existe, poderiafuncionar por um tempo at que ele precisasse de voc. Com umacriana de 4 anos, demora cerca de 4,9 segundos at que ela precisepegar alguma coisa na casa (como o leite na prateleira de cima dageladeira). O problema que se voc no fizer nada quanto a essecomportamento, vai passar o resto do dia fumegando por baixo dasuperfcie... e chutando o cachorro.

    Essa me decidiu ir ao fundo da questo e fazer algo revolucionrio.Ela estava muito nervosa; perguntava-se se realmente funcionaria. Elatinha lido todos os livros sobre disciplina e tentado vrios mtodos.Nenhuma das outras tcnicas funcionara. E Matthew estava, bem, setornando uma peste. Ela no conseguia acreditar que estava pensandoisso de seu prprio filho, mas era verdade.

    Ela suspirou. Tempos de desespero exigem medidas desesperadas. Essanova tcnica da qual ouvira falar fazia muito sentido. Tinha funciona-do com trs amigas suas. Segundo elas, s era preciso levantar-se e serme, usando consistncia e persistncia em suas prprias aes, e novoltar atrs. Ela sabia que essa seria a parte mais difcil. Ela era covardequando se tratava de Matthew. Quando o menino virava aqueles olhosgrandes, azuis e lacrimejantes para ela, sempre conseguia o que queria.

    Porm, hoje as coisas iam mudar, decidiu. Ela faria todo o esforoem relao quele novo mtodo. Era preciso fazer alguma coisa.Matthew estava deixando-a louca. Na semana anterior ele tivera umataque de raiva no shopping; mordera a filha da vizinha quando ela noquis lhe dar o brinquedo que ele queria; e a escola a alertara de queprecisava fazer alguma coisa quanto ao comportamento agressivo deMatthew em relao a seus colegas.

    Assim que chegaram em casa, a me no disse uma palavra. Cuidoude seus afazeres, tirando as sacolas de compras do carro. Depois dealguns minutos, Matthew vagueava pela cozinha. Geralmente biscoi-tos de chocolate e leite esperavam por ele ali. Era seu lanche rotineirodepois da escola.

    Transforme seu filho - PROVA5.p65 21/5/2009, 16:5723

  • 24 Transforme seu filho at sexta

    Mame, onde esto meus biscoitos e meu leite? ele perguntou,olhando para o lugar usual no balco da cozinha.

    No vamos comer biscoitos e tomar leite hoje, disse ela, comnaturalidade. Ento virou as costas para a criana que a pressionara odia todo e foi para outro cmodo.

    Matthew teria dito a si mesmo: Bem, acho que hoje vamos ter de nosvirar sem o lanche? No, porque crianas so seres de hbitos. Ento oque Matthew fez? Seguiu sua me at o outro cmodo.

    Mame, no estou entendendo. Sem-pre comemos biscoitos e tomamos leitedepois da escola.

    A me olhou em seus olhos e disse:A mame no est com vontade de

    lhe dar biscoitos e leite hoje. Ento vi-rou-se e foi para outro cmodo.

    A essa altura, Matthew estava parecen-do um zagueiro de time de futebol no domingo tarde lutandopara evitar o gol. Ele seguiu sua me para o cmodo seguinte. Mas,mame, isso nunca aconteceu antes. Havia pnico em sua voz. Eleestava comeando a tremer. No entendo.

    A me agora sabia que Matthew estava pronto para ouvir o que elatinha a dizer. Era o momento instrutivo: o momento em que a realida-de entra na histria e tem um impacto sobre a cabea e o corao dacriana. a hora em que o pai ou me do criana a informaodireta.

    No vamos ter leite e biscoitos hoje porque a mame no gosta damaneira que voc falou com ela no carro. Mais uma vez, a me sevirou para ir embora.

    Antes de dar trs passos, Matthew se derreteu inteiro. Ele correupara sua me e agarrou sua perna (afinal, ele faz parte do batalho demordedores de calcanhares). Chorava copiosamente. Me desculpe,mame! Me desculpe! Eu no devia ter falado aquilo.

    Mas, mame, isso

    nunca aconteceu antes.

    Havia pnico em sua voz.

    Ele estava comeando a

    tremer. No entendo.

    Transforme seu filho - PROVA5.p65 21/5/2009, 16:5724

  • De onde eles vieram? 25

    Hora de uma nova oportunidade maravilhosa. A me aceitou asdesculpas de Matthew, deu-lhe um abrao e lembrou-o de que oamava. Tambm disse como se sentia por ele ter falado com eladaquela maneira. Trs minutos depois, as coisas tinham se acalma-do, e ela soltou Matthew de seu abrao. E novamente voltou a seusafazeres.

    O que ela ouviu de Matthew ento? Mame, posso comer biscoi-tos e tomar leite agora?

    Era o momento que ela temia. Fortaleceu sua coragem e disse cal-mamente: Querido, eu disse que no. No vai ter leite e biscoitoshoje.

    Matthew ficou atnito. Ele abriu a boca para protestar, mas foiembora tristemente.

    Deixe-me perguntar: esse garotinho vai pensar da prxima vez quedesrespeitar sua me?

    POR QUE O PEQUENO BUFORD SE COMPORTA

    MAL... E SEMPRE SE D BEM?

    Por que ser que ultimamente tantas crianas tendem a insultar seuspais, a agir desrespeitosamente? Por que tantos pais se veem ameaan-do e chantageando, e nunca conseguem nada? O que est havendo?

    As crianas fazem o que fazem porque se safaram uma vez!Isso tem a ver com quem realmente est frente de sua famlia.

    voc ou seu filho? Os pais de hoje geralmente no agem como pais.Esto to preocupados em ser amigos dos filhos, em no traumatiz-los, em ter certeza de que a criana feliz e bem-sucedida que falhamem seu papel mais importante: ser pai. Eles tiram toda a neve daestrada da vida de seus filhos, aplainam os desnveis para que a criananunca se sinta desconfortvel ou mude de rumo. Por que deveria? Acos-tumou-se a ver as coisas sendo feitas para ela. Mame e papai se torna-ram meros serviais, fazendo as vontades das crianas, e no pais, quetm em vista o melhor para a criana no longo prazo.

    Transforme seu filho - PROVA5.p65 21/5/2009, 16:5725

  • 26 Transforme seu filho at sexta

    Os pais atualmente so timos em arrumar desculpas, e tendem ase culpar pelos filhos No consegui que ela fizesse a lio porquetive um jantar de negcios em vez de dar a Csar o que de Csar:

    Minha filha no fez a lio porque es-tava com preguia. Eles passam maistempo alertando e lembrando do queeducando.

    O resultado que as crianas de hojeesto se tornando cada vez mais podero-

    sas. s eu, eu, eu e me d. Elas cada vez se explicam menos e tmmenos responsabilidades na famlia. Para elas, a famlia significa o quevoc pode conseguir e no o que pode dar. Cada vez menos crianashoje consideram os outros antes de si mesmas, porque nunca foramensinadas a pensar assim.

    Cada criana um grande espertinho, com uma estratgia previs-vel. No jogo cotidiano de tentativa e erro criado para extrair o mximode voc, ela se motiva a vencer porque dessa forma voc far tudo o queela quiser. Isso significa que se ela fizer alguma coisa e funcionar, vaitentar de novo. Mas aos poucos a criana aumenta seu esforo. Aoinvs de simplesmente chorar quando no consegue o que quer, vaiacrescentar uma dose de chutes. Se bater a porta faz com que voc saiacorrendo atrs de sua filha adolescente para lhe entregar as chaves do

    carro como ela queria, ela ser mais dra-mtica da prxima vez. Crianas so mes-tres em manipulao. No pense que noo esto manipulando.

    por isso que o comportamento deseu filho tem tudo a ver com voc. Se vocdeixa seu filho vencer, ele ser suficiente-

    mente esperto para repetir esse comportamento da prxima vez. Trans-forme seu filho at sexta foi criado para oferecer-lhe um arsenal completode ferramentas para usar sem precisar matar seu filho. Mas tambm

    As crianas fazem o

    que fazem porque se

    safaram uma vez!

    Crianas so mestres em

    manipulao. No pense

    que no o esto

    manipulando.

    Transforme seu filho - PROVA5.p65 21/5/2009, 16:5726

  • De onde eles vieram? 27

    resultar em algo mais se voc seguir os princpios: sempre ajuda ser opai que se quer ser para ter o tipo de filho que se quer ter.

    Esses princpios funcionam com crianas de 4 anos, de 14 e atcom presidentes de empresas milionrias. Tente e veja funcionar. Osprincpios bsicos podem parecer duros demais, e alguns de vocs po-dem relutar no incio. Mas voc chegou a esse livro porque quer vermudanas em casa, e quer v-las rapidamente. Bem, eu sou esse tipode pessoa. Se voc quiser que eu segure sua mo por um ano e meioenquanto fala sem parar sobre seus problemas, sou a pessoa errada.Mas se voc quer encarar a vida sinceramente e fazer as coisas de mododiferente para o bem de toda a sua famlia, voc escolheu certo. Aspessoas se espantam com as mudanas que acontecem em suas casasem apenas cinco dias. Adolescentes desbocados e rebeldes se tornamquietos, respeitosos e prestativos. Crianas pequenas que grit