Reações Inorgânicas Com Gab ?· As soluções de nitrato de bário e de ácido sulfúrico têm, inicialmente,…

Download Reações Inorgânicas Com Gab ?· As soluções de nitrato de bário e de ácido sulfúrico têm, inicialmente,…

Post on 09-Oct-2018

212 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • 1

    Reaes Inorgnicas Com Gabarito

    1) (FGV - SP) Em 2005, a produo brasileira de cloro (Cl2) e de soda (NaOH) atingiu a ordem de 1,3 milhes de toneladas. Um dos processos mais importantes usados na produo destas substncias baseado na eletrlise da salmoura (soluo saturada de cloreto de sdio), empregando-se uma cuba eletroltica formada por dois compartimentos separados por uma membrana polimrica, semipermevel. Alm do cloro e da soda, forma-se gs hidrognio.

    Reao global: 2NaCl (aq) + 2H2O (l) 2NaOH (aq) + Cl2 (g) + H2 (g)

    A Agncia Nacional de Vigilncia Sanitria estabelece normas rgidas que permitem o emprego de hipoclorito de sdio (NaClO) e do cido hipocloroso (HClO) no tratamento de gua. A produo do hipoclorito de sdio feita borbulhandose gs cloro em uma soluo aquosa de hidrxido de sdio. A reao do processo Cl2 (g) + 2NaOH (aq) NaClO (aq) + NaCl (aq) + H2O (l)

    O cido hipocloroso, cido fraco com constante de dissociao 3 x 108 a 20C, pode ser formado pela reao do cloro e gua: Cl2 (g) + H2O (l) HClO (aq) + HCl (aq)

    Considerando-se a adio do hipoclorito de sdio para o tratamento de gua NaClO (aq) Na+(aq) + ClO(aq) so feitas as seguintes

    afirmaes: I. a soluo formada tem pH maior que 7; II. adicionando-se HCl soluo aquosa de hipoclorito de sdio, pode-se formar Cl2; III. adicionando-se NaOH soluo aquosa de hipoclorito de sdio, ocorre neutralizao da soluo.

    correto apenas o que se afirma em a) I e II. b) I e III. c) II e III. d) II. e) III.

    2) (FGV - SP) Em 2005, a produo brasileira de cloro (Cl2) e de soda (NaOH) atingiu a ordem de 1,3 milhes de toneladas. Um dos processos mais importantes usados na produo destas substncias baseado na eletrlise da salmoura (soluo saturada de cloreto de sdio), empregando-se uma cuba eletroltica formada por dois compartimentos separados por uma membrana polimrica, semipermevel. Alm do cloro e da soda, forma-se gs hidrognio.

    Reao global: 2NaCl (aq) + 2H2O (l) 2NaOH (aq) + Cl2 (g) + H2 (g) A Agncia Nacional de Vigilncia Sanitria estabelece normas rgidas que permitem o emprego de hipoclorito de sdio (NaClO) e do cido hipocloroso (HClO) no tratamento de gua. A produo do hipoclorito de sdio feita borbulhandose gs cloro em uma soluo aquosa de hidrxido de sdio. A reao do processo Cl2 (g) + 2NaOH (aq) NaClO (aq) + NaCl (aq) + H2O (l) O cido hipocloroso, cido fraco com constante de dissociao 3 x 10-8 a 20C, pode ser formado pela reao do cloro e gua: Cl2 (g) + H2O (l) HClO (aq) + HCl (aq)

  • 2

    Em relao ao processo eletroltico para a produo de cloro e soda, correto afirmar que: a) os ons Na+ e as molculas de H2O migram atravs da membrana na direo do anodo. b) forma-se gs hidrognio no catodo e gs cloro no anodo. c) no catodo, formado o gs cloro atravs do recebimento de eltrons. e) os eltrons migram, atravs de contato eltrico externo, do plo negativo para o plo positivo da clula. e) para cada mol de gs hidrognio formado, necessrio

    um mol de eltrons.

    3) (FUVEST) Foi realizado o seguinte experimento, em quatro etapas: I) Em um copo de vidro, contendo alguns pregos de ferro lixados, foi colocada uma soluo de tintura de iodo (iodo em soluo de gua e lcool comum, de cor castanho-avermelhada), em quantidade suficiente para cobrir os pregos. Depois de algumas horas, observou-se descolorao da soluo. II) A soluo descolorida foi despejada em um outro copo, separando-se-a dos pregos. III) soluo descolorida, foram adicionadas algumas gotas de gua sanitria (soluo aquosa de hipoclorito de sdio, cujo pH maior que 7). Observou-se o reaparecimento imediato da cor castanho-avermelhada e formao de um precipitado. IV) Adicionaram-se, mistura heterognea obtida em III, algumas gotas de cido clordrico concentrado. A soluo continuou castanho-avermelhada, mas o precipitado foi dissolvido. a) Escreva a equao qumica balanceada para a reao que ocorre na etapa I. b) Quais os produtos das transformaes que ocorrem na etapa III? c) Escreva a equao qumica balanceada para a reao que ocorre na etapa IV. Observaes: Hipoclorito, ClO, um oxidante que se reduz a cloreto, Cl, em meio aquoso. O precipitado da etapa III envolve o ction formado na etapa I. Na tintura de iodo, o lcool est presente apenas para aumentar a solubilidade do iodo. 4) (Fuvest) A 100mL de soluo aquosa de nitrato de brio, adicionaram-se, gota a gota, 200mL de soluo aquosa de cido sulfrico. As solues de nitrato de brio e de cido sulfrico tm, inicialmente, a mesma concentrao, em mol/L. Entre os grficos abaixo, um deles mostra corretamente o que acontece com as concentraes dos ons Ba2+ e NO3 durante o experimento. Esse grfico

    5) (PUC - SP) Dado: colorao do indicador azul de bromotimol

    pH < 6 soluo amarela 6 < pH < 8 soluo verde pH > 8 soluo azul Em um bquer foram colocados 20,0mL de soluo aquosa de hidrxido de sdio (NaOH) de concentrao 0,10mol/L e algumas gotas do indicador azul de bromotimol. Com auxlio de uma bureta foram adicionados 20,0mL de uma soluo aquosa de cido sulfrico (H2SO4) de concentrao 0,10mol/L. A cada alquota de 1,0mL adicionada, a mistura resultante era homogeneizada e a condutibilidade da soluo era verificada atravs de um sistema bastante simples e comum em laboratrios de ensino mdio. Uma lmpada presente no sistema acende quando em contato com um material condutor, como gua do mar ou metais, e no acende em contato com materiais isolantes, como gua destilada, madeira ou vidro. A respeito do experimento correto afirmar que a) aps a adio de 10,0mL da soluo de H2SO4, a soluo apresenta colorao azul e a lmpada acende. b) aps a adio de 10,0mL da soluo de H2SO4, a soluo apresenta colorao verde e a lmpada no acende.

  • 3

    c) aps a adio de 12,0mL da soluo de H2SO4, a soluo apresenta colorao azul e a lmpada acende. d) aps a adio de 12,0mL da soluo de H2SO4, a soluo apresenta colorao amarela e a lmpada acende. e) aps a adio de 20,0mL da soluo de H2SO4, a soluo apresenta colorao verde e a lmpada no acende. 6) (Vunesp) O sulfato de brio (BaSO4) um sal muito pouco solvel. Suspenses desse sal so comumente utilizadas como contraste em exames radiolgicos do sistema digestivo. importantssimo que no ocorra dissoluo de ons brio, Ba2+, no estmago. Estes ons so extremamente txicos, podendo levar morte. No primeiro semestre de 2003, vrios pacientes brasileiros morreram aps a ingesto de um produto que estava contaminado por carbonato de brio (BaCO3), em uma proporo de 13,1% em massa. O carbonato de brio reage com o cido clordrico (HCl) presente no estmago humano, produzindo cloreto de brio (BaCl2) que, sendo solvel, libera ons Ba2+ que podem passar para a corrente sangnea, intoxicando o paciente.

    a) Escreva a equao qumica que representa a reao que ocorre no estmago quando o carbonato de brio ingerido. b) Sabendo que o preparado uma suspenso 100% em massa do slido por volume da mesma e que cada dose de 150mL, calcule a massa de ons Ba2+ resultante da dissoluo do carbonato de brio na ingesto de uma dose do preparado contaminado. Massas molares, em g mol1: brio = 137,3; carbono = 12,0; oxignio = 16,0. 7) (Vunesp) Nas estaes de tratamento de gua, uma das etapas do tratamento para obteno de gua potvel consiste na eliminao das impurezas que se encontram em suspenso. Isto feito produzindo-se hidrxido de alumnio e sulfato de clcio na superfcie da gua a ser tratada. O hidrxido de alumnio atua como floculante, arrastando consigo as impurezas slidas para o fundo do tanque de decantao. Com base nas informaes fornecidas, os compostos utilizados nas estaes de tratamento de gua so: A) AlCl3 e NaOH. B) Al(NO3) 3 e KOH. C) Al2 (SO4) 3 e KOH. D) Al2 (SO4) 3 e Na2CO3. E) Al2(SO4) 3 e Ca(HCO3)2. 8) (FUVEST) O fluxograma abaixo representa um processo para a produo de magnsio metlico a partir dos ons Mg2+ dissolvidos na gua do mar.

    a) Preencha a tabela na resoluo (abaixo) com as frmulas qumicas das substncias que foram representadas, no fluxograma, pelas letras A, B, C e D.

    Substncia A B C D

    Frmula qumica

    b) Escreva as duas semirreaes que representam a eletrlise gnea do MgCl2, identificando qual a de oxidao e qual a de reduo. c) Escreva a equao qumica que representa um mtodo, economicamente vivel, de produzir a substncia A. 9) (FUVEST) Determinou-se o nmero de molculas de gua de hidratao (x) por molcula de cido oxlico hidratado (H2C2O4 xH2O), que um cido dicarboxlico. Para isso, foram preparados 250mL de uma soluo aquosa, contendo 5,04g de cido oxlico hidratado. Em seguida, 25,0mL dessa soluo foram neutralizados com 16,0mL de uma soluo de hidrxido de sdio, de concentrao 0,500mol/L. a) Calcule a concentrao, em mol/L, da soluo aquosa de cido oxlico. b) Calcule o valor de x. Dados:

    Massas molares (g/mol)

    H 1

  • 4

    C 12

    O 16

    10) (FUVEST) A aparelhagem, representada na figura, permite produzir acetileno(etino), a partir de carbeto de clcio (CaC2), por reao com gua, utilizando-se, em seguida, o acetileno para produzir benzeno. Essa ltima reao ocorre usando-se ferro como catalisador, sob aquecimento.

    a) A primeira etapa desse processo consiste na reao de carbeto de clcio com gua. Escreva a equao qumica balanceada que representa essa transformao. b) A segunda etapa desse processo consiste na transformao catalisada de acetileno em benzeno. Escreva a equao qumica balanceada dessa reao. c) Para a produo de benzeno, a partir de carbeto de clcio, utilizando a aparelhagem acima, que substncias devem ser colocadas, quais se formam ou so recolhidas nas partes A, B, C, D e E da figura? Responda, preenchendo a tabela da folha de respostas. Dados:estados fsicos nas condies ambientes acetileno ....................... gs benzeno ........................ lquido 11) (ITA) Um frasco contm uma soluo aquosa de brometo de sdio e outro frasco, uma soluo aquosa de cido clordrico saturada nos gases componentes do ar