virtudes e defeitos

Download Virtudes e defeitos

Post on 16-Apr-2017

4.653 views

Category:

Documents

6 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • 22-10-2013Luzia

  • notvel como conseguimos ver, todos os dias, a todos os instantes, os defeitos alheios.Dificilmente encontraremos algum que no se mostre propenso a apontar erros e absurdos dos outros.Muitos casamentos acabam porque marido e mulher passam a ver tanto os defeitos um do outro, que se esquecem que se uniram porque acreditavam se amar.

  • Amigos de infncia, certo dia, se surpreendem a descobrir falhas de carter um no outro. Desencantados se afastam, perdendo o tesouro precioso da amizade.Colegas de trabalho culpam o outro por falhas que, em verdade, em muitos casos, da equipe como um todo.

  • Foi observando esse quadro que algum escreveu que os homens caminham pela face da Terra em fila indiana, cada um carregando uma sacola na frente e outra atrs.Na sacola da frente, esto colocadas as qualidades positivas, as virtudes de cada um. Na sacola de trs so guardados todos os defeitos, as paixes, as ms qualidades do Esprito.

  • Por isso, durante a jornada pela vida, mantemos os olhos fixos nas virtudes que possumos presas em nosso peito.Ao mesmo tempo, reparamos de forma impiedosa, nas costas do companheiro que est frente, todos os defeitos que ele possui.Assim nos julgamos melhores que ele, sem perceber que a pessoa andando atrs de ns, est pensando a mesma coisa a nosso respeito.

  • A imagem significativa e nos remete reflexo. Talvez seja muito importante que saiamos da fila indiana e passemos a andar ao lado do outro.E, no relacionamento familiar, profissional, social em geral, que nos coloquemos de frente um para o outro. A veremos as virtudes nossas, que devem ser trabalhadas, para crescerem mais e tambm as virtudes do outro.

  • Com certeza nos surpreenderemos com as descobertas que faremos.Haveremos de encontrar colegas de trabalho que supnhamos orgulhosos, como profissionais conscientes, dispostos a estender as mos e laborar em equipe.Irmos que acreditvamos extremamente egostas, com capacidade de ceder o que possuam, a bem dos demais membros da famlia.

  • Pais e mes que eram tidos como distantes, em verdade estarem vidos por um dilogo aberto e amigo.Esposos e esposas que cultivavam amarguras, encontrarem um novo motivo para estarem juntos, redescobrindo os encantos dos dias primeiros do namoro.

  • No esqueamos de que se desejamos que o bem cresa e aparea, devemos divulg-lo sempre.Falar bem fazer o bem. Apontar o belo auxiliar outros a verem a beleza.FORMATAO: LUZIA GABRIELETEXTO: GILBERTO NUCCIEMAIL: luziagabriele@hotmail.comIMAGENS: MAXMSICA: RICHARD CLAYDERMAN TIME AFTER TIMEDATA: 22 DE OUTUBRO DE 2013http://www.mensagensvirtuais.com.brhttp://www.mensagensvirtuais.com.br