vidros e esquadrias

Download Vidros e esquadrias

Post on 02-Jul-2015

1.427 views

Category:

Education

1 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Vidros e esquadrias

TRANSCRIPT

  • 1. 2004

2. ndice 1. PORTAS E JANELAS...................................................................................... 3 1.1. Tipos de esquadrias..........................................................................................................3 1.1.1. Esquadrias de madeira.................................................................................................4 1.1.2. Esquadrias metlicas....................................................................................................4 1.1.3. Esquadrias de PVC.......................................................................................................4 1.1.4. Esquadrias de alumnio................................................................................................5 1.2. Tipos de portas e janelas .................................................................................................5 1.2.1. Portas e janelas de correr ............................................................................................6 1.2.2. Portas e janelas de abrir ..............................................................................................6 1.2.3. Janela maxim ar ou projetante deslizante..................................................................6 1.2.4. Janela projetante ..........................................................................................................7 1.2.5. Janela gilhotina.............................................................................................................7 1.2.6. Janela basculante..........................................................................................................7 1.2.7. Janela pivotante (horizontal ou vertical)....................................................................8 1.2.8. Janela de tombar ..........................................................................................................8 2. VIDROS.............................................................................................................. 9 2.1. Vidros especiais..............................................................................................................10 2.2. Vidros fantasia ou impressos ........................................................................................10 2.3. Vidros de segurana.......................................................................................................11 2.3.1. Vidro temperado.........................................................................................................11 2.3.2. Vidro laminado ...........................................................................................................12 2.3.3. Vidro aramado............................................................................................................13 3. GLOSSRIO DE TERMOS TCNICOS (extrado do Manual Tcnico de caixilhos / janelas).................................................................................................. 15 4. QUESTES DE CONCURSOS..................................................................... 16 5. REFERNCIAS BIBLIOGRFICAS .......................................................... 18 Angelo Just da Costa e Silva 2 3. Este mdulo trata das aberturas existentes numa edificao, de modo que aborda os aspectos importantes referentes s esquadrias, seus principais materiais componentes utilizados, tipos de aberturas e caractersticas intrnsecas de cada uma. E dentre os elementos presentes nas aberturas, so apresentados detalhes importantes no tocante aos vidros, desde o processo de fabricao, os tipos e caractersticas mais importantes, e cuidados recomendados para a aplicao. 1. PORTAS E JANELAS Em complemento ao fechamento de uma edificao, fundamental a existncia de aberturas cujas funes so das mais diversas: permitir o acesso s reas externas das edificaes; promover contato visual com o ambiente exterior; facilitar a entrada de iluminao natural, a fim de reduzir o consumo energtico do ambiente; propiciar a ventilao ou troca de ar com o ambiente externo, aumentando, com isso, o conforto trmico, alm de tornar o ambiente mais higienizado. As aberturas podem ocorrer por meio de portas, janelas, vos vazados, ou qualquer tipo de elemento que permita o cumprimento das funes anteriormente relacionadas. O uso de portas e janelas tem o objetivo de proporcionar maior segurana ao usurio, alm de permitir o controle adequado de contato com o ambiente externo (ventilao, iluminao). Com base nas funes a serem exercidas pelas aberturas em uma edificao, pode-se listar os requisitos de desempenho aos quais as portas e janelas devem atender: Segurana: est relacionada com o comportamento mecnico do elemento, isto , sua susceptibilidade ocorrncia de quebras ou arrombamentos, e tambm o seu comportamento ou resistncia ao fogo. Alguns das avaliaes relacionadas com esse requisito so: resistncia aos esforos de uso, resistncia a cargas de vento, manuteno; Habitabilidade: trata-se de um conceito bastante amplo, que aborda aspectos referentes funcionalidade do elemento associados com o seu comportamento em uso. Algumas das avaliaes importantes relacionadas so: facilidade de manuseio, estanqueidade gua de chuva, ar, insetos e poeiras, iluminao, ventilao, isolao trmica e sonora (muito atrelados ao vidro, especialmente forma de fixao); Durabilidade: revela a conservao das caractersticas e propriedades originais e de manuteno do componente mesmo aps tempo prolongado em uso. Os componentes presentes em portas e janelas so as esquadrias, os acessrios e os vidros. As caractersticas de cada tipo de abertura depende basicamente das propriedades relacionadas com estes elementos, especialmente as esquadrias e os vidros, os quais esto abordados em detalhe nos itens seguintes. Quanto aos acessrios, no item 4.0 apresentado um glossrio extrado do Manual Tcnico de Caixilhos e janelas, da ABCI (Associao Brasileira de Construo Industrializada), o qual pode servir de referncia para conhecimento dos diversos termos tcnicos utilizados neste sistema da edificao. 1.1. Tipos de esquadrias So vrios os tipos de materiais utilizados para a composio das esquadrias, tais como madeira, ferro, alumnio, PVC, entre outros. Angelo Just da Costa e Silva 3 4. 1.1.1. Esquadrias de madeira A madeira representa o primeiro tipo de material utilizado como componente para a fabricao das esquadrias, sendo, portanto, muito observada nas edificaes histricas mais antigas. Com o decorrer do tempo e o surgimento de materiais alternativos, a madeira perdeu parcela significativa de mercado, o que vem sendo retomado atualmente devido evoluo no seu processo de produo, possibilitando a disponibilidade de grande variedade de modelos com desempenho compatvel com as exigncias do mercado. Algumas das madeiras normalmente utilizadas so a imbuia, o mogno, o angico, a jatob, entre outras. Normalmente, as esquadrias de madeira so entregues na obra j montadas, com travamentos de proteo entre as folhas e fechos, devendo ser chumbadas s alvenarias por meio de pregos ou grapas, ou ainda fixados em contramarcos previamente colocados na parede. Dentre as vantagens relacionadas com este tipo de esquadria em relao s demais pode-se citar o custo mais acessvel, facilidade de execuo e de montagem, e como desvantagens encontra-se a durabilidade e a segurana. 1.1.2. Esquadrias metlicas Os componentes metlicos tambm representam uma tecnologia antiga para a fabricao de esquadrias, advinda desde meados do sculo 19, quando se utilizavam perfis de ferro laminado preparados e ajustados em pequenas serralharias. As esquadrias metlicas atualmente utilizadas para a confeco de esquadrias so de ao, mineral constitudo essencialmente de ferro e carbono, com pequenas quantidades de mangans, fsforo, enxofre ou silcio. Para reduzir a possibilidade de ocorrncia de corroso, as ligas so compostas tambm com cobre, e as esquadrias podem receber ainda revestimento superficial com camada microscpica de zinco (ao galvanizado), que atua como barreira de isolamento e como ctodo de sacrifcio, ou seja, oxida-se em lugar do ao. As esquadrias metlicas so tambm entregues na obra prontas para o assentamento, devendo-se ter muito cuidado no tocante ao contato dos perfis com argamassa, a qual deve ser removida preferencialmente sem o auxlio de esptulas ou lixas grossas que possam danificar a proteo superficial. Alm disso, no se deve expor este tipo de esquadria a cidos, os quais podem reagir quimicamente com o ao, mesmo protegido, deteriorando o material. A instalao , em geral, realizada em vo rigorosamente esquadrejado, o que pode ser obtido por meio da utilizao de gabaritos ou contramarcos pr fixados na alvenaria. O peso elevado destas esquadrias, que dificulta a sua adequada instalao, e a necessidade de contnua manuteno preventiva quanto ocorrncia de corroso so os principais pontos negativos relacionados com este tipo de componente, o que pode ser compensado pelo seu bom desempenho quanto segurana, e tambm o seu efeito esttico. 1.1.3. Esquadrias de PVC Trata-se de uma tecnologia moderna utilizada para a fabricao das esquadrias. Conforme ilustra a figura 1.1., o composto de PVC (policloreto de vinila) utilizado para esta finalidade deve ser obtido a partir de uma mistura ntima entre o etileno, cuja matria prima o petrleo, e o cloro. A resina de PVC formada nesta mistura recebe uma incorporao de aditivos especiais necessrios para o atendimento de requisitos de desempenho importantes para o produto, tais como resistncia ao intemperismo, rigidez e resistncia mecnica. Angelo Just da Costa e Silva 4 5. As esquadrias de PVC possuem uma cmara interior oca que preenchida com perfis metlicos de ao galvanizado, reforando a estrutura quanto aos esforos mecnicos. Petrleo nafta gasolina gs ETILENO Sal (NaCl) + gua CLORO PVC destilao craqueamento (separao de lquidos) (separao trmica) eletrlise corrente eltrica Composto de PVC aditivos Propriedades especiais: res.a radiaes solar