vargas (1930-1945)

Download VARGAS (1930-1945)

Post on 03-Jul-2015

4.518 views

Category:

Education

2 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • 1. Getlio, qual deles?

2. Ocorreu no contexto da crise cafeeira /perodo entre- guerrasRompimento do acordo poltico conhecido como poltica do caf-com-leiteA crise favoreceu a formao de alianas: Aliana Liberal(RS, MG e PB )Eleio presidencial vencida por Jlio Prestes (PRP) queconcorreu com Getlio Vargas e o vice Joo Pessoa. 3. O assassinato de Joo Pessoa e as denncias de fraudes desencadearam a revoluo no RS, liderada por Vargas.O ento presidente Washington Lus tirado do poder e assume Getlio Vargas.Faamos a revoluo antes que o povo a faado governador mineiro Antnio Carlos. 4. Aps a tomada de poder, Vargas procurou equilbrio nopoder, atendendo as vrias tendncias: oligarquiastradicionais e os tenentes reformistas. O novo presidente governaria por meio dosdecreto-leis, j que todos os rgos legislativos foramdissolvidos. Foram nomeados interventores para os Estados e aUnio passou a dispor de dois novos ministrios: o doTrabalho, Indstria e Comrcio, e o de Educao eSade. 5. As oligarquias paulistas tentam retomar o poder noMovimento Constitucionalista de 1932 mas so derrotados porque os outros estados no aderiram ao movimento.A Revoluo Constitucionalista lana a campanha pelaimediata convocao de uma Assemblia Constituinte e o fim das intervenes nos Estados. 6. Voto direto e secretoConfirmado o direito de voto e candidatura femininaContinuavam excludos analfabetos, mendigos, militaresde baixa patenteReconhecimento de direitos trabalhistas: salriomnimo, jornada de trabalho de 8horas, proibio dotrabalho de menores at 14 anos, frias anuaisremuneradas, indenizao na demisso sem justa causaNacionalismo econmico: proteo das riquezas naturaisdo pasEstabeleceu a prxima eleio para presidente comoindireta: Getlio foi eleito 7. INTEGRALISTASclero, oficiais da Foras Armadas,empresrios, profissionais liberaistendncia fascistaLder: Plnio Salgado AIB Ao Integralista Brasileira 8. ALIANCISTASsocialistas, comunistas, sociais democratasdefendiam a reforma agrria, liberdade individual,no pagamento da dvida externa, nacionalizaodas empresas estrangeiras.Lder Lus Carlos Prestes ANLAliana Nacional Libertadora Organizaram em 1935 aIntentona Comunistarapidamente contida pelasforas do governo. 9. A Constituio de 1934 previa eleies presidenciaisem 1938. Antecipando-se eleio, Vargas cerca oCongresso Nacional e impe o fechamento doLegislativo. Em 10 de novembro de 1937 desfechou ogolpe. Com apoio incondicional dos Generais Gis Monteiro,Chefe do Estado-Maior do Exrcito, e Eurico GasparDutra, Ministro da Guerra, Getlio Vargas, sobalegao de que o Pas estava na iminncia de sercontrolado pelos comunistas, conseguiu a decretao,mais uma vez, no Congresso, do "estado de guerra. 10. Uma nova Constituio imposta em 1937 : a POLACA Foi decretado o estado de emergncia permitindo ao governo invadircasas, prender pessoas, exilar opositores. A Carta de 1937 teve como principal autor Francisco Campos ecaracterizou-se pelo predomnio do poder Executivo, considerado o"rgo supremo do Estado", usurpando at as prerrogativas doLegislativo. Vargas criou o DIP Departamento de Imprensa e Propaganda As eleies democrticasforam suspensas,ospartidospolticos foramextintos, inclusive a AIB. 11. Departamento de Imprensa e Propaganda 12. Em 1943 reuniu as leis trabalhistas na CLT Consolidaodas Leis do Trabalho que beneficiava apenas trabalhadoresurbanos, excluindo os rurais. Fundou empresas para garantir a indstria de base:Companhia Vale do Rio Doce, Companhia SiderrgicaNacional, a Companhia Hidreltrica de Paulo Afonso e aFbrica Nacional de Motores (FNM) Reorganizou a produo cafeeira e diversificou a produoagrcola Vargas alia-se aos Estados Unidos durante a SegundaGuerra Mundial, 13. Investimentos no setor industrial: indstrias de base (ao e minrios-matria-primapara as ind. De bens de consumo). Primeiras Indstrias Estatais:CSN (1941) Companhia Vale do Rio Doce (1942) PETROBRS (1953) 14. Investiu na imagem de Pai dos pobresFoi marcante seu estilo populista:concede aos trabalhadores urbanosalguns benefcios para obter apoioda populao e passa a ser chamadocarinhosamente depaidospobres.A outra face do governo de Getliomostrava seu carter autoritrio,que limitava seriamente aparticipao dos brasileiros noprocesso poltico, impunhaacensura, restringia a liberdadecontrolando severamenteossindicatos (pelegos), reprimia comdureza os opositores.. 15. Livros didticos 16. Brasil na Segunda Guerra Entrada em 1943. Apesar de sersimptico ao fascismo,Vargas apia osAliados presso dosEUA. Criao da FEB (ForaExpedicionriaBrasileira). Americanos instalambase area em Natal(RN) 17. As primeiras contestaes populares ao poderde Vargas surgiram quando o ditador se viuconstrangido a participar diretamente daSegunda Guerra Mundial ao lado dos Aliados,contra o Eixo nazi-fascista.A partir de 1944, mais de 25 mil soldadosintegrantes da Fora Expedicionria Brasileira(FEB) foram combater na Europa. Vargas utilizou o estado de guerra contra o Eixo para permanecer no cargo mas as presses contra o presidente cresciam. 18. Percebendo que a derrota dos ditadores fascistas na Segunda GuerraMundial criou uma onda democrtica e elevou o prestgio dos militaresdas Foras Armadas, Vargas tomou algumas medidas como: marcareleio presidencial, anistiar presos e exilados polticos, liberar aformao de partidos polticos.Getlio participou diretamente da criao doPartido Social Democrata (PSD), lanando ogeneral Eurico Gaspar Dutra como candidato.Criou ainda o Partido Trabalhista Brasileiro (PTB)com o objetivo de lanar sua prpria candidatura.No total, doze partidos foram organizados,inclusive o Partido Comunista Brasileiro (PCB) quevoltou legalidade.Os principais adversrios polticos de Vargas reuniram-se e formaram aUnio Democrtica Nacional (UDN), um partido que aproximou polticos eintelectuais que defendiam o fim da ditadura. 19. Nos meses queantecederam aseleies, marcadaspara 2 de dezembro de 1945, GetlioVargas demonstrou ainteno depermanecer no poder estimulando o Queremismo, ummovimento popular que reivindicava sua candidatura naseleies. Na tarde de 29 de outubro, lderes do Exrcito cercaram o palcio do Catete, sede do governo, exigindo a renncia do presidente.