ubuntu 12.04

Download ubuntu 12.04

Post on 31-Jul-2015

106 views

Category:

Documents

7 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

apostila em pt do ubuntu 12

TRANSCRIPT

INTRODUOEm 1985, Stallman publicou o manifesto GNU, que delineou sua motivao para criar um sistema livre chamado GNU, que seria compatvel com Unix. Logo aps, incorporou a fundao livre FSF (Fundao do Software Livre) para empregar programadores livres do software e para fornecer um infra-estrutura legal para a comunidade livre.

Richard StallmanNeste momento, muito do sistema GNU estava completo com a notvel exceo do ncleo Os membros do projeto de GNU comearam o desenvolvimento de um ncleo chamado GNU Hurd, em 1990, mas uma deciso arriscada de design foi escolhida, o que torna o Hurd extremamente complicado. Produzindo as ferramentas de software necessrias para escrever software, e publicando uma licena geral que poderia ser aplicada a todo o projeto do software (GPL), Stallman permitiu que outros escrevessem software livres, independente do projeto GNU. Em 1991, um projeto independente iniciado pelo estudante finlands Linus Torvalds produziu o Linux. Fortuitamente o projeto podia ser combinado com os softwares existentes GNU para fazer um sistema operacional completo. O ncleo Linux foi, originalmente, escrito por LinuxTorvalds

do Departamento de Cincia da Computao da Universidade de Helsinki, Finlndia, com a ajuda de vrios programadores voluntrios atravs da Usenet (uma espcie de sistema de listas de discusso existente desde os primrdios da Internet).Linux Torvalds comeou o desenvolvimento do ncleo

Linus Torvalds

como um projeto particular, inspirado pelo seu interesse no Linux Torvalds Minix, um pequeno sistema UNIX desenvolvido por Andrew S. Tanenbaum. Ele limitou-se a criar, nas suas prprias palavras, "um Minix melhor que o Minix" ("a better Minix than Minix"). E depois de algum tempo de trabalho no projeto, sozinho, enviou a seguinte mensagem para comp.os.minix:

Curiosamente, o nome Linux foi criado por Ari Lemmke, administrador do site ftp.funet.fi que deu esse nome ao diretrio FTP onde o ncleo Linux estava inicialmente disponvel.[4] (Linus tinha-o batizado como "Freax", inicialmente)[5] No dia 5 de outubro de 1991 Linus Torvalds anunciou a primeira verso "oficial" do ncleo Linux, verso 0.02. Desde ento muitos programadores tm respondido ao seu chamado, e tm ajudado a fazer do Linux o sistema operacional que hoje. No incio era utilizado por programadores ou s por quem tinha conhecimentos, usavam linhas de comando. Hoje isso mudou, existem diversas empresas que criam os ambientes grficos, as distribuies cada vez mais amigveis de forma que uma pessoa com poucos conhecimentos consegue usar o Linux. Hoje o Linux um sistema estvel e consegue reconhecer muitos perifricos sem a necessidade de se instalar os drivers de som, vdeo, modem, rede, entre outro O projeto KDE foi iniciado em outubro de 1996 pelo programador alemo Matthias Ettrich, que buscava criar uma interface grfica unificada e livre para sistemas tipo Unix. No incio, buscou sua inspirao no CDE, um ambiente grfico j bastante difundido na plataforma Unix O CDE Desenvolvido em conjunto por HewlettPackard, IBM, Novell e Sun Microsystems no The Open Group, o CDE foi baseado no VUE (Visual User Environment, ambiente visual do usurio) da HP. At aproximadamente o ano 2000, era considerado o padro de fato em ambientes UNIX, mas naquela poca, ambientes de trabalhos livres como o KDE e GNOME se desenvolviam rapidamente, se tornando mais tarde praticamente universais na plataforma Linux, que j tinha uma base instalada maior que a soma de todos os Unices (ou Unixes) comerciais. Em 2001, duas distribuidoras comerciais de Unix, Hewlett-Packard (HP-UX) e Sun Microsystems (Solaris) anunciaram que substituiriam o CDE como o ambiente de trabalho padro de suas estaes de trabalho em favor do GNOME. Em abril de 2003 no entanto, a HP decidiu voltar ao CDE, por considerar o GNOME ainda no suficientemente estabilizado para suas necessidades. Muitos acreditam que as mudanas constantes nas APIs tenham sido o motivo principal

Matthias Ettrich

KDE uma comunidade internacional de software livre produzindo um conjunto de aplicativos multiplataforma projetados para funcionar em conjunto com sistemas GNU/Linux, Free BSD,Solaris, Microsoft Windows[6], e Apple Mac OS X[7]. Ela mais conhecida pelo sua rea de trabalho Plasma, um ambiente de trabalho fornecido como o ambiente padro em muitas distribuies, como Open SUSE, Mandriva Linux, Kubuntu, Sabayon e Chakra GNU/Linux. KDE e seus aplicativos so escritos com o framework QT, atualmente sobre desenvolvida pela Nokia. Antigamente o Qt apenas possua licena GPL para a plataforma Linux, mas a partir da verso Qt4 foi liberado licena LGPL para todas as plataformas, permitindo que o KDE fosse portado para o Windows e o Mac OS X. O objetivo da comunidade KDE tanto providenciar um ambiente que oferea os aplicativos e funcionalidades bsicas para as necessidades diria quanto permitir que os desenvolvedores tenham todas as ferramentas e documentao necessrias para simplificar o desenvolvimento de aplicativos para a plataforma. A poltica adotada tem se mostrado eficaz, posto que muitos projetos de sucesso, como o reprodutor de msica Amarok, a sute Caligra, o browser Rekong e o gravador K3B so desenvolvidos idealizando uma perfeita integrao com o KDE. O KDE se baseia no princpio da facilidade de uso e da personalizao. Todos os elementos da interface grfica podem ser personalizados de acordo com o gosto do usurio, tanto na posio quanto na aparncia: painis, botes das janelas, menus e elementos diversos como relgios, calculadoras e miniaplicativos. A extrema flexibilidade para personalizao da aparncia levou a que muitos desenvolvedores disponibilizassem seus prprios temas para serem compartilhados por outros usurios

O projeto GNOME foi criado em agosto de 1997 pelos mexicanos Miguel de Icaza e Federico Mena Quintero, como uma resposta ao Windows 95. O projeto KDE j estava em andamento, mas para ser usado ou desenvolvido era necessrio instalar o Qt, um conjunto de ferramentas que na poca no tinha uma licena livre. Miguel de Icaza descartou a idia de reimplementar a API do Qt usando software livre porque projetos anlogos, como o GNUstep, Wine and Less Tif, mostravam um progresso muito lento. Antes da criao do GNOME, Miguel e Federico tinham tentado colaborar com o GNUstep, mas desistiram por considerar sua comunidade desorganizada, e seu cdigo cheio de erros[3]. A plataforma de desenvolvimento aproveitou e aprimorou o GTK, um conjunto de ferramentas usado pelo editor de imagens GIMP, em cujo desenvolvimento Federico Quintero estava tambm envolvido[3]. Miguel de Icaza ficou muito impressionado com a arquitetura COM quanto passou por uma entrevista na Microsoft[3], e o reflexo foi o desenvolvimento da biblioteca Bonobo, incorporada ao GNOME 1.4. Alm de permitir o reaproveitamento de componentes de software, o Bonobo colaborou para que o desenvolvimento de aplicativos para o GNOME pudesse ser feito com qualquer linguagem de programao[4]. Outra caracterstica da plataforma de desenvolvimento do GNOME ser completamente escrita em C, o que tambm facilita a criao de bindings para outras linguagens de programao. A plataforma de desenvolvimento do GNOME tem suporte a C++, Java, Perl e Python, e mais recentemente a Javascript. Toda a plataforma de desenvolvimento do GNOME usa a licena GNU Lesser General Public License, uma licena livre que permite a utilizao da plataforma GNOME por software proprietrio[8]. O lanamento do GNOME 2.0 marcou uma guinada nos rumos do projeto, que passou a enfatizar a usabilidade em vez da configurabilidade. A plataforma foi quase inteiramente reescrita, trazendo vrias melhorias como melhoria de desempenho, melhor internacionalizao (usando Unicode internamente), suavizao da renderizao de fontes, e principalmente a estria de sua plataforma de acessibilidade.

Federico Mena Quintero

O que kernel? Kernel pode ser entendido como o ncleo do sistema operacional, isto e, como a parte essencial deste. Cabe ao kernel fazer o intermdio entre o hardware e os programas executados pelo computador. Isso significa que a juno do kernel mais os softwares que tornam o computador usvel (drivers, protocolos de comunicao, entre outros), de acordo com a sua aplicao, e que formam o sistema operacional em si. Para compreender melhor, voc pode imaginar o kernel como sendo o chassi de um veculo. De acordo com a aplicao em questo, uma montadora pode adquirir um chassi e utiliz-lo para montar um carro para transportar cargas ou, se a necessidade for esta, para construir um automvel de passeio para uma famlia. Na data de Setembro de 1991, a verso 0.01 do Linux foi lanada e enviada para o servidor FTP (ftp.funet.fi) da Universidade de Helsinki de Tecnologia (em Ingls: HUT), possua 10.239 linhas de cdigo. Atualmente a verso 3 do Linux foi lanada em 22 de Julho de 2011 em comemorao aos 20 anos do Linux, este ncleo foi lanado com 13.872.245 linhas de cdigo. O ncleo do Linux a principio s mudava o primeiro numero da verso em caso de mudanas drsticas, mas para comemorar os 20 anos do Linux e reduzir os nmeros de controles de verso, Torvalds resolver mudar para a verso 3 mesmo sem mudanas significativas no ncleo do Linux. Em Outubro de 2011 e lanada a verso 3.1 do ncleo Linux e em 03 de Janeiro de 2012 e apresentada ao mundo a verso 3.2.1 do ncleo do Linux com 14.304.901 linhas de cdigo. Aplicao da teoria: Distribuies do Linux O que uma distribuio? Distribuio Linux e um Sistema Operacional Unix-Like incluindo o kernel Linux e outros softwares de aplicao, formando um conjunto. Distribuies (ou distros) mantidas por organizaes comerciais, como a Red Hat, Ubuntu, SUSE e Mandriva, bem como projetos comunitrios como Debian e Gentoo montam e testam seus conjuntos de software antes de disponibiliza-los ao publico. Como o Linux e a maior parte dos softwares includos em distribuies so livres, qualquer organizao ou individuo suficientemente motivado podem criar e disponibilizar (comercialmente ou no)