Tributos e NF-e

Download Tributos e NF-e

Post on 08-Nov-2015

213 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

mini apresentao sobre nota fiscal eletronica

TRANSCRIPT

<p>Tributos e NF-e</p> <p>Tributos e NF-eMini-aula SENACRicardo Ramos BezerraPlano de aula1-TRIBUTOSConceitoEspcies2-NOTA FISCAL ELETRNICATipos de NF-eOrigem da Nota Fiscal EletrnicaDestaques do Projeto, perguntas e respostas1. TRIBUTOSTRIBUTOS - CONCEITOTributo toda prestao pecuniria compulsria, em moeda ou cujo valor nela se possa exprimir, que no constitua sano de ato ilcito, instituda em lei e cobrada mediante atividade administrativa plenamente vinculada.=&gt; pecnia - prestao em dinheiro=&gt; coercibilidade=&gt; no multa=&gt; institudo por lei (em alguns casos por MP)=&gt; cobrado por lanamento (ato vinculado, no discricionrio)</p> <p>TRIBUTOS - ESPCIESTeoria Pentapartida reconhece 5 tributos no atual sistema tributrio:</p> <p>1.IMPOSTOS 2.TAXAS3.CONTRIBUIES DE MELHORIA4.EMPRSTIMOS COMPULSRIOS5.OUTRAS CONTRIBUIES TRIBUTOS ESPCIES2.TAXA um tributo imediatamente vinculado ao estatal, atrelando-se atividade pblica, e no ao do particular3.CONTRIBUIO DE MELHORIA um tributo exigido dos proprietrios de bens imveis valorizados com a realizao de uma obra pblica4.EMPRSTIMO COMPULSRIO um tributo temporrio, restituvel, institudo por LC, de competncia da Unio, para atender despesas extraordinrias (calamidades, guerra) ou investimentos pblicos urgentes e relevantes5.OUTRAS CONTRIBUIES tributos destinados ao financiamento de gastos especficos, no campo social e econmico. Ex: Anuidades, Contrib. Sindical, Contrib. Sociais Gerais (SALED e Sistema S - INCRA, SENAI, SESI, SENAC, SEBRAE, etc.), Contrib. de Seguridade Social (PIS/COFINS/CSLL/Patronal), Outras Contrib.Sociais (COSIP, FGTS , CPMF), CIDEsTRIBUTOS ESPCIES1.IMPOSTOS (mais importante para o estudo das NF-e)DEFINIO: um tributo cuja obrigao tem por fato gerador uma situao independente de qualquer atividade estatal especfica, relativa vida do contribuinte, sua atividade ou a seu patrimnio</p> <p>FEDERAIS: II, IE, IR, IPI, IOF, ITR, IGF, Imposto Residual, IEG</p> <p>ESTADUAIS: ITCMD, IPVA, ICMS (*)</p> <p>MUNICIPAIS: ITBI, IPTU, ISS</p> <p>(*) ICMS - Destaque para o estudo das NF-eTRIBUTOS - ICMSImposto sobre operaes relativas circulao de mercadorias e sobre prestao de servios de transporte interestadual e intermunicipal e de comunicaoFato gerador:Circulao de mercadoriasCombustveis lquidos e gasosos, energia eltrica e mineraisPrestao de servio de transportePrestao de servio de comunicao</p> <p>Imposto estadual, plurifsico, atende a no cumulatividade, real e de carter predominantemente fiscal.TRIBUTOS ICMS - importnciaPIB Brasil 2012 = R$ 4, 39 triPIB MS em 2012 = R$ 54,47 bi</p> <p>Arrecadao ICMS no Brasil em 2012 = R$ 326,76 biArrecadao de tributos federais BR 2012 = R$ 726,67 bi</p> <p>Arrecadao ICMS no MS em 2012 = R$ 6,00 biSetor tercirio = R$ 2,4 biPetrleo e combustveis = R$ 2,0 biIPVA = 268 milhes / ITCD = 88 milhesArrecadao tributos federais no MS em 2012 = R$ 2,69 bi</p> <p>2. NF-e</p> <p>NOTA FISCAL ELETRNICATIPOS: Estadual: 1.NF-e Nota Fiscal EletrnicaFOCO: ICMS e IPI2.NFP-e Nota Fiscal de ProdutorFOCO: Exportao/Importao3.NFA-e Nota Fiscal AvulsaFOCO: Saida tributada interna / sada tributada interestadualMunicipal:4.NFS-e Nota Fiscal de Servios EletrnicaFOCO: ISSQNNOTA FISCAL ELETRNICAORIGEM da NF-e-Origem na EC 42, que acrescentou o inciso XXII no art. 37 da CF88:Art. 37. A administrao pblica direta e indireta de qualquer dos Poderes da Unio, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municpios obedecer aos princpios de legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficincia e, tambm, ao seguinte:XXII - as administraes tributrias da Unio, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municpios, atividades essenciais ao funcionamento do Estado, exercidas por servidores de carreiras especficas, tero recursos prioritrios para a realizao de suas atividades e atuaro de forma integrada, inclusive com o compartilhamento de cadastros e de informaes fiscais, na forma da lei ou convnio.(Includo pela Emenda Constitucional n 42, de 19.12.2003)</p> <p>NOTA FISCAL ELETRNICAORIGEM:Em Jun/2004, no I Encontro Nacional de Adm. Tributrios, decidem implantar 2 projetos de integrao entre as administraes tributrias:Cadastro SincronizadoNota Fiscal Eletrnica (NF-e)</p> <p>Em Abr/2005, a NF-e passa a integrar o projeto SPED Sistema Pblico de Escriturao Digital, que engloba:Nota Fiscal Eletrnica; Escriturao Fiscal Digital; Escriturao Contbil DigitalConceito de Nota Fiscal Eletrnica (NF-e) um documento emitido e armazenado eletronicamente, de existncia apenas digital, com o intuito de documentar uma operao de circulao de mercadorias ou prestao de servios ocorrida entre as partes, cuja validade jurdica garantida pela assinatura digital do emitente e recepo, pelo fisco, antes da ocorrncia do Fato Gerador.</p> <p>Projeto NF-e16</p> <p>NOTA FISCAL ELETRNICADESTAQUES DO PROJETO:</p> <p>NOTA FISCAL ELETRNICANOTCIAS IMPORTANTES ESTADO DO MS:A mudana para o sistema da NF-e gera um custo para as micro e pequenas empresas, estimado em aprox. R$10mil (computadores, software e treinamento).</p> <p>A Resoluo 2.314/2011 dispe sobre a dispensa, por tempo indeterminado, da obrigatoriedade de uso da NF-e para contribuintes com faturamento anual de at R$ 120 mil.</p> <p>NOTA FISCAL ELETRNICAPERGUNTAS E RESPOSTAS:</p> <p>Quais os tipos de documentos fiscais em papel que a NF-e substitui?Atualmente a legislao nacional permite que a NF-e substitua apenas a chamada nota fiscal modelo 1 / 1A, que utilizada, em regra, para documentar transaes comerciais com mercadorias entre pessoas jurdicas.</p> <p>Tambm pode ser utilizada em substituio Nota Fiscal de Produtor, modelo 4. (AJUSTE SINIEF n. 15/ 2010.)</p> <p>No se destina a substituir os outros modelos de documentos fiscais existentes na legislao como, por exemplo, a Nota Fiscal a Consumidor (modelo 2) ou o Cupom Fiscal.NOTA FISCAL ELETRNICAPERGUNTAS E RESPOSTAS:</p> <p>Quais os procedimentos para que uma empresa interessada possa passar a emitir NF-e?As empresas interessadas em emitir NF-e devero, em resumo:Possuir acesso Internet (com qualquer velocidade de acesso, at discada, se for compatvel com o volume de emisses);Se no estiver credenciada sumariamente em decorrncia da obrigatoriedade, solicitar seu credenciamento como emissoras de NF-e na Secretaria da Fazenda em que possua estabelecimentos. O credenciamento em uma unidade da federao no credencia a empresa perante as demais unidades, ou seja, a empresa deve solicitar credenciamento em todos os estados em que possuir estabelecimentos e nos quais deseja emitir NF-e;Possuir certificao digital (possuir certificado digital, emitido por Autoridade Certificadora credenciada pelaICP-Brasilcontendo o n do CNPJ de qualquer dos estabelecimentos do contribuinte);Utilizar aplicao de emisso prpria ou adquirida, que dever estar configurada com osWeb Servicesapropriados ou utilizar a verso de PRODUO do Software Emissor disponibilizado pelo fisco -Instrues para o download e instalao.NOTA FISCAL ELETRNICAPERGUNTAS E RESPOSTAS:</p> <p>A Nota Fiscal Eletrnica de servios das prefeituras segue o mesmo modelo da NF-e dos Estados?No. Algumas prefeituras j possuem modelo prprio de nota fiscal eletrnica de servios, de uso restrito aos prestadores de servio do municpio que esto sujeitos ao ISS - Imposto sobre Servios. possvel haver casos em que a mesma empresa seja contribuinte do ISS e do ICMS e, neste caso, deva emitir as notas fiscais eletrnicas de servios e tambm seja credenciada para emitir nota fiscal eletrnica, que substitui as notas fiscais de mercadorias modelos 1 ou 1A.</p> <p>NOTA FISCAL ELETRNICAPERGUNTAS E RESPOSTAS:</p> <p>Como emitir a nota conjugada com ISS no caso da utilizao da NF-e?A utilizao de NF-e como sendo nota fiscal conjugada depende de prvio convnio ou protocolo de cooperao entre a Sefaz e cada prefeitura municipal. Na maior parte dos estados, esses convnios ou protocolos ainda no foram firmados, de modo que o contribuinte que venda mercadorias e preste servios dever atualmente, em utilizando a NF-e, emitir dois documentos distintos.FONTESIBGEReceita FederalMinisterio da Fazenda - CONFAZManual de Direito Tributrio SabbagProjeto NF-e Receita Federal do BrasilSlides prof. Luiz Bettega sobre NFENoticias MShttp://www.nfe.fazenda.gov.br/portal/http://www.nfe.ms.gov.br/</p>