tribuna 37

Download Tribuna 37

Post on 11-Mar-2016

248 views

Category:

Documents

10 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Jornal Tribuna do Par

TRANSCRIPT

  • DESTAQUE DA SEMANA

    Polcia Civil no vai permitir festas em ruas ou praas e nem depois das 2 horas da madrugada.

    POLCIA VAI FISCALIZAR AS FESTAS JUNINAS

    O Ministrio Pblico Eleitoral est de olho na propaganda poltica antecipada, que ainda est proibida pela Lei Eleitoral, especialmente durante os encontros partidrios programados para o ms de junho, que antecedem s convenes eleitorais. Os alvos sero os discursos e o material publicitrio utilizado nesses eventos.

    MP VAI FAZER BLITZ NOS ENCONTROS DE PARTIDOS

    CAMELS GANHAM ESPAO PALMEIRA PGINA 4

    A CIDADE ESPORTE SEGURANA FLASH

    PAGINA 7

    O Papo entra em campo desfalcado, neste domingo, em Marab, enquanto o guia vem com fora total.

    PAYSANDUE GUIA PRONTOS PARA A FINAL

    Comisso da Cmara Fe-deral aprova projeto que concede o benefcio para quem ganha at cinco mnimos. Pgina 6.

    VALE-TRANSPORTE DE R$ 50 PARA O TRABALHADOR

    DESTAQUE

    PAGINA 11 ESPORTE 1

    Belm29 de maio a 04 de junho de 2010

    Ano I - Edio 37

    Segundo site da internet, o cial de justia entregou noti cao ao ator por falta de pagamento do aluguel. Pgina 16.

    LATINO PODE SER DESPEJADO. E A FESTA NO AP?

    A prefeitura admite que hoje 30% dos professores so temporrios, por isso o concurso j foi autorizado.

    ANANINDEUAVAI FAZER SELEO PARAPROFESSOR

    PAGINA 6

    Expectativa que a Feira do Empreendedor receba 22 mil visitantes, no Hangar, e mobilize 40 municpios.

    FEIRA DOSEBRAE DEVEMOVIMENTARR$ 1,5 MILHO

    PAGINA 8

    ASSISTENTE DE LUCIANO HUCK FALA DA SUA

    INTIMIDADE. PG 16.

    VALE TUDO ENTRE QUATRO PAREDES

    Banca do Alvino Avenida Presi-dente Vargas (Praa da Repblica)

    Banca do Alvino Y.Yamada Tavares Bastos

    Revistaria do Renato Governa-dor Jos Malcher ( Y.Yamada Plaza)

    Revistaria do Renato Traves-sa Fernando Guilhon ( Y.Yamada Plaza Jurunas)

    Revistaria da Braz Avenida Braz de Aguiar (Nazar)

    Banca Equatorial Avenida Braz de Aguiar ( Nazar )

    Banca Santo Antnio Rua dos Tamoios ( Batista Campos )

    PONTOS DE VENDA

    DESTAQUE DA SEMANA

    ASSISTENTE DE LUCIANO HUCK FALA DA SUA

    PG 16.

    ENTRE ENTRE QUATRO PAREDESQUATRO PAREDES

    DESTAQUE

    ALES

    SAND

    RA S

    ERR

    O

  • A C I D A D E 2 Belm, 29 de maio a 04 de junho de 2010

    Acontece em So Paulo a quinta edio do Salo do Turismo Ro-teiros do Brasil. A Amaznia marca presena mais uma vez no evento, evidenciando a cultura, artesanato, gastronomia e outros produtos da

    regio. O Par marca presena no evento, com destaque para Belm, representada pela Coordenadoria Municipal de Turismo (Belemtur) e pela Companhia Paraense de Turis-mo (Paratur). Os visitantes podem

    conferir as belezas do plo turstico do Tapajs, representadas por San-tarm, que junto com Belm integra a lista dos 65 Destinos Indutores do Turismo Internacional, do Minist-rio do Turismo (MTUR).

    PAR DESTAQUE EM EVENTO DE TURISMO EM SO PAULO

    AMAZNIA L FORA

    Foi realizada, no dia 26 de maio, audincia entre a Associa-o dos Docentes da Universida-de Federal do Par (Adufpa) e o reitor da UFPA, Carlos Maneschy, para tratar de retroativo salarial de 3,17%, existente desde 1994. O

    reitor pediu tempo para consultar a Advocacia Geral da Unio e a Procuradoria da UFPA, e anun-ciou que outra audiencia ser marcada. A secretaria-geral da Adufpa, Rosim Meguins, des-carta a possibilidade de greve.

    SERVIDORES DA UFPADISCUTEM REAJUSTE

    GREVE

    Tribuna do Par uma publicao semanalEditado por SGP Comunicaes e Servios Ltda.CNPJ: 10955840/0001 - 61

    Diretor Geral: Gustavo BentoDiretor Administrativo: Leandro Rocha

    Edio: Clo Soares e Micheline FerreiraEndereo: Trav. Lomas Valentina, n 1502 Marco CEP: 66.087-440Fale com a gente: (91) 3276.2308Comercial: (91) 8835 8176E-mail da Redao: tribunadopara@gmail.com

    Blog: www.tribuna-do-para.blogspot.comTwitter: www.twitter.com/tribunaparaFotos: Alessandra SerroDiagramao: Arthur CostaMande suas sugestes de pautas para nossa Redao!

    FALAPRESIDENTE

    A PESQUISA, OS LEIGOS E OS BURROS

    Realmente ser leigo em pesquisas no novidade, mas ser burro por causa delas comicidade. As pes-quisas de opinio espalhadas no pas e mundo inteiro se proliferam, algumas ganham maior de credibili-dade, como por exemplo as do IBOPE, do Instituto Sensus, DataFolha e outras. Com todo respeito a es-sas instituies, mas tenho que dizer que muitas ve-zes elas nos parecem ridculas e tendenciosas, prin-cipalmente em tempos de eleies. Quantos erros e enganos acontecem, no mesmo leitor?

    A bola da vez agora vem direto do DataFolha, que com sua metodologia particular publicou quem so os maiores clubes de futebol e deixou com o p atrs milhares de desportistas, atletas e torcedores. Como exemplo, citaremos o Coritiba e o Clube do Remo, da remistas e coritibanos apaixonados diro: Somos leigos, sim; burros, no! Acredita nessa pesquisa quem quiser ou quem no atenta para os mtodos dessas pesquisas. Quem em s conscincia pode afir-mar que o Coritiba ficaria abaixo da Portuguesa e o Remo abaixo do Paysandu? Somos leigos, mas bur-ros, no!

    O que muitos no sabem ou no procuram saber que essas desacreditadas pesquisas servem apenas para medir o valor da marca dos clubes para o mer-cado publicitrio. Como pode um torcedor do Remo, que o maior no ranking oficial da CBF e que j ga-nhou o ttulo popular de mais querido, aceitar que o Paysandu saia frente do Leo em pesquisas como esta? Como pode a maior torcida presente e atuante em todos os jogos e conhecida como fenmeno azul, ficar em 2 lugar?

    Os nmeros, como diz Paulo Caxiado, no men-tem jamais. No Parazo, antes da semifinal, o Remo levou em 17 jogos 163.312 pessoas, enquanto o Pay-sandu levou somente 139.921. Assim com pesquisa ou sem pesquisa, uma coisa bvia: o Clube do Remo tem a maior torcida. Sem essa de chamar o paraen-se de tonto, somos leigos em pesquisas, mas burros, no! isso a.

    EDZIO JUC

    ABAETETUBA, PAR

    CARTASDOLEITOR

    TRIBUNADOPARA@GMAIL.COM

    NAREDAO

    alarmante o nmero de ca-sos de pedofilia que comeam a vir tona depois que esse tipo de crime ganhou visibilidade na m-dia e, consequentemente, maior vigilncia da prpria populao. Hoje, sabe-se que os casos, que antes se limitavam a ocorrncias com a participao de familiares de crianas indefesas, envolvem at mesmo clrigos.

    Independentemente da questo filosfica ou psicolgi-ca, para se saber at que ponto o ser humano capaz de rom-per limites dos valores morais, religiosos e de comportamento social, ou qual a linha tnue en-tre normal e anormal, o que

    a sociedade precisa se proteger desses indivduos, que colocam em risco a vida e a integridade de crianas e adolescentes. necessrio, portanto, que a lei que pune esse tipo de crime seja cumprida com eficincia e rapi-dez e que as brechas jurdicas e instncias recursais no abram as portas para a impunidade.

    O que se espera da polcia que investigue, identifique e prenda os culpados; e da Justia, que conde-ne ou absolva de acordo com os autos, mas sem deixar de ouvir o clamor da sociedade, a quem deve servir, acima de tudo.

    Crimes brbaros como o do abuso sexual a um recm-nasci-

    do de um ms de vida certamente provocam comoo pblica. Com-provada a autoria do crime, o cul-pado deve ser preso e condenado, mas a sensao de insegurana que fica suficiente para que se redobrem os cuidados .

    A brutalidade desse tipo de crime levou a prpria candidata do presidente Lula Presidncia, Dilma Rousseff, a defender esta semana a priso perptua para pedfilos, talvez movida pela in-dignao que a matria provoca, mas recuou a tempo para exigir apenas que a lei seja cumprida. Se exagero, ou no, o fato que a lei esta, sim, no Brasil - precisa ser cumprida.

    PEDOFILIA, UM CRIME QUE CAUSA INDIGNAO E DEVE SER PUNIDO

  • A C I D A D E 3BELM, 29 DE MAIO A 04 DE JUNHO DE 2010

    A Coordenadoria Municipal de Turismo (Belemtur) est desenvol-vendo em parceria com o Governo dos Estados do Par e Amazonas, mais a Prefeitura de Manaus, um pacote amaznico de viagens junto

    a empresas privadas. A princpio, sero vos entre Belm, Santarm, Manaus e Parintins.

    um trabalho de integrao que visa alavancar o turismo. E esse pacote tende a ser fortalecido

    com a Copa do Mundo de 2014, disse o coordenador do rgo, Wa-dy Khayat. Esse roteiro regional tende a despertar nos turistas o interesse em conhecer ainda mais a regio.

    BELEMTUR VAI CRIAR PACOTE TURSTICO BELM-MANAUS

    INTERCMBIO

    A Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Semma) e Re-de Celpa promovem no perodo de 31 de maio a 5 de junho a VII Semana do Meio Ambiente, com foco no tema Desenvolvimento Sustentvel. Durante a VII Se-

    mana do Meio Ambiente, a Sem-ma promover o debate sobre o combate a essas ameaas e como melhorar a qualidade de vida na Amaznia. A programao ser aberta no auditrio do Campus II da UEPA, a partir das 14 horas.

    BELM ABRE SEMANA DO MEIO AMBIENTE

    PROGRAMAO

    FALAPRESIDENTE

    FARRA 1Na onda das obras sem licitao que domina

    o governo do Estado, agora as denncias recaem sobre a Superintendncia do Sistema Penal (Su-sipe), que teria gasto R$ 7 milhes sem nenhuma concorrncia pblica.

    FARRA 2E na Polcia Militar, as obras sem licitao so-

    mam R$ 3 milhes. Todas datam da gesto do ex-comandante geral, coronel Luiz Ruffeil.

    MOVIMENTOPrefeitos da Federao das Associaes dos

    Municpios querem a flexibilizao da Lei de Responsabilidade Fiscal, porque no esto con-seguindo equilibrar os gastos com pessoal. O argumento o aumento vegetativo das folhas de pagamento.

    ALVOTem gente de olho comprido para cima da

    deputada Simone Morgado (PMDB), com do-cumentos que a comprometem sobre uma Fun-dao presidida pelo pai da