treinamento blend hotel - goi¢nia/go

Download Treinamento blend hotel - Goi¢nia/GO

Post on 07-Jun-2015

54 views

Category:

Lifestyle

2 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

A EBM Desenvolvimento Imobiliário e a Cyrela Brazil Realty, duas das principais incorporadoras do país, fizeram a combinação perfeita: se associaram à líder mundial em operação de hotéis, a Accor, para lançar o melhor inverstimento em hotel de Goiânia, o Blend Hotelstyle. Um empreendimento que vai combinar turismo com negócios, valorização com rendimento, endereço com prestígio, imóvel com rentabilidade, hospedagem com conforto e principalmente, o seu investimento com retorno.

TRANSCRIPT

  • 1. DANILO VILANOVA Gerente Vendas TREINAMENTO BLEND HOTEL

2. PAUTA TREINAMENTO: 1 - MERCADO HOTELEIRO NO BRASIL 2 - MERCADO HOTELEIRO EM GOINIA 3 - EMPRESAS PARTICIPANTES E O PAPEL DE CADA UMA NESTE EMPREENDIMENTO. 4 - COMO FUNCIONA A COMPRA DE UMA UNIDADE HOTELEIRA. 5 - DVIDAS FREQUENTES 3. MERCADO HOTELEIRO NO BRASIL 4. Brasil: setor hoteleiro investir R$ 40 bilhes em 10 anos. O Estado de S.Paulo 5. MERCADO HOTELEIRO NO BRASIL O Brasil tem aumentado consideravelmente o nmero de brasileiros que realizam viagens internacionais devido estabilidade do dlar e, de acordo com o Ministrio do Turismo, o mercado interno est aquecido e com perspectiva de crescer ainda mais em 2011 com o aumento da base de viajantes fomentada pela entrada da classe C no mercado de consumo. Com todas as previses realizadas, o atual cenrio do Brasil no aspecto global e o otimismo dos investidores demonstram maior credibilidade para que cada vez mais o pas se desenvolva. 6. MERCADO HOTELEIRO BRASIL SITUAO EM SET - 2008 7. MERCADO HOTELEIRO BRASIL DOS 29.87% CONCRETIZADOS 8. Aberturas Previstas de 2011 2014 O Mapa de Investimentos 2011, identificou a existncia de 198 empreendimentos hoteleiros com previso de abertura para at o final de 2014 A tendncia de crescimento no setor hoteleiro, aponta os anos de 2011 e 2013 com os mais altos nmeros de hotis estimados, gerando um montante total de R$ 7.334.689.303 a ser investido. A maior parte dos investimentos previstos est concentrada nas regies Sudeste e Nordeste com 38% e 34%, respectivamente, do nmero total de projetos. No Nordeste predominam os investimentos em resorts (49%) e no Sudeste 50% dos empreendimentos previstos apontam ser de categoria econmica. 9. MERCADO HOTELEIRO BRASIL ABERTURAS ESTIMADAS POR CATEGORIA (2011 / 2014) 10. MERCADO HOTELEIRO BRASIL 11. MERCADO HOTELEIRO BRASIL INVESTIMENTOS POR REGIO: 12. MERCADO HOTELEIRO BRASIL Dentre todas as aberturas acima expostas, abaixo um panorama com a quantidade de hotis previstos pertencentes s principais operadoras hoteleiras presentes no Brasil. A rede Accor Hospitality se destaca com a estimativa de 73 novos hotis em todo o Brasil somando 10.417 unidades habitacionais. A Atlantica, em segundo lugar, com 24 empreendimentos previstos com total de 3.807 unidades habitacionais. 13. MERCADO HOTELEIRO BRASIL 14. MERCADO HOTELEIRO BRASIL Dentro das cidades-sedes da Copa do Mundo 2014, estimado que o Rio de Janeiro receba o maior nmero de aberturas de hotis, visto a necessidade de diversificao da oferta atual, a restrita oferta que em perodos de alta ocupao no atende demanda de turistas, alm da importncia financeira na rota do petrleo. 15. MERCADO HOTELEIRO EM GOINIA 16. Como funciona a compra de uma unidade hoteleira? 17. Como funciona a compra de uma unidade hoteleira? Ao adquirir uma unidade hoteleira, o cliente torna-se integrante de um pool de investidores. A Accor ser responsvel pela operao do hotel e por manter e remunerar cada unidade. A unidade adquirida junto incorporadora poder ser vendida a qualquer momento pelo investidor. Como em todo imvel, cada unidade adquirida possui escritura. 18. Como funciona a compra de uma unidade hoteleira? A bandeira hoteleira previamente escolhida pelo incorporador. Uma empresa de auditoria especializada no segmento hoteleiro tambm ser contratada visando preservar os interesses dos investidores. A remunerao de cada proprietrio de unidade hoteleira Accor ser mensal, de acordo com o resultado do h otel. 19. Dvidas Frequentes O que pool hoteleiro? - O pool hoteleiro uma empresa que realiza a explorao dos servios nos condomnios hoteleiros. Essa empresa presta servios de hospedagem e afins a clientes, utilizando-se dos apartamentos e reas comuns de seus participantes. 20. Dvidas Frequentes Quem so os scios dessa empresa? - O pool hoteleiro tem a forma jurdica de uma Sociedade em Conta de Participao. Seus scios so os proprietrios dos apartamentos participantes, chamados de scios - Participantes e a empresa administradora, chamada de scia- ostensiva. Os scios-participantes oferecem seus apartamentos para uso da sociedade, enquanto a scia-ostensiva oferece seu conhecimento tcnico em gesto, sua razo social e CNPJ para a operao do negcio. A scia- ostensiva deve necessariamente ser empresa especializada no setor, para que ela possa captar os hspedes e gerenciar os custos e processos eficientemente. 21. Dvidas Frequentes Por que necessrio formar o pool hoteleiro? O pool existe para que se possa realizar a venda de servios de hospedagem e afins dentro do condomnio. A lei brasileira no permite que condomnios prestem servios comerciais nem que emitam nota fiscal. O pool, por ser uma sociedade comercial, pode prestar servios e emitir notas. 22. Dvidas Frequentes Apartamentos pertencentes a pessoas jurdicas podem participar do pool hoteleiro? Sim. Os apartamentos cujos proprietrios so empresas podem participar do pool, tendo os mesmos direitos e obrigaes dos apartamentos pertencentes a pessoas fsicas. 23. Dvidas Frequentes Qual a vantagem do pool hoteleiro em relao locao tradicional? o proprietrio no precisa se preocupar em encontrar um locatrio; o proprietrio no precisa administrar as locaes e os valores transacionais; a manuteno rotineira feita pelo administrador do pool, sem necessidade de que o proprietrio vistorie o apartamento periodicamente; o risco de inadimplncia e de retirada do locatrio minimizado; as taxas condominiais e o IPTU so pagos pelo prprio negcio; os rendimentos, em mdio e longo prazos, tendem a ser maiores. 24. Dvidas Frequentes Quais as despesas do pool hoteleiro? Para a sua prestao de servios, o pool incorre em despesas de diversas naturezas. As mais relevantes, entre outras, so: custos de comercializao, comisses de carto de crdito e dbito, taxa condominial dos apartamentos participantes, energia eltrica e gua dos apartamentos, suprimentos de hspedes e materiais de escritrio, despesas administrativas e bancrias, despesas com manuteno peridica dos quartos. 25. Dvidas Frequentes Como acompanhar os resultados do pool? Os resultados do pool hoteleiro so decorrentes da diferena entre as receitas dos servios prestados ao mercado e as despesas de sua operao. A scia-ostensiva a responsvel pela gesto dessas atividades e deve prestar contas regularmente dessas operaes. 26. Dvidas Frequentes Como so pagos os valores apurados na operao? Mensalmente a scia-ostensiva deposita na conta corrente indicada por cada scio- participante os valores devidos a ttulo de aluguel, se houver, pela utilizao dos apartamentos.Esse aluguel pode ser verificado nos demonstrativos mensais emitidos. 27. Dvidas Frequentes As informaes prestadas pela Scia-Ostensiva podem ser auditadas? Sim. prevista a formao de um Conselho de Representantes dos Scios-Participantes, que tem entre suas atribuies fiscalizar as aes da administradora, podendo, sempre que julgar necessrio, fazer sugestes ou pedir esclarecimentos que devam ser prontamente atendidos. permitido tambm que o conselho se apoie em empresa externa para a verificao das prestaes de contas da scia- ostensiva. 28. Dvidas Frequentes Quem so os membros desse Conselho? Os membros do conselho, em geral trs pessoas, so eleitos pelos prprios scios- participantes em reunio plenria. 29. Dvidas Frequentes Com qual periodicidade acontecem as reunies com os Scios-Participantes? Em geral as reunies com os Conselhos de Representantes acontecem em intervalos regulares, sejam elas mensais, bimestrais ou em outra periodicidade. Nessas reunies a scia-ostensiva apresenta seu desempenho, discute assuntos relevantes e outros de interesse do grupo. As reunies em que so convocados todos os participantes acontecem pelo menos uma vez ao ano, quando se discute o oramento operacional do perodo seguinte e a eleio dos membros do Conselho de Representantes. Entretanto, essas reunies podem acontecer extraordinariamente sempre que necessrio. 30. Dvidas Frequentes possvel que um apartamento deixe de participar do pool hoteleiro? No. O empreendimento um hotel e todos seus apartamentos destinam-se operao hoteleira. 31. Dvidas Frequentes A taxa condominial dos apartamentos participantes ser paga por quem? O prprio pool hoteleiro pagar mensalmente a taxa condominial dos apartamentos participantes, bem como o IPTU. O scio- participante receber os rendimentos da operao do pool hoteleiro j livres do pagamento da taxa condominial e do IPTU. 32. Dvidas Frequentes E a manuteno rotineira dos apartamentos participantes? O pool hoteleiro faz a manuteno de rotina dos apartamentos participantes. Ao contrrio da locao comum, em que preciso vistoriar e fazer eventuais manutenes e cada troca de usurio. No pool, o proprietrio delega essa atividade scia-ostensiva. Apenas manutenes de maior monta ou reposio de ativos no so feitas automaticamente, mas sob aprovao do Conselho de Representantes. 33. Dvidas Frequentes possvel vender o apartamento? Sim. O apartamento pode ser vendido a terceiros a qualquer momento, conforme interesse de seu proprietrio. Entretanto, obrigatrio que a transao seja prontamente informada ao gestor do pool para que este possa passar a creditar os rendimentos ao novo proprietrio. O proprietrio vendedor obrigado a dar cincia ao comprador sobre as regras de funcionamento do sistema pool hoteleiro. 34. Dvidas Frequentes Para que serve o fundo de reserva do pool? Ele obrigatrio? O Fundo de Reserva para Reposio de Ativos um fundo obrigatrio constitudo com recursos gerados pelo prprio pool para custear as reposies de ativos dos apartamentos participantes. Sabe-se que o desgaste natural do uso deteriora muitos equipamentos dos apartamentos, que necessitam ser substitudos. O uso dos recursos do Fundo sempre feito mediante aprovao do Conselho de Representantes.