tradu§£o da biblia

Download Tradu§£o Da Biblia

Post on 28-Jan-2016

223 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Conhecendo as traduções

TRANSCRIPT

Segunda-feira, 5 de Novembro de 2007

Segunda-feira, 5 de Novembro de 2007

Aula 14 - Tradues da Bblia

Aula 14 - Tradues da Bblia

introduobiblica.blogspot.com.br | segunda-feira, 5 de novembro de 2007

A transmisso da revelao da parte de Deus para ns gira em torno de trs desenvolvimentos histricos significativos: a inveno da escrita antes de 3000 a.C.; os incios da traduo antes de 200 a.C.; os desenvolvimentos da imprensa antes de 1600 d.C. J vimos antes a redao e a cpia dos manuscritos originais da Bblia, bem como o papel, o mtodo e as prticas da crtica textual na preservao do texto dos documentos originais. Aqui dirigiremos a ateno traduo da Palavra de Deus. Esta parte ser devotada ao estudo dos primeiros esforos na traduo da Bblia, e queles que por meio da lngua empreenderam esses esforos. Antes, todavia, de nos voltarmos para essas tradues, e preciso que entendamos com clareza certos termos tcnicos da histria da traduo da Bblia.

Definies e distines

H definies mais precisas de alguns termos bsicos usados no estudo da traduo da Bblia, do que as definies usadas de modo geral. O estudante cuidadoso da Bblia deve evitar a confuso desses termos.Definies

Traduo, Traduo Literal e Transliterao. Esses trs termos esto intimamente correlacionados. Traduo simplesmente a transposio de uma composio literria de uma lngua para outra. Por exemplo, se a Bblia fosse transcrita dos originais hebraico e grego para o latim, ou do latim para o portugus, chamaramos esse trabalho traduo. Se esses textos traduzidos fossem vertidos de volta para as lnguas originais, tambm chamaramos isso traduo A The new English Bible [Nova Bblia inglesa] (NEB) (1961,1970) uma traduo. A traduo literal uma tentativa de expressar, com toda a fidelidade possvel e o mximo de exatido, o sentido das palavras originais do texto que est sendo traduzido. Trata-se de uma transcrio textual, palavra por palavra. O resultado um texto um tanto rgido. o caso da obra Young's literal translation of the Holy Bible [Traduo literal de Young da Bblia Sagrada] (1898). A transliterao a verso das letras de um texto em certa lngua para as letras correspondentes de outra lngua. claro que uma traduo literal da Bblia fica sem sentido para urna pessoa de pouca cultura, diante de um texto que lhe soa esquisito. No entanto, a transliterao de palavras como "anjo", "batizar" e "evangelizar" foram introduzidas nas lnguas modernas.Verso, reviso, verso revista e recenso. Esses termos tm estreito relacionamento entre si. Tecnicamente falando, verso uma traduo da lngua original (ou com consulta direta a ela) para outra lngua, ainda que comumente se negligencie essa distino. O segredo para a compreenso que a verso envolve a lngua original de determinado manuscrito. Para todos os efeitos prticos, a NEB uma verso, tomando-se essa palavra nesse sentido. A The Rheims-Douay Bible (1582-1609) e a King James version [Verso do rei Tiago] (KJV) (ou Authorized version, AV, 1611) no foram traduzidas a partir das lnguas originais. A Rheims-Douay foi traduzida da Vulgata latina, que uma traduo tambm, enquanto a KJV a quinta reviso da verso de Tyndale. No entanto, a Revised version [Verso revisada] (RV ou ERV) (1881,1885), a The American standard version [Verso padro americana] (ASV) (1946, 1952) e a Revised standard version [Verso padro revisada] (RSV) (1946,1952) so verses no sentido mais comum da palavra. Entenda-se, porm, que o fator crucial este: uma verso deve ser o trabalho de traduzir um texto da lngua original..

Reviso, ou verso revista, termo usado para descrever certas tradues, em geral feitas a partir das lnguas originais, que foram cuidadosa e sistematicamente revistas, cujo texto foi examinado de forma crtica, com vistas em corrigir erros ou introduzir emendas ou substituies. A KJV um exemplo de tal reviso, como tambm as edies da Bblia chamadas Rheims-Douay-Challoner e RSV. A New American standard Bible [Nova Bblia americana padro] (NASB) (1963,1971) o exemplo mais notvel e recente de uma completa reviso do texto bblico..Parfrase e comentrio:

Parfrase uma traduo "livre" ou "solta". O objetivo que se traduza a ideia, e no as palavras. Da que a parfrase mais uma interpretao que uma traduo literal do texto. Na histria da traduo da Bblia, esse tipo de texto tem sido muito popular. Na antiguidade, ao redor do sculo VII, por exemplo, Cedmo fez parfrases da Criao. Entre as mais recentes parfrases temos a obra de J. B. Phillips, New Testament in modern English [Novo Testamento em ingls moderno], A Bblia na linguagem de hoje (BLH), da Sociedade Bblica do Brasil e a Bblia viva, de Kenneth Taylor. O comentrio simplesmente uma explicao das Escrituras. O exemplo mais antigo desse tipo de trabalho o Midrash, ou comentrio judaico do Antigo Testamento. Em anos recentes tm surgido tradues da Bblia conhecidas como ampliadas. Elas contm comentrios implcitos, s vezes explcitos, do texto, dentro da prpria traduo. Bastam dois exemplos para ilustrar esse tipo de Bblia: a de Kenneth S. Wuest, Expanded translation of the New Testament [Traduo ampliada do Novo Testamento] (1956-1959), que usou os mesmos princpios para as vrias partes do discurso; a Lockman Foundation tentou todos os esforos para traduzir a The amplified Bible [A Bblia ampliada] (1965), que seria tambm um comentrio que emprega travesses, colchetes, parnteses e itlicos.

Distines:Para que apreciemos de modo integral o papel desempenhado pelas tradues da Bblia, importante que compreendamos que o prprio processo de traduzi-la indcio da vitalidade de que a Bblia goza no seio do povo de Deus. Logo de incio, as tradues constituram parte fundamental da vida religiosa dos antigos judeus. Esses deram o primeiro passo a preceder todas as tradues posteriores. Na igreja primitiva, as atividades missionrias eram acompanhadas por diversas tradues da Bblia em outras lnguas. Com o passar do tempo, surgiu mais uma fase na histria da traduo da Bblia, com o desenvolvimento da imprensa. O resultado foi que devemos fazer perfeita distino entre as trs categorias genricas de tradues da Bblia: as tradues antigas, as medievais e as modernas.Antigas tradues da Bblia As tradues mais antigas continham trechos do Antigo Testamento e s vezes tambm do Novo. Apareceram antes do perodo dos conclios da igreja (c. 350 d.C), abarcando obras como o Pentateuco samaritano, os Targuns aramaicos, o Talmude, o Midrash e a Septuaginta (LXX). Logo aps o perodo apostlico, essas tradues antigas tiveram prosseguimento na verso de qila, na reviso de Smaco, nos Hxapla de Orgenes e nas verses siracas do Antigo Testamento. Antes do Conclio de Nicia (325) surgiram tradues do Novo Testamento para o aramaico e para o latim.

Tradues medievais da Bblia:As tradues da Bblia produzidas durante a Idade Mdia em geral continham tanto o Antigo como o Novo Testamento. Foram concludas entre 350 e 1400. Durante esse perodo, as tradues da Bblia eram dominadas pela Vulgata latina de Jernimo (c. 340-420). A Vulgata constituiu a base tanto dos comentrios como do pensamento, por toda a Idade Mdia. Foi dela que surgiu a parfrase de Cedmo, a obra Histria eclesistica, de Beda, o Venervel, e at mesmo a traduo da Bblia para o ingls, feita por Wycliffe. A Bblia continuou a ser traduzida para outras lnguas durante esse perodo.

Tradues modernas:As tradues modernas surgiram a partir da poca de Wycliffe e de seus sucessores. Seguindo o exemplo de Wycliffe, visto que foi ele o pai da primeira Bblia completa em ingls, William Tyndale (1492-1536) fez sua traduo diretamente das lnguas originais, em vez de usar a Vulgata latina como fonte. Desde essa poca surgiu uma multiplicidade incrvel de tradues que continham o total ou apenas partes do Antigo e s vezes tambm do Novo Testamento. Logo aps o desenvolvimento dos tipos mveis de Johann Gutenberg (c. 1454), a histria da transmisso, da traduo e da distribuio da Bblia adentra uma era inteiramente nova.A traduo da Bblia ajudou a manter o judasmo puro, nos ltimos sculos antes de Cristo, como mostra nosso tratamento sobre o Pentateuco samaritano e os Targuns. A traduo chamada Septuaginta (LXX) foi feita em grego, em Alexandria, no Egito (iniciando-se entre 280-250 a.C.), e serviu de fundo s tradues para o latim e para outras lnguas. Essas tradues foram vitais para a evangelizao, para a expanso e para o estabelecimento da igreja. Desde a Reforma, a disseminao da Bblia vem resultando em tradues em numerosas lnguas. O papel desempenhado pela Bblia em ingls tem sido importantssimo entre as modernas tradues. Nosso debate seguir essas linhas tpicas, genricas, iniciando-se com as tradues para o aramaico, para o siraco e outras que se lhes relacionam..Tradues principais:

As mais antigas tradues da Bblia tinham o propsito duplo que no pode ser subestimado: eram usadas a fim de disseminar a mensagem dos autgrafos ao povo de Deus, e ajud-lo na obrigao de manter a religio pura. A proximidade dos autgrafos tambm indica sua importncia, visto que conduzem o estudioso da Bblia de volta aos primrdios dos documentos originais.

O Pentateuco samaritano

O Pentateuco samaritano pode ter-se originado no perodo de Neemias, em que se reedificou Jerusalm. No sendo, na verdade, uma traduo, nem uma verso, mostra a necessidade do estudo cuidadoso para que se chegue ao verdadeiro texto das Escrituras. Essa obra foi, de fato, uma poro manuscrita do texto do prprio Pentateuco. Contm os cinco livros de Moiss, tendo sido escrito num tipo paleo-hebraico, muito semelhante ao que se encontrou na pedra moabita, na inscrio de Silo, nas Cartas de Laquis e em alguns manuscritos bblicos mais antigos de Qumran. A tradio textual do Pentateuco samaritano independente do Texto massortico. No foi descoberto pelos estudiosos cristos seno em 1616, embora fosse conhecido dos pais da igreja, como Eusbio de Cesaria e Jernimo, tendo sido publicado, pela primeira vez, na obra Poliglota de