Trab Vidros

Download Trab Vidros

Post on 12-Jul-2015

377 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

<p>JAQUELINE HORVATH ELUARA BUENO EUDES F. COSTA DIEGO SANCHEZ AZEVEDO ISABELLA OLIVEIRA</p> <p>VIDROS</p> <p>SO PAULO 2011</p> <p>RESUMO</p> <p>A partir deste trabalho iremos identificar vrios tipos de vidros e suas composies, onde mostraremos quais seriam as melhores opes para cada projeto especifico. Os vidros podem ser adaptados em qualquer situao, desde redondo at em curvas, tornando mais pratico e mais procurado em todo o mundo. Os vidros de maneira geral so uns dos materiais mais cotados para produo e oramentos hoje em dia, pois apesar de ser esteticamente bonito, tambm uns dos que transmite maior segurana e agilidade na construo.</p> <p>iii</p> <p>LISTA DE ABREVIATURAS E SIGLAS</p> <p>ABNT Associao Brasileira de Normas Tcnica</p> <p>iv</p> <p>SUMRIO</p> <p>1 2 3 3.1 3.2 3.3</p> <p>INTRODUO .....................................................................................................1 OBJETIVOS.........................................................................................................2 O VIDRO ..............................................................................................................3 A histria do vidro..................................................................................................... 3 A composio do vidro............................................................................................ 3 Tipos de vidro............................................................................................................. 4 Acidado.................................................................................................................. 4 Antirreflexo ............................................................................................................ 5 Antivandalismo ..................................................................................................... 6 Aramado................................................................................................................ 7 Autolimpante......................................................................................................... 8 Baixo emissivo ..................................................................................................... 9 Colorido ............................................................................................................... 10 Corta-chamas ..................................................................................................... 11 Craquelado ......................................................................................................... 12 Cubas................................................................................................................... 13 Curvo ................................................................................................................... 13 Duplo.................................................................................................................... 14 Duplo com Persiana Interna............................................................................. 15 Espelho................................................................................................................ 16 Float ..................................................................................................................... 17 Foto energtico .................................................................................................. 18 Fusing .................................................................................................................. 19 Impressos............................................................................................................ 20 Impresso espelhado .......................................................................................... 21 Impresso para mveis....................................................................................... 21 Jateado................................................................................................................ 22</p> <p>3.3.1 3.3.2 3.3.3 3.3.4 3.3.5 3.3.6 3.3.7 3.3.8 3.3.9 3.3.10 3.3.11 3.3.12 3.3.13 3.3.14 3.3.15 3.3.16 3.3.17 3.3.18 3.3.19 3.3.20 3.3.21</p> <p>v</p> <p>3.3.22 3.3.23 3.3.24 3.3.25 3.3.26 3.3.27 3.3.28 3.3.29 3.3.30 3.3.31 3.3.32 3.3.33 3.3.34 3.4 3.5 3.6 3.7 3.8 4</p> <p>Laminado............................................................................................................. 23 Laminado impressos ......................................................................................... 24 Laminado de temperados................................................................................. 24 Laminados Especiais ........................................................................................ 25 Lapidados ou Bisotados ................................................................................... 26 Metalizado a vcuo............................................................................................ 27 Opaco .................................................................................................................. 28 Piroltico............................................................................................................... 29 Resistente a balas ............................................................................................. 30 Resistente ao fogo............................................................................................. 31 Resistente a riscos ............................................................................................ 31 Serigrafados ....................................................................................................... 32 Temperado.......................................................................................................... 33</p> <p>Novas aplicaes do vidro.................................................................................... 34 Sistema de Fixao ................................................................................................. 36 Reciclagem do vidro ............................................................................................... 37 Pontos positivos do vidro ..................................................................................... 38 Pontos negativos do vidro .................................................................................... 40 CONCLUSES..................................................................................................41</p> <p>REFERNCIAS BIBLIOGRFICAS .........................................................................42</p> <p>1</p> <p>1 INTRODUOO vidro um dos materiais mais utilizados, hoje, na construo civil. um material extremamente verstil, podendo ser utilizado para decorao quanto para fechamento de fachadas, passando por diviso de ambientes. Este material amado por muitos arquitetos atuais, principalmente pelos arquitetos de edifcios comerciais. Se passarmos hoje em dia, por qualquer grande avenida comercial na cidade de So Paulo, perceberemos que a viso ser a mesma, vidros para todos os lados, no entanto uma esttica muito agradvel de se avistar. Por ter uma histria muito antiga, o vidro muito requisitado em qualquer situao, pois j tem uma lista de sucesso muito extensa, com diversos elogios de todo mundo, indicaes, grandes monumentos famosos. Existem vidros dos mais frgeis (vidros comuns), aos mais resistentes (Vidro prova de bala), fazendo com que a variedade de vidros seja extensa. O vidro pode ser utilizado tanto em decorao, quanto para segurana. Por isso, viemos com a inteno de exibir a histria e os vidros existentes para ns estudantes e futuros arquitetos.</p> <p>2</p> <p>2 OBJETIVOSEste trabalho tem por objetivo mostrar toda a histria, fabricao e tipos de vidro existente no mercado, especificando todos os tipos de vidro e os mais utilizados para cada situao.</p> <p>3</p> <p>3 O VIDRO3.1 A histria do vidroOs povos que disputam a primazia da inveno do vidro so os egpcios e os fencios. Segundo a Enciclopdia Trpico: Os fencios contam que ao voltarem ptria, do Egito, pararam s margens do Rio Belus, e pousaram sacos que traziam s costas, que estavam cheios de natro (carbonato de sdio natural, que eles usavam para tingir l). Acenderam o fogo com lenha, e empregaram os pedaos mais grossos de natro para neles apoiar os vasos onde deviam cozer animais caados. Comeram e deitaram-se, adormeceram e deixaram o fogo aceso. Quando acordaram, em lugar das pedras de natro encontraram blocos brilhantes e transparentes, que pareciam enormes pedras preciosas. Um deles, o sbio Zelu, chefe da caravana, percebeu que sob os blocos de natro, a areia tambm desaparecera. Os fogos foram reacesos, e durante a tarde, uma esteira de liquido rubro e fumegante escorreu das cinzas. Antes que a areia incandescente se solidificasse, Zelu plasmou, com uma faca aquele lquido e com ele formou uma empola to maravilhosa que arrancou gritos de espanto dos mercadores fencios. O vidro estava descoberto. Esta uma verso um tanto lendria. Mas, notcias mais verossmeis, relatam que o vidro surgiu pelo menos 4.000 anos A.C.. Julga-se, entretanto que os egpcios comearam a soprar o vidro em 1.400 A. C., dedicandose, acima de tudo, a produo de pequenos objetos artsticos e decorativos, muitas vezes eram confundidos com belas pedras preciosas.</p> <p>3.2 A composio do vidroSo basicamente feitos por areia, calcrio, barrilha, alumnio, corantes e descorantes. As matrias primas que compem o vidro so os vitrificantes, fundentes e estabilizantes. Os vitrificantes so usados para dar maior caracterstica massa vidrosa e so compostos de anidrido slico, anidrido brico e anidrido fosfrico. Os fundentes possuem a finalidade de facilitar a fuso da massa silcea, e so compostos de xido de sdio e xido de potssio.</p> <p>4</p> <p>Os estabilizantes tm a funo de impedir que o vidro composto de silcio e lcalis seja solvel, e so: xido de clcio, xido de magnsio e xido de zinco. A slica, matria prima essencial, apresenta-se sob a forma de areia; de pedra cinzenta; e encontra-se no leito dos rios e das pedreiras. Depois da extrao das pedras, da areia e moenda do quartzo, procede-se a lavagem a fim de eliminar-se as substncias argilosas e orgnicas; depois o material posto em paneles de matria refratria, para ser fundido. A mistura vitrificvel alcana o estado lquido a uma temperatura de cerca de 1.300 e, quando fundem as substncias no solveis surgem tona e so C retiradas. Depois da afinao, a massa deixada para o processo de repouso, de assentamento, at baixar a 800 para ser talhada. C,</p> <p>3.3 Tipos de vidro3.3.1 Acidado</p> <p>Caractersticas -Esteticamente agradvel -Textura suave ao toque -Difusor da luz -Promove privacidade parcial -Pode ser curvado</p> <p>5</p> <p>Conhecidos com acidados, os vidros trabalhados a cido so objeto do desejo de designers porque aliam a leveza do vidro com a sutileza da translucidez. Sua caracterstica principal oferecer um toque de nobreza a forma de mveis e a decorao de variados ambientes. Os acidados so produzidos a partir de duas formas: artesanal e industrial. Para ambos as tipos de produo, o vidro submetido a uma soluai cida que ataca suas paredes de forma controlada, criando desenhos, texturas ou formas geomtricas. De modo artesanal, estampas e gravuras so desenvolvidas, geralmente, sob encomenda este processo lento e depende da capacidade do artista que o produz. J no sistema industrial, o vidro submetido a equipamentos modernos que permitem a produo em srie de imagens padres ou opacao total, com ou sem adio de cores. Os acidados industrialmente tm as seguintes opes para o mercado: totalmente translcido, coloridos totalmente translcidos, translcidos decorados estes com listas brilhantes, desenhos florais, geomtricos e artsticos padronizados. 3.3.2 Antirreflexo</p> <p>Caractersticas -Transparncia total -Reflete pouca luz -Superfcie higinica e de fcil limpeza -Pode ser curvado</p> <p>6</p> <p>O vidro anti-reflexo encontrado nas verses float com a produo importada da Cebrace e da Schott e impresso de origem nacional por meio da UBV e da SaintGobain Glass. Uma ateno deve ser dada ao antirreflexo impresso: sua instalao deve ser feita prximo ao objeto exposto, uma vez que no detm o mesmo grau de transparncia do vidro float, bastante usado em vitrines. Notoriamente, o antirreflexo atenua os reflexos das luzes natural e artificial porque dotado de uma pelcula invisvel, aplicada no processo de fabricao do vidro. Quando laminado com outro vidro antirreflexo, o produto adquire ligeira opacidade, semelhante ao vidro jateado ou acidado, difundindo a luz e ocultando parcialmente os objetos colocados do lado oposto ao vidro. Seu uso ideal em ambientes que exijam uma boa visibilidade dos objetos, como&gt; lojas, museus, joalherias, zoolgicos e outros locais de exposio. 3.3.3 Antivandalismo</p> <p>Caractersticas -Alta resistncia a impactos -Mantem o vo indevassvel mesmo depois de quebrado -Alto desempenho acstico -Vidro de segurana -Resistente a impactos -Oferece mdia proteo contra o calor solar</p> <p>7</p> <p>-Oferece grande proteo acstica -Pode ser curvado No existe uma frmula nica para a composio de vidro antivandalismo. Para obter mais resistncia, alguns fabricantes utilizam vidros temperados ou semitemperados em sua fabricao. Nos casos de quebras propositadamente de m f, o uso desse vidro conserva o fechamento do vo enquanto se aguarda a sua reposio; os pedaes no se desprendem o que evita o roubo e a deteriorao dos objetos pelas intempries. Produtores brasileiros tem se utilizado de inovadoras composies, adicionando, por exemplo, grades metlicas perfuradas entre laminas de vidro ou filmes feitos com plsticos de alta resistncia. Dada a sua versatilidade, como planos ou curvos, os vidros antivandalismo so recomendados para vitrines de lojas de alto luxo (relojoaria, bijuterias, joalherias e ourivesarias), casas de armas, cadeias, casas de cmbio, hospitais psiquitricos, cabines de pedgio, jaulas envidraadas para animais selvagens, entre outros. 3.3.4 Aramado</p> <p>Caractersticas -Mantm o vo indevassvel mesmo depois de quebrado -Difusor de luz -Promove privacidade parcial -Vidro de segurana</p> <p>8</p> <p>-Resistente a impactos Pioneiro no uso como vidro de segurana na construo civil e na decorao dos ambientes, o aramado um vidro impresso. Disponvel em vrias cores possui uma rede metlica de malha quadrada que lhe confere a qualidade da segurana, de acordo com a ABNT. Em caso de quebra, o vidro fica preso rede metlica, deixando o vo indevassvel at a sua substituio. A rede metlica tem tambm a funo de segurar os estilhaos de vidro na hora do rompimento da placa, inibindo invases e evitando o ferimento de pessoas no momento da quebra. 3.3.5 Autolimpante</p> <p>Caractersticas -Mantem-se limpo -Elimina a sujeira com a chuva ou jatos dgua -Pode fazer parte de insulados ou duplas Dois sistemas inspirados na nanotecnologia e na natureza so hoje os responsveis pela manuteno da autolimpeza de muitas obras envidraadas: o hidrfilo e o hidrfibo, respectivamente. A inglesa Pilkington desenvolveu o sistema hidrfilo. N...</p>