tigre - aquatherm®

Download Tigre - Aquatherm®

Post on 07-Apr-2016

232 views

Category:

Documents

6 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Linha Predial Aquatherm Tubos e Conexes de Cpvc

TRANSCRIPT

  • AQUATHERMC A T L O G O T C N I C O

    PREDIAL

  • 4

    Aquatherm

    Por que a TIGRE escolheu oSistema Aquatherm para o Brasil?

    1. A junta mais simples de se executar: apenas2 etapas

    A junta soldvel a frio por meio de adesivo to simples e fcil de

    executar que no requer mo de obra especializada, ferramentas

    e equipamentos que necessitem de treinamento espec% co nem

    qualquer fonte de energia.

    Veja instrues de como executar uma junta soldvel nas % guras 1

    e 2 da pgina 6.

    2. Tem resistncia superior mxima temperatura exigida pela norma brasileira

    O Sistema Aquatherm fabricado de acordo com as

    especi% caes da norma americana ASTM D-2846,

    que superam as exigidas pela norma brasileira

    NBR7198. O Sistema Aquatherm recomendado

    para operar na temperatura de servio de 80C,

    conduzindo gua sob presso de 60 m.c.a. e

    suportando temperaturas ocasionais de 95C.

    3. Atxico e livre de corroso

    Produzido com material totalmente atxico, o Sistema Aquatherm

    no transmite gosto nem odor gua. Alia-se a isso alta resistncia aos

    ataques qumicos das substncias contidas na gua, como cloro, ferro,

    : or, etc., proporcionando durabilidade e uma instalao livre de corroso.

    Perda trmica em tubulaes de CPVC sem isolamento

    4. Tem uma linha completa de tubos e conexes

    O Sistema Aquatherm est

    disponvel nos dimetros de

    DN 15, 22, 28, 35, 42, 54, 73,

    89 e 114, o que lhe permite

    atender a qualquer projeto/obra

    de instalaes prediais de gua

    quente, tanto para aquecimentos

    individuais como coletivos.

    5. Dispensa isolamento trmico

    Devido a sua baixssima condutividade trmica, os Tubos e Conexes

    de CPVC Aquatherm tm a menor perda de calor entre os materiais

    utilizados em instalaes prediais de gua quente, mantendo a

    temperatura da gua por muito mais tempo.

    Estudos realizados pela PUC de Minas Gerais (Grupo de Estudos

    em Energia) comprovaram que o Sistema Aquatherm tem uma perda

    trmica desprezvel em trechos de tubulaes de CPVC sem isolamento.

    A concluso que se pode tirar analisando o gr% co a seguir que o

    Sistema Aquatherm dispensa qualquer tipo de isolante trmico em

    trechos de tubulao de at 20 metros de extenso.

    Veja no gr% co que a perda de temperatura em

    uma tubulao de 20 metros com uma vazo de

    8 litros/minutos de apenas 0,7 C.

    Para a avaliao das perdas trmicas das

    tubulaes de CPVC, foram realizados ensaios

    no Centro Brasileiro para Desenvolvimento da

    Energia Solar Trmica (GREEN Solar), com sede

    na PUC Minas.

  • 5

    Aquatherm

    6. Sem incrustaes

    Devido a sua superfcie interna extremamente lisa e sua excelente

    resistncia qumica, o Sistema Aquatherm no sofre incrustaes

    internas, garantindo uma instalao sem redues de dimetro

    ao longo do tempo.

    7. A melhor soluo tcnica para os efeitos da dilatao trmica

    Os sistemas prediais de gua quente - independentemente

    dos materiais utilizados - so submetidos a grandes variaes

    de temperaturas, que, inevitavelmente, provocam contraes e

    dilataes trmicas dos materiais.

    A TIGRE tem a exclusiva Junta de Expanso Aquatherm TIGRE

    - comprovadamente a melhor e mais e% caz soluo tcnica para

    eliminar os efeitos causados pelas contraes e dilataes trmicas

    (veja instrues de instalao e montagem na pgina 12).

    Caractersticas tcnicas

    A matria-prima utilizada para a fabricao do Sistema Aquatherm

    o CPVC (Policroreto de Vinila Clorado), que um material com

    todas as propriedades inerentes ao PVC, somando-se a resistncia

    conduo de lquidos sob presses a altas temperaturas.

    A obteno do CPVC feita de maneira semelhante a do PVC. Sua

    principal diferena o aumento da participao percentual de cloro

    no composto das matrias-primas, e seu desenvolvimento resultou

    da necessidade de obter-se um termoplstico que pudesse ser

    usado, tambm, para conduo de gua quente.

    O CPVC teve sucesso absoluto em vrios pases da Europa e tambm

    nos Estados Unidos da Amrica, onde possui grande aceitao e j

    vem sendo utilizado desde 1960.

    Atende aos requisitos prescritos na norma ABNT NBR 15884 / 2010:

    Sistemas de tubulaes plsticas para instalaes prediais de gua

    quente e fria Policloreto de vinila clorado (CPVC).

    O dimensionamento do Sistema Aquatherm obedeceu a um

    critrio racional, com base nas exigncias da norma internacional

    ASTM (American Society for Testing and Materials) D- 2846.

    Esse dimensionamento assegura excelente desempenho do

    Sistema Aquatherm, proporcionando um alto grau de segurana

    s instalaes, mesmo quando sujeitas a condies extremas de

    presso e temperatura.

    O Sistema Aquatherm est dimensionado para trabalhar com as

    seguintes presses de servio:

    6,0 kgf/cm ou 60 m.c.a. conduzindo gua a 80C;

    24,0 kgf/cm ou 240 m.c.a. conduzindo gua a 20C.

    Junta de Expanso Aquatherm

  • 6

    Aquatherm

    Instrues de instalao

    Como executar uma junta soldvel

    Faa uma rpida verificao antes de iniciar a operao de solda

    e observe o ajuste entre a ponta do tubo e a bolsa da conexo.

    necessrio que exista uma interferncia entre as peas, pois

    no se estabelece a soldagem se no ocorrer presso entre as

    superfcies que esto sendo unidas.

    Passo 1: Com o auxlio de um pincel, aplique o Adesivo Aquatherm ou

    o Adesivo Especial TIGRE na conexo e em seguida na ponta do tubo.

    Passo 2: Encaixe de uma vez as extremidades a serem soldadas, d

    de volta e mantenha a junta sob presso manual por aproximadamente

    30 segundos, at que o adesivo adquira resistncia.

    Notas

    1) Eventuais excessos de adesivo devem ser retirados com uma estopa.

    2) No inter% ra na junta soldada nos primeiros 15 minutos. Espere

    por 24 horas para fazer o teste de presso.

    OBS.: A embalagem do Adesivo Aquatherm 65 g j vem com um

    pincel aplicador.

    O gr% co a seguir apresenta a variao de presso de servio do

    Sistema Aquatherm em funo da temperatura, e poder tambm

    ser consultado para outras faixas de trabalho.

    Normas tcnicas de referncia

    ABNT NBR 15884/2010: Sistemas de tubulaes plsticas para instalaes prediais de gua quente e fria Policloreto de

    vinila clorado (CPVC);

    ASTM (American Society for Testing and Materials) D-2846; ASTM (American Society for Testing and Materials) F-439 (para

    os dimetros de 73 a 114) - para conexes;

    ASTM (American Society for Testing and Materials) F-442 (para os dimetros de 73 a 114) - para tubos;

    NBR 7198 - Projeto e execuo de instalaes prediais de gua quente;

    AQUATHERM

    Recomendado para linhas de recalque

    em edifcios de grande porte.

    Suporta at 240 m.c.a. a 20C.

  • 7

    Aquatherm

    Como executar uma junta roscvel

    Numa instalao de gua quente com o Sistema Aquatherm ser

    necessrio fazer a interligao com peas metlicas, como registros

    de gaveta, de presso, de esfera, pontos terminais de utilizao,

    entradas e sadas de aquecedores, etc. Nesses casos ser necessrio

    realizar juntas roscveis.

    Veja o exemplo de instalao a seguir, onde esto sendo acoplados

    o Conector Aquatherm, um registro base de presso e o T

    Misturador de Transio Aquatherm:

    Aplique a % ta no sentido da rosca.

    Aps a aplicao do material vedante, rosqueie as peas.

    Importante:

    - Sempre limpe as superfcies das roscas antes de aplicar o produto,

    deixando-as secas e isentas de gorduras e oxidaes.

    - A Fita Veda Rosca TIGRE suporta a temperatura mxima de 250C,

    portanto pode ser utilizada tanto para gua fria quanto para gua

    quente, em roscas de PVC ou metlicas.

    Misturadores Aquatherm

    Para ligaes onde seja necessrio promover a mistura de gua

    quente e fria, deve ser usado o T Misturador de Transio ou o T

    Misturador de CPVC Soldvel.

    O T Misturador de Transio deve ser instalado entre os registros

    de presso de gua fria e quente para promover a mistura da gua,

    utilizando-se Fita Veda Rosca nas roscas de metal.

    O T Misturador de CPVC Soldvel apenas leva adesivo nas juntas

    para fazer a soldagem, contudo em ambos os lados do T Misturador

    Soldvel de CPVC deve ser utilizado o registro de CPVC para gua quente.

    No ponto de entrada de gua fria do T Misturador (ambos) deve

    existir um trecho de pelo menos um metro de comprimento de tubo de CPVC.

    Nota: O trecho de CPVC instalado antes do T Misturador visa proteger

    a instalao de gua fria de um eventual retorno de gua quente.

  • 8

    Aquatherm

    Esquema de montagem/instalao

    Com T Misturador de Transio

    Com T Misturador de CPVC Soldvel

    Isolamento trmico

    O uso de isolamento trmico em outros tipos de tubulao se faz necessrio para diminuir o efeito de troca de calor das tubulaes

    com o meio ambiente, mantendo, conseqentemente, e por

    maior tempo, a temperatura da gua aquecida.

    No caso dos produtos Aquatherm essas trocas de calor atingem valores mnimos, tendo como causa a baixa condutividade

    trmica* do CPVC.

    Nas instalaes executadas com tubos e conexes Aquatherm, a gua quente chega mais rpido ao ponto considerado, em

    funo da pequena perda de calor ao longo da tubulao.

    Para residncias:

    O uso do isolamento trmico no CPVC geralmente recomendado nos casos em que as distncias entre o

    aquecedor e o ponto de consumo estiverem acim