termometria, dilatação térmica e transmissão do 6 - termometria,...

Click here to load reader

Post on 08-Nov-2018

220 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • Termometria, Dilatao

    trmica e transmisso do

    calor

    Fundamentos de Fsica

    Turma 2016/01

    Professora Camila Paese

  • Temperatura, calor e equilbrio trmico

    Todos os corpos so compostos de tomos, que so partculas microscpicas

    de matria em constante agitao. A correta compreenso de que a

    temperatura de um corpo est intimamente ligada ao movimento das

    partculas que o compem foi um dos passos mais importantes para a

    construo da base da teoria sobre o calor.

    A temperatura de um corpo uma medida do grau de agitao

    de seus tomos ou molculas.

    Em termos mais precisos, a temperatura uma grandeza fsica que mede,

    de maneira indireta, a energia cintica mdia (ou energia trmica) das

    partculas de um corpo ou de um sistema.

  • Temperatura, calor e equilbrio trmico

    O calor a energia trmica em trnsito.

    Ao fenmeno de dois corpos com diferentes temperaturas trocarem calor

    at uma temperatura comum damos o nome de equilbrio trmico.

  • Termmetros e escalas termomtricas

    Para medirmos quantitativamente a temperatura de um corpo ou de um

    sistema, necessitamos de um instrumento de medida preciso: o termmetro.

  • Termmetros e escalas termomtricas

  • Termmetros e escalas termomtricas

  • Termmetros e escalas termomtricas

  • Transformaes entre escalas termomtricas

    A temperatura do gelo fundente corresponde, na escala Celsius, a 0C e, na escala

    Fahrenheit, a 32 F;

    A temperatura da gua em ebulio corresponde, na escala Celsius, a 100C e, na

    escala Fahrenheit, a 212F;

    A escala Fahrenheit apresenta 180 divises correspondentes a 100 divises na

    escala Celsius.

  • Transformaes entre escalas termomtricas

    Ser que existe uma medida de temperatura na qual se leia o mesmo valor em ambas as escalas, Celsius e Fahrenheit?

  • Dilatao trmica de slidos

    De modo geral, os corpos, ao serem aquecidos, tm suas dimenses

    aumentadas. A esse fenmeno damos o nome de dilatao trmica.

    O caso inverso, chamado de contrao trmica, acontece quando se

    diminui a temperatura de um corpo.

  • Dilatao trmica linear

  • Dilatao trmica superficial

    Sendo

  • Dilatao trmica volumtrica

    Sendo

  • Exemplo:

    Um recipiente de cobre tem capacidade de 2000 cm a 0C. Calcule

    sua capacidade a 100C. Dado: coeficiente de dilatao linear do

    cobre igual a 17. 10-6 C-1.

  • Dilatao trmica de lquidos

    Os lquidos, em geral, se dilatam mais que os slidos;

    O lquido sempre estar contido em um recipiente;

    Assim, para calcularmos a dilatao de um lquido temos:

    Dilatao do recipiente:

    Dilatao aparente:

    Dilatao real:

  • Exemplo:

  • Transmisso do calor

  • Transmisso do calor por conduo

  • Transmisso do calor por conveco

    Ao utilizarmos a chama do fogo para aquecer uma panela contendo gua,

    podemos observar um movimento de sobe e desce da massa lquida dentro da

    panela. Isso ocorre porque a poro do lquido mais prxima da chama aquecida,

    dilata-se e, consequentemente, tem a sua densidade diminuda. Assim, as

    camadas do lquido mais aquecidas (menos densas) se movem para a parte

    superior da panela, enquanto as camadas mais frias (mais densas) se deslocam

    para a regio inferior da panela. Se mantivermos a chama acesa, o processo de

    circulao das correntes de lquido mais quentes, que sobem, e das mais frias, que

    descem, continuar. Tais correntes so denominadas correntes de conveco.

  • Transmisso do calor por radiao

    O calor se propaga atravs de

    ondas eletromagnticas.

  • Obrigada pela ateno!

    BONS ESTUDOS !!!

View more