telef´nica brasil s.a. brasileira no exterior, pelo itau bba usa securities, inc., morgan...

Click here to load reader

Download Telef´nica Brasil S.A. Brasileira no exterior, pelo Itau BBA USA Securities, Inc., Morgan Stanley

Post on 01-Dec-2018

225 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • 1

    ANNCIO DE INCIO DA OFERTA PBLICA DE DISTRIBUIO PRIMRIA DE AES ORDINRIAS E PREFERENCIAIS DE EMISSO DA

    Telefnica Brasil S.A.Companhia Aberta de Capital Autorizado - Cdigo CVM n 17671

    CNPJ/MF n 02.558.157/0001-62 - NIRE: 35.300.158.814Avenida Engenheiro Luiz Carlos Berrini, n 1.376, Cidade Mones, CEP 04571-936, So Paulo - SP

    Cdigo ISIN das Aes Ordinrias: BRVIVTACNOR0

    Cdigo ISIN das Aes Preferenciais: BRVIVTACNPR7

    Cdigo de Negociao das Aes Ordinrias e Preferenciais na BM&FBOVESPA S.A. Bolsa de Valores, Mercadorias e Futuros: VIVT3 e VIVT4

    R$ 15.812.000.038,80

    1. OFERTA GLOBAL A Oferta Global compreende, simultaneamente (a) a oferta

    brasileira (Oferta Brasileira), que consiste na oferta pblica de distribuio primria de Aes no Brasil (exceto sob a forma de ADS) (Aes da Oferta Brasileira), em mercado de balco no organizado, mediante registro na CVM e em conformidade com a Instruo CVM 400, a ser coordenada pelos Coordenadores da Oferta Brasileira, com a participao de determinadas instituies financeiras integrantes do sistema de distribuio de valores mobilirios (Coordenadores Contratados), e de determinadas instituies consorciadas autorizadas a operar no mercado de capitais brasileiro, credenciadas junto BM&FBOVESPA S.A. - Bolsa de Valores, Mercadorias e Futuros (BM&FBOVESPA e Instituies Consorciadas,

    respectivamente, e as Instituies Consorciadas em conjunto com os Coordenadores da Oferta Brasileira e os Coordenadores Contratados, Instituies Participantes da Oferta Brasileira), sendo que essas ltimas participaro da Oferta Brasileira para efetuar esforos de colocao das Aes da Oferta Brasileira exclusivamente junto aos Investidores No Institucionais (conforme definidos no item 5 abaixo) e, simultaneamente, sero tambm realizados esforos de colocao das Aes da Oferta Brasileira no exterior, pelo Itau BBA USA Securities, Inc., Morgan Stanley & Co. LLC, Merrill Lynch, Pierce, Fenner & Smith Incorporated, Santander Investment Securities Inc., Banco Bradesco BBI S.A., Banco BTG Pactual S.A. - Cayman Branch, Barclays Capital Inc., BBVA Securities Inc., Credit Suisse Securities (USA) LLC, J.P. Morgan Securities LLC, Goldman, Sachs & Co., HSBC Securities (USA) Inc.,

    Nos termos do disposto na Instruo da Comisso de Valores Mobilirios (CVM) n 358, de 3 de janeiro de 2002, conforme alterada, e no artigo 52 da Instruo da CVM n 400, de 29 de dezembro de 2003, conforme alterada (Instruo CVM 400), a TELEFNICA BRASIL S.A. (Companhia), em conjunto com o BANCO ITA BBA S.A. (Ita BBA ou Coordenador Lder), o BANCO MORGAN STANLEY S.A. (Morgan Stanley), o BANK OF AMERICA MERRILL LYNCH BANCO MLTIPLO S.A. (BofA Merrill Lynch ou Agente Estabilizador), o BANCO SANTANDER (BRASIL) S.A. (Santander), o BANCO BRADESCO BBI S.A. (Bradesco BBI), o BANCO BTG PACTUAL S.A. (BTG Pactual), o BANCO DE INVESTIMENTOS CREDIT SUISSE (BRASIL) S.A. (Credit Suisse), o BANCO J.P. MORGAN S.A. (J.P. Morgan), o GOLDMAN SACHS DO BRASIL BANCO MLTIPLO S.A. (Goldman Sachs), e o HSBC BANK BRASIL S.A. - BANCO MLTIPLO (HSBC e, em conjunto com o Ita BBA, o Morgan Stanley, o BofA Merril Lynch, o Santander, o Bradesco BBI, o BTG Pactual, o Credit Suisse, o J.P. Morgan e o Goldman Sachs, os Coordenadores da Oferta Brasileira), vm a pblico comunicar o incio da oferta pblica de distribuio primria de 121.711.240 (cento e vinte e um milhes, setecentas e onze mil, duzentas e quarenta) aes ordinrias (Aes Ordinrias) e 236.803.588 (duzentas e trinta e seis milhes, oitocentas e trs mil, quinhentas e oitenta e oito) aes preferenciais de emisso da Companhia (Aes Preferenciais e, em conjunto com as Aes Ordinrias, Aes), todas nominativas, escriturais, sem valor nominal, livres e desembaraadas de quaisquer nus ou gravames, inclusive sob a forma de American Depositary Shares (ADS), representadas por American Depositary Receipts (ADR) por meio de um aumento do capital social da Companhia, que observar a atual proporo entre aes ordinrias e aes preferenciais de emisso da Companhia, conforme previsto no Estatuto Social da Companhia, a serem emitidas pela Companhia dentro do limite de capital autorizado previsto em seu Estatuto Social, com prioridade de subscrio para os Acionistas, nos termos da Oferta Prioritria, a ser realizada simultaneamente no Brasil e no exterior (Oferta Global) ao preo de R$38,47 (trinta e oito reais e quarenta e sete centavos) por Ao Ordinria (Preo por Ao Ordinria) e R$47,00 (quarenta e sete reais) por Ao Preferencial (Preo por Ao Preferencial), perfazendo o total de

  • 2

    Scotia Capital (USA) Inc. e UBS Securities LLC (em conjunto, Coordenadores da Oferta Internacional e, em conjunto com os Coordenadores da Oferta Brasileira, Coordenadores da Oferta Global) (i) nos Estados Unidos da Amrica, em oferta registrada na Securities and Exchange Commission (SEC) em conformidade com o disposto no U.S. Securities Act of 1933, conforme alterada (Securities Act); e (ii) nos demais pases, exceto o Brasil e os Estados Unidos da Amrica, para investidores institucionais e outros investidores que sejam pessoas no residentes nos Estados Unidos da Amrica ou no constitudos de acordo com as leis daquele pas (non US persons), observada a legislao aplicvel no pas de domiclio de cada investidor no residente no Brasil que invista no mercado financeiro e de capitais brasileiro de acordo com os mecanismos de investimento da Lei n 4.131, de 03 de setembro de 1962, conforme alterada (Lei 4.131), ou da Resoluo do Conselho Monetrio Nacional (CMN) n 4.373, de 29 de setembro de 2014, que substituiu integralmente, a partir de 30 de maro de 2015, a Resoluo do CMN n 2.689, de 26 de janeiro de 2000 (Resoluo 4.373) e da Instruo CVM n 560, de 27 de maro de 2015, que substituiu integralmente a Instruo CVM n 325, de 27 de janeiro de 2000 (Instruo CVM 560 e Investidores Estrangeiros, respectivamente); e (b) a oferta pblica de distribuio primria de Aes Preferenciais, no exterior, sob a forma de ADS, representadas por ADR (Aes da Oferta Internacional e, em conjunto com as Aes da Oferta Brasileira, Aes da Oferta Global), em conformidade com o Securities Act, sob a coordenao dos Coordenadores da Oferta Internacional e com a participao de determinadas instituies financeiras contratadas (Oferta Internacional).

    Nos termos do artigo 14, pargrafo 2, da Instruo CVM 400, a quantidade de Aes inicialmente ofertada (sem considerar o Lote Suplementar, conforme definido abaixo), a critrio da Companhia, em comum acordo com o Coordenador Lder, o Morgan Stanley, o BofA Merrill Lynch e o Santander, foi acrescida em 7,66% (sete inteiros e sessenta e seis centsimos por cento) do total de Aes da Oferta Global inicialmente ofertadas (excludo o Lote Suplementar), ou seja, em 25.514.988 Aes, sendo 8.662.015 Aes Ordinrias e 16.852.973 Aes Preferenciais, inclusive sob a forma de ADS, representadas por ADR, conforme indicado no Prospecto Definitivo da Oferta Pblica de Distribuio Primria de Aes Ordinrias e Preferenciais de Emisso da Telefnica Brasil S.A. (Prospecto Definitivo), nas mesmas condies e no mesmo preo das Aes inicialmente ofertadas, respeitado o limite legal de 2/3 (dois teros) de aes preferenciais de emisso da Companhia (Aes Adicionais ou ADS Adicionais, conforme o caso, e, em conjunto, Lote Adicional).

    Nos termos do artigo 24 da Instruo CVM 400, a quantidade de Aes da Oferta Global inicialmente ofertada (sem considerar as Aes Adicionais e as Aes alocadas para SP Telecomunicaes Participaes Ltda., Telefnica S.A., Telefnica Internacional S.A. e Telefonica Chile S.A. (Acionistas Controladores) no mbito da Oferta Prioritria) poder ser acrescida em at 10% (dez por cento), exclusivamente em aes preferenciais, ou seja, em at 6.282.660 Aes Preferenciais, inclusive sob a forma de ADS, representadas por ADR, nas mesmas condies e no mesmo preo das Aes da Oferta Global inicialmente ofertadas (Aes Suplementares ou ADS Suplementares, conforme o caso, e, em conjunto, Lote Suplementar), conforme (i) opo de distribuio de Aes Suplementares (Opo de Aes Suplementares), deduzidas as ADS Suplementares que forem objeto de exerccio da Opo de ADS Suplementares (conforme abaixo definido), outorgada pela Companhia ao Agente Estabilizador; e (ii) opo de distribuio de ADS Suplementares, conforme opo outorgada pela Companhia ao Merrill Lynch, Pierce, Fenner & Smith Incorporated (Opo de ADS Suplementares e, em conjunto com a Opo de Aes Suplementares, apenas Opo de Lote Suplementar), em ambos os casos, para atender eventual excesso de demanda que venha a ser constatado no decorrer da Oferta Global. Conforme disposto no Contrato de Colocao (conforme definido abaixo), o Lote Suplementar no ser objeto de garantia firme de liquidao por parte dos Coordenadores da Oferta Brasileira. O Agente Estabilizador ter o direito exclusivo, a partir da data de assinatura do Contrato de Colocao e do Contrato de Colocao Internacional, respectivamente, inclusive, e por um perodo de at 10 (dez) dias contados da data de divulgao deste Anncio de Incio, inclusive, de exercer, respectivamente, a Opo de Aes Suplementares e a Opo de ADS Suplementares, no todo ou em parte, em uma ou mais vezes, aps notificao aos demais Coordenadores da Oferta Global, desde que a deciso de sobrealocao das Aes da Oferta Global no momento em que foi fixado o Preo por Ao Preferencial tenha sido tomada em comum acordo com o Coordenador Lder, o Morgan Stanley e o Santander.

    As Aes da Oferta Global alocadas Oferta Brasileira (considerando o Lote Adicional e sem considerar o Lote Suplementar) sero colocadas pelas Instituies Participantes da Oferta Brasileira de forma individual e no solidria, em regime de garantia firme de liquidao a ser prestada pelos Coordenadores da Oferta Brasileira, com relao s Aes da Oferta Global alocadas Oferta Brasileira, nos termos do Contrato de Colocao. As Aes da Oferta Brasileira que forem objeto de esforos d