sofia bauer - mobishout!mobi-shout.com/mobishout/zenenergy/shout017/shout017_.pdf · universidade...

Download Sofia Bauer - mobiSHOUT!mobi-shout.com/mobishout/zenenergy/shout017/shout017_.pdf · Universidade Federal…

Post on 15-Dec-2018

213 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

Sofia Bauer Mdica formada pela

Universidade Federal de Minas Gerais em 1983,

Especialista em Psiquiatria, membro da ABP.

Hipnoterapeuta com formao em Hipnoterapia Ericksoniana em Phoenix,

EUA, em 1992.

Cursos de EMDR com Francine Shapiro, EUA, e

professora de Hipnoterapia em vrias formaes por

todo o Brasil. Autora de 6 livros sobre Hipnose e Hipnoterapia.

Sofia Bauer 19, 20 e 21 ABRIL 2013

ISCSP Plo Universitrio da Ajuda Lisboa

Inscries/Informaes

Tmvl: 964 596 010 / 938 981 568 / 917 847 754 www.Hipnoterapia.Pro/SofiaBauer

Curso Inicial de

Hipnose Ericksoniana

Programa Conceitos e Indues

Bsicas Terapia sob Medida

Tcnicas de Hipnose e Metforas

Teoria e Tcnicas de Regresso e Progresso

(oferta do Livro Manual de Hipnoterapia Ericksoniana

por cada inscrio)

Maro 2013 ZEN ENERGY 3

Saber afastar da nossa mente o que nos faz mal uma grande virtude, diz Vanda Neves, no seu livro Marketing da Mulher. Eu iria mais longe e afirmar que, embora difcil, evitar e ignorar os pequenos desagrados da vida, as situaes adversas quotidianas com as quais podemos vir a ser confrontados uma obrigao, pois tal exerccio representaria um verdadeiro descanso e um alvio total para a nossa mente e esprito.

Estatsticas apontam que por cada notcia positiva existem cerca de 17 negativas, uma grande desproporo que nos pode aniquilar por completo e esmagar o nosso desejo de vida, se no estivermos atentos. A maioria das pessoas fica viciada em narrativas nega-tivas que so ouvidas ao longo do dia, muitas vezes sem sequer se dar conta disso. Se bem verdade que as notcias negativas nos levam a pensar e a pr tudo em perspectiva, tambm de conscien-cializar que elas podem travar-nos, ferir a nossa sensibilidade e paralisar a nossa inteligncia. Analisando melhor este fen-meno, cheguei concluso de que somos afogados pelas ms notcias e, mesmo assim, numa iniciativa masoquista e, s vezes, de curiosidade mrbida, continu-

amos a querer saber o que acontece de mal no mundo, na Europa, em Portugal, na nossa empresa, nas nossas famlias, como se quisssemos adivinhar para onde se dirige a onda malfica e descobrir o momento quando o desastre vai tambm bater nossa porta.

Acha que tanta informao negativa podia vir a ter alguma incidncia po-sitiva na nossa vida? Segundo a minha experincia, no. Porm, temos a im-presso do que seremos mais protegidos ao saber o que acontece nossa volta e imaginamos que se formos atentos e envolvidos, conseguiremos desviar o mal, alm de o compreender e domesti-car ou evitar a tempo. Mas, no s no compreendemos bem porque que o cu nos cai em cima, mas sentimo-nos de tal maneira esmagados pelos acontecimentos que nos tocam de perto ou de longe que ficamos num estado aparente de apatia, convencidos de que nada nem ningum jamais podero resolver tais problemas graves, muito menos ns prprios.

primordial pensarmos naquilo que queremos em vez de pensarmos naquilo que no queremos e evitar os pensamentos negativos e, se possvel, as

notcias negativas. Especialistas explicam que estes nos trazem sempre aquilo que no queremos e afirmam que um pensa-mento positivo pode anular centenas de pensamentos negativos. A qualidade dos nossos pensamentos determinar a qualidade da nossa vida. O desafio descobrir a boa notcia que ir desen-cadear pensamentos positivos.

muito importante manter um con-trolo dirio dos nossos pensamentos, conseguindo desta maneira conhecer a razo da nossa infelicidade. Pessoal-mente, tento sempre abandonar os meus pensamentos mais susceptveis de serem negativos, afastando-os da minha men-te e eliminando-os, custe o que custar, substituindo-os com outros que me agra-dam. Acredite, funciona mesmo. Tente experimentar, ficar surpreendido.

Somos invadidos por 60 mil pen-samentos todos os dias, muitos deles bem negativos, resultado da nossa sociedade moderna em que vivemos e, se persistirmos num ou outro pensa-mento com intensidade, seja ele positivo ou negativo, ele acaba sempre por se manifestar. Seremos sempre dominados pelas notcias e acontecimentos negati-vos, tal como pela nossa mente se no formos capazes de a dominar e controlar, alimentando-a com pensamentos nobres e alegres e conduzindo-a por caminhos equilibrados e benficos.

Elisabeth BarnardDirectora

A arte de ser felizeditorial

Maro 2013 ZEN ENERGY 3

Saber afastar da nossa mente o que nos faz mal uma grande virtude, diz Vanda Neves, no seu livro Marketing da Mulher. Eu iria mais longe e afirmar que, embora difcil, evitar e ignorar os pequenos desagrados da vida, as situaes adversas quotidianas com as quais podemos vir a ser confrontados uma obrigao, pois tal exerccio representaria um verdadeiro descanso e um alvio total para a nossa mente e esprito.

Estatsticas apontam que por cada notcia positiva existem cerca de 17 negativas, uma grande desproporo que nos pode aniquilar por completo e esmagar o nosso desejo de vida, se no estivermos atentos. A maioria das pessoas fica viciada em narrativas nega-tivas que so ouvidas ao longo do dia, muitas vezes sem sequer se dar conta disso. Se bem verdade que as notcias negativas nos levam a pensar e a pr tudo em perspectiva, tambm de conscien-cializar que elas podem travar-nos, ferir a nossa sensibilidade e paralisar a nossa inteligncia. Analisando melhor este fen-meno, cheguei concluso de que somos afogados pelas ms notcias e, mesmo assim, numa iniciativa masoquista e, s vezes, de curiosidade mrbida, continu-

amos a querer saber o que acontece de mal no mundo, na Europa, em Portugal, na nossa empresa, nas nossas famlias, como se quisssemos adivinhar para onde se dirige a onda malfica e descobrir o momento quando o desastre vai tambm bater nossa porta.

Acha que tanta informao negativa podia vir a ter alguma incidncia po-sitiva na nossa vida? Segundo a minha experincia, no. Porm, temos a im-presso do que seremos mais protegidos ao saber o que acontece nossa volta e imaginamos que se formos atentos e envolvidos, conseguiremos desviar o mal, alm de o compreender e domesti-car ou evitar a tempo. Mas, no s no compreendemos bem porque que o cu nos cai em cima, mas sentimo-nos de tal maneira esmagados pelos acontecimentos que nos tocam de perto ou de longe que ficamos num estado aparente de apatia, convencidos de que nada nem ningum jamais podero resolver tais problemas graves, muito menos ns prprios.

primordial pensarmos naquilo que queremos em vez de pensarmos naquilo que no queremos e evitar os pensamentos negativos e, se possvel, as

notcias negativas. Especialistas explicam que estes nos trazem sempre aquilo que no queremos e afirmam que um pensa-mento positivo pode anular centenas de pensamentos negativos. A qualidade dos nossos pensamentos determinar a qualidade da nossa vida. O desafio descobrir a boa notcia que ir desen-cadear pensamentos positivos.

muito importante manter um con-trolo dirio dos nossos pensamentos, conseguindo desta maneira conhecer a razo da nossa infelicidade. Pessoal-mente, tento sempre abandonar os meus pensamentos mais susceptveis de serem negativos, afastando-os da minha men-te e eliminando-os, custe o que custar, substituindo-os com outros que me agra-dam. Acredite, funciona mesmo. Tente experimentar, ficar surpreendido.

Somos invadidos por 60 mil pen-samentos todos os dias, muitos deles bem negativos, resultado da nossa sociedade moderna em que vivemos e, se persistirmos num ou outro pensa-mento com intensidade, seja ele positivo ou negativo, ele acaba sempre por se manifestar. Seremos sempre dominados pelas notcias e acontecimentos negati-vos, tal como pela nossa mente se no formos capazes de a dominar e controlar, alimentando-a com pensamentos nobres e alegres e conduzindo-a por caminhos equilibrados e benficos.

Elisabeth BarnardDirectora

A arte de ser felizeditorial

sumrio edio 50 n Maro 2013ABRA A SUA ALMADuas histrias que nos mostram que na vida tudo possvel

ENTREVISTA COM MARISA CRUZNesta entrevista, a apresentadora de televiso fala sobre a importncia da famlia na sua vida e no livro que editou

ENTREVISTA COM VTOR J. F. RODRIGUESO psiclogo apresenta o seu mais recente livro Tranquila-Mente

TERAPIA VIRTUALComo ser popular numa rede social

ARTIGO DE OPINIO: ARRISCA-TE A VIVERA importncia de manter afastados os pensamentos negativos da nossa mente

ESVAZIAR A MENTEOferea a si mesmo momentos de paz e serenidade

SER VIVER, VIVER SERViva e seja feliz

ENTREVISTA COM DULCE REGINAA astrloga krmica e terapeuta de vidas passadas fala da sua vinda a Portugal

H SEMPRE UM OUTRO CAMINHO NOSSA ESPERAA atitude de aceitao perante a vida fundamental

MUNDO PERFEITOUma oportunidade para recomear

ENTREVISTA COM PAULO VIEIRA DE CASTROO escritor e coach fala sobre o seu novo livro Gesto Samurai Servir para Liderar

'DAR A VOLTA POR CIMA' COM INTELIGNCIADe coitado a soberano

A LEI DA CAUSA E DO EFEITOO que semeamos agora, colheremos mais tarde

FINANASComo ultrapassar o stress financeiro

O PODER DAS PALAVRASAdquira mestria dos seus pensamentos e das suas palavras

ADOPTAR UMA CRIANAExercer o papel de me e pai de uma outra forma

QUANDO A VIDA SE TORNA MUITO DURALiberte o heri que h dentro de si

ITC VERTEBRAL, CLNICA DA COLUNA VERTEBRALTratamento dos problemas da coluna sem recorrer cirurgia

H MAGIA DENTRO DE MIMEra uma vez um ser maravilhoso e nico: A Mulher

MEDITHAI CENTRO TAILANDS DE MASSAGENS TERAPUTICASUma viagem sensorial at Tailndia

CACAUSementes que vieram do cu

PREPARAO PARA O NASCIMENTOAbraar o nosso filho