Sobre os Classicos - Jorge Luis Borges

Download Sobre os Classicos - Jorge Luis Borges

Post on 30-Jun-2015

444 views

Category:

Documents

27 download

TRANSCRIPT

SOBRE OS CLSSICOSEscassas disciplinas devem ter mais interesse que a etimologia; isto se deve s imprevisveis transformaes do sentido primitivo das palavras, ao longo do tempo. Dadas tais transformaes, que podem beirar o paradoxal, de nada ou de muito pouco serve a origem das palavras para a elucidao de um conceito. Saber que, em latim, clculo significa pedrinha e que os pitagricos usavam dessas pedrinhas antes da inveno dos nmeros no nos permite dominar os arcanos da lgebra; saber que hipcrita era ator, e persona, mscara, no um instrumento vlido para o estudo da tica. De modo . semelhante, para fixar o que hoje entendemos por clssico, intil saber que esse adjetivo advm do latim classis, frota, que depois tomaria o sentido de ordem. (Lembremos, de passagem, a formao anloga de ship-shape.) O que , agora, um livro clssico? Tenho ao alcance da mo as definies de Eliot, de Arnold e de Sainte-Beuve, sem dvida razoveis e luminosas, e muito me agradaria concordar com esses ilustres autores, mas no os consultarei. Acabo de completar sessenta e tantos anos; em minha idade, as coincidncias ou novidades importam menos que aquilo que julgamos verdadeiro. Limitar-me-ei, ento, a expor o que pensei sobre esse ponto. Meu primeiro estmulo foi uma Histria da Literatura Chinesa (1901), de Herbert AlIen Giles. Em seu segundo captulo, li que um dos cinco textos cannicos editados por Confcio o Livro das Mutaes, ou 1 Chirlg, feito de 64 hexagramas que esgotam as possveis combinaes de seis linhas truncadas ou inteiras. Um dos esquemas, por exemplo, consta de duas linhas inteiras, uma truncada e trs inteiras, dispostas verticalmente. Um imperador pr-histrico os descobriu na carapaa lf,7OUll