sistematiza†ƒo da assistencia de enfermagem em nefrologia

Download SISTEMATIZA‡ƒO DA ASSISTENCIA DE ENFERMAGEM EM NEFROLOGIA

Post on 11-Aug-2015

343 views

Category:

Documents

4 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

Centro Universitrio Hermnio Ometto UNIARARAS

ALZENIRA DE OLIVEIRA

SISTEMATIZAO DA ASSISTENCIA DE ENFERMAGEM EM NEFROLOGIA

Trabalho Centro

de

Concluso Hermnio

de

Curso -

apresentado ao Curso de Enfermagem do Universitrio Ometto UNIARARAS, para a obteno do Ttulo de Enfermeiro Nefrologista.

ORIENTADORA(A): Profa. Brando Lopes Crepschi

Ms.

Jaira

ARARAS/SP 2006

AUTOR: Alzenira de Oliveira

TTULO DA MONOGRAFIA: Sistematizao da assistncia em enfermagem em nefrologia

Monografia apresentada em: ______de_________________________ de 2006.

Banca Examinadora:

_______________________________________________ NOTA: ___________ Prof(a). Orientador(a)

_______________________________________________ NOTA: ___________ Prof (a). Dr (a).

_______________________________________________ NOTA: ___________ Prof (a). Dr (a)

___________________________________________ MDIA FINAL: _________ Assinatura do Autor

RESUMO

Minha experincia como enfermeira de um centro de hemodilise me levou a refletir na importncia de assistir os pacientes portadores de insuficincia renal crnica com aes sistematizadas para promover qualidade de assistncia a esta clientela conforme a deciso DIR/SP-008/99 e fiscalizada pelo COREN-SP, porm poucas unidades realizam a sistematizao da assistncia deixando de utilizar este valioso instrumento. O objetivo deste estudo refletir a importncia de aes sistematizadas dentro das unidades de terapia renal substitutiva. Este trabalho ocupou-se em realizar pesquisas bibliogrficas em livros e revistas e base de dados on-line. Desta forma a hemodilise vem prolongando a vida de portadores de insuficincia renal crnica e juntamente com este valioso instrumento da sistematizao o enfermeiro poder otimizar o tratamento desta clientela.Conclui-se que aes sistematizadas dentro dos centros de dilises de suma importncia ,pois possibilita a esta clientela receber tratamento de qualidade e individualizando e direcionando o auto cuidado de cada cliente, alm de proporcionar boa interao cliente e profissional .

ABSTRACTMy experience as nurse of a center of hemodilise took me to reflect in the importance to attend the carrying patients of chronic renal insufficience with systemize actions to promote quality of assistance to this clientele in agreement decision DIR/SP-008/99 and fiscalized by the COREN-SP, however few units carry through the systematization of the assistance leaving to use this valuable instrument. The objective of this study is to inside reflect the importance of actions systemize of the units of renal therapy substitute. This work occupied in carrying through bibliographical research in books and magazines and database on-line. Of this form hemodilise comes drawing out the life of carriers of chronic renal insufficience and together with this valuable instrument of the systematization the nurse will be able to optimize the treatment of this clientela.Conclui-if that systemize actions inside of the centers of dialyses are of utmost importance, therefore he makes possible this clientele to receive treatment from quality and individualizando and directing the auto care from each customer, besides providing to good interaction customer and professional.

SUMRIO1-INTRODUAO................................................................................................01 2-REVISO DE LITERATURA ........................................................................ 06 3-OBJETIVO......................................................................................................15 4- JUSTIFICATIVA............................................................................................ 16 5- METODOLOGIA ......................................................................................... 17 6- DISCUSSO................................................................................................. 18 7-CONSIDERAES FINAIS............................................................................20 8- REFERNCIAS BIBLIOGRFICAS..............................................................21

SUMMARYMy experience as nurse of a center of hemodilise took me to reflect in the importance to attend the carrying patients of chronic renal insufficience with systemize actions to promote quality of assistance to this clientele in agreement decision DIR/SP-008/99 and fiscalized by the COREN-SP, however few units carry through the systematization of the assistance leaving to use this valuable instrument. The objective of this study is to inside reflect the importance of actions systemize of the units of renal therapy substitute. This work occupied in carrying through bibliographical research in books and magazines and database on-line. Of this form hemodilise comes drawing out the life of carriers of chronic renal insufficience and together with this valuable instrument of the systematization the nurse will be able to optimize the treatment of this clientela.Conclui-if that systemize actions inside of the centers of dialyses are of utmost importance, therefore he makes possible this clientele to receive treatment from quality and individualizando and directing the auto care from each customer, besides providing to good interaction customer and professional.

Introduo

Segundo (SPERANDIO et al 2002) A elaborao da sistematizao da assistncia de enfermagem um dos meios que o enfermeiro dispe para aplicar seus conhecimentos tcnico-cientficos e humanos na assistncia ao paciente e caracterizar sua prtica profissional, colaborando na definio do seu papel. As atividades de competncia e as funes da enfermagem tm ficado cada vez mais definidas pelos rgos oficiais de legislao da profisso. Hoje percebemos a nfase que se tem dado, por parte dos enfermeiros, importncia na documentao e registro do plano de cuidados de sade de sua clientela, inclusive exigido pela Lei do Exerccio Profissional Documentos Bsicos de Enfermagem: COREN-SP (COFEN, 1997). Assim sendo, precisamos encontrar caminhos para desvincular as atividades de enfermagem de tarefas burocrticas alheias as suas atividades especficas e assegurar o exerccio profissional centrado na assistncia ao paciente. Concordamos com vora (1998) quando diz que os enfermeiros ao longo da sua prtica profissional tm sido, historicamente, sobrecarregados com atividades envolvendo registros, anotaes, relatrios e comunicaes, utilizando grande parte de seu tempo em atividades burocrticas e na busca e documentao das informaes. Diversos estudos estimam que os enfermeiros despendem at 50% de seu tempo coletando, administrando e documentando informaes (HENDRICKSON; KOVNER, 1990; LOWER; NAUERT, 1992; PABST et al., 1996; ROSEN; ROUTON, 1998). Um dos fatores que contribui para este achado o fato do pronturio mdico ser baseado em registros manuais. O enfermeiro consome grande parte de seu tempo quando realiza, manualmente, o plano de cuidado para cada um dos pacientes sob sua responsabilidade. Essa prtica torna-se dificultada quando nas instituies hospitalares o nmero desse profissional deficitrio em relao taxa de ocupao de leitos. Os enfermeiros deparam-se assim, com o complexo desafio de administrar seu tempo para que todas as suas tarefas sejam realizadas integralmente e com qualidade na prestao de assistncia ao paciente.

Durante minha trajetria observo que apesar do servio ate ser multiprofissional falta interao e o trabalho das equipes se encontram fragmentados muitas vezes, onde apesar do enfermeiro possuir um vinculo semanal com a sua clientela muitas vezes desconhece seus medos e anseios e acaba transformando a vida de clientes e profissionais em dilise por produo longe da humanizao e interao profissional e cliente.Onde estes clientes se tornam frgeis e sensibilizados e muitas vezes em seu cotidiano dirio sem um olhar sistematizado e principalmente individualizados encontramos cada vez mais pacientes apticos e sem motivao para viver pois acreditam que no podem desfrutar mais de um cotidiano saudvel, onde pude observar que a maioria da populao acometida so pessoas de baixa condio econmica sem muitos recursos financeiros onde esta clientela necessita de profissionais capacitados voltados as suas necessidades e preparados para fornecer um cuidado sistemtico e individualizado e assim junto a equipe multidisciplinar desenvolver um trabalho sistemtico e completo e no fragmentado onde aps diagnosticados problemas serem minimizados juntamente com toda equipe talvez hoje meus pensamentos ainda sejam utpicos mais em um futuro bem prximo poderemos ter o prazer de ter nas instituies sejam publicas ou privadas a viso de uma assistncia sistematizada e humanizada para toda a populao em todas especialidades pois cada um cada um e jamais poderemos englobar a assistncia. Pois cada dia mais cresce a populao com doenas de bases que evoluem para insuficincia renal aguda ou crnica onde necessitam de profissionais capacitados e comprometidos com o cuidar para ajud-los ,seja na adaptao ao tratamento ou outros agravos que possam acomet-los,sendo que as doenas renais se subdividem em insuficincia renal aguda ou crnica, segundo (RIELLA 2003) A I.R.A caracterizada por uma reduo abrupta da funo renal que se mantem por perodos variveis,resultando na inabilidade dos rins em exercer suas funes bsicas de excreo e manuteno da homeostase hidroeletrolitica do organismo.Onde as causas da insuficincia renal aguda pode ser de origem renal,pr renal ou pos renal.(GUYTON 1998 ) relata que: As trs maiores categorias de distrbios que causam insuficincia renal aguda so:

- Pr renal : hiperperfusao do rim; - Intra renal : dano real ao tecido renal ; - Pos renal : obstruo do fluxo urinrio. As insuficincias renais agudas so geralmente resultados de uma obstruo , a presso aumenta nos tbulos , eventualmente a taxa de filtrao glomerula