Sistema de Microfone Sem Fio SHURE

Download Sistema de Microfone Sem Fio SHURE

Post on 12-Aug-2015

116 views

Category:

Documents

15 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

<p>ESCOLHA e OPERAO DE SISTEMAS DE MICROFONE SEM FIO</p> <p>NDICEESCOLHA EIntroduo ....................................................................................................................................... 2</p> <p>OPERAO DE SISTEMASDE</p> <p>CAPTULO 1SISTEMAS DE MICROFONE SEM FIO: COMO FUNCIONAM ................ 3Transmisso de Rdio ..................................................................................................................... 3</p> <p>MICROFONE SEM FIO</p> <p>CAPTULO 2DESCRIO .................................................................................... 6Fonte de Entrada ............................................................................................................................. 6 Transmissor: Descrio Geral ......................................................................................................... 6 Transmissor: Circuito de udio ...................................................................................................... 7 Transmissor Circuito de Rdio ....................................................................................................... 8 Receptor: Descrio Geral .............................................................................................................. 9 Receptor: Circuito de Rdio ............................................................................................................ 9 Receptor: Circuito de udio ......................................................................................................... 10 Receptor: Squelch ......................................................................................................................... 10 Diversidade ................................................................................................................................... 11 Antenas .......................................................................................................................................... 13 Cabo de Antena ............................................................................................................................. 15 Distribuio de Antenas ................................................................................................................ 15</p> <p>CAPTULO 3BANDAS DE FREQNCIA PARA SISTEMAS SEM FIO ....................... 16VHF ............................................................................................................................................... 16 UHF ............................................................................................................................................... 17 Escolha de Freqncias ................................................................................................................. 18 Compatibilidade de Sistema .......................................................................................................... 18 Freqncias Operacionais: Intermodulao .................................................................................. 18 Freqncias Internas: LO, IF, Multiplicadores a Cristal ............................................................... 21 Interferncias de Rdio de Fora do Sistema .................................................................................. 22 Transmisso de Televiso ............................................................................................................. 22 Transmisso de Rdio ................................................................................................................... 23 Outros Servios de Rdio .............................................................................................................. 23 Alcance dos Sistemas de Microfone sem Fio ............................................................................... 26</p> <p>CAPTULO 4SISTEMAS SEM FIO: COMO FAZ-LOS FUNCIONAR ....................... 27Escolha de Sistema ........................................................................................................................ 27 Controle por Cristal Vs. Sntese de Freqncia ............................................................................ 27 Configurao: Receptores ............................................................................................................. 29 Configurao: Antenas de Recepo ............................................................................................ 30 Configurao: Baterias .................................................................................................................. 31 Verificao e Operao do Sistema .............................................................................................. 32 Eliminando Problemas em Sistemas de Microfone sem Fio ......................................................... 33 Guia para Eliminao de Problemas ............................................................................................. 34 Apresentaes ............................................................................................................................... 35 Instrumentos Musicais .................................................................................................................. 35 Vocalistas ...................................................................................................................................... 36 Aulas de Aerbica/ Dana ............................................................................................................. 36 Teatro ............................................................................................................................................ 37 Casas de Culto ............................................................................................................................... 37 Bingo ............................................................................................................................................. 38 Cinema/ Videografia ..................................................................................................................... 38 Broadcast ....................................................................................................................................... 39 Aplicaes em Ambientes Grandes/ Mltiplos Ambientes .......................................................... 39 Concluso ...................................................................................................................................... 40 Sobre o Autor ................................................................................................................................ 40</p> <p>NDICE1</p> <p>INTRODUOESCOLHA E OPERAO DE SISTEMASDE</p> <p>MICROFONE SEM FIO</p> <p>Os muitos usos dos sistemas de microfone sem fio vo desde o entretenimento ao vivo at comunicaes em rbita terrestre. Podem incluir dispositivos desde um sistema simples como o Mr. Microphone at sistemas de parques temticos com at 60 canais. Estes sistemas podem evocar vises de liberdade nos usurios em potencial, e lembranas de antigos desastres em engenheiros de som veteranos. Em todas as suas formas, os sem fio tornaram-se um fato da vida para as pessoas que projetam e usam sistemas de udio. Com o crescente uso de sistemas de microfone sem fio surgiu a necessidade de maior quantidade e qualidade de informaes sobre o assunto. O objetivo deste guia limitado aos sistemas de microfone sem fio usados em aplicaes de udio. Presumese que o leitor tenha certa familiaridade com udio bsico. Entretanto, uma vez que sistemas de microfone sem fio esto sujeitos a certos princpios gerais de rdio, inclumos tambm algumas informaes sobre rdio bsico. Embora haja similaridades entre transmisso de som e transmisso de rdio, muitas das caractersticas dos sistemas de rdio no so nem anlogas aos sistemas de udio, nem tampouco intuitivas. Mesmo assim as idias chave, embora talvez novas, so relativamente simples. O objetivo deste guia proporcionar ao leitor interessado informaes adequadas para permitir a escolha de equipamentos sem fio adequados para uma dada aplicao, e a usar aquele equipamento com sucesso. Alm disso, espera-se que os fundamentos apresentados aqui forneam a usurios regulares de sem fio uma moldura que os ajude a entender mais profundamente esta tecnologia em evoluo. Este guia apresentado em duas partes: como os sistemas de microfone sem fio funcionam, e como fazer com que sistemas de microfone sem fio funcionem. A primeira parte uma introduo tcnica aos princpios bsicos do rdio e s caractersticas dos transmissores e receptores sem fio. A segunda parte discute a prtica de escolha e operao de sistemas de microfone sem fio para aplicaes gerais e especficas. As duas partes foram feitas para serem independentes. A primeira dever ser de interesse para aqueles que especificam ou integram equipamentos sem fio profissionais, enquanto que a segunda parte ser til a qualquer pessoa que trabalhe regularmente com sistemas de microfone sem fio.</p> <p>INTRODUO2</p> <p>CAPTULO 1ESCOLHA E</p> <p>COMO FUNCIONAMTRANSMISSO DE RDIOO rdio pertence a uma classe de campos eletromagnticos variveis no tempo criados por voltagens e/ ou correntes variveis em certas fontes fsicas. Estas fontes podem ser artificiais, como a energia eltrica e circuitos eletrnicos, ou naturais, como a atmosfera (relmpagos) e as estrelas (manchas solares). As variaes dos campos magnticos radiam para longe da fonte, formando um padro chamado de onda de rdio. Assim, uma onda de rdio uma srie de variaes de campo eletromagntico viajando pelo espao. Embora, tecnicamente, qualquer fonte varivel de voltagem ou de corrente produza um campo varivel prximo fonte, aqui o termo onda de rdio descreve variaes de campo que se propagam at uma distncia significativa da fonte. Uma onda sonora tem somente um nico componente de campo (presso do ar). Variaes neste componente criam um padro de mudanas de presso do ar na direo em que a onda de som viaja, mas fora isso no tem qualquer orientao em particular. Em contrapartida, a onda de rdio inclui tanto um componente de campo eltrico quanto um componente de campo magntico. As variaes nestes componentes tm o mesmo padro relativo ao longo da direo em que a onda de rdio viaja, mas so orientados a um ngulo de 90 em relao um ao outro, conforme visto na ilustrao adiante. Em particular, a orientao do componente de campo eltrico que determina o ngulo de polarizao da onda de rdio. Isto particularmente importante para o projeto e operao de antenas.</p> <p>faixa logo abaixo da luz visvel, que so percebidas como OPERAO DE calor (radiao infravermelha). O espectro total de rdio inclui tanto fontes naturais quanto artificiais conforme indicado na SISTEMAS DE figura 2. MICROFONE</p> <p>SEM FIO</p> <p>Figura 2: espectro de rdio freqncia</p> <p>Magnetic Field</p> <p>Electric Field</p> <p>Figura 1: onda de rdio</p> <p>Como o som, uma onda de rdio pode ser descrita por sua freqncia e amplitude. A freqncia de uma onda de rdio a taxa de variaes do campo medida em Hertz (Hz), onde 1 Hz equivale a 1 ciclo por segundo. O espectro de rdio, ou faixa de freqncias, estende-se de alguns Hz passando pelas faixas de Quilo Hertz (KHz) e Megahertz (MHz), at alm da faixa do Gigahertz (GHz). Os sufixos KHz, MHz e GHz referem-se a milhares, milhes e bilhes de ciclos por segundo, respectivamente. At onde se sabe atualmente, os seres humanos somente so diretamente sensveis s ondas de rdio nas freqncias numa faixa de alguns milhes de GHz, que so percebidas como luz visvel, e naquelas freqncias na</p> <p>A amplitude de uma onda de rdio a magnitude das variaes de campo e a caracterstica que determina a fora da onda de rdio. Especificamente, ela definida como a amplitude da variao do campo eltrico. medida em Volts por unidade de comprimento e varia de nanovolts/metro (nV/M) a kilovolts/ metro (KV/m), onde nV se refere a um bilionsimo de um Volt e KV significa um mil Volts. O nvel mnimo necessrio para captao de um receptor tpico de rdio de somente alguns dcimos de microvolts (uV, um milionsimo de Volt), porm nveis muito mais altos podem ser encontrados prximo a transmissores e outras fontes. A grande gama de amplitudes de ondas de rdio que podem ser encontradas em aplicaes tpicas exige grande cuidado no projeto e uso de sistemas de microfone sem fio, particularmente os receptores. Outra caracterstica das ondas de rdio, relacionada freqncia, o comprimento da onda. O comprimento da onda a distncia fsica entre o incio de um ciclo e o incio do prximo medida que a onda se move no espao. O comprimento de onda relaciona-se com a freqncia pela velocidade qual a onda de rdio viaja. A velocidade das ondas de rdio (no vcuo) igual a aproximadamente 3 x 10 elevado oitava potncia metros/ segundo, ou cerca de 300.000 Km/s, a mesma velocidade que a luz. Ela no muda com a freqncia ou com o comprimento de onda, mas relaciona-se com estes no seguinte sentido: a freqncia de uma onda de rdio, multiplicada por seu comprimento de onda, sempre igual velocidade da luz. Assim, quanto maior a freqncia de rdio, tanto menor o comprimento de onda, e quanto mais baixa a freqncia, maior o comprimento de onda. Comprimentos de onda tpicos para certas freqncias de rdio so dadas na figura 3. O comprimento da onda tambm tem importantes conseqncias no projeto e uso de sistemas de microfone sem fio, particularmente para antenas. Diferente do som, as ondas de rdio no necessitam de uma substncia fsica (como o ar) para transmisso. De fato, elas se propagam ou viajam mais eficientemente no vcuo do espao. Entretanto, a velocidade das ondas de rdio um pouco mais baixa atravs de vidro do que atravs do ar. Este efeito contribui para a refrao ou curvatura da luz por uma lente. As ondas de rdio tambm podem ser afetadas pelo tipo e composio dos objetos em seu caminho. Em particular,</p> <p>SISTEMAS DE MICROFONE SEM FIO: COMO FUNCIONAM3</p> <p>CAPTULO 1ESCOLHA E OPERAO DEelas podem ser refletidas por metal se SISTEMAS DE o tamanho deste objeto de metal for MICROFONE comparvel ou maior SEM FIO que o comprimento da onda de rdio. Superfcies grandes podem refletir tanto ondas de baixas f r e q n c i a s (comprimento grande de onda) quanto de altas freqncias (comprimento pequeno), mas superfcies pequenas somente podem refletir ondas de alta freqncia (curtas). Interessante que Figura 3: tabela de comprimentos de onda de rdio um objeto refletor de metal pode ser poroso, i.e., pode conter buracos ou espaamentos. Contanto que os buracos sejam bem menores que o comprimento de onda, a superfcie de metal comportase como se fosse slida. Isto significa que telas, grades, barras ou outras estruturas de metal podem refletir ondas de rdio cujo comprimento seja maior que o espao entre os elementos da estrutura e menores que o tamanho geral desta. Se o espao entre os elementos for maior que o comprimento de onda, as ondas de rdio passaro atravs da estrutura. A tela de metal na porta de vidro de um forno de microondas reflete as microondas de volta para dentro do forno, mas permite...</p>