segredos de um casamento feliz - palestra 2

Download Segredos de um casamento feliz - palestra 2

Post on 14-Apr-2017

457 views

Category:

Education

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

Slide 1

1

Hitch: O Conselheiro Amoroso

Vdeo de Abertura da Palestra, sobre o Filme Hitch: Conselheiro Amoroso, onde o personagem principal d dicas de como conquistar a pessoa amada.2

3

A O lar o ambiente natural mais propcio para que floresa e frutifique a alegria.

1 No podemos viver sozinhos.

2 Temos a necessidade de amar e sermos amados. E uma das formas mais sbias de assegurar o prazer individual formar lares slidos que provejam o ambiente ideal alegria.

4

B Mas, por mais paradoxal que parea, no difcil alcanar a felicidade conjugal.

5

1 A Academia de Cincias Morais e Polticas de Paris estudou o caso de 96.834 casamentos e assinalou que somente 17 eram felizes.

6

2 Qual a causa de tantos fracassos?

Evidentemente no se trata de apenas uma razo, mas de muitas, algumas das quais comentaremos.

7

C Alguns pensam que cultura garante a felicidade domstica.

1 Sinto profundo respeito pelas cincias, mas devo dizer que a felicidade conjugal nem sempre depende da cultura ou da capacidade intelectual.

8

2 Scrates orientou uma corrente de pensamentos que chega at nossos dias, mas no pde orientar satisfatoriamente as relaes em seu lar, onde eram muitos os momentos ingratos. Conta-se que, em uma ocasio, Jantipa, sua esposa, comeou a repreend-lo furiosamente. Era cedo. Como as coisas no melhoravam, Scrates chegou a cansar-se e saiu de casa. A mulher, fervendo de dio, arremessou da janela uma bacia de gua na sua cabea. Scrates parou, olhou para cima; e, assim como estava, molhado at os ossos, disse:

- Eu j estava prevendo. Depois da trovoada costuma chover.

9

3 Lincoln, no tempo que era advogado, realizava longas viagens, recusando-se a voltar ao seu lar, enquanto outros colegas o faziam, por causa das amarguras de sua vida conjugal. E esses problemas continuaram at sua morte.

10

D Outros pensam que riquezas e condio social garantem a felicidade do lar.

11

1 O milionrio Donald Trump foi alvo da imprensa por causa de suas brigas e separao da esposa, Ivana Trump.

2 As constantes separaes de atores de novelas mostram que no conseguiram se realizar no casamento.

12

I Imaturidade Conspira Contra A Felicidade Conjugal:

A Muitos lares fracassam porque aqueles que contraem matrimnio chegam a este ponto sem ter plena conscincia do que esto fazendo.1 Perdem de vista a solenidade dessa unio e entram para as bodas nupciais com leviandade.2 Crem que o matrimnio uma espcie de contrato, no qual cada uma das partes arrisca a sorte, e que podero dissolv-lo diante das desavenas. correto pensar deste modo?a No.b O lar no poderia ser estabelecido sobre bases de contrato que pode ser dissolvido, mas sobre promessas de eterna unio, mesmo diante das dificuldades que possam surgir.

13

Levando a Mulher pra Pescar

Vdeo de quebra-gelo, onde mostra o relacionamento ruim entre um marido e uma mulher, quando este a leva para pescar como forma de vingana.14

15

B A imaturidade leva a brigas entre os casais.

1 Li sobre um casal que no soube encontrar uma sada pacfica para suas desavenas. O esposo tomou um pau, sua mulher o imitou e se lanaram um contra o outro em um encarniado duelo. A esposa ganhou a partida, embora ficasse com muitas costelas quebradas. Ambos foram presos.

2 Esta mesma imaturidade est asfixiando muitos casamentos na atualidade. Se no, por que tantos gritos encolerizados, estridentes e bruscas represlias que h por a?

16

C O que leva os casais a brigarem? No fundo, na maioria das brigas h imaturidade.

1 Tieche, em seu livro El Arte de Viver, narra o caso de Felipe e Catarina. Uma noite estavam em sua salinha e viram cruzar um rato. Ambos perguntaram-se de onde ele haveria sado. Entrou por aqui, disse Felipe. No, foi por este lado, replicou Catarina . Disse que veio desta direo! No, eu vi chegar de l!

A disputa se agravou rapidamente, at o ponto de o sero terminar em uma atmosfera carregada de eletricidade,que levou os cnjuges a no dirigirem uma palavra um ao outro por vrios dias. Felizmente a cena aconteceu poucos dias antes do Ano Novo, e como este o momento dos novos comeos, era necessrio arrumar as coisas. Felipe rompeu o silncio e disse:17

Vamos, Catarina! No devemos passar assim o dia de Ano Novo. Faamos as pazes, queres? Como no, Felipe!Confundiram-se em um comovedor abrao, e enquanto Catarina secava as lgrimas por cima do ombro de Felipe, acrescentou: Mas te recordas que o rato veio deste lado? Oh, no! Te asseguro que foi por este outro lado. E a disputa se renovou.

2 Os dois esposos riem por uma insignificncia. Como no tm suficiente maturidade em suas personalidades, deixam-se levar pelo amor prprio e negam-se a ceder. No pois estranho que seja incmodo viver nessa casa, e talvez se torne impossvel com o tempo.

18

3 Joseph Sabath, magistrado de Chicago, depois de atuar como rbitro em mais de 40.000 casamentos desgraados, declarou: No fundo da maior parte da infidelidade matrimonial, h trivialidades.

a Sem dvida, este homem estava autorizado a dizer essas palavras, pois tinha material em abundncia diante de si para emitir juzo.

b Muitos outros, com experincia semelhante, mencionam-nos que aqueles que recorrem ao divrcio para solucionar suas diferenas conjugais e depois concretizam outra unio, no so felizes. A mesma imaturidade que os levou a ser incapazes de estabilizar o primeiro casamento, os leva ao precipcio na segunda tentativa.

19

4 Sem dvida, expressa muita sabedoria aquele provrbio espanhol que diz: No casamento prefervel a pior tormenta ao naufrgio.

20

II O Primeiro Passo Na Soluo: Crescer Emocionalmente:

21

Pois bem - dir algum - que devo fazer para solucionar as brigas com meu esposo?

A O essencial, no caso de briga, dar prova de boa vontade e ter um nimo perdoador. Coloque-se no lugar de sua esposa, reconhea seus defeitos e esteja disposto a perdoar.

22

B Evite a primeira briga. Como?

23

1 Uma senhora humilde entrevistou uma curandeira para pedir-lhe que realizasse algum mal ou encanto para dominar seu esposo, que costumava beber e castig-la brutalmente. Depois de dar toda sua informao, a atribulada mulher viu que em meio a uma espcie de ritual misterioso, a curandeira enchia um frasco de certo lquido e lhe dizia:

- Este frasco contm gua milagrosa. A prxima vez que seu marido vier com ameaas e injustias, voc ter que encher a boca de gua milagrosa e mant-la ali todo o tempo que puder. No a tome nem a jogue fora. Quanto mais tempo a conservar na boca, maior poder ter sobre ele. Logo ver como o dominar completamente.

Logo depois, ao regressar para sua casa, pde colocar prova a receita.

O esposo abriu a porta visivelmente alterado, e com a voz spera, comeou a recriminar e a ameaar enquanto erguia seus punhos cerrados e proferia fortes insultos. Diante desse quadro, a infeliz esposa tirou dentre suas roupas o frasco e encheu sua boca com a gua milagrosa. 24

O marido continuou com suas injustias e insolncias. Ela manteve a gua milagrosa na boca durante vrios minutos e, finalmente, viu que as palavras foram cada vez mais serenas e, entre palavras entrecortadas, apareceram as primeiras desculpas.

Depois de um silncio longo, finalmente chegou a calma. Ento, desocupou a boca da gua milagrosa que lhe deu to surpreendente resultado. Pois cada vez que quis responder - e os impulsos eram de utilizar o mesmo tom que seu esposo - viu que no podia faz-lo sem tragar ou lanar fora a gua. E como quando um no quer, dois no brigam

2 Quem faz assim prova que maduro emocionalmente.

3 Eu no sou curandeiro e no creio nisso. Mas tenho certeza de que esta receita d certo.

25

III Aspectos da Felicidade Conjugal:

26

A Mas, se de repente voc no conseguir segurar a provocao e explodir porque algo lhe contrariou, remedeie a situao com esprito de humor.

27

1 J. Cronim voltou um dia do trabalho em um povoado da Irlanda, completamente deprimido. Tentava abrir caminho na medicina, porm tudo lhe ia mal. Voltava para casa cansado, esgotado. Estava morto de fome - poderia comer um boi inteiro. Quando chegou sua humilde casa, notou que a esposa havia preparado um ovo cozido. Fazendo um grande esforo e tratando de dominar-se, Cronim decidiu quebrar a casca e viu que o ovo estava estragado, podre. Levantou-se como uma caldeira prestes a explodir. A esposa havia tido tambm um dia terrvel. Tudo saiu mal. Ante a falta de considerao do marido, ela respondeu violentamente. Comeou assim uma tremenda briga. A discusso ia aumentando quando, de repente, pararam surpreendidos pela situao absurda. Olharam um para o outro e se puseram a rir, caindo um nos braos do outro.

2 Se olharmos os problemas que nos parecem graves com esprito de humor resolveremos a maioria deles.

28

Felizes para Sempre

Vdeo engraado que mostra o relacionamento de um casal, que quer o mal um do outro, apenas para ficar com o carro da garagem.Ressaltar que quando casamos felizes para sempre, mas depois perdemos este lema, dando lugar as brigas e egosmo.29

B Fidelidade e a felicidade:

30

Jamais ser ideal o amor at que o homem haja abandonado a iluso de que se pode ser sincero pela metade, fiel pela metade, ou casado pela metade. Selees.

31

C O papel das pequenas atenes na felicidade conjugal:

32

1 Um jovem estava no consultrio mdico. Ia pagar honorrios pelo nascimento do terceiro filho. Abriu nervosamente sua carteira e caram dois pedaos de papel. Eram bilhetes de empenho. O mdico tomou-os.