revista sindloc-mg - edi§£o n 69

Download Revista SINDLOC-MG - Edi§£o n 69

Post on 01-Apr-2016

223 views

Category:

Documents

3 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Matéria da capa: "NO-SHOW" como mecanismo de fortalecimento do setor.

TRANSCRIPT

  • NO-SHOW como mecanismo de fortalecimento

    do setor

    MercadoAtuar no setor pblico vale a pena?

    Maio - Junho 2014 N 69 ano12

    A aplicao da taxa praticamente inexistente no segmento

    EntrevistaRevista Sindloc-MG entrevista

    Alexandre Oliveira, Diretor de

    Vendas da Renault do Brasil.

  • 2 Revista SINDLOC-MG MAIO - JUNHO 2014

    Reportagem

    Mercado

    NO-SHOW como mecanismo de fortalecimento do setor

    Benefcios

    FOTO: Banco de imagens

    Editorial

    183

    EXPEDIENTEPresidenteLeonardo Soares Nogueira SilvaVice-PresidenteLuis Fernando Porto1 Diretor TesoureiroEmerson Eduardo Ciotto2 Diretor TesoureiroRaimundo Nonato de Castro Teixeira1 Diretor SecretrioLuiz Henrique Franco Jnior2 Diretor SecretrioGustavo de Paula Botelho PennaDiretor de Relaes PblicasMarcelo Elian MoreiraDiretor de EventosAntnio Mansueto Caldeira

    Diretor de Rel. InstitucionaisMauro Roberto Alves RibeiroConselho FiscalFrancisco Salles Campos JniorMarco Aurlio Gonalves NazarFrederico Fonseca Martins de BarrosGerente ExecutivaRejane RibeiroPresidente de HonraSaulo Tomaz FroesAssessoria Jurdica TributriaDr. Adriano Augusto Pereira de Castroadriano@empresarial.adv.brAssessoria Jurdica em TrnsitoDra. Luciana Mascarenhasmascarenhasadv@terra.com.br

    Jornalista ResponsvelLeandro LopesDRT 1179/SEProjeto Grfico e EditoraoNativa Comunicao contato@nativabh.com.brTel.: (31) 3261.7346Pblico-AlvoLocadoras e redes do estado de Minas Gerais e do pas, agncias de turismo, hotis, autoridades e jornalistas especializados.Tiragem3.000 exemplares

    ImpressoGrfica Atividade

    Todos os textos assinados so de inteira responsabilidade de seus devidos autores. A REVISTA SINDLOC-MG no se responsabiliza pelo contedo e declaraes neles contidos. permitida a reproduo total ou parcial das reportagens, desde que sejam citadas as fontes.

    MAIO - JUNHO 2014 N 69 ano12

    O mercado paga caro pelas tarifas predatrias

    Novos associados

    Por dentro da Lei

    23

    30

    As vizinhas Catas Altas e Santa Brbara

    Turismo

    37

    34

    Leis secas: as brechas legais que acabam por no conscientizar os cidados

    Instrues para novos gestores de locadoras de veculos

    Atuar no setor pblico vale a pena?

    Carro zero sobe 4%

    16

    17

    Rua Contendas, 79. Prado. Belo Hori-zonte, Minas Gerais. CEP: 30411-255.

    21

    A habilidade de perceber

    Capacitao

    Pense nisso!

    11

    810

    Sejamos objetivistas

    Reflexo

    SINDLOC-MG promoveu palestra sobre habilitao de estrangeiros 6

    Juiz de Fora: primeiro passo 4

    13Temos uma poltica agressiva e diferen-ciada para os empresrios do setor

    Nascida para servir o segmento 24Transporte sua frota com segurana e condies especiais

    Uma Ddiva como parceira

    2527

    Eventos

    Quem Quem?

    Locadoras faturam R$ 6,52 bilhes

    Quem quem?

    42

    43

    Novidades

    Entrevista

  • MAIO - JUNHO 2014 Revista SINDLOC-MG 3FOTO:FOTO: SINDLOC-MG

    Por Leonardo SoaresPresidente do SINDLOC-MG

    Editorial

    Caros associados,

    Enfim chegou a Copa do Mundo! Afinal de contas, qual

    ser o legado deste que o maior evento do planeta?

    Alm dos superfaturados estdios, foram feitas algumas

    obras de infraestrutura. Concordamos que muito aqum do

    necessrio e muito longe do prometido, porm, o pouco que

    foi feito ir trazer algum retorno.

    Acredito que o turismo tambm ter um incremento nos

    prximos anos, mesmo com divulgao internacional da

    nossa frgil segurana pblica. Aposto na boa recepo do

    brasileiro e no nosso potencial turstico composto pelas ci-

    dades histricas, opes de ecoturismo e das nossas bele-

    zas naturais como fatores que iro atrair estrangeiros nos

    prximos anos.

    Foram sete anos de expectativas, de preparo, de inves-

    timentos, de promessas. Mas o sentimento de decepo e

    revolta enorme. Os gastos foram abusivos, o mundial no

    Brasil custar mais que os trs ltimos juntos! As promessas

    no foram cumpridas. Obras nem saram do papel. O com-

    promisso de no gastar dinheiro pblico no passou de uma

    grande mentira!

    Palavra do Presidente

    Nossos governantes foram incompetentes para organizar

    um evento dessa magnitude. Nem mesmo os estdios fica-

    ram prontos! E nem os aeroportos, as obras de mobilidade

    urbana, o treinamento e desenvolvimento de nossas for-

    as policiais.

    Nosso setor ter um ms aquecido, um ms de alta tem-

    porada, mas a expectativa que as locadoras prestem um

    bom atendimento aos turistas nacionais e internacionais.

    Nesse perodo pr-Copa, o SINDLOC-MG teve como objeti-

    vo qualificar e preparar nossos associados. Cursos diversos,

    inclusive de Ingls, palestras e treinamentos foram muito di-

    recionados a desenvolver nossos colaboradores. Espero que

    a cultura de locao de veculos seja mais fortalecida com a

    Copa. Essa sim ser um excelente legado para nosso segmento!

    Vamos torcer pelo Hexa, mas no vamos esquecer de co-

    brar dos nossos governantes mais eficincia, uma correta

    prestao de contas e a concluso das obras prometidas! Eles

    que abram os olhos, pois a manifestao eficaz ser no dia 5

    de outubro e no durante os jogos!

    Boa Copa e boa leitura!

    Vamos torcer pelo hexa, mas no vamos esquecer de cobrar

  • 4 Revista SINDLOC-MG MAIO - JUNHO 2014 FOTO:

    Mais um projeto do SINDLOC-MG virou realidade. Durante dois dias, Regiane Bruziguessi, do departa-mento comercial do sindicato, esteve em visitas aos empre-

    srios do segmento de aluguel de carros na cidade de Juiz de

    Fora, distante 270 quilmetros da capital, Belo Horizonte. E

    assim, deu o primeiro passo para um velho sonho da atual

    gesto do SINDLOC-MG: interiorizar a entidade, chegar a

    todas as cidades do estado de Minas Gerais.

    Durante os dois dias, Regiane visitou oito locadoras de ve-

    culos, sendo quatro j associadas ao SINDLOC-MG e outras

    quatro no filiadas. De imediato o que me surpreendeu foi

    a facilidade para agendar os encontros. Todos foram muito

    receptivos e acolhedores, conta Bruziguessi. Nas conversas,

    descobriu a satisfao dos empresrios locais com as ativi-

    dades do sindicato, sobretudo, com os descontos nas mon-

    tadoras, mas percebeu a carncia deles quando o assunto

    informaes jurdicas. At surgiu a ideia de promover um

    curso como o Instrues para Novos Gestores de Locadoras

    de Veculos, com o advogado Adriano Castro. A diretoria

    vai estudar a sugesto, afirma ela.

    Das quatro no associadas visitadas, trs demonstraram

    interesse em afiliar-se ao sindicato. Segundo Regiane, eles

    esto estudando a possibilidade. Atualmente, Juiz de Fora

    possui 26 locadoras de automveis, destas, 11 so associadas.

    um nmero muito bom, mas nosso objetivo oferecer

    nossos benefcios a todas elas, afirma Bruziguessi.

    Para Leonardo Soares, Presidente do SINDLOC-MG, a

    principal misso deste projeto preencher uma lacuna que

    existe na histria da entidade: atender to bem as locadoras

    do interior quanto da capital. um dficit histrico que a

    gente quer corrigir, afirma.

    FOTO: Regiane Bruziguessi

    Projeto de interiorizao chega a cidade de Juiz de Fora e tem resulta-dos positivos

    Juiz de Fora: primeiro passo

    Benefcios

  • FOTO: Regiane Bruziguessi

    Regiane avalia o primeiro passo como produtivo. A re-

    ceptividade deles foi tima e acredito que colheremos bons

    frutos. Agora hora de pensar nas prximas cidades, afi r-

    ma. Esto no roteiro do sindicato lugares como Governador Va-

    ladares, Uberlndia, Montes Claros, Divinpolis e Varginha.

  • 6 Revista SINDLOC-MG MAIO - JUNHO 2014 FOTO:

    Mais de 50 pessoas estiveram presentes na palestra Habili-tao de Estrangeiros, promovida pelo

    SINDLOC-MG, com apoio da Dukar

    Despachantes e da Segplus. O evento,

    que aconteceu no Auditrio da Auto-

    max Fiat, no bairro Estoril, em Belo

    Horizonte, revelou as principais dvi-

    SINDLOC-MG promoveu palestra sobre habilitao de estrangeiros

    das dos empresrios e dos profissionais

    sobre o assunto. Estamos a um ms

    da Copa do Mundo. Este encontro de

    hoje vai nos ajudar no atendimento ao

    turista estrangeiro durante o evento,

    afirmou Leonardo Soares, Presidente

    do SINDLOC-MG.

    De fato, eram tantas dvidas, que a

    FOTO: Leandro Lopes

    Quem frotista temmuitas vantagens na Recreio

    Credibilidade: o grupo Recreio quem mais vende VW no Brasil

    Mais facilidades: equipe especializada no atendimento a frotistas

    Baro, 3.535(31) 3319.9000recreionet.com.br

    Descontosespeciais

    CIN

    TO D

    E SE

    GU

    RAN

    A S

    ALV

    A V

    IDAS

    .

    Capacitao

  • MAIO - JUNHO 2014 Revista SINDLOC-MG 7FOTO:

    o procedimento ser o mesmo. A loca-

    dora poder transferir os pontos para

    o cliente e cobr-lo via carto de crdi-

    to pela autuao. Porm, necessrio

    que o cadastro seja bem feito e organi-

    zado. Por exemplo, a locadora precisar

    coletar os dados do endereo de origem

    do cliente e no ddo hotel em que ele

    estar hospedado. Com um contrato

    bem embasado, as locadoras tero me-

    nos problemas, afi rma Luiz Claudio.

    Nas prximas semanas, o escritrio

    dos advogados Luiz Claudio e Chris-

    tian Sader fi car disponvel para escla-

    recimentos de dvidas sobre o assunto.

    Qu em quiser, basta ligar nos telefones: