revista nomar 878 jun.2015

Download Revista Nomar 878 Jun.2015

Post on 10-Feb-2016

6 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

11 de Junho Data Magna da Marinha

TRANSCRIPT

  • 2Nomar - junho 2015 - n 878

    Centro de Comunicao Social da Marinha

    Diagramao e Arte Final: CB-DA Daniel Teodolino Barbosa TorresTiragem: 30 mil exemplaresSe desejar receber o Nomar por e-mail, cadastre-se em: ccsm@ccsm.mar.mil.br, digitando no campo assunto: Nomar DigitalMB na Internet: www.marinha.mil.br

    Siga a Marinha:

    Centro de Comunicao Social da MarinhaEsplanada dos Ministrios - Bl. N, anexo A, 3 andar Braslia - DF - CEP 70.055-900Tel.: (0xx61) 3429-1831/ Fax: (0xx61) 3429-1027Diretor do CCSM: C Alte Flvio Augusto Viana RochaChefe do Departamento de Produo e Divulgao: CF Marcos Aurlio de Oliveira SimasEncarregado da Diviso de Redao: CF Alessandro Barcellos VelasquezJornalistas responsveis: 1 Ten (RM2-T) Allessandra Cintra de Paiva S. Moura Barreto Reg. MTb 13914/DF e 1 Ten (RM2-T) Fernanda Mendes Medeiros de Oliveira Reg. MTb 9438/DF

    Esqu

    adra

    Operao TROPICALEX/2015

    A Esquadra brasileira realizou, no perodo de 7 a 19 de junho, a Operao TROPICALEX 2015/150 anos da Batalha Naval do Riachuelo, na rea ma-rtima compreendida entre o Rio de Janeiro (RJ) e Salvador (BA). O propsito foi aprimorar o nvel de adestramento das unidades navais e aerona-vais, bem como contribuir para abrilhantar as comemoraes alusivas aos 150 anos da Batalha Naval do Riachuelo.

    Durante a Operao, foram realizados diver-sos exerccios, como: trnsito sob ameaa area, trnsito com oposio de superfcie, transferncia de leo no mar, tiro antiareo sobre granada ilu-minativa, tiro sobre alvo de superfcie, interdio de rea martima, entrada de porto com canal varrido e sob ameaa assimtrica, guerra eletr-nica, guerra ciberntica e guerra antissubmarino.

    A TROPICALEX foi desenvolvida numa rea martima de grande importncia estratgica para o Pas, uma vez que abrange as bacias petrol-feras de Santos, Campos, Mucuri, Cumuruxatiba, Jequitinhonha e Camamu-Almada. A escolha dessa regio demonstra o compromisso da Marinha do Brasil com a proteo dos interesses nacionais na Amaznia Azul.

    Os seguintes meios da Esquadra participa-ram da Operao coordenada pelo C Alte Renato

    Batista de Melo, Comandante da 2 Diviso da Esquadra: Fragata Rademaker, com uma aeronave AH-11A Super Linx embarcada; Fragata Liberal, com uma aeronave UH-12/13 Esquilo embarcada; Navio-Tanque Maraj; e Fragata Greenhalgh. Alm desses, o Navio-Patrulha Ocenico Amazonas, o Navio-Patrulha Gravata, os Navios-Varredores Anhatomirim e Araatuba, bem como as aeronaves P-3AM, P-95 e A-1 da Fora Area Brasileira e a aeronave AF-1 Skyhawk da MB, tambm foram empregados.

    No dia 14 de junho, em comemorao aos 150 anos da Batalha Naval do Riachuelo, foi realizado um Desfile Naval na orla de Salvador (BA).

    Fragata Rademaker realiza ao de presena na Bacia de Campos

    Navio-Patrulha Ocenico Amazonas

  • Nomar - junho 2015 - n 878

    Centro de Comunicao Social da Marinha 3

    Militares da Marinha reunidos em Natal, para adestramentos no avio modernizado

    Primeiro Helicptero Lynx a ser modernizadoinicia o seu transporte para o Reino Unido

    Aeronave N-4001 preparada para o deslocamento para o porto do Rio de Janeiro

    No dia 9 de junho, teve incio o transporte do primeiro helicptero Lynx (N-4001) a ser modernizado no Reino Unido, como parte do cronograma previsto no contrato assinado entre a Marinha do Brasil e a empresa Agusta Westland para a remotorizao e a modernizao das aeronaves AH-11A Super Lynx.

    A aeronave foi transportada para o porto do Rio de Janeiro (RJ), a fim de embarcar no navio que a levar at o porto de Tilbury, na Inglaterra. Em seguida, ser transportada, por via terrestre, at a sede da empresa Agusta Westland, na cidade inglesa de Yeovil.

    A aeronave N-4001 ser o prottipo do programa, que contempla a remotorizao e a revitalizao dos sistemas avinicos de oito helicpteros Lynx. Seu regresso ao Brasil est previsto para o 2 semestre de 2017.

    A modernizao das aeronaves AH-11A permitir que a Aviao Naval disponha de uma aeronave com sensores e equipamentos no estado da arte, representando um grande salto na capacidade aeronaval da Marinha do Brasil.

    Marinha do Brasil realiza voos com o primeirocaa AF-1B modernizado pela Embraer

    No perodo de 1 a 12 de junho, a Marinha do Brasil realizou qualificaes e adestramentos de pilotos no primeiro caa AF-1B modernizado pela Embraer.

    As atividades realizadas foram: ataque terrestre e emprego ar-solo; qualificao de apoio areo aproximado; adestramento de voo; formatura bsica; e procedimentos para lanamento de msseis e bombas de aviao.

    A pista da Base Area de Natal, na cidade de Maxaranguape (RN), foi escolhida por ser, no Brasil, a que rene as melhores condies para emprego ar-solo. uma rea ampla, plana e sem populao no entorno. A raia de tiro muito bem delineada.

    Um cenrio muito propcio ao treinamento, afirmou o Comandante do 1 Esquadro de Avies de Interceptao e Ataque (VF-1) da Marinha, CF Emerson Gaio Roberto.

    Foram modernizados os sistemas de gerao de energia e instalados um radar multi-modo (terra/ar), um sistema de navegao de emprego de armamentos e sensores de deteco de possveis inimigos. Foi ampliada a capacidade de combate areo, representando um grande incremento operacional para a Marinha, destacou o Comandante Gaio.

    Aps os testes realizados, outras 11 aeronaves passaro por esse processo nos prximos anos.

  • 4Nomar - junho 2015 - n 878

    Centro de Comunicao Social da Marinha

    NApOc Ary Rongel realiza comisso de apoio aoPosto Oceanogrfico da Ilha da Trindade

    O Navio de Apoio Oceanogrfico (NApOc) Ary Rongel realizou a comisso POIT III/PROTRINDADE no perodo de 21 de maio a 1 de junho. A comisso faz parte do apoio logstico prestado pela Marinha do Brasil ao Posto Oceanogrfico da Ilha da Trindade (POIT), bem como ao Programa de Pesquisas Cientficas da Ilha da Trindade (PROTRINDADE).

    O POIT um destacamento subordinado ao Comando do 1 Distrito Naval (Com1DN), mantido pela Marinha, desde 1957, na Ilha da Trindade, localizada a aproximadamente 600 milhas nuticas de Vitria (ES). O apoio logstico prestado a cada dois meses pelo Com1DN consiste no transporte de gneros alimentcios e diversos materiais necessrios subsistncia da guarnio e manuteno das atividades desenvolvidas.

    O PROTRINDADE, criado em 2007 com o objetivo de sistematizar a ida de pesquisadores ilha, coordenado pela Secretaria da Comisso Interministerial para os Recursos do Mar. Em sua 41 expedio, a terceira do ano de 2015, esto sendo apoiados os seguintes projetos: monitoramento da variabilidade regional do transporte de calor; estudo sobre baleias e golfinhos e a morfologia dos caranguejos; e consequncias da extinta ocupao de cabras sobre a vegetao local.

    A presena permanente dos militares da Marinha do Brasil e dos pesquisadores assegura ao Brasil o direito de explorar os recursos existentes em uma imensa rea martima, de 200 milhas nuticas ao redor da Ilha, chamada Zona Econmica Exclusiva, que constitui uma expressiva parcela da Amaznia Azul.

    NApOc Ary Rongel realizando apoio logstico Ilha da Trindade

    Comandante da FTM-UNIFIL transferindo o Pavilho da Organizao das Naes Unidas ao Comandante da Fragata Unio.

    Fragata Unio assume funo de navio capitnia da Fora-Tarefa Martima da UNIFIL

    No dia 10 de junho, em cerimnia realizada a bordo do Navio-Patrulha Ocenico (NPaOc) Apa atracado no porto de Beirute, Lbano a Fragata Unio assumiu, pela terceira vez, a funo de navio capitnia da Fora-Tarefa Martima da Fora Interina das Naes Unidas no Lbano (FTM-UNIFIL).

    O NPaOc Apa, primeiro navio de sua classe a integrar a FTM-UNIFIL, demonstrou, ao longo dos 41 dias em que esteve incorporado Fora-Tarefa, grande versatilidade e capacidade operacional,

    tendo atingido todos os requisitos exigidos para o cumprimento da misso.

    A cerimnia de handover, presidida pelo Comandante da FTM-UNIFIL, C Alte Flavio Macedo Brasil, contou com as presenas do Embaixador do Brasil para o Lbano, Jorge Geraldo Kadri; do Comandante da Marinha do Lbano, Almirante Nazih Jbaily; bem como de representantes de diversos setores da sociedade libanesa, das Foras Armadas libanesas e da UNIFIL.

  • Nomar - junho 2015 - n 878

    Centro de Comunicao Social da Marinha 5

    Lanamento de boia

    Navio-Balizador Comandante Manhes faz rodzio de boias de sinalizao nutica do porto do Recife

    O Navio-Balizador Comandante Manhes realizou, no perodo de 1 a 11 de junho, um rodzio de boias de sinalizao nutica do porto do Recife.

    No total, quatro boias foram substitudas, com destaque para a de Ituba, que ficou deriva devido a condies meteorolgicas adversas e foi resgatada por uma equipe da Capitania dos Portos de Pernambuco.

    O navio tambm contou com o apoio de militares do Servio de Sinalizao Nutica do Nordeste.

    O trabalho do Navio-Balizador Comandante Manhes contribuiu para incrementar a segurana da navegao na regio, importante atribuio da Autoridade Martima, que, no Brasil, exercida pela Marinha.

    Centro de Educao Fsica Almirante Adalberto Nunes forma nova turma de atletas de alto rendimento

    Atletas que ingressaram na Marinha do Brasil

    Foi realizada, no dia 1 de junho, no Centro de Educao Fsica Almirante Adalberto Nunes (CEFAN), no Rio de Janeiro (RJ), a cerimnia de formatura de novos atletas de alto rendimento da Marinha do Brasil. Na ocasio, dez atletas foram nomeados Terceiros-Sargentos e um atleta Marinheiro.

    Desde o dia 13 de abril, 15 atletas de seis modalidades (Taekwondo, Boxe, Atletismo, Levantamento de Peso, Jud, Vela e Beach Soccer) viveram uma nova e diferente realidade. Eles ingressaram nos Estgios de Habilitao e de Aplicao para Praas da Marinha, ministrados no CEFAN. Durante 45 dias, receberam conhecimentos relacionados formao militar naval, ordem unida e treinamentos especficos de acordo com suas modali