Revista Crescendo Juntos [20ª Edição]

Download Revista Crescendo Juntos [20ª Edição]

Post on 21-Mar-2016

213 views

Category:

Documents

1 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Revista Crescendo Juntos - Edio 20

TRANSCRIPT

  • QUEM SONHA

    O Colgio Termomecanica teve 66,5% dos seus formandos aprovados em universidades pblicas. Mais do que um sonho realizado, o esforo resultado de muita luta e superao.

    Pg. 18

    Abril/2012 - Edio n 20 Distribuio Gratuita

    Superao e talento atravs da msica

    Exercendo a cidadania na escola

    Infogrfico com curiosidades sobre o CEFSA

    E MAIS:

    NO DESISTEDE LUTAR

  • CJ Revista Crescendo Juntos2

    EDITORIAL

    ERRAMOS

    Com a chegada de um novo ano, chegam tambm novos desafios, novas oportunidades e algumas mudanas. No CEFSA, no poderia ser diferente. De 2011 para 2012, formamos profissionais e cidados que estiveram presentes no Colgio e na Faculdade e, claro, j recebemos novos alunos para construir suas histrias em conjunto com a nossa, dando o primeiro passo para dias de muito contedo e aprendizado.Nesta edio da CJ, apresentamos uma srie de novidades, como as melhorias que foram feitas na infraestrutura do CEFSA, os novos uniformes esportivos, as notcias e metodologias do Colgio e da Faculdade e, como no poderia deixar de ser, as novidades da nova Crescendo Juntos.A revista Crescendo Juntos sempre foi colaborativa, contando com a participao de funcionrios, professores e alunos. E acreditamos que, dessa forma, somos capazes de realizar algo maior do que se a fizssemos sozinhos. Em uma mesma edio, todo mundo contribui. Os alunos cobrem os eventos, produzem fotos e fazem entrevistas. Os funcionrios e professores escrevem sobre suas atividades. E a que mora nosso segredo: a CJ de todos, de cada um.Alm disso, com as mudanas de tecnologia que estamos presenciando, temos que continuar a trazer inovaes, como foi o caso da CJ online, lanada no final do ano passado, e sua conectividade com as redes sociais. Aproveite a nova CJ e no se esquea de nos dizer o que achou das novidades. Para isso, use o novo Espao do Leitor (veja na pgina ao lado como mandar seu comentrio). isso que nos motiva para continuarmos inovando e trazendo melhorias editoriais e grficas para a revista. Aproveite a leitura e divirta-se!

    Diferentemente do informado na matria da ltima edio publicada em Dezembro de 2011, sobre o I Encontro de Cincias Sociais, na pgina 11, o nome correto do professor da UNICAMP que participou do evento Paulo Cesar Manduca. Assim como, na pgina 19, o ttulo correto da matria do Dr. Sade O problema dos rudos.

    Voc pode ser reprter, fotgrafo ou ilustrador e cobrir os eventos e acontecimentos do CEFSA.Mande um e-mail com seu nome e RM para crescendojuntos@cefsa.org.br e faa parte da nossa equipe!

    Quer participar da revista Crescendo Juntos?

    Uma publicao do Setor de Comunicao do Centro Educacional da Fundao Salvador Arena Tiragem: 2.500 exemplares

    COLABORADORES DA EDIO N 20Reprteres e fotgrafos: Beatriz de Alcntara Arajo, de PG 2Guilherme Castro, da 2a. Srie do EMSilvio Sousa Cabral, de ADS 2

    EXPEDIENTEProjeto Grfico: Comunicao - CEFSADiagramao: Cesar PassarettiInfogrfico: Fernanda HyodoCapa: Cesar Passaretti Verso online: Fernanda HyodoFotos: Luiz Henrique Pion Vieira / arquivos do CEFSA / SXCRedao: Srgio MartinsReviso: Nilza Banhato Dimambro e Srgio MartinsResponsveis: Luiz Henrique Pion Vieira e Helena Cristina

    CENTRO EDUCACIONAL DA FUNDAO SALVADOR ARENAEstrada dos Alvarenga, 4.001 - Bairro Alvarenga - CEP 09850-550 So Bernardo do Campo - SP Tel: (11) 4359-6565 - Fax: (11) 4359-6577www.cefsa.org.br | www.fundacaosalvadorarena.org.br crescendojuntos@cefsa.org.br

    Colaborao: Luiz Henrique Pion Vieira

  • @3CJ Revista Crescendo Juntos

    Novid

    ades

    Dicas Culturais

    Espao do Leitor

    Gostou dessa edio da CJ?! Mande sua opinio e sugestes para crescendojuntos@cefsa.org.br, ou mande seus comentrios pela CJ online (www.cefsa.org.br/crescendojuntos) e concorra a um pen drive exclusivo!

    Gosto muito de ler a revista Crescendo Juntos. um meio de comunicao que aborda assuntos gerais de uma maneira clara e interativa. O leitor fica informado sobre assuntos gerais, o que acontece nas unidades da FSA e, de assuntos gerais e, principalmente, sobre as atividades que so desenvolvidas no CEFSA. Parabns a toda equipe CJ.Ins Tezoni Pellegrino (CDMR)

    Gostaria de agradecer pela realizao do encontro de ex-alunos e pela matria na revista Crescendo Juntos. Foi um momento marcante, de belas lembranas!Mariana Lemos ex-aluna

    Livro

    Aluno: Renan Rocha de PaivaCurso: Ensino Mdio vespertino 3 srie ELivro: Um Apelo Conscincia: Os Melhores Discursos de Martin Luther KingEditora: Zahar

    Este livro rene os melhores discursos feitos por Martin Luther King e, a partir deles, retrata a sociedade da poca, sua famlia e sua prpria vida. Eu indico esse livro, pois ele nos ajuda a reafirmar que as diferenas entre as raas esto apenas nas caractersticas externas, tais como a cor da pele, e no na capacidade intelectual ou nos valores ticos. Vale a pena a leitura!

    Filme

    Funcionrio: Carlos Henrique MessiasSetor: InformticaFilme: Misso Impossvel 4: Protocolo FantasmaDireo: Brad BirdGnero: Ao

    So raros os casos em que continuaes de filmes conseguem manter a qualidade, e este um deles. Ao contrrio dos outros trs filmes, o diferencial desta quarta produo o humor. O diretor Brad Bird, que j dirigiu filmes de animao como Ratatouille e Os Incrveis, consegue dar cara nova para a srie, ao imprimir humor a um roteiro muito bem escrito, mesclado com cenas de ao impressionantes, do comeo ao fim, tudo isso sem cair em clichs. Eu indico este filme, porque diverso garantida.

    @Acesse

    Dica da equipe CJPortal: Turismo So BernardoEndereo: www.turismosaobernardo.com.br

    O novo portal de Turismo da cidade de So Bernardo do Campo, lanado recentemente, traz atraes, como cultura, lazer, histria e gastronomia da cidade. O site conta ainda com uma lista de estabelecimentos e locais, como parques, cinemas e teatros. uma tima oportunidade de descobrir o potencial turstico de nosso municpio e se divertir com toda a famlia. No deixe de acessar e programar seu prximo passeio cultural.

    Compartilhe!

  • Durante o vero, as frutas destacam-se entre as opes mais indicadas para o consumo dirio, especialmente no caf da manh, como sobremesas aps as refeies principais ou nos intervalos (lanches), em razo de suas inmeras qualidades do ponto de vista nutricional.As frutas contm elevado teor de gua e so excelentes fontes de fibras, vitaminas e sais minerais, contribuindo para a manuteno da sade e fornecimento de nutrientes essenciais ao organismo. Alm disso, tm em sua composio carboidratos simples (frutose), que so de fcil digesto e fonte de energia rpida, necessrios principalmente para quem precisa estar desperto e atento para realizar suas tarefas.No incio das aulas de 2012, aproveitando esta poca de clima quente, o Restaurante do CEFSA passou a oferecer frutas como opo para os lanches tradicionais, compostos por pes, bolos e massas em geral. Ou seja, elas representam uma alternativa em substituio aos lanches, permitindo, assim, que o aluno ou o funcionrio possa escolher o que consumir, conforme sua preferncia e de acordo com o cardpio.A aceitao tem sido um sucesso, porm, vale ressaltar que, devido ao curto perodo de intervalo para a realizao dos lanches e tambm demanda de trabalho do Restaurante, as frutas oferecidas sempre sero de fcil manuseio e consumo, e de acordo com a disponibilidade, conforme a poca do ano.A maior conquista com esta inovao do cardpio oferecer aos alunos, que no comiam o lanche por questo de gosto, uma nova opo - a variedade oferecida no dia -, para no ficarem sem se alimentar por longos perodos.Com essa alterao, contamos com mais um meio de estimular hbitos alimentares saudveis e propiciar condies para a manuteno da boa sade dos alunos e funcionrios do CEFSA.

    Frutas parao lanche: opo saudvel e refrescante!

    70 anos de conquistas!

    O CEFSA lanou no incio de maro a InfoSade, uma srie de informativos e campanhas do Ministrio da Sade e do Governo Federal, de modo que alunos, professores e funcionrios possam ter conhecimento das orientaes relacionadas sade pblica.Os informativos, que so uma iniciativa da enfermaria, so importantes para sabermos como lidar com doenas, problemas de sade pblica e outros assuntos correlatos, tanto dentro dos ambientes do CEFSA quanto em casa. As campanhas sero divulgadas mensalmente nos Quadros de Avisos e na intranet, podendo ser reconhecidas pelo selo que foi desenvolvido para esse fim.

    Participando das campanhas, voc poder contribuir para a sua sade e a de todos a seu redor.

    O ano de 2012 marca a comemorao do aniversrio de 70 anos da Termomecanica. Foram muitas conquistas desde que a empresa foi fundada, em 05 de outubro de 1942. E durante estes 70 anos, do pequeno galpo alugado na Mooca, crescemos e nos tornamos uma empresa lder de mercado, produzindo no Brasil, no Chile e na Argentina.

    O sonho do Engenheiro Salvador Arena hoje realidade graas a muita determinao e trabalho em equipe, nestes ltimos 70 anos. Que o futuro possa reservar ainda mais vitrias e conquistas TM e Fundao Salvador Arena!

    Colaborao: Fernanda Trigo (Nutricionista)

    Term

    omec

    anica

    Info

    sad

    e

    4

    Gas

    trono

    mia

  • BLOCO 1

    BLOCO 2

    BLOCO 3

    BLOCO 4

    BLOCO 5

    BLOCO 6

    BLOCO 7

    BLOCO 8

    BLOCO 9

    FTT -

    BLOCO 10

    CDMR

    ConjuntoAqutico

    Quadra polie

    sportiva

    coberta e v

    estirios

    Cozinha

    Estufas

    Avirio

    Capela

    Guarita

    Refe

    itrio

    Portaria

    Playground

    Ptio

    Ptio e Ref

    eitrio

    Enfer.

    Quadra

    poliesportiva

    coberta

    Estdio Olmpico Bronze TM 23

    Estacionamento

    ENG SALVADOR ARENA

    TEATRO

    Universidade

    Corporativa

    Salas de Aula EI

    Estrada dos Alvarengas

    Desde o incio das atividades do Colgio Termomecanica, ainda instalado na Av. Caminho do Mar, em 1989, a Fundao Salvador Arena tem investido constantemente em infraestrutura, equipamentos, laboratrios, alm de investir no desenvolvimento de seu capital humano: alunos, professores e funcionrios. Os investimentos so pensados para aprimorar o desenvolvimento profissional e cidado de todos os estudantes, alm de garantir que a aprendizagem ocorra de forma segura, saudvel e bem-sucedida.

    No perodo de frias escolares, isso no poderia ser diferente. nessa poca que so feitas importantes obras de manuteno, para que todos possam desfrutar de um ambiente melhor, durante o ano letivo. Confira no quadro abaixo as obras realizadas durante os meses de dezembro de 2011 e janeiro deste ano.

    ESCOLAColaborao: Srgio Martins e Gerson Cruz

    Fund

    ao

    Sal

    vado

    r Are

    na

    5CJ Revista Crescendo Juntos

    CUIDANDOda

    nossa

    Pintura interna e externa das caixas dguaToda a gua consumida no CEFSA retirada de poos artesianos e passa por tratamento de clorao, sendo armazenada nas duas caixas que ficam em frente ao casaro. Durante o perodo de frias, foi feito o servio de recuperao da pintura interna e externa desses reservatrios, para aumentar sua vida til e garantir gua limpa e saudvel a todos os usurios. Construo de um reservatrio para captao de

    gua da chuva, nas proximidades do bloco 10Trata-se de um tanque com capacidade de 20 mil litros, que servir para recolher toda a gua da chuva, proveniente do teatro. Essa gua ser utilizada no sistema de irrigao que est sendo instalado para servir horta. A prxima etapa desse projeto consiste na colocao da tubulao e instalao dos aspersores. Em breve, poderemos verificar esse sistema em funcionamento.

    Blocos 1, 2 e 3Novo piso cermico Reduo dos custos de manuteno e conservao Piso antiderrapante: mais segurana aos alunos Mais claridade nos corredores- Pintura dos corredores e das portas das salas de aula- Reviso na instalao eltrica, troca de pisos e pintura nas salas 5 (Cermica) e 22 (Oficina)

    Reforma doslaboratrios de fsica e biologiaNesses ambientes, foi feita a reviso da instalao eltrica das mesas, de forma a aumentar a segurana dos alunos e evitar acidentes. Todos os armrios e bancadas do laboratrio de Fsica tambm foram reformados.

  • CJ Revista Crescendo Juntos6

    Bibl

    iotec

    a

    Bibliotecas guardam o infinito. Por mais tempo que passemos em seu interior, nunca seremos capazes de conhec-las na sua totalidade; ali habita o intangvel e, todos os dias, chega um novo morador e mais um mistrio a ser desvendado pelos bibliotecrios, infoeducadores e leitores. Nas bibliotecas do CEFSA no diferente. Em cada unidade, centenas de livros convidam pequenos e grandes leitores ao desafio de uma nova descoberta. Ora uma fbula a ser compartilhada com a famlia, ora um conto de suspense que no nos permite dormir, ora um amor para recordar, uma comdia para rir com os amigos... so muitas as histrias!E a magia no est somente nos livros, mas tambm no ambiente; h harmonia neste espao, uma vontade de ficar mais um pouco, de prolongar o tempo, de olhar e sentir o cheiro, desvendar o mistrio que existe, sem saber explicar exatamente o que .No podemos nos esquecer das atividades culturais que so realizadas durante o ano: escritores renomados so convidados para compartilhar suas experincias; msicos e contadores de histrias comparecem para demonstrar seus talentos; e, claro, alunos que contribuem com sua msica, poesia, arte dramtica, trabalhos acadmicos, exposies etc.A modernidade nos trouxe tablets, notebooks, ipods, e os livros esto includos entre esses novos suportes informacionais. No entanto, esta mesma

    Mundo dos LivrosTesouros da Humanidade

    O Fascinante

    Colaborao: Miriam do Nascimento modernidade no nos roubou a cumplicidade, a afetividade e a convivncia com esse material to antigo e to generoso com nossa nsia de conhecimento e de emoes. Os livros so a memria da humanidade. So eles que guardam cuidadosamente nossa histria, um tesouro bem cuidado e preservado nas bibliotecas existentes em todo o mundo.O Prof Edmir Perrotti, coordenador geral do Projeto Bibliotecas Interativas (USP), comenta no livro A Formao do Leitor: Ao se tornar espao de expresso, a biblioteca interativa abre espao para a efetiva democratizao e no apenas para acesso cultura. nesse aspecto que o cidado se distingue do consumidor, o leitor se diferencia do ledor. Se este tem olhos e ouvidos vidos, aquele tem, alm disso, boca e um desejo urgente de expresso, j que se posiciona, julga, compromete-se intensamente com o que l. Diferentemente do ledor, o leitor no tem vocao para o consumo sgnico. Seu horizonte a expresso, a existncia cultural, a reintroduo da vida nos registros aprisionados no papel.Assim, todos os dias, quando presenciamos alunos entusiasmados se dirigindo para as bibliotecas, de forma voluntria, entendemos que as bibliotecas interativas do CEFSA tm colaborado efetivamente para a formao de leitores e cidados, que gostam de estar Crescendo Juntos.

    Quando estou diante das estantes de uma biblioteca (desta ou de qualquer outra), tenho a impresso de que os milhes de volumes que ali se encontram podem, de fato, conter a totalidade da experincia humana e que eles no constituem um modelo para o universo, mas sim, do universo.

    (BATTLES, 2003)

  • Espo

    rtes

    Alm de empregar todos os recursos na formao educacional de seus alunos, o Centro Educacional da Fundao Salvador Arena investe maciamente em outras atividades complementares, entre as quais se destaca a de esportes. Diversas modalidades esportivas so praticadas pelos a...