RELATÓRIO ANUAL 2011 - img. ?· 6 RELATÓRIO ANUAL 2011 RELATÓRIO ANUAL 2011 7 DeStAQueS De 2011 geStÃo…

Download RELATÓRIO ANUAL 2011 - img. ?· 6 RELATÓRIO ANUAL 2011 RELATÓRIO ANUAL 2011 7 DeStAQueS De 2011 geStÃo…

Post on 20-Nov-2018

217 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

<ul><li><p>RELATRIO ANUAL 2011</p></li><li><p>1RELATRIO ANUAL 2011</p><p>3 ao leitor4 diretrizes6 destaques de 2011 6 sntese de </p><p>desempenho</p><p>8 reconhecimentos e prmios</p><p>9 mapa de atuao </p><p>10 traJetria 12 mensaGem do </p><p>presidente</p><p>16 perFil da tecnisa26 contexto setorial </p><p>e estratGia</p><p>34 GoVernana corporatiVa </p><p>Sumrio</p><p>48 desempenho social68 desempenho </p><p>amBiental</p><p>78 desempenho econmico--Financeiro/ operacional</p><p>86 soBre este relatrio </p><p>88 indicadores Gri</p><p>Obs.: As Demonstraes Financeiras 2011 esto apresentadas num volume separado deste Relatrio.</p></li><li><p>2 3RELATRIO ANUAL 2011RELATRIO ANUAL 2011</p><p>Ao leitoro presente relatrio rene os principais fatos, desafios e realizaes da tecnisa em 2011, alm de apresentar as perspectivas para seus negcios nos prximos anos. [GRI 3.1, 3.3]</p><p>publicado anualmente, o documento segue as diretrizes da Global reporting initiative (Gri), organizao internacional multistakeholder, com sede na holanda. esse padro o mais difundido entre grandes empresas, pelo mundo afora, por oferecer uma base objetiva de comparao entre as organizaes a partir de indicadores de desempenho nas esferas social, ambiental e econmica. [GRI 3.2]</p><p>alm disso, a metodologia busca aumentar a qualidade do relato ao estabelecer princpios a serem seguidos na sua elaborao. entre eles, destacam-se o equilbrio na exposio dos contedos, pela descrio de sucessos e dificuldades, pontos fortes e fracos; e a materialidade (rele-vncia) dos temas abordados no que diz respeito a assuntos e desafios crticos para a sustentabilidade da organizao relatora. </p><p>para atender a esse ltimo quesito, novamente a tecnisa contou com a participao de representantes de seus stakeholders colaboradores, acionistas, clientes, corretores e fornecedores , que apontaram os temas considerados prioritrios para o relatrio (veja mais detalhes no texto Sobre este Relatrio, na pgina 86). [GRI 3.5]</p><p>a principal novidade deste ano em relao s edies passadas o fato de o relatrio incorporar as demonstraes Financeiras, o que deixa mais completo o contedo sobre o desempenho econmico da companhia.</p><p>os indicadores aqui apresentados, com algumas excees relacionadas a informaes financeiras, so referentes apenas aos empreendimentos exe-cutados pela tecnisa; os demais, por serem gerenciados pelos parceiros, no fornecem indicadores para esta publicao. as respostas aos indica-dores podem ser consultadas ou localizadas no ndice remissivo Gri, na pgina 88. [GRI 3.6, 3.7, 3.8]</p><p>sugestes, crticas e outros comentrios sobre este relatrio podem ser encaminhadas para o e-mail sustentabilidade@tecnisa.com.br. [GRI 3.4]</p><p>Boa leitura.</p></li><li><p>4 5RELATRIO ANUAL 2011RELATRIO ANUAL 2011</p><p>miSSo</p><p>oferecer produtos e servios no mercado imobilirio, cuja rentabilidade e satisfao dos clientes assegurem a sustentabilidade da empresa e a valorizao da marca tecnisa.</p><p>ViSo</p><p>ser reconhecida como a melhor empresa do segmento imobilirio, perpetuando nosso negcio pela rentabili-dade, qualidade de entrega, inovao e relacionamento com clientes, colaboradores e investidores.</p><p>VAloreS </p><p> INTEGRIDADEconduzimos nossos negcios de forma transparente e ntegra. pautamos nossas aes pelos mais altos padres profissionais. cumprimos o que prometemos. no garantimos que no vamos cometer erros, mas garantimos que sempre vamos corrigi-los e aprender com eles.</p><p> ATITUDEpensamos e agimos como donos do negcio, garim-pando todas as oportunidades que aparecem no mercado. somos comprometidos, persistentes, proa-tivos e tomamos riscos de forma responsvel. agimos com cordialidade e respeito; temos senso de urgncia e pontualidade. lideramos com exemplos.</p><p>DiretriZeS [GRI 4.8]</p><p> RESULTADOsomos obstinados pela busca de resultados, pois so eles que garantem o retorno sobre nossos investimen-tos, a satisfao dos acionistas e a remunerao dos colaboradores. por meio deles, viabilizamos o cresci-mento, o sucesso e a perenidade do nosso negcio.</p><p> GENTErecrutamos, retemos e desenvolvemos os melhores profissionais, que tenham entusiasmo, proatividade e trabalhem duro. trabalhamos em equipe num ambiente aberto a questionamentos e sugestes, com a autoestima elevada para desenvolver todo o nosso potencial criativo.</p><p> MERITOCRACIArecompensamos e proporcionamos oportunida-des para que as pessoas cresam na razo direta de seus resultados, avaliados de forma clara, objetiva e completa.</p><p> EXCELNCIA E QUALIDADEmantemos nossa obstinao pelas coisas ben-feitas e pela busca dos mais altos padres de qualidade. desenvolvemos e implantamos padres de excelncia em tudo o que fazemos. isso est em nosso dna. trabalhamos duro para entregar produtos e servios de alta qualidade e dentro dos prazos acordados.</p></li><li><p>6 7RELATRIO ANUAL 2011RELATRIO ANUAL 2011</p><p>DeStAQueS De 2011</p><p>geSto Contratao do diretor de obras de terceiros.</p><p> reestruturao e expanso da rea de Segurana do trabalho.</p><p> Criao do Departamento de inteligncia de mercado.</p><p> Criao da Poltica de Sustentabilidade.</p><p> Assistncia mdica a operrios e seus dependentes.</p><p> realizao do primeiro programa de trainees. Abertura de escritrio prprio em Curitiba.</p><p> Criao do Departamento de Processos.</p><p>negCioS registro de incorporao do </p><p>empreendimento Jardim das Perdizes. </p><p> estreia da linha teCniSA Flex em Braslia e Curitiba.</p><p>merCADo De CAPitAiS Follow-on, oferta subsequente de aes em </p><p>que foram captados r$ 398,3 milhes.</p><p> incluso das aes da teCniSA nos ndices imoB (setor imobilirio) e iBrX-100 (100 aes mais lquidas da BmF&amp;BoVeSPA).</p><p> Upgrade do rating de crdito corporativo pela Standard &amp; Poors, de brBBB+ para brA-.</p><p>inoVAeS instalao de medidores individuais de </p><p>consumo de eletricidade, gua e gs em empreendimentos.</p><p> Sistematizao da participao de fornecedores no processo de inovao por meio do Fast Dating.</p><p> entrada da teCniSA no Facebook e em novos aplicativos.</p><p> Criao do bikesharing, infraestrutura de compartilhamento de bicicletas em empreendimentos.</p><p> escolha como a empresa mais inovadora do setor pela revista pocaNegcios e pela consultoria A.t. Kearney.</p><p>SoCioAmBientAl 76 operrios formados pelo programa de </p><p>alfabetizao ler e Construir.</p><p> Adoo de estaes para carros hbridos em projetos.</p><p> instalao de aquecimento solar em canteiros de obras.</p><p>DeSemPenho AmBientAl</p><p>2009 2010 2011</p><p>63.674 65.242 65.158</p><p>ConSumo De guA noS CAnteiroS De oBrAS (em m3)</p><p>[GRI EN8]</p><p>2009 2010 2011</p><p>eConomiA PotenCiAl De guA em emPreenDimentoS Com meDiDoreS </p><p>inDiViDuAiS De ConSumo (em m3)[GRI EN26]</p><p>16.425</p><p>33.05937.080</p><p>DeSemPenho SoCiAl</p><p>2009 2010 2011</p><p>20 20</p><p>15</p><p>n De ACiDenteS De trABAlho Com AFAStAmento SuPerior A 15 DiAS</p><p>[GRI LA7]</p><p>2009 2010 2011</p><p>1.212</p><p>1.6532.079</p><p>nmero De ColABorADoreS DiretoS</p><p>[GRI LA1]</p><p>2009 2010 2011</p><p>859,91.072,6</p><p>1.561,3</p><p>DoAeS PArA ProJetoS SoCiAiS </p><p>(em r$ mil)</p><p>DiStriBuio Do VAlor ADiCionADo (DVA, em %) [GRI Ec1]</p><p>Pessoal e encargos (exceto INSS)_____________________56,467 (15.1%)</p><p>Impostos, taxas e contribuies (Inclusive INSS)_________97,607 (26.2%)</p><p>Juros e encargos nanceiros e outros_________________47,426 (12.8%)</p><p>Aluguel__________________________________________6,306 (1.9%)</p><p>Participao de acionistas no controladores__________19,755 (5.3%)</p><p>Dividendos_______________54,676 (14.7%)</p><p>Lucro retido do exerccio___________________________89,535(24%)</p><p> 371,972</p><p>26,2</p><p>15,1</p><p>24,0</p><p>14,7</p><p>5,3</p><p>1,9</p><p>12,8</p><p>Pessoal e encargos Impostos, taxas e contribuies Juros, encargos financeiros e outros</p><p>2009 2010 2011</p><p>2,40 2,50</p><p>1,95</p><p>rotAtiViDADe De ColABorADoreSDA eQuiPe ADminiStrAtiVA (em %) </p><p> [GRI LA2]</p><p>Aluguel Participao de acionistas no controladoresDividendosLucro retido do exerccio</p><p>2009 2010 2011</p><p>352,2</p><p>2.053,9 2.116,4</p><p>VgV De lAnAmentoS(parcela teCniSA, em r$ milhes)</p><p>2009 2010 2011</p><p>7</p><p>30</p><p>37</p><p>emPreenDimentoS lAnADoS</p><p>2009 2010 2011</p><p>748,8</p><p>1.538,41.830,8</p><p>VenDAS ContrAtADAS*(parcela teCniSA, em r$ milhes)</p><p>2009 2010 2011</p><p>18,616,7</p><p>10,6</p><p>mArgem lQuiDA AnteS DoS minoritrioS (em %)</p><p>DeSemPenho eConmiCo-FinAnCeiro/oPerACionAl [GRI Ec1]</p><p>38,3</p><p>2009 2010 2011</p><p>37,0</p><p>mArgem BrutA AJuStADA (em %)*</p><p>34,1</p><p>*Ajustadaporjurosevariaoalocadanocustodasobras.</p><p>2009 2010 2011</p><p>54,4</p><p>97,3</p><p>70,3</p><p>DViDA lQuiDA/PAtrimnio lQuiDo (em %)</p><p>SnteSe De DeSemPenho</p><p>*Lquidasdedistratos,incluindopermutas.2009 2010 2011</p></li><li><p>8 9RELATRIO ANUAL 2011RELATRIO ANUAL 2011</p><p>Manaus Fortaleza</p><p>Lauro de Freitas</p><p>Braslia*</p><p>Goinia</p><p>So Paulo</p><p>EscritriosEmpreendimentos</p><p>Curitiba</p><p>Salvador</p><p> prmio consumidor moderno de excelncia em servios ao cliente, categoria relacionamento na construo civil realizao da revista Consumidor Moderno.</p><p> prmio master imobilirio, categoria profissional solues tcnicas, com o case departamento de projetos para produo (dpp): construindo novos caminhos realizao do captulo Brasileiro da Federao internacional das profisses imobilirias (Fiabci/Brasil) e do sindicato das empresas de compra, Venda, locao e administrao de imveis residenciais e comerciais de so paulo (secovi-sp).</p><p> prmio as 500 melhores empresas do Brasil, 3 lugar nas categorias inovao e qualidade e responsabilidade social e ambiental realizao da revista Isto Dinheiro.</p><p> prmio as empresas mais inovadoras do Brasil, cate-goria construo civil promovido pela consultoria a.t. Kearney e pela revista poca Negcios.</p><p> make award Brasil, categoria inovao, com o case Gesto do conhecimento no setor imobilirio: uma quebra de paradigma realizao da consultoria the Know network (tKn).</p><p> prmio lide de empreendedorismo, categoria empresa empreendedora na indstria promovido pelo Grupo de lderes empresariais (lide). </p><p> 6 prmio masterinstal, categoria projetos para a execu-o de instalaes, com o case eficincia energtica de edificaes: contribuio dos sistemas de aquecimento de gua promovido pelo sindicato da indstria de instalao (sindinstalao) e pela associao Brasileira pela conformidade e eficincia das instalaes (abrinstal).</p><p>reConheCimentoS e PrmioS[GRI 2.10]</p><p>mAPA De AtuAo[GRI 2.5]</p><p>So Jos dos Campos</p><p>Mogi das Cruzes</p><p>Sorocaba</p><p>Jundia</p><p>Guarulhos</p><p>So Paulo</p><p>Suzano</p><p>Diadema</p><p>Cotia</p><p>Barueri</p><p>Osasco</p><p>Carapicuba</p><p>Santos</p><p>Praia Grande</p><p>So Bernardo </p><p>Santo Andr</p><p>do Campo</p><p>SO PAULO</p><p>Aquiraz</p><p>* Cidades-satlites do Distrito Federal: guas Claras, Gama e Samambaia.</p></li><li><p>10 11RELATRIO ANUAL 2011RELATRIO ANUAL 2011</p><p>trAJetriA</p><p>2000</p><p>2009</p><p>19771977</p><p>Dcada de </p><p>1980</p><p>Dcada de </p><p>1990</p><p>20022007</p><p>2010</p><p>2011</p><p>2008</p><p>2003</p><p>2005</p><p>2004</p><p>2006</p><p> lanamento do programa de responsabilidade social corporativa.</p><p> obteno das certificaes iso 9001 e pBqph nvel a.</p><p> conquista do prmio amanco por um mundo melhor, de responsabilidade social.</p><p> conquista do 1 prmio consumidor moderno de excelncia em servios ao cliente.</p><p> conquista do prmio amanco por um mundo melhor, de responsabilidade social.</p><p> conquista do 2 prmio consumidor moderno.</p><p> conquista do prmio amanco por um mundo melhor, de responsabilidade social.</p><p> conquista do prmio master imobilirio de responsabilidade social, promovido pelo secovi-sp.</p><p> adoo do conceito de empresa gay friendly, com a disponibilizao de profissionais de atendimento e ps-venda treinados para respeitar as caractersticas e particularidades da comunidade de lsbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais (lGBt).</p><p> conquista do 3 prmio consumidor moderno.</p><p> primeira empresa a ter um blog corporativo.</p><p> constituio da tecnisa consultoria imobiliria (tecnisa Vendas).</p><p> abertura de capital e ingresso no novo mercado da Bm&amp;FBoVespa.</p><p> conquista do 4 prmio consumidor moderno.</p><p> incio de operaes em manaus e em Goinia. </p><p> indicao como uma das 150 melhores empresas para trabalhar pelo Guia Voc S/A Exame.</p><p> conquista do 5 prmio consumidor moderno.</p><p> indicao como uma das 150 melhores empresas para trabalhar pelo Guia Voc S/A Exame.</p><p> incio das opereraes em lauro de Freitas e salvador (Ba), Fortaleza (ce), distrito Federal e curitiba (pr).</p><p> pioneira no uso de mdias sociais (twitter, orkut, Facebook, second life) para interao com os clientes.</p><p> escolha como uma das 100 melhores empresas para trabalhar pela revista poca e pelo Great place to Work.</p><p> conquista do 6 prmio consumidor moderno.</p><p> criao do comit de sustentabilidade tecnisa.</p><p> indicao como uma das 150 melhores empresas para trabalhar pelo Guia Voc S/A Exame.</p><p> abertura de filial em Fortaleza (ce).</p><p> incio das atividades de engenharia da companhia em 22 de setembro de 1977, sob o nome tecnisa engenharia e comrcio ltda., com contrato celebrado em 24 de agosto.</p><p> criao de programa de reduo e otimizao de insumos em obras, com queda significativa do desperdcio de materiais e dos custos das obras.</p><p> introduo do conceito de grand space, apartamentos com rea maior do que a oferecida geralmente pelas demais incorporadoras, para um mesmo padro e nmero de quartos, sem acrscimo proporcional de preo.</p><p> criao do conceito de roof top lazer na cobertura dos edifcios e no no trreo.</p><p> primeira empresa do Brasil a entregar os empreendimentos com as reas comuns equipadas e decoradas.</p><p> criao do departamento de desenvolvimento tecnolgico na rea de engenharia.</p><p> conquista do prmio master imobilirio de engenharia, do sindicato da habitao de so paulo (secovi-sp), com o case de racionalizao construtiva, em 1996.</p><p> incio da comercializao de imveis com equipe prpria e pela internet.</p><p> lanamento da linha tecnisa Flex. </p><p> abertura de filial em manaus (am) e Braslia. </p><p> publicao do primeiro relatrio de sustentabilidade.</p><p> conquista do master imobilirio na categoria marketing, pela estratgia de comunicao e relacionamentos nas redes sociais da internet.</p><p> conquista do 7 prmio consumidor moderno.</p><p> Vitria no prmio as empresas mais inovadoras do Brasil, da revista poca Negcios e da consultoria a.t. Kearney, pelo uso de tecnologias digitais na comunicao e interao com os clientes.</p><p> conquista da medalha de prata no 5 prmio masterinstal, concedido pelo sindicato da indstria de instalao e pela associao Brasileira pela conformidade e eficincia das instalaes, pelo programa corporativo profissionais do Futuro.</p><p> incio das aes de open innovation.</p><p> criao da poltica de sustentabilidade.</p><p> abertura de filial em curitiba (pr).</p><p> aprovao das obras de infraestrutura do projeto Jardim das perdizes.</p><p> contratao de diretor de obras de terceiros.</p><p> conquista do 8 prmio consumidor moderno.</p><p> eleita a empresa mais inovadora do Brasil no setor da construo civil, pela poca Negcios e a.t. Kearney.</p><p> conquista do prmio master imobilirio na categoria solues tcnicas, promovido pelo secovi-sp, pela gesto da construo de empreendimentos, com foco em eficincia e racionalizao.</p><p> criao do Fast dating, ferramenta que d chance a empresas de participar do processo de inovao da tecnisa.</p><p> oferta subsequente de aes (Follow-on) na Bm&amp;FBoVespa no valor de r$ 398,3 milhes.</p><p> incluso das aes tcsa3 nos ndices iBrx e imoB da Bm&amp;FBoVespa.</p></li><li><p>12 13RELATRIO ANUAL 2011RELATRIO ANUAL 2011</p><p>o ano de 2011, para a tecnisa, foi marcado por muitas conquistas e grandes desafios.</p><p>avanos na gesto da companhia impulsionaram a consolidao de nossa principal estratgia de cres-cimento a diversificao geogrfica e de negcios. seguimos aumentando a nossa presena dentro e fora do estado de so paulo, incluindo a abertura de escritrio em curitiba e a criao de uma gerncia de engenharia em Braslia, alm do reforo de equipes nas outras praas de atuao. a marca tecnisa Flex, de imveis econmicos, alcanou mais de 40% de nosso portflio, chegando aos mercados de Braslia e da capital paranaens...</p></li></ul>