RELATÓRIO ANUAL 2011 ANNUAL REPORT 2011 ...

Download RELATÓRIO ANUAL 2011 ANNUAL REPORT 2011 ...

Post on 10-Jan-2017

218 views

Category:

Documents

2 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • RelatRio anual 2011

    annual RepoRt 2011

    DeMonStRaeS FinanCeiRaS

    FinanCial StateMentS

  • torre de tv digital de braslia / df

    sumrio iNDEXapReSentao 04

    1 MenSageM Do pReSiDente 06

    2 viSo De SuStentabiliDaDe 10

    3 a eMpReSa 14

    4 noSSo MeRCaDo 24

    5 geSto e RelaCionaMentoS 32

    6 goveRnana CoRpoRativa 38

    7 DeSeMpenho eConMiCo 46

    8 DeSeMpenho aMbiental 52

    9 DeSeMpenho SoCial 62

    10 aneXoS 86

    intRoDuCtion 100

    1 a MeSSage FRoM the pReSiDent 102

    2 a viSion FoR SuStainabilitY 106

    3 the CoMpanY 110

    4 ouR MaRKet 120

    5 ManageMent anD RelationS 128

    6 CoRpoRate goveRnanCe 134

    7 eConoMiC peRFoRManCe 140

    8 enviRonMental peRFoRManCe 144

    9 SoCial peRFoRManCe 154

    10 anneXeS 176

    Menu pRinCipal

    Main Menu

  • sesc paulista / sp

    AprEsENtAo

    Em 2011, nos dedicamos a buscar solues capazes de fazer da Mendes Jnior uma empresa mais

    robusta e preparada para consolidar e ampliar sua atuao no mercado. As iniciativas adotadas para

    superar desafios, assegurar novos contratos e permitir a realizao de projetos inovadores e com a

    garantia de excelncia em engenharia esto retratadas neste Relatrio Anual, elaborado com base

    nas diretrizes do Global Reporting Initiative (GRI), padro mais utilizado mundialmente.

    Este o quarto ano consecutivo em que a empresa segue a metodologia, o que refora seu compro-

    misso com a transparncia e a credibilidade dos dados apresentados. Mais do que uma prestao de

    contas de seu desempenho nas reas econmica, ambiental e social, o Relatrio considerado pela

    Mendes Jnior uma importante ferramenta de gesto da sustentabilidade.

    O documento, elaborado com participao de um Comit formado por colaboradores de diver-

    sas reas da empresa, mostra os avanos obtidos no desenvolvimento da Organizao. Coube ao

    Comit contribuir na definio do contedo do relatrio, nos seus parmetros, na identificao de

    temas tanto para os pblicos de relacionamento quanto para o setor da construo pesada com

    o intuito de apresentar um material analtico e aderente realidade da Mendes Jnior e do setor

    onde atua.

    Como forma de facilitar o entendimento dos indicadores que sero apresentados, o relatrio de

    2011 trata os dados, considerando as linhas de atuao da empresa. Em razo dessa mudana, em

    alguns indicadores no possvel a comparao com os resultados de 2010.

    Como nos anos anteriores, o Relatrio Anual de 2011 refere-se s operaes em que a Mendes

    Jnior Trading e Engenharia S.A. atua individualmente e em consrcios, sendo que, nesse caso, os

    dados refletem o percentual da empresa em cada projeto.

    O Relatrio Anual de 2011 traz, alm das informaes sobre o desempenho da empresa, uma pro-

    posta visual que tem como referncia a perspectiva de ampliar a atuao da companhia nos diferen-

    tes segmentos de mercado e tambm reforar sua expertise em ofertar solues de engenharia de

    padro mundial aos seus clientes. A tipografia utilizada nos ttulos foi desenvolvida especialmente

    para a Mendes Jnior e remete solidez da marca ao longo de seis dcadas de sua histria. A capa

    foi feita com tecido utilizado na confeco de alguns uniformes da empresa.

    5relatrio anual 2011 mendes jnior

    SuM

    Ri

    o

  • SuM

    Ri

    o

  • Cordialmente,

    J. Murillo Valle Mendes

    Presidente

    mENsAgEmDo prEsiDENtE

    O aprimoramento constante de nossos profissio-

    nais e dos projetos de engenharia que desenvol-

    vemos, alm da slida atuao na conduo de

    nossos negcios so os alicerces da Mendes Jnior.

    Com esses atributos, a empresa consolidou uma

    histria de sucesso com atuao nos mercados

    nacional e internacional, sempre oferecendo solu-

    es completas e inovadoras para os mais relevan-

    tes segmentos da construo.

    Em 2011, enfrentamos novos desafios, impostos

    por um mercado em fase de forte reestruturao.

    A exemplo de outros anos, a expertise que acumu-

    lamos e a busca pelo estado da arte em todos os

    empreendimentos com a nossa marca foram de-

    terminantes para nosso desempenho. Trabalhamos

    em projetos de grande importncia para o pas e

    de alta complexidade em engenharia. Entre eles,

    podem ser destacados a Universidade Federal da

    Integrao Latino-Americana (PR), o complexo pe-

    troqumico do COMPERJ (RJ), a Hemobrs (PE) e o

    Sesc Paulista (SP).

    A sustentabilidade outro componente impor-

    tante de nossa atuao, e orienta nossas inicia-

    tivas. Queremos sempre melhorar a qualidade de

    vida das pessoas, superando a expectativa de nos-

    sos clientes e de todos os pblicos com os quais

    nos relacionamos.

    Esses so os fatores que diferenciam a Mendes

    Jnior e asseguram o desenvolvimento dos neg-

    cios, o fortalecimento de nossa identidade e a

    consolidao de nosso papel para o crescimento

    econmico e social do Pas.

    Agradecemos a dedicao e o empenho de nossos

    colaboradores e a confiana de nossos fornecedo-

    res, clientes e acionistas, que contriburam para os

    resultados obtidos em 2011.

    8 mendes jnior relatrio anual 2011

    SuM

    Ri

    o

  • SuM

    Ri

    o

  • valoR que DuRa

    Sustentabilidade sinnimo de respeito para a Mendes Jnior. Em sua

    histria, a empresa adotou posturas e prticas para gerenciar o impacto

    de suas atividades sobre o meio ambiente e as comunidades onde atua,

    acompanhando ainda as mudanas e o aperfeioamento na legislao.

    De outro lado, sua gesto visa a promover a continuidade do negcio,

    com retorno justo e adequado para colaboradores e acionistas.

    Trabalhar de forma sustentvel significa tambm otimizar o uso de

    matria-prima, dos recursos naturais e reduzir a gerao de resduos.

    A empresa busca alternativas para o reaproveitamento dos materiais

    descartados ou gerados nas obras, principalmente por meio de iniciati-

    vas que possam contribuir para o aumento de renda das comunidades

    vizinhas. Nesse processo, os colaboradores so ainda orientados para

    diminuir desperdcios e aperfeioar continuamente sua atuao com

    mais eficincia e mais respeito ao meio ambiente e s pessoas.

    Agindo assim, a Mendes Jnior quer, cada vez mais, ser reconhecida

    como uma empresa comprometida com uma gesto que valoriza a

    sustentabilidade e capaz de contribuir para o desenvolvimento e a

    gerao de riqueza para a sociedade.

    viso DE sustENtAbiliDADE

    guadalupe / pi

    12 mendes jnior relatrio anual 2011

    SuM

    Ri

    o

  • SuM

    Ri

    o

  • A EmprEsA

    A misso da Mendes Jnior buscar a excelncia em so-

    lues de engenharia. Desde sua fundao, em 1953, isto

    tem sido possvel com uma atuao que combina o rigor

    tcnico, a valorizao e o conhecimento de seu patrimnio

    humano em projetos que contribuem para o bem-estar das

    pessoas e para o desenvolvimento do Pas. Hoje, a empresa

    ocupa posies de destaque nos segmentos de obras em

    Infraestrutura, Negcios Industriais e leo e Gs, com pre-

    sena em 14 estados do Brasil.

    Possui expertise consolidada para executar obras e servios

    de construo rodoviria, ferroviria, metroviria, porturia,

    hidreltrica, termeltrica, petrleo e gs, refinarias, platafor-

    mas martimas, dutos, saneamento urbano, canais de irriga-

    o, minerao, manuteno industrial onshore e offshore,

    aeroportos e linhas de transmisso.

    Em 2011, a Mendes Jnior concentrou esforos na am-

    pliao de sua participao em segmentos cujos mercados

    mostram franca expanso e boas perspectivas para os pr-

    ximos anos. Dois projetos conquistados no perodo ilustram

    essa estratgia: o TEBIG, referente pr-operacionalizao

    do Per do Terminal Maximiano Augusto da Fonseca, em

    Angra dos Reis (RJ) e o projeto Pipe-Rack, para o reuso da

    gua utilizada no Complexo Petroqumico do Rio de Janeiro

    (COMPERJ). Esses contratos, com grau de exigncia elevado,

    representam mais um desafio para a capacidade da empresa

    de propor solues inovadoras em engenharia, orientando-a

    para novas conquistas no mercado.

    engenhaRia De valoR

    No ano passado, o conceito de Engenharia de Valor foi um

    dos vetores da atuao da Mendes Jnior, juntamente com

    sua Misso, Viso e Valores. O principal objetivo promo-

    ver um exame minucioso de cada funo/atividade, criando

    condies e estabelecendo parmetros para melhorar o va-

    lor dos produtos, bens e servios oferecidos pela companhia

    frente aos custos das etapas de implantao, operao e

    manuteno de um projeto. Essa iniciativa resulta ainda em

    ganhos de desempenho, qualidade e funcionalidade dos

    servios prestados aos clientes.

    O conceito tem aplicao desde a concepo, at a aprova-

    o tcnica e econmica de um projeto. Praticado no dia a

    dia, refora o modo como a empresa expressa sua exceln-

    cia em projetos, o respeito ao ser humano, o cumprimento

    de contratos, a perseverana e a tica.

    MiSSo, viSo e valoReS

    Misso

    A Mendes Jnior uma empresa que propicia

    solues de excelncia em negcios de engenharia.

    Viso

    Solues de classe mundial em engenharia.

    Valores

    Excelncia em negcios de engenharia

    Respeito ao ser humano

    Cumprimento dos contratos

    Perseverana

    tica

    eStRutuRa SoCietRia

    A Mendes Jnior Trading e Engenharia S.A.

    uma sociedade annima de capital fechado. Seu

    capital social de R$ 235 milhes representado

    por 205.058.000 aes ordinrias nominativas,

    em diferentes quantidades, distribudas entre

    quatro empresas controladas por pessoas fsicas.

    MenDeS JnioR tRaDing

    e engenhaRia S.a.

    Estrutura Operacional

    Administrao Central: Belo Horizonte

    Sede contbil: So Paulo

    Escritrios: Braslia, So Paulo,

    Rio de Janeiro e Recife

    Instalaes permanentes: Maca (RJ)

    e Juiz de Fora (MG)

    reas de atuao

    Indstrias de construo; montagem

    industrial e eletromecnica; gerenciamento

    de empreendimentos; comrcio; exportaes

    e importaes (setores pblico e privado).

    Segmentos

    Construo rodoviria, ferroviria, metroviria,

    porturia, hidreltrica, termeltrica, petrleo e

    gs, refinarias, plataformas martimas, dutos,

    saneamento urbano, canais de irrigao,

    minerao, manuteno industrial onshore e

    offshore, aeroportos e linhas de transmisso.

    A 84,21% Edificadora S.A.

    B 10,28% Sociedade Mineira de Participaes

    Industriais e Comerciais

    C 5,4% Mendes Jnior Engenharia S.A.

    D 0,11% Mendes Jnior Empreendimentos,

    Montagens e Servios

    A

    B

    C

    D

    16 17mendes jnior relatrio anual 2011 relatrio anual 2011 mendes jnior

    SuM

    Ri

    o

  • mENDEs JNior Em NmEros

    dados 2011 2010

    Nmero de projetos em andamento 28 31

    Investimentos (R$ mil) 50.363 47.341

    Patrimnio lquido (R$ mil) 409.733 389.419

    Ativo (R$ mil) 681.142 648.002

    Lucro lquido (R$ mil) 20.314 52.212

    Benefcios pagos aos colaboradores (R$) 90.458.999,46 82.189.438,78

    Recursos em investimento sociocultural pblico externo (R$) 565.973,49 956.303,56

    Total de horas de treinamento no ano 540.516** 2.928.154

    Investimentos diretos em meio ambiente (R$) 9.193.430,84 6.184.110,60

    nmero de empregados

    2011 6.799*

    * Em 2011, a empresa alterou a forma de relatar os dados de movimentao de pessoas, passando a considerar a mdia de colaboradores nos projetos durante o ano. A mudana reflete a realidade do setor, cujo efetivo varia ao longo do perodo de acordo com o perfil e estgio dos projetos. Por essa razo, no possvel fazer anlises comparativas com os nmeros de colaboradores apresentados nos relatrios anteriores.

    ** 2011 foi um ano de desmobilizaes de muitos projetos, fato que levou a uma reduo significativa na carga horria de treinamento.

    repar / pr

    18 mendes jnior relatrio anual 2011

    SuM

    Ri

    o

  • 19902010

    CRiSe, inovao e ConSoliDao Da geSto

    Construo do metr de Santiago, Chile.

    Construo da Hidreltrica de

    Tianshengqiao-1(TSQ 1), China.

    Concluso da Ponte Estaiada Octavio

    Frias de Oliveira (SP).

    Construo do gasoduto de Fortaleza (CE).

    Obras da Hidreltrica de Manso (MT).

    Construo do mineroduto de Collahuasi, Chile.

    Infraestrutura de saneamento de La

    Florida, em Santiago, Chile.

    Construo da ponte de Llcolen, em Arauco, Chile.

    Construo da nova sede do Governo do

    Estado de Minas Gerais, projetada por Oscar

    Niemeyer, em Belo Horizonte (MG).

    Intensificao das obras no segmento de leo e gs.

    Implantao da planta industrial da

    Hemobrs I, em Goiana (PE).

    Concluso do trecho Sul do Rodoanel Mrio Covas,

    do Sesc Belenzinho, Sesc Pinheiros, da expanso

    da Linha Verde do Metr, em So Paulo (SP).

    Expanso da refinaria de Paulnia

    (Replan), em Paulnia (SP).

    Construo das Penitencirias Capela

    do Alto, em So Paulo (SP).

    Construo do Sesc 24 de Maio, em So Paulo (SP).

    Porto de Macei (AL).

    Expanso da refinaria Alberto Pasqualini

    (Refap), em Canoas (RS).

    Arena Pantanal, em Cuiab (MT).

    Torre de TV Digital, em Braslia (DF).

    Gasoduto Cacimbas Catu (ES/BA).

    Duplicao da BR-101, em Pernambuco.

    Projeto de irrigao dos Plats de Guadalupe (PI).

    2011

    novoS hoRizonteS e DeSaFioS*

    Obras de infraestrutura e mobilidade urbana

    visando o mundial de futebol de 2014, como o

    Ramal da Copa e o TRO Leste-Oeste, em Recife (PE).

    Obras da transposio das guas

    do Rio So Francisco (lote 8).

    Novos contratos no segmento de leo e Gs,

    como o TEBIG e o COMPERJ, no Rio de Janeiro.

    Obras industriais: segunda etapa da unidade da

    Hemobrs, em Goiana (PE) e o novo Galpo de

    pintura da Fiat, na sua fbrica em Betim (MG).

    Primeira etapa do Campus da Universidade Federal

    da Integrao Latino-Americana (Unila), em Foz

    do Iguau (PR), projetada por Oscar Niemeyer.

    Contratos na rea habitacional, includos no

    Programa de Acelerao do Crescimento (PAC).

    *A relao completa dos contratos de 2011 est na pgina 29 deste Relatrio.

    19741989

    DCaDaS De ConSoliDao Da MaRCa

    MenDeS JnioR no MeRCaDo inteRnaCional

    e De DiveRSiFiCao Do eSCopo De atuao

    Construo da rodovia da Esperana,

    na Mauritnia, Noroeste da frica.

    Construo da ferrovia Bagdadh-Akashat;

    rodovia Expressway; projeto Sifo (estao de

    bombeamento de gua do rio Eufrates), no Iraque.

    Construo do Aeroporto Internacional

    de Nma, Mauritnia, frica.

    Construo da Usina Hidreltrica

    de Itaipu (divisa Brasil/Paraguai).

    Construo do Aeroporto Internacional

    Tancredo Neves (MG).

    Incio da construo, para a Petrobras, das

    plataformas PUB-3 (BA), Pampo (RJ/ES) e da

    primeira plataforma de concreto construda nas

    Amricas, lanada ao mar em Ubarana (RN).

    Construo do Sambdromo (RJ).

    Construo do Memorial da Amrica Latina

    e incio das obras do metr de So Paulo (SP).

    Fundao da Siderrgica Mendes Jnior,

    em Juiz de Fora (MG).

    19531973

    DCaDaS Da ConFiana

    e pRiMeiRoS gRanDeS DeSaFioS

    Entrada no mercado de obras de grande porte,

    com a construo da Usina Hidreltrica de Furnas.

    Construo das Usinas Hidreltricas de:

    Boa Esperana (divisa do MA com o PI),

    Cachoeira Dourada (divisa de MG com GO),

    Rio Casca (MT), Volta Grande (MG), Moxot

    (AL) e Marimbondo (divisa de SP com MG).

    Incio da atuao internacional, com

    o projeto da Hidreltrica de Santa

    Isabel, em Cochabamba, Bolvia.

    Construo da Ponte Rio-Niteri (RJ).

    Construo da Rodovia Transamaznica

    e de 344 quilmetros da Belm-Braslia.

    19531994

    A Mendes Jnior possua uma marca com a qual

    ficou conhecida em todo o mundo, mas que,

    depois de 40 anos, precisava ser atualizada.

    mArcA NEgcios

    1994

    A Richard Danne & Associates, Inc., empresa

    americana de design e comunicao, desenvolveu

    a marca da Mendes Jnior, que passou a ter

    como smbolo a representao de um diamante,

    simbolizando qualidade, fora, estrutura e preciso.

    2009

    A Greco Design realiza ajustes na relao entre

    smbolo e logotipo, com base na seo urea.

    linha Do teMp...

Recommended

View more >