rede tic e sociedade - ?· resumo este documento integra dois momentos complementares para a...

Download REDE TIC e SOCIEDADE - ?· RESUMO Este documento integra dois momentos complementares para a construção…

Post on 19-Dec-2018

212 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

RESUMO

Este documento integra dois momentos complementares para a construo da

pilotagem em TICe por terras ribatejanas. O primeiro apresenta um percurso

experimental de um conjunto de formaes no domnio das competncias em TICe

(conceitos bsicos de informtica, Skype, Facebook, Gmail e Pesquisa no Google).

No segundo, apresenta-se os resultados de dois questionrios (inicial e final)

implementados em sete juntas de freguesia (Pernes, Alcanhes, Alcanede, Povoa

de Santarm, Santarm, Amiais de Cima/Abr e Vale de Figueira). Estes

instrumentos de avaliao foram analisados sob superviso do Observatrio de

Avaliao da Qualidade da Escola Superior de Educao de Santarm.

REDE TIC e SOCIEDADE

Pilotagem em TICe por terras ribatejanas

Maria Potes Barbas;Bordalo Pacheco;Nlia Ferreira;Mauricio Dias;Mrio

Duarte;Paulo Duarte;Vtor Lopes;Francisco Silva e Helena Val;Tiago Nunes;Ana

Martins e Joana Matos;Hlio Petulante;Cristina Novo;Ana Sousa;Tnia Rosa e

Rodolfo Franco;Filipe Henriques;Joo Raposeira;Tierri Lopes;Alexandra

Faustino;Eduardo Figueiredo, Mar Llorca e Joo Raposeira;Conceio

Martins;Ricardo Matias;Mafalda Lotra e Joana Nascimento;Joo Baeta;Ins Miranda

e Pedro Simes;Bruno Martins;Antnio Rodrigues;Tiago Vidal;Diogo Jordo;Pedro

Magalhes e Gonalo Carvalho;Fbio Mortari;Pedro Matos;Joana

Nascimento;Vanessa Oliveira;Gonalo Costa;Rui Medina;Vtor Ramalhete;Fbio

Miguel;Sofia Faustino;Maria Fonseca;Patrcia Guilherme;Bernardo Prata;Tiago

Jordo;Pedro Monserrate e Elisa de Melo

2

Parte I. Desafios estratgicos para a incluso e literacia digital na sociedade .............................................................................................................................. 5

Plano Estratgico Localizado (Santarm) .......................................................... 7

(1) Desafio Estratgico: Criar|Planificar uma Rede de parceiros estratgicos (regionais); ........................................................................................................ 7

(2) Desafio Estratgico: Construir contedos multimodais (texto, imagem, APP, fichas pedaggicas, questionrios) para aplicar em diferentes contextos de ensino-aprendizagem ................................................................................. 10

(3) Desafio Estratgico: Aplicar |Recolher e Analisar os dados recohlidos nas formaes........................................................................................................ 12

(4) Desafio Estratgico: Impacto (cientfico, tecnolgico, societal, politicas e econmico) da experincia piloto Pilotagem em TICe por terras ribatejanas ........................................................................................................................ 14

Anexo I. Programa do Evento Pilotagem em TICe . por Terras ribatejanas........ 16

Anexo II. Tempos de Preparao, formaes e Anlise de Dados .......................... 17

Anexo III. Relatrio com a Anlise de Dados .......................................................... 20

Consideraes finais ............................................................................................ 32

3

NOTA INTRODUTRIA

Este documento apresenta o trabalho desenvolvido no mbito da pilotagem em

TICe... por terras ribatejanas, organizada pela Escola Superior de Educao do

Instituto Politcnico de Santarm e coordenada pela mesma instituio em parceria

com a Fundao para a Cincia e Tecnologia, contando ainda com a participao da

Cmara Municipal de Santarm.

Analisando o quotidiano dos idosos conclumos que os meios tecnolgicos j esto

presentes nas suas casas e nas instituies de acolhimento e/ou que frequentam,

atravs da televiso, da rdio ou do telefone | telemvel. Contudo, as

potencialidades destes dispositivos nem sempre so por si otimizadas ou exploradas

de acordo com as suas reais necessidades. Vejamos o caso da televiso interativa

que uma realidade presente em grande parte dos lares portugueses, mas no

uma caracterstica a que de um modo geral se possa dizer que os idosos exploram.

O mesmo poderemos afirmar sobre as inmeras funcionalidades dos telemveis,

mas que no caso da populao mais idosa nos atrevemos a afirmar que apenas os

usa para fazer e receber chamadas. Importa, todavia, salientar que com maior ou

menor capacidade | necessidade de potenciar as caractersticas inovadoras dos

dispositivos tecnolgicos de que falamos, o que fica como emergente que a

populao idosa presencia atualmente as alteraes de ritmo de vida e muitas vezes

da forma de estar na vida e na sociedade que a assuno da tecnologia veio

desencadear. Mas como pode a populao idosa utilizar os meios tecnolgicos mais

inovadores e facilitadores de forma a que estes contribuam para a sua valorizao

social, cultural e pessoal, fazendo-os cidados de pleno direito includos nos

desafios societais atuais?

Partimos da premissa de que todo o trabalho que h a fazer com esta populao

tem que passar pela sua alfabetizao digital e consequente incluso favorecendo o

envelhecimento intelectual e ativo destas populaes, desenvolvendo nelas o

domnio da literacia digital e tecnolgica subjacente tomada de conscincia de que

esto a mudar de paradigma e a abraar novos desafios inclusivos que podem ser

facilitadores do seu bem estar.

Na organizao deste documento tivemos em conta dois grandes eixos que se

reveem na parte I, nos Desafios estratgicos para a incluso digital e literacia digital

4

na sociedade e na Parte II Na apresentao dos dados e respetiva anlise referente

ao programa piloto em TICe... por terras ribatejanas. Na primeira parte, definimos

quatro desafios estratgicos que passam pelo criar e planificar, ao construir, aplicar

e finalmente verificao do impacto da experincia realizada. Na segunda parte,

apresentamos o evento pilotagem em TICe... por terras ribatejanas e

apresentamos igualmente os dados recolhidos nos diversos formatos e respetiva

anlise e principais consideraes acerca da experincia.

5

Parte I. Desafios estratgicos para a incluso e literacia digital na sociedade

Nesta primeira parte iremos apresentar um conjunto de desafios estratgicos para

a incluso e literacia digital na sociedade centrados numa estratgia que ir

implicar a criao de dinmicas e reflexes orientadas para uma ao de integrao

da Literacia e Incluso Digital escala nacional (cf. Rede Tic e Sociedade) e

internacional (cf. Projeto Europeu UPTAKE_ICT). Tentaremos num primeiro

momento, analisar o impacto das tecnologias da informao e comunicao num

mundo GLOBAL enraizado num processo de mudana civilizacional (de ordem

social, poltica, econmica, cultural) e, num segundo momento, perceber quais os

contedos e instrumentos digitais (perspetiva-se uma forte aposta na

Gamification, nos MOOC e nas APPs) que devem ser construdos para poderem

ser posteriormente disponibilizados em espaos (do presencial Cloud)

diversificados acessveis a TODO o cidado.

As implementaes destes desafios sero desenhadas em percursos, estratgias

cientficas, metodolgicas e pedaggicas em REDE. Tem raiz na colaborao entre

a Fundao Para a Cincia e Tecnologia e a Escola Superior de Educao do

Instituto Politcnico de Santarm estabelecida em protocolo desde 11 de maro de

2013. Pretende integrar um conjunto de outras instituies que desempenham na

sociedade civil uma diversidade de papis - empresas, Instituies de Ensino,

Centros de Investigao, Cmaras Municipais, Espaos Internet e Bibliotecas

Municipais entre outras...

Para dar resposta ao protocolo estabelecido entre o DSI_FCT e a ESES do IP de

Santarm desenvolvemos ao longo deste ano letivo a implementao, testagem e

anlise da experincia Pilotagem TICe por terras ribatejanas. Nesta experincia

testmos cinco contedos (conceitos bsicos de informtica, skype, pesquisar no

Google, Gmail, Facebook) construdos e disponveis (na categoria RECURSOS) na

pgina da REDE TIC e Sociedade1. Aplicamos estes contedos a um pblico snior

em sete juntas de freguesia de Santarm (Pernes, Alcanede, Alcanhes; Amiais de

Cima/Abr; Vale de Figueira, Santarm e Pvoa de Santarm).

1 http://www.ticsociedade.pt/

http://www.ticsociedade.pt/

6

A natureza hibrida dos diferentes perfis que compem a REDE (investigadores,

professores, bibliotecrios, agentes regionais, espaos especializados em TIC,

empresas) reveladora de que estamos em condies de nos associarmos a

iniciativas de financiamento disponveis quer a nvel nacional quer a nvel

internacional. Prope-se num futuro prximo que esta experincia possa vir a ser

apresentada em iniciativas abertas ao financiamento. (e.g. Erasmus +; P2020;

Horizonte 2020; EIT ICT Labs e COST)

7

Plano Estratgico Localizado (Santarm)

A experincia Pilotagem em TICe por terras ribatejanas teve como eixo

orientador trabalhar de forma colaborativa com os parceiros distritais do Concelho de

Santarm, atravs da construo de formaes em TICe destinados ao pblico

idoso do mesmo concelho. Em REDE, a Cmara Municipal de Santarm (servios

de informtica e ao social), a Escola Superior de Educao de Santarm