recuperao da informao em psicologia: lilacs e index ... revistas tcnico-cientficas ... (2012). uma...

Download Recuperao da informao em psicologia: LILACS e Index ...  Revistas Tcnico-Cientficas ... (2012). Uma das principais bases de dados brasileira, que incluem as revistas da rea,  a Literatura

Post on 21-May-2018

217 views

Category:

Documents

4 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • Recuperao da informao em psicologia: LILACS e Index Psi Revistas Tcnico-Cientficas

    Elaine Cristina Domingues Martins; Tatiana Carvalho

    Perspectivas em Cincia da Informao, v.19, n.2, p.118-130, abr./jun. 2014 118

    Recuperao da informao em psicologia: LILACS e Index Psi Revistas

    Tcnico-Cientficas

    Elaine Cristina Domingues Martins

    Bibliotecria da seo de tratamento da informao da Biblioteca Dante Moreira Leite do Instituto de Psicologia da USP

    Tatiana Carvalho

    Tcnica Administrativa da seo de tratamento da informao da Biblioteca Dante Moreira Leite do Instituto de Psicologia da USP.Mestre em Educao pela Faculdade de Educao da Universidade de So Paulo

    http://dx.doi.org/10.1590/1981-5344/1615

    Este artigo questiona se a recuperao da informao da rea de psicologia, na base LILACS (Literatura Latino-Americana e do Caribe em Cincias da Sade), fica comprometida, quando no utilizada uma terminologia especfica. Analisa-se a indexao de 124 artigos de peridicos de psicologia, que compem as bases de dados LILACS e Index Psi Revistas Tcnico-Cientficas (Base de dados que contribui para o controle bibliogrfico da literatura brasileira em psicologia publicada em peridicos). Observa-se que 52% dos artigos foram bem representados pela Terminologia em Psicologia por termos que especificam mais os conceitos da rea; 35% foram representados idntica ou similarmente pelos dois vocabulrios; e 13% foram melhores indexados, utilizando-se os DeCS (Descritores em Cincias da Sade). Conclui-se que uma possvel soluo para realizar uma boa representao da rea de psicologia seria a incluso de mais termos no DeCS, j que essa rea contribui com 78 ttulos de revistas especializadas na LILACS, correspondendo, at o momento, a 16.324 artigos cadastrados.

    Palavras-chave: Recuperao da informao; Indexao; Terminologias; Revistas cientficas.

  • Recuperao da informao em psicologia: LILACS e Index Psi Revistas Tcnico-Cientficas

    Elaine Cristina Domingues Martins; Tatiana Carvalho

    Perspectivas em Cincia da Informao, v.19, n.2, p.118-130, abr./jun. 2014 119

    Information retrieval in Psychology: LILACS and Index Psi Revistas

    Tcnico-Cientficas

    This article questions if information retrieval of Psychology on the Lilacs database is affected when a specific terminology is not used. Indexing of 124 journal articles in psychology that comprises the databases LILACS (Latin-American and Caribbean Center on Health Sciencies Information) and Index Psi is analyzed. We observed that 52% of the articles were well represented by the terminology in psychology, for more specific terms of the area; 35% were similarly represented by both vocabularies, and 13% were better indexed by using DeCS (Descriptors in Health Sciences, developed from MeSH). We conclude that a possible solution to achieve a good representation of Psychology would be the inclusion of more terms in the DeCS, because this area contributes with 78 titles of journals in LILACS corresponding until now to 16.324 registered articles.

    Keywords: Information retrieval; Indexing; Terminology; Scientific Journals.

    Recebido em 03.10.2012 Aceito em 12.02.2014

    1 Introduo

    As Linguagens documentrias auxiliam os indexadores a escolherem os termos apropriados para representar o contedo de um documento.

    Boccato e Fujita (2011) nos ajudam a entender a importncia das Linguagens Documentrias:

    Os vocabulrios controlados so instrumentos de representao temtica que possibilitam organizar a informao documentria para recuperao por assunto, a partir de estratgias de busca elaboradas por usurios locais e a distncia (BOCCATO; FUJITA, 2011, p. 1).

    A funo principal de um vocabulrio controlado organizar a informao especializada e o da indexao traduzir a linguagem natural do pesquisador em linguagem documentria, por meio da representao do conceito. Essa representao til para que os pesquisadores se apropriem de outros conhecimentos anteriormente gerados e possam

  • Recuperao da informao em psicologia: LILACS e Index Psi Revistas Tcnico-Cientficas

    Elaine Cristina Domingues Martins; Tatiana Carvalho

    Perspectivas em Cincia da Informao, v.19, n.2, p.118-130, abr./jun. 2014 120

    produzir mais cincia, fortalecendo sua rea de atuao. Dinamizando essa ponte entre as pesquisas e os pesquisadores, esto as bases de dados, especializadas em suas respectivas reas, que, por meio de buscas, apresentam o contedo atualizado e apropriado, o que contribui para a evoluo da cincia. Portanto, quando o documento bem representado tematicamente, o pesquisador e sua rea so beneficiados.

    H maior possibilidade de recuperao de um trabalho cientfico, de ser lido e citado, quando ele bem representado. Manh et al. (2008) explicam:

    A visibilidade dos artigos leva citao. A citao o fator motivador para o pesquisador publicar. um indicador importante para a avaliao da capacidade cientfica tanto do indivduo, quanto departamento, universidade ou pas. importante para a sobrevivncia da prpria revista citada (MANH et al., 2008, p. 2).

    O trabalho do indexador primordial para que a disseminao da informao possa acontecer de forma mais eficiente possvel. As bases de dados so instrumentos igualmente importantes e essenciais para a evoluo da cincia, divulgando as informaes para toda a comunidade por meio dos artigos das revistas especializadas.

    Esta relao pode ser traduzida da seguinte maneira: parceria do pesquisador + indexador + base de dados = o desenvolvimento e divulgao do conhecimento cientfico das reas especializadas, enriquecendo e oxigenando a cincia.

    As revistas de Psicologia vm obtendo aceitao em muitas bases de dados, como nos mostra Sampaio e Sabadini (2012). Uma das principais bases de dados brasileira, que incluem as revistas da rea, a Literatura Latino-americana e do Caribe em Cincias da Sade (LILACS). As revistas de psicologia includas na base LILACS so cadastradas pelos bibliotecrios dos Centros Cooperantes da Rede Brasileira de Bibliotecas da rea de Psicologia (ReBAP), que conta com 178 bibliotecas participantes, sendo Instituies de Ensino Superior Federais, Estaduais, Particulares, Associaes e Sociedades de Psicologia. Vale ressaltar que esses colaboradores so pessoas comprometidas e envolvidas com o trabalho e que prestam esse servio social comunidade psi, sendo esta cooperao uma caracterstica marcante do profissional bibliotecrio. A maioria desses profissionais no trabalha em Instituies especializadas em Psicologia, mas em locais multidisciplinares, o que pode acarretar em uma indexao mais geral de documentos que so especficos de psicologia, por desconhecimento da rea.

    A ReBAP, que contribui para a manuteno das principais bases de dados que sustentam a Biblioteca Virtual em Sade Psicologia Brasil (BVS-Psi), utiliza a metodologia LILACS (Lildbi-WebPsi). Esta metodologia foi customizada pela Bireme, para cadastrar, de forma descentralizada, o contedo informacional dos materiais de psicologia. No caso dos

  • Recuperao da informao em psicologia: LILACS e Index Psi Revistas Tcnico-Cientficas

    Elaine Cristina Domingues Martins; Tatiana Carvalho

    Perspectivas em Cincia da Informao, v.19, n.2, p.118-130, abr./jun. 2014 121

    peridicos, em uma nica interface, alimentam-se trs bases de dados: a base me o Index Psi Revistas Tcnico-Cientficas, que conta hoje com 38.272 artigos. Dessa base so retirados extratos para as bases Index Psi Divulgao Cientfica e LILACS. Essas bases contm dados referenciais e apontam para textos completos, quando disponveis em acesso aberto. Para os ttulos LILACS, devem-se indexar os artigos pelas duas terminologias (Descritores em Cincias da Sade DeCS e Terminologia em Psicologia, ambas disponveis online). Nesse momento, surge uma grande dificuldade na indexao dos materiais, pois, apesar da psicologia fazer parte da sade mental, o DeCS no contempla a rea com termos mais especficos.

    A LILACS altamente representativa no meio acadmico para divulgao cientfica, tanto para os autores e pesquisadores como para os cientistas. Seu alcance ultrapassa fronteiras e fortalece ainda mais a rea das cincias da sade na Amrica Latina e Caribe.

    A LILACS o mais importante e abrangente ndice da literatura cientfica e tcnica da Amrica Latina e Caribe. H 26 anos contribuindo para o aumento da visibilidade, acesso e qualidade da informao em sade na Regio1.

    Portanto, aumentar a representao temtica da Psicologia no DeCS de grande valia para a rea das Cincias da Sade e da Sade Mental especificamente, pois os textos de Psicologia ficam ocultos, quando representados por descritores muito gerais.

    Lancaster (2004) aborda a seguinte questo:

    O indexador especialista do assunto nem sempre o que de fato indexa nas bibliotecas universitrias e a exigncia de se o indexar determinada quantidade de documentos no permite que o indexador faa uma leitura necessria do documento, o que se sugere que ele somente faa um misto de leitura e passagem dos olhos pelo texto (LANCASTER, 2004, p. 24).

    No se pode contestar a qualidade da indexao, por se tratar de um processo subjetivo, mas, por outro lado, ele pode interferir na eficcia da busca nas bases de dados pelos pesquisadores. Um documento deve ser bem analisado e representado para que os usurios finais possam se apropriar desses conhecimentos, continuando a produzir informaes cientficas. Para Arrimar (2010), trata-se de uma regra bsica para realizar uma boa indexao.

    Para a realizao do trabalho complexo de indexao, imperioso lembrar que o conhecimento tcito, o intrnseco, a experincia pessoal e profissional do indexador so muito relevantes para que o documento seja bem representado nas bases de dados.

    1 Disponvel em: . Acesso em: