RANKING 50 MAIORES EMPRESAS DO E-COMMERCE BRASILEIRO/2016

Download RANKING 50 MAIORES EMPRESAS DO E-COMMERCE BRASILEIRO/2016

Post on 24-Jan-2017

42 views

Category:

Business

10 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

<ul><li><p> Ranking e-commerce SBVC 2016 1</p><p>2016</p><p>UM ESTUDO COMPLETO SOBRE O SETOR</p><p>2016</p></li><li><p> 2 Ranking e-commerce SBVC 2016 Ranking e-commerce SBVC 2016 3</p><p>2016 2016</p><p>Realizao:</p><p>Apoio:</p><p>Apoio Tcnico</p><p>e-Commerce Cloud Software</p><p>A SBVC agradece aos apoiadores do Ranking</p></li><li><p> 4 Ranking e-commerce SBVC 2016 Ranking e-commerce SBVC 2016 5</p><p>2016 2016</p><p>EDITORIAL</p><p>Um setor cada vez mais importante</p><p>Quando a SBVC surgiu, em 2014, uma de suas misses passou a ser o desenvolvimento de in-dicadores que permitissem ao varejo comparar seus nmeros ao mercado como um todo, com o tempo criando balizadores e parmetros que dessem s empresas a possibilidade de avaliar melhor o ambiente em que atuam.Esta segunda edio do 50 Maiores Empresas do E-Commerce Brasileiro a iniciativa mais recente da SBVC em prol da evoluo do varejo brasileiro. Este estudo uma das avaliaes mais completas do comrcio eletrnico do pas, revelando no apenas quem quem no setor, como tambm onde esto as principais opor-tunidades de crescimento e desenvolvimento do mercado.Ao reunir os nmeros dos 50 maiores e-com-merces do pas, vimos que esse grupo de empresas movimentou, em 2015, R$ 30,4 bilhes, o equivalente a 73% do faturamento total do setor, de R$ 41,3 bilhes (segundo a Ebit). Isso mostra uma grande concentrao de mercado, mas tambm reflete o fato de que o desenvolvimento de marketplaces, em que grandes lojistas abrem espaos para a venda de produtos pelo varejo independente, vem se tornando um instrumento muito forte de </p><p>disseminao da cultura digital pelo mercado. O estudo tambm mostra que as 50 lderes do e-commerce brasileiro cresceram acima da mdia, devido a seus investimentos em tecnologia, gesto e profissionalizao. Os consumidores recebem uma experincia de compra mais interessante e voltam a com-prar, estimulando ainda mais a expanso das vendas, especialmente em um perodo de desaquecimento da economia, em que existe um movimento mais intenso de racionalidade nas compras. A possibilidade de comprar preos em vrias lojas ao mesmo tempo e as facilidades de frete grtis e parcelamento so mecanismos j consagrados pelo mercado e que aumentam a convenincia das compras online frente ao varejo tradicional.</p><p>No h dvida de que o e-commerce brasileiro continua a ter um amplo espao para evoluo e, considerando a tendncia de integrao das lojas fsicas aos canais online, tero uma influncia cada vez maior na deciso de compras dos consumidores.</p><p>Eduardo TerraPresidente daSociedade Brasileira de Varejoe Consumo (SBVC)</p><p>Eduardo TerraPresidente da Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC)</p><p>SBVC-anncio ranking-2016 - alt1.pdf 1 17/07/2016 18:11:42</p></li><li><p> 6 Ranking e-commerce SBVC 2016 Ranking e-commerce SBVC 2016 7</p><p>2016 2016</p><p>Sumrio</p><p>EDITORIAL </p><p> Um setor cada vez mais importante.............................4</p><p>VAREJO </p><p> Definio</p><p> O conceito do Varejo........................................................... 10 Representatividade do PIB Varejo Restrito ............................................................................11 </p><p> Emprego</p><p> O Emprego no Varejo ...........................................................12 Desemprego O Desemprego no Varejo ..................................................15 Retrospectiva Panorama da Economia Brasileira nos ltimos 10 ... </p><p> anos........... ..................................................................................... ..16</p><p>DADOS DO E-COMMERCE </p><p> E-commerce</p><p> Internet no Brasil ...................................................................20 O Comrcio Eletrnico no Mundo ..............................24 O Comrcio Eletrnico no Brasil .................................26 As Categorias mais Vendidas ........................................28</p><p>DESTAQUES DOS 50 MAIORES </p><p> Sumrio Executivo</p><p> Os Destaques do Ranking as 50 Maiores Empresas </p><p> do E-commerce Brasileiro ...............................................34 </p><p>MTODO DO ESTUDO Mtodo</p><p> Da Coleta de Dados/Informaes, Arquivamento e </p><p> Apresentao ...........................................................................38 </p><p>ESTUDO </p><p> Introduo</p><p> Os 50 Maiores Empresas do E-Commerce .......................42 Ranking Geral ....................................................................................................44 Ranking Geral As maiores empresas em nmero de lojas ........138 </p><p> Principais Recortes</p><p> Os pioneiros: As Empresas h mais de 15 anos no ... </p><p> Mercado. ......................................................................................48</p><p> O Varejo Ps-Crash: O Refluxo do Mercado ......49</p><p> O Varejo On line Dcada de Ouro .........................50</p><p> Os Novos Empreendedores............................................52</p><p> Concentrao de Mercado ..............................................53 </p><p> Multicanal X E-commerce Puro ....................................54</p><p> Multicategoria X Especializados ..................................56 </p><p> Controle Estrangeiro X Controle Nacional ............58 </p><p> Capital Aberto X Capital Fechado.............................60</p><p> A Presena do Conselho de Admnistrao ........64</p><p> As Empresas com Maior Crescimento ....................66</p><p> A Fora do Marketplace ...................................................67</p><p> Concluses do Ranking</p><p> Varejo Digital e Mercado Brasileiro ............................68</p><p> Relao Geral</p><p> ndice das Empresas em Ordem Alfabtica .......70</p><p> Equipe Tcnica</p><p> Inteligncia de Mercado da SBVC ..............................72</p><p>BTR Financial - ranking sbvc 2016 - alt1 - op2.pdf 1 17/07/2016 18:47:22</p></li><li><p> 8 Ranking e-commerce SBVC 2016 Ranking e-commerce SBVC 2016 9</p><p>2016 2016</p><p>Dadosdo </p><p>Varejo</p></li><li><p> 10 Ranking e-commerce SBVC 2016 Ranking e-commerce SBVC 2016 11</p><p>2016 2016</p><p>ratado como um canal de distribui-o pela literatura mais tradicional de marketing, ao longo dos anos, o varejo tem ganhado destaque tendo </p><p>em vista sua posio estratgica na distribui-o de produtos e servios e sua proximidade junto aos consumidores finais.</p><p>De acordo com a literatura:</p><p>1. KOTLER (2012, pg. 482): O varejo in-clui todas as atividades relativas venda de bens e servios diretamente ao consumidor final, para uso pessoal e no comercial. Um varejista ou loja de varejo qualquer empre-endimento comercial cujo volume de vendas provenha principalmente do varejo. Qualquer organizao que venda para consumidores finais seja ela um fabricante, atacadista ou varejista est envolvida em varejo. No im-porta como os bens ou servios so vendidos (pessoalmente, pelo correio, pelo telefone, por mquinas de venda automtica ou pela internet) ou onde eles so vendidos (em uma loja, na rua ou na casa do consumidor)</p><p>2. RICHTER (1954): o processo de compra de produtos em quantidade relativamente grande dos produtores atacadistas e outros fornecedores e posterior venda em quantida-des menores ao consumidor final.</p><p>3. SPOHN (1977): uma atividade comercial responsvel por providenciar mercadorias e servios desejados pelos consumidores.</p><p>De acordo com a equipe tcnica da SBVC e pelos entendimentos da literatura e de as-</p><p>O conceito de varejo</p><p>DEFINIO</p><p>sociaes mundiais, o varejo toda atividade econmica da venda de um bem ou um servio para o consumidor final, ou seja, uma transao entre um CNPJ e um CPF.</p><p>A partir desse conjunto maior de atividades, co-merciais, o varejo tradicionalmente no mundo segmentado da seguinte forma:</p><p>1. Bens de consumo (menos carros e combus-tveis);</p><p>2. Carros e Combustveis;</p><p>3. Servios oferecidos ao consumidor final;</p><p>No Brasil o IBGE apresenta os dados do va-rejo segmentando de uma forma um pouco diferente:</p><p>1. Varejo Restrito (Todos os bens de consumo menos carros e construo);</p><p>2. Varejo Ampliado (Todos os bens de consu-mo incluindo carros e construo);</p><p>3. Servios em geral;</p><p>Neste estudo a partir da classificao do IBGE iremos apresentar os nmeros e em-presas do varejo restrito somado ao varejo de material de construo que pelo critrio do IBGE faz parte do varejo ampliado.</p><p>elos dados oficiais do IBGE o Consumo das famlias em 2015 foi de R$2.8 trilhes. </p><p>O consumo das famlias a prin-cipal referncia do volume que o varejo como um todo movimenta no pas.</p><p>Este montante representa um impacto do varejo em 47,4% do PIB de R$5,9 trilhes, tendo como base os nmeros de 2015. </p><p>REPRESENTATIVIDADE DO PIB</p><p>Varejo restrito(varejo de bens de consumo exceto carros e construo)</p><p>O Varejo restrito representou 23,62% de impacto no PIB com um volume de R$1,4 trilhes.</p><p>Para estimarmos o valor agregado do varejo no PIB brasileiro precisamos utilizar como referncia uma mdia da margem bru-ta utilizada no setor. Partindo de um (MVA) Margem de Valor Agregado mdio de 40%, o valor agregado do varejo no PIB corresponde a aproximadamente 9,4% no Brasil.</p><p>Nmeros do varejo restrito</p><p> 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015</p><p> 9,30% </p><p>4,80%</p><p>6,20%</p><p> 9,70%</p><p> 9,10% </p><p>5,90%</p><p>10,90%</p><p>6,70%</p><p> 8,40%</p><p>4,30%</p><p>2,20%</p><p>-4,30%</p><p>Fonte: IBGE-</p><p>T P</p></li><li><p> 12 Ranking e-commerce SBVC 2016 Ranking e-commerce SBVC 2016 13</p><p>2016 2016</p><p>De acordo com o IBGE na pesquisa men-sal de emprego, o Varejo emprega atualmente 19,1% dos trabalhadores formais brasileiros.</p><p>EMPREGO</p><p>Gerao anual de postos de trabalho</p><p> 2010 2011 2012 2013 2014 2015</p><p> 2.630 </p><p>2.027</p><p>1.373</p><p>1.139</p><p>421</p><p>-1.542</p><p>O empregono varejo</p><p>Tendo como base a quantidade de traba-lhadores empregados atualmente, o Varejo em-prega aproximidamente 17 milhes de brasileiros.</p><p>Criao de vagas formais</p><p> 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015</p><p> 76,4 </p><p>146,1</p><p>206,5</p><p>34,8</p><p>266,4</p><p> 92,6</p><p>111,7</p><p>112,4</p><p>13,1</p><p>19,2</p><p>Fonte: CAGED</p><p>Fonte: CAGED</p><p>Fundada por Alberto Serrentino, um dos mais importantes nomes do mercado de varejo e consumo, a Varese Retail atua como uma butique de estratgia personalizada, com o objetivo de desvendar o complexo ambiente do varejo com respostas especficas para o seu negcio. Venha ser nosso parceiro e vamos crescer juntos. (11) 3939 0758</p><p>alberto.serrentino@vareseretail.com.br</p><p>AFAR-290237-002-VARESE-anunci-21x28.indd 1 7/31/15 10:08 AM</p></li><li><p> 14 Ranking e-commerce SBVC 2016 Ranking e-commerce SBVC 2016 15</p><p>2016 2016</p><p>Comrcio, Reparao de Veculos Automotores </p><p>e Bicicletas22,3%</p><p>Construo12,0%</p><p>Demais Sees11,3%</p><p>Sade Humana e Servios Sociais8,5%</p><p>Transporte Armazenagem e Correio6,7%</p><p>Adm. Pblica, Defesa e Seguridade Social5,7%</p><p>Educao5,1%Alojamento e</p><p>Alimentao5,2%</p><p>Indstrias de Transformao</p><p>10,7%</p><p>Atividades Administrativas</p><p>12,5%</p><p>Distribuio da mo de obra no Brasil</p><p>Segundo a Pesquisa Nacional por Amostra Domiciliar (Pnad) do IBGE, o ndice mdio de desemprego no Pas, que foi de 8,00% em 2013, recuou para 7,20% no ano seguinte, mas saltou para 7,90% ao longo de 2015 e, em 2016, j se aproximou dos 11%. A deteriorao do cenrio fez com que em 2015, mesmo no perodo de fim de ano, e que tradicionalmente o comrcio realiza contrata-</p><p>Fonte: IBGE, Censos demogrficos de 1950 a 2010</p><p>Populao Economicamente Ativa (PEA) como percentagem da Populao Total, Brasil: 1950-2010</p><p>Populao Economicamente Ativa (PEA) como porcentagem da Popula-o Total, Brasil: 1950-2010</p><p>es de temporrios, o ndice de desemprego alcanasse os maiores nmeros dos 12 meses anteriores. Nos primeiros meses de 2016 o desemprego continua em alta 9,5% em janei-ro. Ao longo de 2015, as grandes empresas demitiram pelo 62 mil pessoas e o total de demisses no varejo chegou prximo dos 190 mil, segundo a Confederao Nacional do Comrcio (CNC).</p><p>ndice mdio de desemprego no Pas</p><p>2013 2014 2015 2016</p><p>8,00%</p><p>7,20%</p><p>7,90%</p><p>10,90%</p><p>Fonte: PNAD</p><p>2000</p><p>1000</p><p>0</p><p>-1000</p><p>-2000</p><p>Saldo Ajustado - Perodo 2013 a 2015</p><p>398.136-1.542.371 300.000</p><p>Saldo Ajutado</p><p>Fonte: CAGED</p><p>EMPREGO DESEMPREGO</p><p>O desempregono varejo</p></li><li><p> 16 Ranking e-commerce SBVC 2016 Ranking e-commerce SBVC 2016 17</p><p>2016 2016</p><p>RETROSPECTIVA</p><p>ANO PIB (TRILHES)CRESCIMENTO </p><p>(%)</p><p>POSIO NA ECONOMIA MUNDIAL</p><p>VAREJO RESTRITO (%)</p><p>VAREJO AMPLIADO </p><p>(%)INFLAO (%)</p><p>TAXA DE DESEMPREGO </p><p>(%)</p><p>CARGA TRIBUTRIA </p><p>(%)</p><p>2005 2,148 2,30% 10 4,80% 3,10% 5,69% 9,80% 33,63%</p><p>2006 2,37 3,80% 10 6,20% 6,40% 3,14% 10,00% 33,42%</p><p>2007 2,661 6,10% 10 9,70% 13,60% 4,46% 9,30% 33,78%</p><p>2008 3,032 5,20% 8 9,10% 9,90% 5,90% 7,90% 33,70%</p><p>2009 3,143 (-)0,2% 8 5,90% 6,80% 4,31% 8,10% 32,41%</p><p>2010 3,675 7,50% 7 10,90% 12,20% 5,91% 6,70% 32,52%</p><p>2011 4,143 2,70% 6 6,70% 6,60% 6,50% 6,00% 33,43%</p><p>2012 4,403 1,00% 7 8,40% 8,00% 5,84% 5,50% 33,39%</p><p>2013 4,84 2,50% 7 4,30% 3,60% 5,91% 5,40% 33,74%</p><p>2014 5,1 0,02% 8 2,20% (-)3,7% 7,14% 4,80% 33,47%</p><p>2015 5,9 (-)3,8% 8 (-)4,3% (-)17,8% 10,67% 6,80% ND</p><p>PANORAMA DA ECONOMIA BRASILEIRA NOS LTIMOS 10 ANOS</p><p>SOLUO DE PAGAMENTOS PARA SUA EMPRESA!A plataforma de e-Commerce da Global Payments fcil de integrar e utiliza uma estrutura confivel e estvel. Conhea agora nossa soluo e- Commerce!</p><p>A Global Payments a lder mundial em servios de pagamentos eletrnicos, entregando solues inovadoras para atender as necessidades de clientes ao redor do mundo. Com sede em Atlanta (EUA), conta atualmente com mais de 8.500 colaboradores no mundo. A empresa membro da S&amp;P 500 e possui presena em 30 pases na Amrica do Norte, Europa, regio da sia-Pacfico e no Brasil. </p><p>SAIBA MAIS EM GLOBALPAYMENTS.COM.BR</p><p>Checkout transparente, seguro e responsivo;</p><p>Compatvel com IOS e Android;</p><p>Crdito e Dbito com autenticao 3D Secure;</p><p>DCC - O seu cliente pode pagar em sua moeda local;</p><p>Cancelamento automtico de transaes.</p><p>PCI Compliance;</p><p>MAIOR CONVERSODE VENDAS</p><p>EXPERTISE EM TRANSAESDE DBITO ONLINE</p><p>MENOR CUSTO DE INVESTIMENTO POR TRANSAO APROVADA</p><p>MELHOR NVELDE ATENDIMENTOE PROXIMIDADECOM O CLIENTE</p></li><li><p> 18 Ranking e-commerce SBVC 2016 Ranking e-commerce SBVC 2016 19</p><p>2016 2016</p><p>Dadosdo </p><p>e-commerce</p></li><li><p> 20 Ranking e-commerce SBVC 2016 Ranking e-commerce SBVC 2016 21</p><p>2016 2016</p><p>E-COMMERCE</p><p>impossvel falar em e-commer-ce sem abordar o crescimento da co-nectividade no cenrio brasileiro. A existncia de computadores, tablets e smartphones pr-condio para </p><p>as vendas online, uma vez que os consumido-res primeiramente se habituam ao ambiente online, navegando em sites diversos, para depoi...</p></li></ul>