projeto das faculdades magsul e fip/magsul 2 semestre .2 semestre 2012 ( x ) ensino ... pesquisa

Download PROJETO DAS FACULDADES MAGSUL e FIP/Magsul 2 semestre .2 semestre 2012 ( X ) ENSINO ... Pesquisa

Post on 13-Nov-2018

215 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • Pedagogia: Aut. Dec. n 93110 de 13/08/86 / Reconhecido Port. N 717 de 21/12/89/ Renovao Rec. Port. n 3.648 de 17/10/2005

    Educao Fsica: Aut. Port. n 766 de 31/05/00 / Rec. Port. n 3.755 de 24/10/05 / Renovao Rec. Port. n 807 de 12/11/2008 Artes Visuais: Autorizado pela Portaria n 3.689 de 17/10/2005

    Cincias Biolgicas: Autorizado pela Portaria n 23 de 10/01/2007 Cincias Contbeis: Aut. Dec. 14/08/95 Reconhecido Port. n 2.110 de 01/10/2001 / Renovao Rec. Port. n 406 de 10/05/2007

    Mantida pela A.E.S.P. Av. Presidente Vargas, 725 Centro Tel.: (67)3437-3804 Ponta Por MS

    Home Page: www.magsul-ms.com.br E-mail: magsul@terra.com.br

    PROJETO DAS FACULDADES MAGSUL e FIP/Magsul

    2 semestre 2012

    ( X ) ENSINO ( ) PESQUISA ( X ) EXTENSO

    1. Ttulo: Capacitao continuada sobre metodologia de ensino rea temtica: Capacitao de Professores de 20h 2. Responsvel pelo Projeto:

    ( ) Discente ( X ) Docente Nome: Maria de Ftima Viegas Josgrilbert, Julio Cezar Iacia e demais coordenadores de curso

    3. Telefones para contato: (67) 34373877 (67)34378800

    4. Endereo eletrnico: fatimagsul@terra.com.br

    5. Curso: Abrange todos os cursos da IES (Faculdades Magsul e FIP/Magsul)

    6. rea de formao: Metodologia de Ensino

    7. Titulao: ( ) Especializao ( )Especializao na rea ( ) Mestrado ( X )Doutorado 8. Carga horria dedicada ao projeto: 40 horas: distribudas entre palestras e estudos paralelos sobre a temtica 9. Instituies envolvidas no Projeto: Faculdades Magsul e FIP/MAGSUL 10. Responsvel oramentria financeira: AESP 11. Clientela envolvida: Todos os professores das duas instituies 12. Estimativa de participantes: Docentes: 40 13. JUSTIFICATIVA E RELEVNCIA A Capacitao Continuada de Professores do 2 semestre de 2012 foi planejada para dar continuidade aos estudos iniciados no 1 semestre deste mesmo ano. Neste 2 semestre houve a preocupao da utilizao de modelos prticos que possam auxiliar os professores no planejamento de suas aulas. Este modelo de capacitao j tem sido oferecido para os professores das faculdades, pois sem este trabalho se torna difcil a implantao dos projetos de curso, uma vez que os professores formados em cursos de bacharelado no possuem formao didtica e muitos formados em licenciaturas no tiveram uma carga horria suficiente em metodologia de ensino e didtica. preciso que se enfatize que os projetos pedaggicos de todos os cursos desta IES possuem uma nica linha metodolgica e um design especfico que respeita as diferenas de cada curso atendendo as DCNs e as necessidades regionais. Portanto, sente-se a necessidade de estudos constantes para a operacionalizao dos projetos, que partem de

  • uma pergunta condutora, subdividida pelos semestres dos cursos visando respond-la por etapas. Esta linha metodolgica precisa ser conhecida e compreendida por todos os docentes, considerando ainda que sempre existem docentes novos no grupo, que encontram dificuldades para integrar suas disciplinas de acordo com a proposta pedaggica da IES. Outra necessidade conhecer a funo da disciplina denominada Projeto de Pesquisa Interdisciplinar (PPI) que se complementa, no final do curso, com a disciplina Trabalho de Concluso de Curso (TCC).

    Durante o ano de 2012, as capacitaes foram centradas em Metodologia de Ensino, com base na Interdisciplinaridade brasileira e na Transdisciplinaridade, salto metodolgico, ocorrido na IES, em funo dos estudos efetivados pelo NDE do Curso de Direito e Cincias Biolgicas, que precisa ser conhecido por todos os cursos para crescimento e reavaliao de todos os projetos.

    Ao se pensar em um trabalho inter/transdisciplinar necessrio que os professores dos cursos conheam a proposta, as referncias bibliogrficas, os estudos j efetivados e as possibilidades de aplicabilidade na nossa realidade, alm de dialogarem e planejarem com pontos em comum. Para que os cursos tenham este caminhar, necessrio que todos os professores da IES conheam o projeto de seus cursos, os objetivos da disciplina PPI e compreendam sua importncia, pois para se ter um curso inter/transdisciplinar, ou apenas interdisciplinar necessrio uma mudana de atitude docente na qual todos se relacionem.

    Por este motivo obrigao da IES capacitar seus professores para conhecerem e compreenderem o funcionamento dos seus cursos, opinando sobre sua operacionalizao, para que os objetivos possam ser atendidos.

    14. OBJETIVOS

    Levar os professores dos diversos cursos da IES a conhecerem e refletirem sobre os projetos de seus cursos.

    Aprofundar os estudos sobre transdisciplinaridade e as relaes com a interdisciplinaridade. Refletir sobre o design metodolgico dos cursos. Capacitar os professores para operacionalizao dos projetos de curso.

    15. METODOLOGIA No segundo semestre de 2012, as capacitaes continuam no ltimo sbado de cada ms, aprofundando-se na metodologia proposta nos projetos de curso, continuaro as palestras com a professora Maria de Ftima Viegas Josgrilbert, agora com a contribuio dos coordenadores de curso, sobre as experincias vivenciadas nos diferentes cursos. Os coordenadores se prepararo juntamente com um grupo de professores do seu curso para tornar mais dinmica a capacitao. Sero discutidas tambm a funo do NDE e da CPA, a pesquisa aliada ao ensino, a importncia das TICs e como a disciplina PPI est sendo desenvolvida. Ser abordado tambm sobre disciplina TCC e a preocupao de se aliar a teoria prtica. A metodologia utilizada : apresentao oral com data show, debate dos grupos dos cursos e concluses que melhorem o processo de ensino. A prtica de um curso auxiliando os outros, uma troca interdisciplinar. 16. REALIZAO DAS ATIVIDADES

    Atividades Data Horrio de Incio Horrio de Trmino

    Local de realizao das atividades

    1) Processo da compreenso, hermenutica

    30/07/2012 8 horas 11 horas Auditrio FIP/Magsul

  • e aprendizagem significativa. 2) A pesquisa aliada ao ensino: teoria e prtica.

    27/08/2012 8 horas 11 horas Auditrio FIP/Magsul

    3) A interdisciplinaridade brasileira e a transdisciplinaridade nos projetos de curso.

    24/09/2012 8 horas 11 horas Auditrio FIP/Magsul

    4) A funo dos professores de tempo integral e parcial, os projetos de extenso e a participao dos professores

    29/10/2012 8 horas 11 horas Auditrio FIP/Magsul

    5) A importncia do usos das tecnologias de informao e comunicao no processo de ensino. Funes do NDE, CPA. Modificaes para 2013.

    03/12/2012 8 horas 11 horas Auditrio FIP/Magsul

    17. CRONOGRAMA FINANCEIRO: sem custos para os participantes.

    18. REFERNCIAS BIBLIOGRFICAS FAZENDA, Ivani. Interdisciplinaridade: histria, teoria e pesquisa. 4. ed. Campinas, SP: Papirus, 1994. ______. Interdisciplinaridade: um projeto em parceria. 3 .ed. So Paulo: Loyola, 1995. ______. Integrao e interdisciplinaridade no ensino brasileiro: efetividade ou ideologia. 4. ed. So Paulo: Loyola, 1996. FAZENDA, Ivani. (Org.) Interdisciplinaridade: qual o sentido? So Paulo: Paulus, 2003. ______. Didtica e interdisciplinaridade. Campinas, SP: Papirus, 1998. ______. Prticas interdisciplinares na escola. 6. ed. So Paulo: Cortez, 1999. ______. Metodologia da pesquisa educacional. 5. ed. So Paulo: Cortez, 1999. ______. Novos enfoques da pesquisa educacional. 3 ed. So Paulo: Cortez, 1999. ______. A virtude da fora nas prticas interdisciplinares. Campinas, SP: Papirus, 1999. ______. Dicionrio em construo: interdisciplinaridade. So Paulo: Cortez, 2001. JOSGRILBERT, Maria de Ftima Viegas. O sentido do projeto em educao: uma abordagem interdisciplinar. Tese de doutoramento. PUC/SP, 2004. MORIN. Edgar. O mtodo: 3. o conhecimento do conhecimento. Porto Alegre: Sulina, 1999. ______. Os sete saberes necessrios educao do futuro. 2. ed. So Paulo: Cortez; Braslia: Unesco, 2000. ______. Complexidade e transdisciplinaridade: a reforma da universidade e do ensino fundamental. Natal: EDUFRN, 2000.

    Ponta Por, 20 de julho de 2012.

    ASS. RESPONSVEL

    19. PARECER E AVALIAO DO PROJETO FUNDAMENTADO DO (A) COORDENADOR(A) DO CURSO Este curso deu continuidade ao do 1 semestre de 2012, sendo considerado de suma importncia para a operacionalizao dos projetos de curso e para a melhoria do processo de ensino e aprendizagem.

    Ponta Por, 20 de julho de 2012.

  • COORDENADOR DO CURSO

    20. RELATRIO DAS ATIVIDADES DESENVOLVIDAS

    O curso foi realizado no auditrio da FIP/Magsul, conseguiu-se desenvolver de acordo com o planejamento, com a participao dos professores de todos os cursos. Os coordenadores e professores participaram ativamente apresentando a realidade de seus cursos, trocando idias com os demais. Foi muito proveitoso e oss que participaram elogiaram o curso. Esta capacitao primordial para a colocao dos projetos de curso em prtica. 21. AVALIAO DO PROJETO

    A avaliao foi feita em forma de debate oral, com depoimentos no final do evento, chegando-se a concluso da importncia da capacitao continuada para operacionalizao do modelo metodolgico proposto pela IES. 22. ANEXOS QUE CONFIRMAM A EXECUO DO PROJETO (ASSINATURAS, CERTIFICADOS, E FOTOS DO EVENTO )

  • MODELO DO CERTIFICADO

View more >