portugues resumo

Download Portugues Resumo

Post on 01-Jan-2016

38 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • 1

    FCC Resumo Flvia Rita Coutinho Sarmento

    Predicao Verbal (transitividade verbal)

    Quando se fala em transitividade/predicao verbal, busca-se saber se o verbo

    transitivo direto ou indireto, intransitivo, transitivo direto e intransitivo e verbo de ligao.

    1. O governo foi ao evento agendado.

    a. Trata-se de um VI. O verbo est acompanhado de um adjunto adverbial de

    lugar ao evento agendado (exprime circunstncia). Verbo intransitivo NO

    o que tem sentido completo. INTRANSITVO = no transita. No precisa de OD

    nem de OI, mas pode precisar de um adjunto adverbial, que exprimir, no

    contexto frasal, circunstncia. Esses verbos so os verbos transitivos

    adverbiados. Para achar adjunto adverbial, pergunta-se onde?. Se couber

    essa pergunta, o complemento ser um adjunto adverbial e o verbo ser

    intransitivo.

    2. O governo est em outro estado.

    a. VI. Isso no pode ser verbo de ligao porque o VL liga o sujeito a uma

    caracterstica, o que no acontece aqui. Em outro estado adjunto adverbial.

    3. O Brasil se tornou um pas de corruptos.

    a. VL. Um pas de corruptos caracterstica do Brasil, funcionando nessa frase

    como predicativo, e por isso o verbo de ligao.

    4. Convidaram o ministro para um evento.

    a. VTD. Para um evento um adjunto adverbial de finalidade. Para qu? uma

    pergunta para achar adjunto adverbial de finalidade. Logo, o verbo transitivo

    direto.

    5. Falta investimento no setor.

    a. VI. Investimento o sujeito, j que obrigado a concordar como verbo. No

    setor onde?, ou seja, adjunto adverbial de lugar.

    6. A coisas fteis, preferia o estudo.

    a. VTDI. OD: estudo; OI: coisas.

    7. So quase duas horas.

    a. VI. Orao sem sujeito. Como no tem sujeito, no tem verbo de ligao,

    porque o verbo de ligao tem funo de ligar o sujeito a uma qualidade.

    Quase duas horas = quando?, que tempo. Ento, ser adjunto adverbial

    de tempo.

    8. Ela permaneceu imvel na reunio.

    a. VL. Imvel predicativo. D qualidade ao sujeito. Logo, o verbo de ligao.

    9. Muitos polticos moram em Braslia.

    a. VI. Em Braslia adjunto adverbial de lugar, logo o verbo intransitivo.

    10. Todos continuaram, na ocasio, em Belo Horizonte.

    a. VI. Na ocasio e em Belo Horizonte so adjuntos adverbiais de tempo e lugar,

    respectivamente.

  • 2

    11. Basta esse tipo de informao.

    a. VI. Temos uma frase invertida e esse tipo de informao o sujeito e o

    verbo intransitivo.

    12. Isso no agrada a todos.

    a. VTI. A todos verbo transitivo indireto.

    Questo da FCC (TRT): As estruturas sintticas esto adequadas em:

    I. Alguns vivem muito.

    a. MUITO: adjunto adverbial de intensidade.

    II. Ela vive de renda.

    a. DE RENDA: objeto indireto.

    III. Ela viveu uma vida de angstias.

    a. UMA VIDA DE ANGSTIAS: objeto direta.

    i. RESPOSTA: todas as alternativas esto corretas, porque todas as

    estruturaes sintticas da questo esto corretas.

    Anlise Sinttica - Conceitos Bsicos

    Adjuntos adverbiais

    Palavras ou expresses que exprimem circunstncia;

    o Lugar

    o Tempo

    o Modo

    o Intensidade

    o Causa

    o Meio

    o Finalidade

    o Assunto (ex.: falava ao povo sobre poltica).

    o Afirmao

    o Negao

    o Dvida

    o (...)

    o Tem at adjunto adverbial que no tem nome. Quando o adjunto

    adverbial de nada, dizemos que ele seja de circunstncia.

    Podem acompanhar qualquer tipo de verbo;

    Devem ser identificados em primeiro lugar na anlise sinttica.

    Podem vir preposicionados. Nem sempre vm.

    Perguntas mais recorrentes para encontrar adjunto adverbial:

    o Onde? *

    o Com quem? *

    o Como?

    o Quanto?

    o Por qu? *

    o Para qu? *

  • 3

    As com * so as mais erradas porque so, geralmente,

    preposicionadas.

    Predicativo

    Palavra ou expresso que exprime qualidade, caracterstica ou estado.

    Pode ser representado por adjetivo, pronome, numeral ou substantivo.

    Pode acompanhar qualquer tipo de verbo.

    Pode se referir ao sujeito ou ao objeto.

    Vejamos:

    Eles eram pessoas honestas.

    o Dentro dessa expresso, honestas refere-se a pessoa, e a expresso

    inteira, pessoas honestas, refere-se a eles. A expresso inteira o

    predicativo. Eram VL.

    Eu sou voc amanh.

    o Sou verbo de ligao. Voc o predicativo (o pronome VOC traz

    implcita a ideia de qualidade). Amanh adjunto adverbial de tempo.

    O mesmo acontece com a frase meu sonho era ela.

    J parecia um operrio.

    o Operrio um substantivo (classe), mas atribui caractersticas a Jos.

    Logo, um verbo de ligao e operrio um sujeito.

    Ningum se tornou alvo de crticas.

    o Alvo de crticas predicativo. Tornou-se verbo de ligao.

    Ateno: nem s verbo de ligao tem predicativo. Todos os exemplos acima so verbo

    de ligao, mas vejamos exemplos abaixo que no so:

    Ela acordou cansada.

    o Parece modo, mas no . Cansada um predicativo do sujeito, e o

    verbo acordou um verbo intransitivo. O verbo acordar no de

    ligao porque exprime uma ao.

    Considerou-me culpada.

    o Considerou verbo transitivo direto. Me o objeto. Culpada

    predicativo do objeto, porque se refere ao objeto.

    As meninas encontraram os pais (...)

    o (...) nervosos.

    Nesse caso, seria predicativo do objeto.

    o (...) nervosas.

    Nesse caso, seria predicativo do sujeito.

    Objeto Direto

    Completa verbo transitivo direto e no exige preposio. Quais so as perguntas que

    se faz ao verbo transitivo direto?

    Algo?

    Algum?

    Exemplos abaixo (as palavras/expresses grifadas so os objetos diretos)

  • 4

    Escolheu um bom livro.

    Deu informaes ao funcionrio.

    E o objeto direto preposicionado? Trata-se de uma exceo que no cobrada em

    provas. Na verdade, estar fora da norma culta gramatical. Na literatura, utilizado para dar

    nfase e a preposio tem valor estilstico. No pode ser usado em redaes. Exemplo:

    Amar a Deus.

    o O verbo amar no pede preposio. O A acessrio, e Deus no pode

    virar objeto indireto s porque tem uma preposio ali. Essa frase no

    est de acordo com a norma culta!

    H, tambm, o objeto direto pleonstico. Trata-se da repetio do objeto direto na

    mesma estrutura frasal. Pode ser empregado na norma culta para efeito de esclarecimento

    textual. Exemplo:

    Esta blusa, comprei-a em uma liquidao.

    o O A est repetindo esta blusa.

    Quanto ao governo, j o avisamos do fato.

    o Exemplo de utilizao permitida pela norma culta.

    E o objeto direto interno/tautolgico/intrnseco? Verbo e objeto so termos cognatos.

    Tm o mesmo radical, a mesma natureza etimolgica, a mesma origem.

    Viveu uma vida; comeu uma comida; cantou uma cano.

    Objeto indireto

    Completa verbos transitivos indiretos e vem introduzido por preposio. Pergunta-se

    ao verbo transitivo indireto:

    Preposio + algo? ou algum?

    Exemplos:

    Assistimos a uma nova crise;

    Lutamos contra a nossa natureza;

    Necessitamos de apoio.

    H o objeto indireto pleonstico, que no erro, como no exemplo:

    A mim, nada me interessa.

    o H dois objetos indiretos.

    Quanto aos governantes, j lhes informamos tudo.

    Em formas pronominais (como lhe) a preposio pode estar implcita, como em:

    Disse-nos tudo.

  • 5

    o Disse tudo a ns ento o nos objeto indireto e o tudo objeto

    direto.

    Verbo intransitivo

    No apresenta OD nem OI;

    Pode aparecer sozinho (como em morri);

    Pode aparecer acompanhado de adjuntos adverbiais e/ou predicativo.

    Exemplos:

    O presidente chegou ao Congresso.

    o Ao Congresso adjunto adverbial.

    O presidente chegou ao Congresso atrasado.

    o Atrasado predicativo.

    O presidente chegou atrasado ao Congresso.

    o Tem adjunto e predicativo.

    Verbo transitivo direto

    Pede objeto direto.

    Exemplos:

    A deciso implicar perdas (implica algo);

    Pagou as dvidas (pagou algo).

    Perguntas: algo? e algum?

    Verbo transitivo indireto

    Pede objeto indireto.

    Exemplos:

    Retornou a outras esferas de sua vida;

    Visava a novos projetos;

    Pagou ao farmacutico

    o Qual dos trs no verbo transitivo indireto? O primeiro. Trata-se de

    circunstncia. Ele no retorna a algo ou algum, como deveria ser para que

    fosse um objeto indireto. um dos tais adjuntos adverbiais de circunstncia. O

    ver retornou, aqui, intransitivo. Os outros so transitivos indiretos.

    Verbo transitivo direto e indireto

    Exige OD + OI ou OI + OD. Sempre tem os dois.

    Os complementos devem ser diferentes.

    Exemplo:

  • 6

    Comunicamos aos funcionrios do recesso.

    o Frase no adequada norma culta porque tem dois complementos

    preposicionados (OIs), o que incorreto.

    Deu outra chance (OD) ao rapaz (OI).

    Pagou a dvida (OD) ao farmacutico (OI).

    o Essas duas esto corretas.

    Verbo de ligao

    Liga o sujeito a um predicativo do sujeito. Verbo de ligao no tem objeto, ento,

    obviamente, no tem jeito de ter predicativo do objeto!

    Nem todos os verbos podem ser verbos de ligao. H uma lista de verbos que podem

    funcionar como verbo de ligao, desde que sejam seguidos de predicativo. Se o verbo no

    estiver na