Portugal Fátima Santuário

Download Portugal Fátima Santuário

Post on 10-Jul-2015

86 views

Category:

Education

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

<ul><li><p>Peregrinao ao Santurio de FtimaJunho de 2010Progresso no automtica</p></li><li><p>O Santurio</p><p> Situado na Cova da Iria, composto por:</p><p> Recinto de Orao Capelinha das Aparies Baslica Colunata Igreja da Santssima Trindade</p></li><li><p> Recinto de Orao</p><p>Embora no coberto, o Recinto de Orao como uma grande Igreja que tem acolhido milhes de peregrinos vindos de todos os cantos do Mundo, para a louvar o Senhor e Sua Me. </p><p>Como Igreja que , tem uma Cruz, um Altar, uma Via-Sacra e Imagens de Santos</p></li><li><p>A nova "Cruz Alta, da autoria do artista alemo Robert Schad, situa-se no adro da Igreja da Santssima Trindade. feita em ao corten, com 34 metros de altura e 17 metros de largura, ao nvel dos braos. Foi erguida a 29 de Agosto 2007, dia em que a Igreja celebra o martrio de So Joo Baptista, o Precursor de Jesus Cristo.Uma Cruz - A Cruz AltaEsta obra veio substituir a antiga Cruz Alta, a qual depois de restaurada foi oferecida ao Santurio de Cristo Rei, em Almada. </p></li><li><p>Um Altar</p></li><li><p> Os 14 painis da Via-Sacra, em cermica policromada, foram executados na Fbrica Viva Lamego, de Lisboa, segundo desenho de Lino Antnio, em colaborao com o pintor e ceramista Manuel Cargaleiro.A Via-Sacra </p></li><li><p>Monumento ao Sagrado Corao de JesusErgue-se no centro do Recinto de Orao, em frente da Capelinha das Aparies.Esta Imagem recorda-nos que a mensagem de Ftima fala tambm no Corao de Jesus, quer nas aparies do Anjo, quer atravs de Nossa Senhora. A sua localizao simboliza, pois, a centralidade de Jesus na Mensagem de Ftima</p></li><li><p>A imagem do Sagrado Corao de Jesus de bronze dourado, de autor desconhecido. Foi oferecida por um peregrino e benzida solenemente em 13 de Maio de 1932.</p></li><li><p>Na base do monumento, encontra-se um fontanrio, cuja gua ali apareceu, pela primeira vez, em 1921. O fontanrio tem hoje 4 bicas.</p></li><li><p>PrespioFoi inaugurado na madrugada de 25 de Dezembro de 1999, incio do grande Jubileu. A forma triangular uma referncia Santssima Trindade. Tem 5 m de altura e 5 m na base. feito em chapa de ao perfurada, o que permite a colocao de numerosas lmpadas que, noite, iluminam todo o conjunto.Autor: Jos Aurlio, de Alcobaa</p></li><li><p>Capelinha das Aparies</p></li><li><p>A Capelinha das Aparies o corao do Santurio. </p></li><li><p> Este o lugar escolhido por Deus para, por meio de Nossa Senhora, revelar a Sua mensagem aos homens do nosso tempo. Foi a que Nossa Senhora falou aos Pastorinhos.A construo da Capelinha foi a resposta ao pedido de Nossa Senhora: quero que faam aqui uma capela em minha honra, que sou a Senhora do Rosrio Esta Capela torna-se, assim, a actualizao da mensagem de Nossa Senhora.</p></li><li><p>A Capelinha original foi construda em 1919. Tendo sido dinamitada na noite de 5 para 6 de Maro de 1922, foi restaurada e reinaugurada em 13 de Janeiro de 1923. Embora sujeita a ligeiras alteraes, mantm os traos originais. O pedestal, onde se encontra a Imagem de Nossa Senhora, marca o stio exacto onde estava a pequena azinheira sobre a qual Nossa Senhora apareceu aos pastorinhos em 13 de Maio, Junho, Julho, Setembro e Outubro de 1917. </p><p>A pequena azinheira, de 1 metro de altura, desapareceu devido devoo dos primeiros peregrinos que a levaram, raminho a raminho.</p></li><li><p>A Imagem de N S de Ftima</p></li><li><p>A Imagem que se venera na Capelinha foi oferecida em 1920 por Gilberto Fernandes dos Santos, de Torres Novas. obra do escultor Jos Ferreira Thedim. em madeira, cedro do Brasil e mede 1,10 m.A coroa preciosa que a Imagem ostenta apenas nos dias das grandes peregrinaes foi oferecida pelas mulheres de Portugal, a 13 de Outubro de 1942, em aco de graas por Portugal no ter entrado na 2 Guerra Mundial. de ouro, pesa 1200 gramas e tem 313 prolas e 2679 pedras preciosas. Exemplar nico, de alto valor artstico, foi executada gratuitamente na joalharia Leito &amp; Irmo, de Lisboa, e nela trabalharam 12 artistas durante 3 meses.</p></li><li><p>Esta Imagem apenas deixa a Capelinha das Aparies em ocasies consideradas muito especiais.</p></li><li><p>Em 1984, a pedido do Papa Joo Paulo II, foi ao Vaticano onde, na Praa de S. Pedro, o Santo Padre consagrou solenemente o Mundo ao Corao Imaculado de Maria. Foi tambm nesse dia que o Santo Padre ofereceu a Nossa Senhora a bala que lhe trespassou o corpo no atentado, em Roma, a 13 de Maio de 1981, em sinal de agradecimento por lhe ter salvo a vida. Em 1989, viria a ser encastoada na coroa preciosa da Imagem</p></li><li><p>Baslica de N Sr do Rosrio</p></li><li><p>A Capelinha das Aparies continua a ser o maior sinal evocativo das aparies. Ali se venera a Imagem de Nossa Senhora. Mas a afluncia de peregrinos exigia a construo de um templo mais amplo. Esse novo templo, hoje conhecido por Baslica, dedicado a Nossa Senhora do Rosrio, evocando a maneira como se apresentou aos Pastorinhos: Eu sou a Senhora do Rosrio.</p></li><li><p>Ergue-se no local onde, em 13 de Maio de 1917, os trs pastorinhos brincavam quando, de repente, viram um relmpago que os assustou e fez com que juntassem o rebanho para regressarem a casa.O edifcio foi construdo totalmente com pedra da regio (lugar do Moimento) e os altares so de mrmore de Estremoz, de Pro Pinheiro e de Ftima. Para o altar da capela-Mor foi transferido, do altar primitivo, o frontal de prata considerado uma jia de arte, representando a ltima Ceia de Cristo.Os seus 15 altares so dedicados aos 15 mistrios do Rosrio.Os vitrais representam cenas das aparies e invocaes da Ladainha de Nossa Senhora.</p></li><li><p>O relgio obra de Bento Rodrigues, de Braga. A torre sineira, erguida ao centro do conjunto arquitectnico, tem 65 metros de altura e rematada por uma coroa de bronze de 7.000 quilos, construda na fundio do Bolho, Porto, encimada por uma cruz iluminada que, de noite, se avista a longa distncia. O carrilho composto por 62 sinos. O sino maior pesa 3.000 quilos e o badalo 90.</p></li><li><p>Os anjos da fachada, em mrmore, so da autoria de Albano Frana.</p></li><li><p> No dia 13 de Maio de 1958, foi inaugurada uma grande esttua do Imaculado Corao de Maria e colocada no nicho da fachada da torre. Tem a altura de 4,73 metros e pesa 14 toneladas. Foi esculpida pelo Padre irlands Thomas McGlynn, sob indicao da Irm Lcia. </p></li><li><p>Esta imagem, oferta dos catlicos americanos, evoca o contedo da mensagem referente devoo ao Imaculado Corao de Maria, a que Nossa Senhora aludiu nas trs primeiras aparies da Cova da Iria : a devoo dos cinco primeiros sbados, a consagrao da Rssia e o triunfo do seu Imaculado Corao. Aps as revelaes da irm Lcia sobre a apario de 13 de Julho de 1917, em que Nossa Senhora mostrou aos videntes o seu Corao Imaculado, vrias imagens passaram a ser esculpidas, para numerosos pases, sob essa evocao. </p></li><li><p>Capela - MorEm 1995 foi remodelado o presbitrio (capela-mor). Ao centro, frente ao altar primitivo, situa-se um grande altar de mrmore. O ambo, a peanha para Nossa Senhora e a cadeira da presidncia so feitos da mesma pedra do altar. O Sacrrio, tal como o frontal do altar, de prata lavrada. </p><p> Todo o conjunto foi elevado cerca de 30 cm para melhorar a visibilidade dos peregrinos.Do lado esquerdo, est uma Imagem de Nossa Senhora de Ftima, Virgem Peregrina que, desde 1947, tem percorrido o mundo. Encontra-se a desde 08 de Dezembro de 2003.Os Vitrais da capela-mor representam os quatro evangelistas, a apario do Anjo, uma cena da vida dos pastorinhos, e aspectos da Cova da Iria em dia de peregrinao. </p></li><li><p>O quadro do retbulo sobre o altar representa a mensagem de Nossa Senhora que desce em forma de luz e de paz, ao encontro dos videntes, preparados pelo Anjo, atravs do seu encontro com Cristo na Eucaristia. Ajoelhado, do lado esquerdo, v-se o Bispo da Diocese, D Jos Alves da Silva. No canto superior direito figuram os Papas que receberam e tiveram parte nesta Mensagem: Pio XII, Joo XXIII e Paulo VI. Do lado oposto, trs Anjos contemplam esta mensagem de Deus aos homens: Orao, Penitncia, Reparao e Esperana. </p></li><li><p>Tambm se encontram na Baslica os tmulos dos irmos Francisco e Jacinta Marto, nas Capelas laterais direita e esquerda, respectivamente. Junto deste ltimo encontra-se, desde 2006, o da Irm Lcia.</p><p>Na Capela-mor, repousam os restos mortais de D. Jos Alves Correia da Silva, primeiro Bispo de Leiria (1920 - 1957) da Diocese restaurada.</p></li><li><p> frente da Baslica foi instalada uma grande tribuna, com altar, presidncia, ambo (mesa da palavra) e bancos para os concelebrantes. utilizada em grandes celebraes no recinto.</p></li><li><p>A Azinheira Grande</p></li><li><p>Esta rvore tem mais de 100 anos e era a maior existente na Cova da Iria, em 1917.No foi sobre ela que Nossa Senhora apareceu, mas est relacionada com as Aparies, sendo a nica que restou de todo o conjunto que havia.</p><p>Foi justamente quando passavam junto da Azinheira Grande que viram o claro que precedeu a apario de 13 de Maio. Nos meses seguintes, era sombra da Azinheira Grande que os Trs Pastorinhos rezavam o tero com as pessoas que os acompanhavam, preparando-se para receber a visita de Nossa Senhora.</p></li><li><p>A Azinheira Grande foi classificada de interesse pblico a 2 de Janeiro de 2007.</p></li><li><p>Colunata o conjunto arquitectnico que liga a Baslica aos edifcios construdos de cada lado do recinto. Obra do arquitecto Antnio Lino, composta de 200 colunas e 14 altares. Dezassete esttuas feitas de mrmore encimam a Colunata e representam imagens de santos.</p></li><li><p>As quatro imagens maiores so de santos portugueses e encontram-se na parte central. Voltados para a Baslica, da direita para a esquerda, podem ver-se: So Nuno de Santa Maria (Nuno lvares Pereira) Santo Antnio de Lisboa So Joo de Brito - parcialmente oculta pelo alpendre da Capelinha So Joo de Deus - oculta na fotografia</p></li><li><p>Igreja da Santssima Trindade90 Anos das Aparies</p></li><li><p>A inteno de construir uma nova igreja no Santurio de Ftima surgiu em 1973. J nessa altura se verificava que a Baslica no tinha capacidade para acolher todos os peregrinos.O lanamento da primeira pedra teve lugar em 6 de Junho de 2004, Solenidade da Santssima Trindade. A Igreja da Santssima Trindade, ou como mais conhecida, a "Nova Baslica" de Ftima, situada no extremo oposto da Baslica de N Sr do Rosrio, foi inaugurada a 12 de Outubro de 2007, por ocasio do encerramento do 90 aniversrio das Aparies de Nossa Senhora em Ftima.</p></li><li><p> Com a melhoria dos meios e vias de transporte a tornar mais fcil os acessos a Ftima, a afluncia de peregrinos foi sendo cada vez mais assdua e numerosa, no apenas nas peregrinaes aniversrias, mas tambm nas celebraes litrgicas. Aos sbados e domingos juntam-se em Ftima vrios milhares de peregrinos. O espao para acolher estas multides foi-se tornando cada vez mais exguo. </p><p> A sensibilidade s condies atmosfricas do exterior - com o sol, a chuva e o frio a tornarem-se cada vez menos suportveis - e pela dificuldade tambm crescente de as pessoas permanecerem em p, tornou-se cada vez mais evidente a necessidade de criar condies favorveis participao activa e atenta dos peregrinos. </p></li><li><p>E, assim, a inaugurao da Igreja da Santssima Trindade veio concretizar um sonho de mais de 30 anos. a quarta maior igreja catlica do Mundo, tendo sido integralmente paga com ddivas dos peregrinos ao longo dos anos.Toda a Igreja de cor branca, revestida de pedra da regio conhecida por branco do mar.Da autoria do arquitecto greco-ortodoxo Alexandros Tombazis, esta Igreja foi inspirada nos antigos anfiteatros romanos, permitindo aos fiis verem o altar, independentemente do local onde esto sentados. Tem forma circular por fora, com 125m de dimetro, e quadrangular por dentro, sem quaisquer colunas de apoio intermdio. </p></li><li><p>O acesso ao interior faz-se por 12 portas laterais, em bronze, uma dedicada a cada um dos Apstolos e uma maior que as outras, a Grande Porta Central, de 64 m2, a Porta de Cristo.</p></li><li><p>Prtico de EntradaConstituda por malha de rede de ao, a escultura suspensa das duas vigas foi executada manualmente.Alguns Anjos Msicos, de cor dourada, e a frase Venite adoremus Dominum (Vinde, adoremos o Senhor) evocam as Aparies do Anjo da Paz e convidam a entrar no templo e a...</p></li></ul>

Recommended

View more >