por martiniano santos - .soldagem com eletrodo revestido este, desenvolvera os fundamentos teÓricos

Download Por MARTINIANO SANTOS - .soldagem com eletrodo revestido este, desenvolvera os fundamentos teÓricos

Post on 25-Jan-2019

213 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

CAPACITACAPACITAO PROFISSIONALO PROFISSIONAL

Por MARTINIANO SANTOSPor MARTINIANO SANTOS

ITENS A SEREM OBSERVADOS:ITENS A SEREM OBSERVADOS:

A proposio, amplamente admitida, para enfrentar o desemprego intensificar e reestruturar a formao profissional.

Para o fim deste sculo, elas so movidas tecnologia e automao.

TRANSFORMAES

POSTOS DE TRABALHOS

Esto mudando rapidamente, e as exigncias da competio internacional so severas.

SISTEMA EDUCACIONAL BRASILEIRO

Carncias profundas so observadas com necessrias mudanas iminentes em nosso modelo.

EMPREGOQuesto que citada freqentemente como um dos grandes desafios para os dias de hoje.

FORMAO PROFISSIONAL

MAS, COMO INTENSIFICAR A FORMAO

PROFISSIONAL EM UM MUNDO ONDE O

DESEMPREGO CRESCE E A OPORTUNIDADE

DE TRABALHO CADA VEZ MAIS INCERTA?

SITICOMMM SITICOMMM -- SINDICATO DOS TRABALHADORES NAS SINDICATO DOS TRABALHADORES NAS INDINDSTRIAS DA CONSTRUSTRIAS DA CONSTRUO CIVIL, MONTAGEM O CIVIL, MONTAGEM INDUSTRIAL, MINDUSTRIAL, MRMORE E GRANITOS, MOBILIRMORE E GRANITOS, MOBILIRIO E VIME DE RIO E VIME DE DUQUE DE CAXIAS, SO JOO DE MERITI, NILDUQUE DE CAXIAS, SO JOO DE MERITI, NILPOLIS, MAGPOLIS, MAG E E GUAPIMIRIM.GUAPIMIRIM.

PETROBRASSISTEMA FIRJAM

SINDEMON - Sindicato das Empresas de Engenharia de Montagem e Manuteno Industrial do Estado do Rio Janeiro.

PARCERIA

EE

JUNTOS JUNTOS

APRESENTAMAPRESENTAM

PROGRAMA DE EDUCAO

PROFISSIONAL

SUB-PROJETO DENTRO DO PROMINP

CAPACITACAPACITAO EM SOLDAGEMO EM SOLDAGEM

OS APRENDIZES DE TCNICAS DE PROCESSOS DE

SOLDAGEM PODERO DESENVOLVER SUAS

ATIVIDADES PROFISSIONAIS NA INDSTRIA EM

ATIVIDADES DE PROJETOS, EXECUO E

MANUTENO DE COMPONENTES E NA PRESTAO

DE SERVIOS OU COMO EMPREENDEDOR.

FINALIDADEFINALIDADE

2. MELHORIA DA QUALIDADE DO SERVIO PRESTADO;

OBSERVANDO A SEGURANA, O MEIO AMBIENTE E A

QUALIDADE DE VIDA COMO CIDADO.

O PARTICIPANTE DO CURSO DE SOLDAGEM VEM

ATENDER A UMA DEMANDA DE MO-DE-OBRA

QUALIFICADA PARA A REA A FIM,

POSSIBILITANDO:

1. INSERO E MANUTENO NO MERCADO DE TRABALHO;

OBJETIVOOBJETIVOIMPLEMENTAR O CURSO DE CAPACITAO EM SOLDAGEM

NO PRIMEIRO MOMENTO E NO SEGUNDO A

QUALIFICAO PROFISSIONAL PARA O TRABALHADOR,

DE FORMA A MANTER DESAFIOS, COERNCIA E A

PARCERIA ENTRE OS SEGMENTOS EDUCACIONAIS,

PBLICOS E PRIVADOS EXISTENTE NOS ORGANISMOS

NACIONAIS E INTERNACIONAIS, BENEFICIANDO NO S

OS TRABALHADORES, COMO TAMBM TODAS AS

EMPRESAS LIGADAS AO MUNDO DO TRABALHO,

PROPORCIONANDO MO-DE-OBRA EM CONDIES QUE

SE ADEQEM A SEUS PERFIS DE QUALIDADE E

EXIGNCIAS DO MERCADO.

OBJETIVO ESPECFICO

3. CAPACITAR O ALUNO A PRESTAR ASSISTNCIA AOS PROFISSIONAIS SUPERIORES DA REA DE SOLDAGEM;

1. CAPACITAR O ALUNO A DESENVOLVER AS TCNICAS DA OCUPAO DA SOLDAGEM DE CHAPA, DE TUBULAO DE AO COM ELETRODO REVESTIDO;

2. PROPORCIONAR CONHECIMENTOS PARA A ANLISE DE SITUAES RELATIVAS OCUPAO DE SOLDAGEM, ENVOLVENDO: SEGURANA, EQUIPAMENTOS E MATERIAIS;

2. O ESPAO SER DEVIDAMENTE ESTRUTURADO, DE MANEIRA A NO FERI AS NORMAS REGULADORAS EXISTENTES;

ESTRATEGIA DE AOVIABILIZANDO O PROJETO

1. O PROJETO SER VIABILIZADO ATRAVS DO

SOMATRIO DA UNIO DO

SITICOMMM+SINDEMON+PETROBRAS+SENAI/D.CAX

IAS, DESENVOLVIDO NO MUNICPIO DE DUQUE DE

CAXIAS, PRECISAMENTE NO BAIRRO DE CAMPOS

ELSIOS, AO LADO DA REDUC (REFINARIA DE DUQUE

DE CAXIAS);

3. O LOCAL TER CAPACIDADE PARA ATENDER 03

(TRS) TURNOS DIARIAMENTE E COM TURMAS DE

VINTE ALUNOS, PERFAZENDO UM TOTAL DE

SESSENTA ALUNOS, COM HORRIO DIFERENCIADO,

UTILIZANDO METODOLOGIA E CONTEDO

PROGRAMTICO ADEQUADO A REALIDADE DO

TRABALHO/FUNO A DESEMPENHAR.

ESTRATEGIA DE AOVIABILIZANDO O PROJETO

3. SERO REALIZADAS AULAS PRESENCIAS COM

AVALIAO AO FINAL DE CADA MDULO.

PLANO DOS CURSOS GERAIS

1 . A FIM DE ESCLARECER A PRECEDNCIA DOS

CURSOS A SEREM MINISTRADOS, UTILIZAREMOS

ROTEIRO INFORMATIVO MODULARIZADO,

RESPEITANDO OS PR-REQUISITOS DE REALIZAO

DOS CURSOS;2. O CURSO SER REALIZADO COM TURMAS DE

20(VINTE) ALUNOS DISTRIBUDOS EM 03(TRS)

TURNOS/DIA COM 04HORAS/DIA, PERFAZENDO UMA

CARGA HORRIA DE 300H/CURSO, J INCLUDAS

VISITAS AS INSTALAES DE EMPRESAS;

DOS CURSOS1 MDULO - CURSO DE OPERAES BSICAS DE

SOLDAGEM COM ELETRODO REVESTIDO

ESTE, DESENVOLVERA OS FUNDAMENTOS TERICOS DOS

EQUIPAMENTOS DE SOLDAGEM COM ELETRODO REVESTIDO

E SUAS REGULAGENS, ASPECTOS RELACIONADOS A

SEGURANA, CAUSAS E SOLUES PARA PROBLEMAS

OCASIONADOS PELA SOLDAGEM E DESENVOLVER AS

TCNICAS MANIPULATIVAS BSICAS PARA A SOLDAGEM

NAS POSIES 2F E 1G; CARGA HORRIA TOTAL DE

60 HORAS

ESTE DESENVOLVER AS TCNICAS MANIPUIATVAS PARA

A SOLDAGEM DE CHAPAS DE AO COM ELETRODO REVESTIDO NAS POSIES 3F, 4F, 2G, 3G E 4G. ESTE PROCESSO DE SOLDAGEM TEM GRANDE APLICAO NA CONSTRUO DE ESTRUTURAS METLICAS E NA CONSTRUO NAVAL QUE NECESSITAM DE GRANDE QUANTIDADE DE MO DE OBRA; CARGA HORRAIA TOTAL DE 80 HORAS

2 MDULO - CURSO DE SOLDAGEM DE CHAPA COM ELETRODO REVESTIDO

DOS CURSOS

ESTE CURSO DESENVOLVER AS TCNICAS MANIPULATIVAS PARA A SOLDAGEM COM ELETRODO REVESTIDO DE TUBULAO DE AO EM TODAS AS POSIES. ESTE PROCESSO DE SOLDAGEM EM TUBULAO TEM GRANDE APLICAO NA CONSTRUO DE ESTRUTURAS METLICAS, NA CONSTRUO NAVAL E OUTROS, E NA CONSTRUO OU MANUTENO DE DUTOS E TUBULAES EM REFINARIAS E PETROQUMICAS; CARGA HORRIA TOTAL DE 80 HORAS

3 MDULO - CURSO DE SOLDAGEM DE TUBULAO COM ELETRODO REVESTIDO

DOS CURSOS

DOS CURSOS

4 MDULO - CURSO DE SOLDAGEM TIGTungsten Inert Gas

ESTE CURSO, O QUARTO DO MDULO, DESENVOLVERA AS

TCNICAS MANIPULATIVAS PARA A SOLDAGEM COM

ELETRODO REVESTIDO DE TIG EM TODAS AS POSIES.

ESTE PROCESSO DE SOLODAGEM TIG "TUNGSTEN INERT

GAS" TEM GRANDE APLICAO NA CONSTRUO DE

ESTRUTURAS METLICAS, NA CONSTRUO NAVAL E

OFFSHORE, E NA CONSTRUO OU MANUTENO DE DUTOS

E TUBULAES EM REFINARIAS E PETROQUMICAS.

CARGA HORRIA TOTAL DE 80 HORAS

A AVALIAO PRTICA DO CONTEDO MINISTRADO SERREALIZADA AO FINAL DE CADA MDULO, SENDO APROVADO O ALUNO QUE OBTIVER MAIOR OU IGUAL A 6,0(SEIS). E SENDO CONSIDERADO REPROVADO O ALUNO QUE NO COMPLETAR 80%(OITENTA POR CENTO) DA CARGA HORRIA MINISTRADA.

AVALIAO

A CERTIFICAO DOS ALUNOS CONSIDERADOS

APROVADOS SER EMITIDA ATRAVS DO CONVNIO

DE COOPERAO TCNICA ENTRE O SITICOMMM E

FIRJAN/SENAI_D. CAXIAS-RJ COM A LOGOMARCA DAS

ENTIDADES PARCEIRAS ENVOLVIDAS NO PROJETO.

CERTIFICAO

METAS A ATINGIR NO PERIODO DE 12 MESES

300TOTAL/ALUNOS

01010160D.Caxias , S.J.Meriti,

Nilpolis,Mag e Guapimirim

APERFEIOAMENTO DE SOLDADOR PARA TESTE DE QUALIFICAO

01010160D.Caxias , S.J.Meriti,

Nilpolis,Mag e Guapimirim

T I G Tungsten Inert Gas

01010160D.Caxias , S.J.Meriti,

Nilpolis,Mag e Guapimirim

SOLDAGEM DE TUBULAO COM ELETRODO REVESTIDO

01010160D.Caxias , S.J.Meriti,

Nilpolis,Mag e Guapimirim

SOLDAGEM DE CHAPA DE AO CARBONO C/ ELETRODO REVESTIVO

01010160D.Caxias , S.J.Meriti,

Nilpolis,Mag e Guapimirim

OPERAES BSICAS DE SOLDAGEM ELETRODO REVESTIDO

NTMTURMAS

QTDMUNICPIOCURSO

A REA DE INFLUNCIA DO PROJETO E SEUS RESULTADOS REFEREM-SE AO PLANO MUNICIPAL, CUJAS AES IMPLEMENTADAS E SEUS RESULTADOS SERO ABSORVIDOS PELOS MUNICPIOS CIRCUNVIZINHOS.

ABRANGNCIA

OS MUNICPIOS SUJEITOS AO E AOS RESULTADOS DESTE PROJETO SERO:

1. DUQUE DE CAXIAS (MUNICPIO-SEDE), SO JOO DE MERITI, NILPOLIS, MAG E GUAPIMIRIM;

LOCAL DA REALIZAO

2. MUNICPIOS CIRCUNVIZINHOS: RIO DE JANEIRO, NOVA IGUAU, MESQUITA, BELFORD ROXO, PETRPOLIS E ITABORA.

1. O CORPO DOCENTE, BEM COMO O TCNICO, SENDO OS DOIS PRIMEIROS FORNECIDOS FIRJAN/SENAI - D. CAXIAS ATRAVS DA COOPERAO TCNICA, E A ADMINISTRAO SER DOTADA DE PESSOAL ALTAMENTE CAPACITADO E COM EXPERINCIA COMPROVADA NA REA ABRANGIDA. O CURSO DE CAPACITAO POSSUIR 01(UM) COORDENADOR GERAL, RESPONSVEL POR TODA A ESTRUTURA ADMINISTRATIVA BEM COMO, PELA INTERAO DO CURSO COM O RESTANTE DA ESTRUTURA DO SINDICATO, ESTANDO VINCULADO DIRETAMENTE PRESIDNCIA DO SITICOMMM;

EQUIPE DOCENTE, TCNICA E ADMINISTRATIVA

2. POSSUIR AINDA UM GERENTE PEDAGGICO, RESPONSVEL PELA ESTRUTURA PEDAGGICA E CURRICULAR DO CURSO, BEM COMO PELO PROCESSO DE AVALIAO E ORIENTAO EDUCACIONAL DOS ALUNOS, EM CONCORDNCIA COM AS DIRETRIZES E METAS JESTABELECIDAS PELA COORDENAO GERAL E PELOS PARCEIROS ENVOLVIDOS NO PROJETO.

3. UM PROFESSOR POR TURMA SER NECESSRIO PARA REPASSAR TODO O CONTEDO AOS ALUNOS. LOGO, CONTAREMOS COM 03 (TRS) PROFESSORES, J QUE TRABALHAREMOS COM TRS TURNOS/DIA E UMA TURMA/TURNO.

EQUIPE DOCENTE, TCNICA E ADMINISTRATIVA

4. O CURSO POSSUIR CERCA DE 03(OITO) MONITORES E NO MENOS QUE 02(DOIS) PARA CADA TURMA DE 20(VINTE) ALUNOS.

EQUIPE DOCENTE, TCNICA E ADMINISTRATIVA

5. PARA QUE TODAS AS TAREFAS SEJAM REALIZADAS, A ESTRUTURA ADMINISTRATIVA E DE SERVIOS GERAIS CONTAR COM:

02(DUAS) RECEPCIONISTAS/DIGITADORAS;

02(DOIS) AUXILIARES DE SERVIO GERAIS PARA