politicas de saude

Download Politicas de Saude

Post on 14-Jan-2016

222 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • Polticas pblicas de sadePolticas pblicas de sade

    Linha do tempo da sade no BrasilLinha do tempo da sade no BrasilLinha do tempo da sade no BrasilLinha do tempo da sade no BrasilLinha do tempo da sade no BrasilLinha do tempo da sade no BrasilLinha do tempo da sade no BrasilLinha do tempo da sade no Brasil

    Natlia Barbosa Vedovato 3 FBI

    Mariana Cruz de Moraes Meier 5 FBI

  • Linha do tempo da sade no Brasil

    1500-1822

    1822-1831

    1831-1840

    1840-1889

    1889-1930

    1930-1945

    1945-1964

    1964-1985

    1985-hoje

  • Brasil ColniaBrasil Colnia

    Principais doenas: Malria,sarampo,varola, febre amarela e outros;

    Condies precrias: escassez de mdicos; escassez de mdicos; o alto preo das drogas e dos remdios oriundos de Portugal e do Oriente;

    saberes curativos dos indgenas; Jesutas; Boticrios.

  • Brasil ColniaBrasil Colnia

    Criao da primeira faculdade de medicina em 1808: FAMEB (Faculdade de Medicina da Bahia);

    Escola de Anatomia, Cirurgia e Medicina (1 nome)- UFRJ Escola de Anatomia, Cirurgia e Medicina (1 nome)- UFRJ (Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro);

    Buscava-se eliminar os sintomas das doenas,j que as causas eram desconhecidas;

  • Linha do tempo da sade no Brasil

    1500-1822

    1822-1831

    1831-1840

    1840-1889

    1889-1930

    1930-1945

    1945-1964

    1964-1985

    1985-hoje

  • 1 1 Reinado/Regencias/2ReinadoReinado/Regencias/2Reinado

    Constituio outorgada de 1824 4 poder,voto indireto e censitrio);

    Revoltas populares. Norte:Cabanagem,Balaiada e Sabinada

    Sul:FarroupilhaSul:Farroupilha

    Abdicao de D.Pedro I - 1831

    Expanso cafeeira.

  • Linha do tempo da sade no Brasil

    1500-1822

    1822-1831

    1831-1840

    1840-1889

    1889-1930

    1930-1945

    1945-1964

    1964-1985

    1985-hoje

  • Rep.VelhaRep.Velha--OligarquiasOligarquias

    Instituto Vacinognico, para o desenvolvimento de vacinas (1892);

    Instituto Bacteriolgico (1893); O Instituto Vacinognico se incorporou ao Bacteriolgico mais tarde e transformaram-se no Lab. Adolfo Lutzmais tarde e transformaram-se no Lab. Adolfo Lutz

    Instituto Butant, um centro para pesquisa de venenos e produo de antdotos(1899);

    Instituto de Patologia Experimental de Manguinhos (1907);

    Departamento Nacional de Sade pblica (1920).

  • Rep. VelhaRep. Velha--OligarquiasOligarquias

    A revolta da vacina (1904);

    "Tiros, gritaria, engarrafamento de trnsito, comrcio fechado, transporte pblico assaltado e queimado, lampies quebrados pedradas, destruio de fachadas dos edifcios pblicos e privados, rvores derrubadas: o povo do Rio de Janeiro se revolta contra o projeto de vacinao obrigatrio proposto pelo sanitarista Oswaldo Cruz" (Gazeta de Notcias, 14 de novembro de 1904).

  • Rep. VelhaRep. Velha--OligarquiasOligarquias Carlos Chagas (1907);

    Descoberta do T.cruzy

    Jeca Tatu-Urups de Monteiro Lobato-1918 Representava o caboclo brasileiro

    Era um homem fraco e desanimado, cujas as enfermidades o impediam de participar no esforo de fazer o Brasil progredir.

  • Rep. Rep. VelhaVelha--OligarquiasOligarquias

    Gripe Espanhola (1918)

    Aterrava a velocidade do contgio e o nmero de pessoas que estavam sendo acometidas [...]o terrvel no era o nmero de casualidades, mas no haver quem fabricasse caixes,quem os levasse ao cemitrio,quem abrisse covas e enterrasse os mortos.O espantoso era o fato de estarem todos doentes... (Pedro Nava historiador que presenciou os acontecimentos no RJ).

  • Linha do tempo da sade no Brasil

    1500-1822

    1822-1831

    1831-1840

    1840-1889

    1889-1930

    1930-1945

    1945-1964

    1964-1985

    1985-hoje

  • Compromisso de zelar pelo bem-estar sanitrio da populao;

    Ministrio da educao e sade;

    Centralizao da Sade;

    Era VargasEra Vargas

    Centralizao da Sade;

    Penses Estado novo 1937 Caixa de aposentadoria e ( CAPs) e os institutos de previdncia;

    Atuao do governo na questo da sade era considerada avanada se comparada com a anterior.

  • Era VargasEra Vargas

    1943 - criada a CLT: Consolidao das leis do trabalho. Assistncia mdica, licena remunerada, gestante trabalhadora e a jornada de trabalho de oito horas;

    Educao em sade (higienizao).

    Diminuir a mortalidade Infantil, misria e a fome;

    O estado no devia simplesmente doar comida populaocarente; devia assegurar condies de trabalho e salrio quepermitissem a todo brasileiro garantir a prpria alimentao ea da famlia. Devidamente nutrida, a populao criariaresistncia fsica contra muitas das enfermidades, quematavam e inutilizavam para o trabalho.

  • Linha do tempo da sade no Brasil

    1500-1822

    1822-1831

    1831-1840

    1840-1889

    1889-1930

    1930-1945

    1945-1964

    1964-1985

    1985-hoje

  • Repblica Nova Repblica Nova

    Instalado o Centro de Estudos do Instituto Oswaldo Cruz, em Bambu-MG, que desenvolveu os primeiros estudos para o controle a Doena de Chagas (1948);

    Criao do primeiro Conselho de sade,considerado o marco principal da Sade Pblica moderna. A sade do povo era integralmente reconhecida como importante funo administrativa do governo.Quanto melhores as condies de vida da populao,tanto maiores seriam as possibilidades econmicas de um pas (1948);

  • Repblica NovaRepblica Nova

    Tornou obrigatria a iodao do sal de cozinha destinado a o consumo alimentar nas regies bocgenas do pas( Lei n1.944, de 14/08/1953) ( 1953);

    nicio da produo, no Brasil, da vacina liofilizada contra a nicio da produo, no Brasil, da vacina liofilizada contra a varola,em substituio a tradicional,em forma de linfa, pouco estvel (1961);

    Realizao das primeiras campanhas com a vacina oral contra a poliomielite:projetos experimentais em Petrpolis-RJ e Santo Andr-SP ( 1961);

  • Repblica NovaRepblica Nova

    Introduo da tcnica de diagnstico laboratorial da poliomielite,no Instituto Oswaldo Cruz ( 1961);

    Instituio da Campanha Nacional contra a Varola, coordenada pelo Departamento Nacional de Sade,com a coordenada pelo Departamento Nacional de Sade,com a organizao de operaes de vacinao em diversos estados,mediante mobilizao dos recursos locais (1962);

    Primeiro ensaio para administrao da vacina BCG,intradrmica no Brasil ( 1962).

  • Linha do tempo da sade no Brasil

    1500-1822

    1822-1831

    1831-1840

    1840-1889

    1889-1930

    1930-1945

    1945-1964

    1964-1985

    1985-hoje

  • Regime MilitarRegime Militar

    Receita diminuda para o ministrio da Sade;

    A individualizao da Sade pblica;

    Epidemias silenciosas (Meningite e Dengue); Epidemias silenciosas (Meningite e Dengue);

    Instituto Nacional de Previdncia Social (INPS);

    Ministrio da Previdncia e Assistncia social.

  • 1977-INAMPS passou a prestar assistncia mdica aos servidores civis da Unio e aos trabalhadores urbanos ;

    1976 - Salrio a insalubridade para as atividades arriscadas;

    Regime MilitarRegime Militar

    1976 - Salrio a insalubridade para as atividades arriscadas;

    Golden Cross;

    As classes mdias privilegiadas com o milagre econmico, encontraram nas companhias de seguro-sade o caminho de acesso ao atendimento rpido e eficiente;

  • Linha do tempo da sade no Brasil

    1500-1822

    1822-1831

    1831-1840

    1840-1889

    1889-1930

    1930-1945

    1945-1964

    1964-1985

    1985-hoje

  • Nova RepblicaNova Repblica

    A falncia do regime militar acabou culminando na NovaRepblica;

    Crise econmica;

    Surtos de Clera e Dengue e altos ndices de pessoas atingidaspor tuberculose, tracoma, doena de Chagas e doenas mentais,confirmando a permanncia histria do trgico estado da sadepopular;

    Em 1987 - criado o Programa de Desenvolvimento de SistemasUnificados e Descentralizados de Sade dos Estados SUDS.Este sistema visava a consolidao e o desenvolvimentoqualitativo das aes integradas de sade, descentralizando asatividades do INAMPS.

  • Nova RepblicaNova Repblica

    Constituio de 1988 - Acesso assistncia mdico-sanitria direitodo cidado e dever do Estado;

    De concreto houve apenas a integrao, mesmo que imperfeita, dosservios mantidos pelo Estado, sem a participao das empresasparticulares. Surgiu assim o Sistema Unificado de Sade (SUS),encarregado de organizar, no plano regional, as aes do Ministrio daSade e dos servios de sade estaduais e municipais;

  • Antes e depois do SUSAntes e depois do SUS

    Antes de 1988 O sistema nico de sade

    atendia quem contribua para a Previdncia social,quem no tinha dinheiro dependia da caridade e da filantropia;

    2008 O sistema nico de sade

    para todos,sem discriminao.Desde a gestao e por toda a vida a ateno integral sade um direito;

    Decentralizado,municipalizado e da caridade e da filantropia;

    Centralizado e de responsabilidade federal,sem a participao dos usurios;

    Assistncia mdico-hospitalar;

    Sade ausncia de doenas;

    30 milhes de pessoas com acesso aos servios hospitalares.

    Decentralizado,municipalizado e participativo com 77 mil conselheiros de sade;

    Promoo,proteo,recuperao e reabilitao;

    Sade qualidade de vida;

    140 milhes de pessoas tm no SUS o seu nico acesso aos servios sade.

  • Os problemas continuam...Os problemas continuam...

    Desigualdade social;

    Desigualdade regional;

    Subnutrio e falta de saneamento;

    preciso ressaltar que a proteo a sade depende sobretudo das