Pnad contínua mensal brasil

Download Pnad contínua mensal   brasil

Post on 19-Jul-2015

114 views

Category:

Economy & Finance

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

<ul><li><p>1 1 1 Rio de Janeiro, 12/03/2015 </p></li><li><p>Sistema Integrado de Pesquisas Domiciliares </p><p>Principais motivaes: indicadores de curto prazo sobre mercado de trabalho com abrangncia </p><p>nacional; </p><p> informaes contnuas sobre oramento familiar; </p><p> incluso de novos temas (Vitimizao, Uso do tempo, ...); </p><p> aprofundamento de temas j investigados (Sade, Educao etc); </p><p> regularidade na investigao de temas (Segurana Alimentar, Trabalho Infantil, Educao Profissional). </p></li><li><p>Sistema Integrado de Pesquisas Domiciliares SIPD </p><p>Pesquisa Nacional por Amostra de </p><p>Domiclios Contnua </p><p>Pesquisa de Oramentos </p><p>Familiares Contnua </p><p> Renda Consumo ... </p><p> Mercado de Trabalho no curto prazo, </p><p> Alm do levantamento de outros temas. </p><p>Estrutura do SIPD + outras </p><p>pesquisas Dois ncleos </p></li><li><p>PNAD Contnua </p><p>sobre outras formas de trabalho, trabalho infantil, </p><p>migrao, habitao, fecundidade, nupcialidade etc. </p><p>Permitir assim, o estudo do desenvolvimento socioeconmico </p><p>Produzir informaes </p><p>anuais </p><p>O </p><p>B </p><p>J </p><p>E </p><p>T </p><p>I </p><p>V </p><p>O </p><p>P R I N C I P A L </p><p>sobre a insero da populao no mercado </p><p>de trabalho e suas diversas caractersticas. </p><p>Produzir informaes contnuas </p></li><li><p>Abrangncia de Coleta das Informaes </p><p>15.756 setores 3.464 municpios </p><p>PNAD Contnua </p></li><li><p>Tamanho da Amostra da PNAD Contnua Mensal </p><p>Brasil 70.464 </p><p>Cerca de 2000 entrevistadores </p><p>trabalham na pesquisa </p><p>mensalmente </p></li><li><p>Os indicadores aqui apresentados foram desenvolvidos utilizando os </p><p>novos conceitos, definies e nomenclaturas de acordo com as recomendaes da Organizao Internacional do Trabalho - OIT, adotadas na ltima Conferncia Internacional dos Estatsticos do </p><p>Trabalho - 19 CIET, realizada em Genebra, em outubro de 2013. </p><p>Recomendaes </p></li><li><p>Esclarecimentos sobre os resultados da PNAD Contnua produzidos </p><p>mensalmente </p></li><li><p>Trata-se de indicadores produzidos </p><p>mensalmente com informaes dos trs </p><p>ltimos meses consecutivos, </p><p>denominados trimestres mveis. </p></li><li><p>Como realizada a Pesquisa Nacional por Amostra de Domiclios Contnua - PNAD </p><p>Contnua ? 1. realizada atravs de uma amostra de domiclios </p><p>2. Foi desenhada para os seguintes nveis geogrficos: Brasil, Grandes Regies, Unidades da Federao, Regies Metropolitanas que contm os municpios das capitais, </p><p>municpios das capitais e Regio Integrada de desenvolvimento da Grande Teresina. </p></li><li><p>3. A amostra da pesquisa foi desenhada, visando produzir informaes trimestrais, de forma que as anlises pudessem ser feitas comparando um trimestre com o outro imediatamente anterior (sobreposio de 80% dos domiclios) e com o mesmo trimestre do ano anterior (sobreposio de 20% dos domiclios). </p></li><li><p>Por que trabalhar com um esquema de painel Rotacional? </p><p> Para termos sobreposio de domiclios, importante para garantir que as alteraes observadas no sejam resultantes de uma mudana completa da amostra. O esquema de rotao adotado pela pesquisa requer que um domiclio, uma vez selecionado para a pesquisa, seja visitado por cinco vezes, com intervalos de dois meses entre uma visita e outra. </p></li><li><p>O que significa trabalhar com uma pesquisa com Painel Rotacional? </p><p> Um painel da PNAD Contnua composto por um conjunto de domiclios de maneira a garantir que a amostra de qualquer trimestre (mvel ou no) da pesquisa tenha representado, de maneira balanceada, domiclios em cada um dos 3 meses do trimestre e respondendo a cada uma das 5 entrevistas do ciclo de entrevistas. O esquema de rotao adotado pela pesquisa requer que um domiclio, uma vez selecionado para a pesquisa, seja visitado por cinco vezes, com intervalos de dois meses entre uma visita e outra. </p></li><li><p>Os dados divulgados at o momento, produzidos com base PNAD Contnua, so trimestrais. </p><p>Em funo do desenho da pesquisa, dado um trimestre, podemos comparar com o trimestre anterior e com igual </p><p>trimestre do ano anterior. </p></li><li><p>16 </p><p>Rotao da Amostra da </p><p>PNAD Contnua Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez </p><p>1 </p><p>3 </p><p>4 </p><p>Jan Fev Mar </p><p>2 3 4 5 </p><p>1 2 3 4 5 </p><p>1 2 4 5 </p><p>Um Domiclio visitado 5 vezes com intervalo de 2 meses entre uma visita e outra, ou seja, uma nica vez no </p><p>trimestre, por 5 trimestres. </p></li><li><p>Sobreposio Trimestral </p><p>De um TRIMESTRE para outro, 80% dos domiclios so os mesmos </p><p>2 Trimestre </p><p>1 Trimestre </p><p>3 Trimestre </p><p>4 Trimestre </p><p>80% </p><p>5 Trimestre </p></li><li><p>Sobreposio Anual </p><p>Do 1 para o 5 TRIMESTRE, 20% dos domiclios so os mesmos </p><p>1 Trimestre </p><p>20% </p><p>5 Trimestre </p></li><li><p>Sobreposio Mensal </p><p>Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Jan Fev Mar </p><p>0% De um MS para outro, 0% dos domiclios so </p><p>os mesmos </p></li><li><p>Trs fatores pesaram na escolha da periodicidade da pesquisa: 1) o custo de realizao da pesquisa em mbito nacional; </p><p>Estamos falando Brasil, um pas com dimenso continental. </p><p>2) a complexidade operacional que envolve a coleta das informaes e as etapas de apurao e anlise dos dados; </p><p>3) e o fato da Pesquisa Mensal de Emprego - PME no mostrar variaes significativas frequentes nos indicadores de mercado de trabalho. </p><p> Os clculos dos intervalos de confiana para a diferena temporal de um determinado conjunto de indicadores da PME de cada regio metropolitana e para o total das seis regies mostram que as diferenas significativas acerca de estimativas ocorrem com maior frequncia quando a comparao feita por perodos mais longos. (Lila e Freitas, 2007). </p><p>Por que o IBGE optou por uma pesquisa Trimestral? </p></li><li><p>Durante os fruns do Sistema Integrado de Pesquisas Domiciliares do IBGE, que vm sendo promovidos duas vezes por ano desde 2006, com o objetivo de compartilhar e discutir com usurios especializados a construo desse sistema, houve manifestaes de usurios sobre a necessidade da produo de indicadores mensais sobre a fora de trabalho, ainda que fosse apenas para o nvel Brasil. </p><p>Fruns do Sistema Integrado de Pesquisas </p><p>Domiciliares </p><p>Por que divulgao mensal? </p></li><li><p> A divulgao fornece aos usurios da pesquisa dados sobre a evoluo do mercado de trabalho no Brasil, atualizados mensalmente atravs de trimestres mveis. </p><p>Por que o IBGE optou por uma pesquisa Trimestral? </p></li><li><p>Assim, a cada ms sero divulgadas informaes referentes ao ltimo trimestre mvel. Portanto, entre a divulgaes dos trimestres convencionais, quando sero produzidas informaes completas sobre o mercado de trabalho para os recortes geogrficos para os quais a pesquisa foi desenhada (1), sero realizadas duas divulgaes mensais, apenas para o recorte Brasil, para um conjunto de indicadores selecionados produzidos, com informaes dos ltimos trs meses, ou seja, dos trimestres mveis. </p></li><li><p>Alternativas avaliadas para obteno dos indicadores mensais </p><p> Pelos fatores que j foram mencionados, invivel a realizao de uma pesquisa do porte da PNAD Contnua com periocidade de divulgao mensal, mantendo uma sobreposio de domiclios entre um ms e outro, tal como feito na PME. </p></li><li><p>Opo 1 - Indicadores de cada ms Opo 2 - Indicadores da mdia mvel trimestral Opo 3 - Indicadores de trimestres mveis </p><p>Assim, foi necessrio avaliar a possibilidade de produo mensal de um conjunto selecionado de indicadores da pesquisa. Trs formas de obteno de indicadores foram avaliadas: </p></li><li><p>Opo 1 - Indicadores de cada ms So indicadores construdos utilizando a amostra de cada ms, ou seja, um tero da amostra planejada para a pesquisa do trimestre. Dado que a amostra da pesquisa foi distribuda ao longo dos trs meses do trimestre, possvel obter estimativas mensais para o total do Pas com boa preciso, mesmo com uma subamostra com tamanho de 1/3 da amostra original. </p></li><li><p>Entretanto, esta opo foi descartada em funo de duas questes: 1) por no existir sobreposio de domiclios entre as subamostras mensais de cada trimestre, pode ocorrer volatilidade e rudo nos resultados, com intensidade diferenciada de acordo com a varivel observada; </p><p>Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Jan Fev Mar </p><p>0% </p><p>Opo 1 - Indicadores de cada ms </p></li><li><p>Lembram da Rotao? </p><p>2) o efeito do painel, que com uma defasagem de trs meses o comportamento dos resultados se assemelha. </p><p>Opo 1 - Indicadores de cada ms </p></li><li><p>Destaca-se ainda que o efeito do painel tambm pode ser diferenciado por varivel observada. Exemplo: os efeitos podem ser mais perceptveis no rendimento do que na taxa de desocupao. A anlise dos resultados indicou forte impacto da falta de sobreposio de domiclios nos indicadores, superando inclusive o efeito da conjuntura, no sendo, portanto, recomendada esta opo. </p><p>Opo 1 - Indicadores de cada ms </p></li><li><p>Opo 2 - Indicadores da mdia mvel trimestral So indicadores resultantes da mdia aritmtica dos indicadores mensais, produzidos conforme descrito na opo 1, de trs meses consecutivos da pesquisa. Esta opo no foi a adotada em funo de ter sido considerada que a opo seguinte seria a mais recomendada. </p><p>Jan</p><p>Fev</p><p>Mar (Jan+Fev+Mar)/3Abr (Fev+Mar+Abr)/3Mai (Mar+Abr+Mai)/3Jun (Abr+Mai+Jun)/3Jul (Mai+Jun+Jul)/3</p><p>Ago (Jun+Jul+Ago)/3Set (Jul+Ago+Set)/3Out (Ago+Set+Out)/3Nov (Set+Out+Nov)/3Dez (Out+Nov+Dez)/3Jan (Nov+Dez+Jan)/3Fev (Dez+Jan+Fev)/3</p></li><li><p>Opo 3 - Indicadores do trimestre mvel So indicadores que utilizam mensalmente as informaes dos ltimos trs meses consecutivos da pesquisa, existindo, entre um trimestre mvel e outro, repetio das informaes de dois meses. Difere da opo 2 ao utilizar os dados de trs meses para compor a amostra. </p></li><li><p>jan/14 nov dez janfev/14 dez jan fevmar/14 jan fev marabr/14 fev mar abrmai/14 mar abr maijun/14 abr mai junjul/14 mai jun julago/14 jun jul agoset/14 jul ago setout/14 ago set outnov/14 set out novdez/14 out nov dezjan/15 nov dez janfev/15 dez jan fevmar/15 jan fev marabr/15 fev mar abrmai/15 mar abr maijun/15 abr mai jun</p><p>Opo 3 - Indicadores do trimestre mvel </p></li><li><p>A opo 3 foi a escolhida por se mostrar a melhor do ponto de vista metodolgico, considerando o desenho da pesquisa. </p><p>Opo 3 - Indicadores do trimestre mvel </p></li><li><p>Obteno das estimativas do trimestre mvel Dada a escolha do trimestre mvel, o processo de obteno dos indicadores a publicar mensalmente estrutura-se nos seguintes pontos: </p><p>1. a informao a ser utilizada, 2. o clculo dos pesos (calibrao) 3. e o clculo dos indicadores e suas respectivas precises. </p></li><li><p>O clculo dos pesos para o trimestre mvel anlogo ao clculo dos pesos para o trimestre convencional, j apresentado nas Notas Metodolgicas da PNAD Contnua. Tal procedimento passa a ser realizado para cada um dos dozes trimestres mveis, em vez de ser calculado apenas para quatro trimestres convencionais. Na calibrao pelo total populacional utiliza-se as informaes do dia 15 do ms central do trimestre mvel, tal como feito para os 4 trimestres convencionais. </p></li><li><p>Interpretao das estimativas obtidas Cabe destacar que, entre um trimestre mvel e o imediatamente anterior, existe um percentual de repetio de dados em torno de 66%. importante registrar ainda, que no se trata de sobreposio de amostra, como a que existe no trimestre convencional, mas de repetio de dados. </p></li><li><p>No trimestre convencional, a sobreposio de 80% de amostra de um trimestre para outro refere-se a informaes de um conjunto de domiclios que foram investigados em ambos os trimestres. </p><p>2 Trimestre </p><p>1 Trimestre </p><p>3 Trimestre </p><p>4 Trimestre </p><p>5 Trimestre </p><p>80% </p></li><li><p>J no trimestre mvel, o que se tem a repetio de dados mensais entre trimestres mveis sequenciais. Ressalta-se que a repetio s ir deixar de existir entre um trimestre mvel e outro aps um intervalo de dois trimestres mveis. </p><p>Ago Set Out Nov Dez Jan Fev Mar Abr Mai Jun</p><p>ago a out</p><p>set a nov</p><p>out a dez</p><p>nov a jan</p><p>dez a fev</p><p>jan a mar</p><p>fev a abr</p><p>mar a mai</p><p>abr a jun</p><p>Trimestre Mvel</p><p>2013 2014</p></li><li><p>De um trimestre mvel para o seguinte: </p><p> 66,7% dos domiclios so </p><p>iguais e suas informaes so duplicadas (F5, G4, H3, I2, J1, K5, L4, M3, N2, O1). </p><p> 26,7% dos domiclios so iguais e suas entrevistas so em perodos de tempo diferentes (ms 1: B4, C3, D2, E1 e ms 4: B5, C4, D3, E2). </p><p> 6,7% dos domiclios so diferentes (A5 e P1). </p></li><li><p>Ilustrao dos trimestres mveis da PNAD Contnua </p></li><li><p>Concluindo: A) Na comparao entre trimestres convencionais no ocorre repetio de dados; </p><p> B) Na comparao entre um trimestre e o trimestre imediatamente anterior, quando se considera as estimativas dos trimestres convencionais ou mveis numa sequncia mensal, os dados de dois meses so repetidos, ou seja, na comparao apenas os dados do terceiro ms contm informao nova, para um tero da amostra; C) Na comparao do trimestre com o terceiro trimestre anterior no tem repetio de dados. </p><p>Nesse sentindo, movimentos conjunturais completos se observam apenas na comparao entre trimestres onde no h </p><p>repetio da amostra, nos quais as informaes so inteiramente novas. </p></li><li><p>Experincia Internacional </p></li><li><p>Notas Tcnicas do sobre a Divulgao Mensal da Pnad Contnua Disponveis no Portal do IBGE </p></li><li><p>Referncias: FREITAS, M.P.S; Lila, M.F. Estimao de intervalos de confiana para estimadores de diferenas temporais na pesquisa mensal de emprego: verso preliminar. Rio de Janeiro: IBGE, Diretoria de Pesquisas, 2003. 20 p. Disponvel em: . Acesso em: mar. 2015. PESQUISA MENSAL DE EMPREGO. Rio de Janeiro: IBGE. Disponvel em: . Acesso em: mar. 2015. NOTAS METODOLGICAS: pesquisa nacional por amostra de domiclios contnua: Volume 1. Rio de Janeiro: IBGE, 2014. 47 p. Disponvel em: . Acesso em: mar. 2015 NOTA de apresentao da divulgao mensal de estimativas do inqurito ao Emprego. Portugal: INE, Departamento de Estatsticas Demogrficas e Sociais, 2014. 14p. Disponvel em: . Acesso em mar. 2015. </p></li><li><p>Conceitos </p><p>Populao em idade de trabalhar </p><p>14 anos mais de idade</p><p>Pessoas em idade de trabalhar</p></li><li><p>Conceitos </p><p>Ocupao </p><p>Restrio: Desenvolvido durante pelo menos uma hora na semana;</p><p>1. (em dinheiro, produtos, mercadorias ou benefcios como: moradia, alimentao, treinamento etc); </p><p>1.Trabalho Remunerado </p><p>2. Trabalho em ajuda a membro da unidade domiciliar</p><p>Restrio: Desenvolvido durante pelo menos uma hora na semana;</p><p>2.1 - que era conta prpria ou empregador</p><p>2.2 - que era empregado</p></li><li><p>Conceitos </p><p>Desocupados </p><p>Desocupadosa) na semana de referncia, estavam sem trabalho;</p><p>b) no perodo de referncia de 30 dias, haviam tomado alguma providncia efetiva para conseguir trabalho; </p><p>Inclui tambm as pessoas de 14 anos ou mais, sem trabalho e disponveis para trabalhar, mas que no haviam buscado trabalho </p><p>porque j haviam encontrado trabalho para comear aps a semana </p></li><li><p>Conceitos </p><p>Pessoas na fora de trabalho </p><p>Ocupados+</p><p>Desocupados</p></li><li><p>Os dados apresentados tm </p><p>como objetivo principal dimensionar </p><p>as populaes destacadas e traar </p><p>o seu perfil. </p></li><li><p>Indicadores </p></li><li><p>Sero divulgados pela primeiras vez </p><p>informaes do rendimento de </p><p>trabalho na PNAD Contnua </p></li><li><p>Rendimento mdio nominal habitualmente recebido em todos os trabalhos pelos ocupados o rendimento bruto </p><p>nominal mdio habitualmente recebido em todos os trabalhos que as pessoas ocupadas com rendimento tinham na semana </p><p>referncia. </p><p>Rendimento mdio nominal efetivamente recebido em todos os trabalhos pelos ocupados o rendimento bruto nominal </p><p>mdio efetivamente recebido no ms de referncia em todos os trabalhos que as pessoas ocupadas com rendimento tinham na </p><p>semana referncia. </p></li><li><p>Rendimento mdio real habitualmente recebido em todos os trabalhos pelos ocupados o rendimento bruto real </p><p>mdio habitualmente recebido em todos os trabalhos que as pessoas ocupadas com rendimento tinham na semana </p><p>referncia, a preo...</p></li></ul>