planejamento financeiro e orçamentário unidade 1: planejamento financeiro .•“pode ser...

Download Planejamento financeiro e orçamentário Unidade 1: Planejamento financeiro .•“Pode ser compreendido

Post on 07-Nov-2018

214 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • Planejamento financeiro e oramentrio Unidade 1: Planejamento financeiro

    Prof. Me. Diego Fernandes Emiliano Silva

    diego.fernandes@pitagoras.com.br

    http://diegofernandes.weebly.com

    diegofernandes.weebly.com Prof. Diego Fernandes

    diego.fernandes@pitagoras.com.br 1

    mailto:Diego.fernandes@pitagoras.com.brhttp://diegofernandes.weebly.com/
  • Seo 1.1

    Introduo ao planejamento: conceitos iniciais

    diegofernandes.weebly.com Prof. Diego Fernandes

    diego.fernandes@pitagoras.com.br 2

  • Caso hipottico - apresentao

    CONSULTANDO LTDA uma sociedade simples composta de dois scios: Diego e Leonardo. Ambos administram a empresa e cada um possui 50% das cotas da mesma. A empresa presta consultoria especializada na rea econmico-financeira para empresas de pequeno e mdio porte.

    O quadro funcional composto por 2 diretores, 3 analistas e 1 auxiliar-geral: Carlos, diretor de economia; Fernanda, diretora de administrao financeira; ndrea, analista financeira; Leila, analista de macroeconomia; Camila, analista de mercados e economia internacional; e Isac, auxiliar-geral (recepo e atendimento).

    Prof. Diego Fernandes diego.fernandes@pitagoras.com.br

    3

  • Caso hipottico - apresentao

    Foram investidos R$ 450 mil reais, sendo R$ 250 mil em parte predial, R$ 150 mil em mquinas e equipamentos, e R$ 50 mil de capital social.

    Alm dos investimentos, a organizao ainda possui custos com gua, luz, telefone (fixo e mvel), licenas de softwares anuais, salrios dos funcionrios e pr-labore dos proprietrios.

    Prof. Diego Fernandes diego.fernandes@pitagoras.com.br

    4

  • Caso hipottico - apresentao

    Durante o seu primeiro ano de funcionamento, a CONSULTANDO LTDA j prestou algumas consultorias, e at o presente momento, a organizao no possui nenhum tipo de planejamento

    Apesar do bom servio prestado, a empresa ainda no gera lucros, e devido a dificuldade de vender projetos de consultoria, em muitos momentos ao longo deste primeiro ano, foi obrigado a pedir emprstimos em bancos para saldar os meses nos quais fechou no negativo

    Prof. Diego Fernandes diego.fernandes@pitagoras.com.br

    5

  • Caso hipottico apresentao

    Diante desta situao, os alunos da Faculdade Pitgoras e Anhanguera de Jundia foram chamados para ajudar a criar um planejamento estratgico para a empresa CONSULTANDO LTDA

    diegofernandes.weebly.com Prof. Diego Fernandes

    diego.fernandes@pitagoras.com.br 6

  • Caso hipottico o que falta?

    Planejamento

    Relacionado com os processos a serem executados ao longo do tempo para se alcanar os objetivos e metas estabelecidas

    Consiste em estabelecer com antecedncia as aes a serem executadas dentro de cenrios e condies preestabelecidos, estimando os recursos a serem utilizados e atribuindo as responsabilidades, para atingir os objetivos fixados. (HOJI, 2014, p. 411.)

    diegofernandes.weebly.com Prof. Diego Fernandes

    diego.fernandes@pitagoras.com.br 7

  • Nvel estratgico

    Envolve planejamento e decises estratgicas;

    Seu escopo amplo;

    Na sua avaliao considera fatores internos e externos a empresa;

    Visa sobrevivncia, estabilidade, crescimento;

    Elaborado pela alta administrao da organizao

    Projetado para o longo prazo

    Suas decises e aes refletem em efeitos e consequncias que se estendem por anos

    diegofernandes.weebly.com Prof. Diego Fernandes

    diego.fernandes@pitagoras.com.br 8

  • Nvel ttico

    Envolve planejamento e decises tticas

    Sua funo traduzir e aplicar de forma eficiente os objetivos gerais e decises do planejamento estratgico

    Isso permite transformar objetivos e planos gerais em aes concretas e especficas dentro dos departamentos da organizao

    Apresenta grande preocupao em alcanar objetivos e metas

    Atribui as reas e departamentos a responsabilidade pela conquista da eficincia na utilizao e otimizao dos recursos

    diegofernandes.weebly.com Prof. Diego Fernandes

    diego.fernandes@pitagoras.com.br 9

  • Nvel operacional

    Envolve planejamento e decises operacionais

    Coloca em prtica os planos tticos dentro de cada setor da empresa

    Para isso, criar condies e metodologias formalmente adequadas e definidas para a realizao do trabalho

    Projetado para o curto prazo

    Envolve tarefas e atividades isoladamente, alm de se preocupar com metas especficas

    diegofernandes.weebly.com Prof. Diego Fernandes

    diego.fernandes@pitagoras.com.br 10

  • Nveis de planejamento

    diegofernandes.weebly.com Prof. Diego Fernandes

    diego.fernandes@pitagoras.com.br 11

  • Aplicabilidade do planejamento

    diegofernandes.weebly.com Prof. Diego Fernandes

    diego.fernandes@pitagoras.com.br 12

  • Variveis

    Importante ter em mente que o gestor deve observar uma srie de variveis desde a avaliao de cenrios, elaborao do planejamento, realizao das atividades, obteno de resultados e controle

    As variveis podem ser de duas naturezas:

    Qualitativas (nominais e ordinais)

    Quantitativas (discretas e contnuas)

    diegofernandes.weebly.com Prof. Diego Fernandes

    diego.fernandes@pitagoras.com.br 13

  • Seo 1.2

    Planejamento oramentrio

    diegofernandes.weebly.com Prof. Diego Fernandes

    diego.fernandes@pitagoras.com.br 14

  • Planejamento oramentrio

    Pode ser compreendido como o espelho financeiro dos demais planejamentos da empresa (...), essencial para o estabelecimento de objetivos, metas, responsabilidades, prazos e demais elementos que faam parte da projeo de resultados (CORREIA NETO, 2014)

    diegofernandes.weebly.com Prof. Diego Fernandes

    diego.fernandes@pitagoras.com.br 15

  • Planejamento oramentrio esttico

    Esttico: Tem como ponto de partida o estabelecimento do volume de produo ou vendas, e aps isso, os demais dados so projetados de modo a suport-lo (mo-de-obra, matria-prima, investimentos em equipamentos, etc.

    diegofernandes.weebly.com Prof. Diego Fernandes

    diego.fernandes@pitagoras.com.br 16

  • Vantagens do planejamento esttico

    Fcil elaborao

    Cenrio base para todas as definies

    Serve como termmetro para o desempenho da empresa

    diegofernandes.weebly.com Prof. Diego Fernandes

    diego.fernandes@pitagoras.com.br 17

  • Exemplo de planejamento esttico

    Produzir grafite 0,5mm resistente, com boa colorao e com escrita suave

    Empresa deseja produzir e vender 500.000 mil unidades com preo unitrio de R$ 2,00 a unidade

    Todos os gastos so estimados com base na produo/ vendas (+) Receita bruta: 500.000 x 2 = R$ 1.000.000,00/ano (-) Custos (50% x R$ 1.000.000,00) = (R$ 500.000,00) (-) Impostos (10% x R$ 1.000.000,00) = (R$ 100.000,00) (-) Despesas administrativas = (R$ 200.000,00) LUCRO = R$ 200.000,00

    diegofernandes.weebly.com Prof. Diego Fernandes

    diego.fernandes@pitagoras.com.br 18

  • Planejamento oramentrio flexvel

    Diferentemente do planejamento oramentrio esttico, no flexvel so admitidos variaes nos gastos (custos, despesas e investimentos), de acordo com variaes nas vendas ou volume de produo

    diegofernandes.weebly.com Prof. Diego Fernandes

    diego.fernandes@pitagoras.com.br 19

  • Exemplo de planejamento flexvel

    Esttico Flexvel caso 1 Flexvel caso 2

    UNIDADES 500 mil 600 mil 750 mil

    Receita bruta R$ 1.000.000,00 R$ 1.200.000,00 R$ 1.500.000,00

    (-) Custos (50%) (R$ 500.000,00) (R$ 600.000,00) (R$ 750.000,00)

    (-) Impostos (10%) (R$ 100.000,00) (R$ 120.000,00) (R$ 150.000,00)

    (-) Despesas (R$ 200.000,00) (R$ 200.000,00) (R$ 200.000,00)

    Lucro R$ 200.000,00 R$ 280.000,00 R$ 400.000,00

    20

    Esttico versus flexvel.... Importante perceber a importncia dos gastos fixos e dos gastos variveis Quando ocorrem poucas variaes nas receitas, planejamento pelo tipo esttico e mais simples, e esforo em re-planejar frente a mudana pequena no gera benefcios significativos

  • Planejamento oramentrio contnuo

    Este revisado mensalmente de acordo com os dados do ms anterior

    Isso permite que equipe de gesto sempre esteja ciente do que est acontecendo

    Permite inclusive que ajustes no planejamento sejam feitos

    diegofernandes.weebly.com Prof. Diego Fernandes

    diego.fernandes@pitagoras.com.br 21

  • Planejamento oramentrio base-zero

    Parte da premissa eu os dados passados podem conter ineficincias usuais

    Por isso, no devem ser utilizados como parmetros para projees

    Isso permite que a empresa sempre busque maximizar a utilizao dos recursos disponveis

    Exemplo: Custo de gua para empresa de cerveja se mantm h meses na faixa de R$ 300.000,00/ ms. Ser que o valor adequado? Ser que no vale a pena investir em solues para gua de reuso para

    limpeza dos toneis de cerveja? Qual ser o impacto no custos?

    diegofernandes.weebly.com Prof. Diego Fernandes

    diego.fernandes@pitagoras.com.br 22

  • Atividade do livro institucional

    Uma loja de roupas popular deseja elaborar o planejamento oramentrio do prximo ano. Os dados referentes a essa empresa so os seguintes:

    Preo mdio das peas: R$ 20.00; Volume mdio anual: 150 mil peas; Tributos sobre receita: 10%; Custos (variveis): 25% sobre o preo de vendas; e Despesas fixas anuais: R$ 100.000; Historicamente, no h variaes significativas nas vendas.

    Com base nisso, pede-se:

    Elaborar o planejamento oramentrio do prximo ano utilizando o modelo esttico.

    Revisar o planejamento or

Recommended

View more >