php nas nuvens

Download PHP nas Nuvens

Post on 17-Dec-2014

3.092 views

Category:

Technology

0 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Palestra apresentada no II Encontro de Usuários PHP da Paraíba. Auditório do Sebrae, João Pessoa, 7 de março de 2009.

TRANSCRIPT

  • 1. PHP NAS NUVENS: Desenvolvendo para o mercado corporativo Marcos Bezerra II Encontro PHP-PB Joo Pessoa Maro/09

2.

  • Marcos Bezerra [mbezerra@gmail.com]
  • Bacharel em Sistemas de Informao IESP
  • Administrador de Sistemas ERP Microsiga Protheus Vertical Engenharia
  • Desenvolvedor Web h 10 anos
  • Entusiasta do PHP desde o ano 2000
  • Atualmente desenvolvendo com Zend Framework

Quem sou eu? 3. O que queremos ser?

  • Desenvolvedores tcnicos?
  • Desenvolvedores de negcio?

4.

  • Nova tecnologia ou puromarketing ?

Computao em nuvem 5. Computao em nuvem

  • Ponto de vista tcnico:
    • Dentro desse contexto, o PC ser apenas umchipligado internet, a "grande nuvem" de computadores. No h necessidade de instalao de programas, servios e armazenamento de dados, mas apenas os dispositivos de entrada (teclado, mouse) e sada (monitor) para os usurios. Wikipdia.

6. Computao em nuvem

  • Ponto de vista domarketing :
    • Cloud computing aexpresso do momentoem tecnologia.Nomes de pesocomo Amazon, AT&T, Dell, HP, IBM, Intel, Microsoft e Yahoo j anunciaram planos einvestimentos na reae o Gartner acaba de liberar um relatrio que aponta ocloud computingcomouma das trs mais importantes tendncias emergentesnos prximo trs a cinco anos. IDG Now!, agosto/08.

7. Computao em nuvem

  • O que o mercado enxerga?
  • O que realmente significa que algum vai assumir a responsabilidade de entregar algumas funes de TI como servios para alguns clientes e eles no precisam saber como funciona, eles simplesmente usaro. Daryl C. Plummer , vice-presidente do Gartner.

8. Computao em nuvem

  • O que o mercado enxerga?
  • Voc assumir esse papel?
  • O que realmente significa quealgum vai assumir a responsabilidade de entregar algumas funes de TI como servios para alguns clientese eles no precisam saber como funciona, eles simplesmente usaro. Daryl C. Plummer, vice-presidente do Gartner.

9. Computao em nuvem

  • O que o mercado enxerga?
  • Voc assumir esse papel?
  • Aproveitar esse potencial?
  • O que realmente significa que algum vai assumir a responsabilidade de entregar algumas funes de TI como servios para alguns clientes e eles no precisam saber como funciona,eles simplesmente usaro . Daryl C. Plummer, vice-presidente do Gartner.

10.

  • Software como Servio quebra de paradigma?

SaaS Software as a Service 11. SaaS Software como Servio

  • uma forma desoftwareque usada como servio, ou seja, executado diretamente na internet, no sendo necessrio instalar seus cdigos no computador do usurio, bastando acess-lo por meio do navegador de internet disponvel no sistema operacional. Wikipdia.

12. SaaS Software como Servio

  • Os mercados que mais contribuiro comsoftwarescomo servio sero os de contedo, comunicaes e colaborao, com receita excedendo os 2,1 bilhes de dlares em 2008 e chegando a 4,7 bilhes de dlares em 2012.
  • Um dos fatores destacados pelo Gartner para a crescente adoo de software como servio a reduo de gastos de TI.
  • Fonte: IDG Now!, outubro/08.

13. SaaS Software como Servio

  • Os mercados que mais contribuiro comsoftwarescomo servio sero os de contedo, comunicaes e colaborao, com receita excedendo os 2,1 bilhes de dlares em 2008 e chegando a 4,7 bilhes de dlares em 2012.
  • Um dos fatores destacados pelo Gartner para a crescente adoo de software como servio areduo de gastosde TI.
  • Fonte: IDG Now!, outubro/08.

14. SaaS Software como Servio

  • Aplicativosonlinecomo o Google Apps, Zoho, Adobe Buzzword e ThinkFree tero 9% de participao na receita total desoftwares .
  • Gartner Group

15. SaaS Qual o melhor modelo?

  • Livre acesso?
  • Assinatura de servio?

16.

  • A engrenagem funciona nas nuvens.

Web Services 17. Web Service

  • uma soluo utilizada na integrao de sistemas e na comunicao entre aplicaes diferentes.
  • Torna possvel que novas aplicaes possam interagir com aquelas que j existem e que sistemas desenvolvidos em plataformas diferentes sejam compatveis.
  • So componentes que permitem s aplicaes enviar e receber dados em formato XML.
  • Cada aplicao pode ter a sua prpria "linguagem", que traduzida para uma linguagem universal, o formatoXML .

18. Web Service

  • uma soluo utilizada na integrao de sistemas e na comunicao entre aplicaes diferentes.
  • Torna possvel que novas aplicaes possam interagir com aquelas que j existem e que sistemas desenvolvidos em plataformas diferentes sejam compatveis.
  • So componentes que permitem s aplicaes enviar e receber dados em formato XML.
  • Cada aplicao pode ter a sua prpria "linguagem", que traduzida para uma linguagem universal, o formatoXML .

19. Web Service

  • uma soluo utilizada na integrao de sistemas e na comunicao entre aplicaes diferentes.
  • Torna possvel que novas aplicaes possam interagir com aquelas que j existem e que sistemas desenvolvidos em plataformas diferentes sejam compatveis.
  • So componentes que permitem s aplicaes enviar e receber dados em formato XML.
  • Cada aplicao pode ter a sua prpria "linguagem", que traduzida para uma linguagem universal, o formatoXML .

20. Web Service

  • uma soluo utilizada na integrao de sistemas e na comunicao entre aplicaes diferentes.
  • Torna possvel que novas aplicaes possam interagir com aquelas que j existem e que sistemas desenvolvidos em plataformas diferentes sejam compatveis.
  • So componentes que permitem s aplicaes enviar e receber dados em formato XML.
  • Cada aplicao pode ter a sua prpria "linguagem", que traduzida para uma linguagem universal, o formatoXML .

21. SOA Service-Oriented Architecture

  • Tambm conhecido comoarquitetura orientada a servios , um estilo de arquitetura desoftwarecujo princpio fundamental preconiza que as funcionalidades implementadas pelas aplicaes devem ser disponibilizadas na forma de servios.
  • A arquitetura SOA baseada nos princpios da computao distribuda e utiliza o paradigmarequest/replypara estabelecer a comunicao entre os sistemas clientes e os sistemas que implementam os servios.
  • Fonte: Wikipdia

22. SOA Service-Oriented Architecture

  • Tambm conhecido comoarquitetura orientada a servios , um estilo de arquitetura desoftwarecujo princpio fundamental preconiza que as funcionalidades implementadas pelas aplicaes devem ser disponibilizadas na forma de servios.
  • A arquitetura SOA baseada nos princpios da computao distribuda e utiliza o paradigmarequest/replypara estabelecer a comunicao entre os sistemas clientes e os sistemas que implementam os servios.
  • Fonte: Wikipdia

23. Web Service Arquitetura SOA

  • Para a representao e estruturao dos dados nas mensagens recebidas/enviadas utilizado o XML ( eXtensible Markup Language ).

24. Web Service Arquitetura SOA

  • As chamadas s operaes, incluindo os parmetros de entrada/sada, so codificadas no protocolo SOAP ( Simple Object Access Protocol , baseado em XML).

25. Web Service Arquitetura SOA

  • Os servios (operaes, mensagens, parmetros, etc.) so descritos usando a linguagem WSDL ( Web Services Description Language ).

26. Web Service Arquitetura SOA

  • O processo de publicao/pesquisa/descoberta deWeb Servicesutiliza o protocolo UDDI ( Universal Description, Discovery and Integration ).

27. Web Service API prpria

  • Cada aplicao poder desenvolver sua prpria linguagem de comunicao ou adotar uma API existente.

28. Web Service API REST

  • O Twitter um dos exemplos mais conhecidos de Web Services que utilizam a API REST.
  • A REST (Representational State Transfer) usada no sentido mais amplo para descrever qualquer interface web simples que utiliza XML, HTTP ou texto puro, sem as abstraes adicionais dos protocolos baseados em SOA.

29.

  • Como o PHP est pronto para atender s exigncias do mercado paraCloud Computing , SaaS eWebservices .

Componentes PHP para aplicaes em nuvem 30. Extenso SOAP

  • Classe SoapServer : prov um servidor para os protocolos SOAP 1.1 e 1.2 e pode ser usada com ou sem a descrio de servios WSDL.
  • Classe SoapClient : prov um cliente para servidores SOAP 1.1 e 1.2 e pode ser usada nos modos WSDL e no-WSDL.
  • Outras classes acessrias para o protocolo.

31. Funes XML-RPC

  • RPC (Remote Procedure Call) protocolo que define a comunicao entre dois hosts na rede.
  • XML-RPC codifica o protocolo RPC dentro de um XML.
  • Mais sobre XML-RPC:http://www.xmlrpc.com
  • Ao todo so 14 funes nativas do PHP que podem ser usadas para escrever servidores e clientes XML-RPC.
  • O Zend Framework possui o componente Zend_XmlRpc para implementar