penas e gozos terrestres - felicidade e infelicidade relativas

Download Penas e gozos terrestres -  Felicidade e infelicidade relativas

Post on 09-Jul-2015

257 views

Category:

Spiritual

1 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Espiritismo

TRANSCRIPT

  • LIVRO DOS ESPRITOS

    Penas e Gozos

    Terrestres

  • Felicidade e Infelicidade

    Relativas

  • O Cu e o Inferno

    CDIGO PENAL DA VIDA FUTURA

    A completa felicidade prende-se

    perfeio, isto , purificao

    completa do Esprito.

  • O Cu e o Inferno

    CDIGO PENAL DA VIDA FUTURA

    Toda imperfeio , por sua vez, causa de

    sofrimento e de privao de gozo, do

    mesmo modo que toda perfeio

    adquirida fonte de gozo e atenuante de

    sofrimentos.

  • O Cu e o Inferno

    JOSEPH BR Espritos em condies medianas

    H um abismo entre a honestidade

    perante os homens e a honestidade

    perante Deus... No basta, para ser

    honesto perante Deus, ter respeitado as

    leis dos homens;...

  • Estudo

    de caso

    SENHOR F

    IMAGEM

    ILUSTRATIVA

  • Estudo de caso

    SENHOR F

    Rico, instrudo, honrado

    Idade avanada

    Extinguiu a prpria vida trs vezes

    Passa por problemas que questionam

    sua honradez e considera suicidar-se

  • PENAS E GOZOS TERRESTRES

    Felicidade e Infelicidade

    Relativas

  • Viso Esprita nas Distonias Mentais

    Jorge Andra

    No jogo da grande lei crmica o

    desenvolvimento do bem poder atenuar

    as reaes/respostas de certos

    endividados pretritos.

  • Viso Esprita nas Distonias Mentais

    Jorge Andra

    O determinismo ser preciso no involudo, (ausncia

    de responsabilidade); no mais evoludo, onde o fator

    responsabilidade regulador do processo

    consciencial, haver as naturais variaes de acordo

    com o grau de conhecimento.

  • Viso Esprita nas Distonias Mentais

    Jorge Andra

    Por tudo os efeitos da lei seriam

    proporcionais ao grau de responsabilidade

    que o ser carrega.

  • Viso Esprita nas Distonias Mentais

    Jorge Andra

    Toda resposta crmica ter de ser entendida

    sempre, como processo corretivo,

    educacional, jamais uma exigente punio.

  • Viso Esprita nas Distonias Mentais

    Jorge Andra

    Evolumos com as foras do bem, que tendem

    a dominar as foras negativas. As primeiras

    esto frente retificando e orientando as

    segundas.

  • Viso Esprita nas Distonias Mentais

    Jorge Andra

    O ciclo de evoluo jamais ser fechado, mas, sim,

    aberto, representando uma espiral, em constante

    ampliao, progredindo ao infinito, medida que

    os lastros de experincias se vo adestrando e

    incorporando nas fontes dos impulsos do esprito.

  • Viso Esprita nas Distonias Mentais

    Jorge Andra

    Digamos que existiria um campo impulsionador da

    evoluo no centro da espiral que se desloca,

    progredindo com esta, estabelecendo um ajustado e

    preciso comando. Por maiores que sejam as oscilaes

    estariam sempre subordinadas ao campo central - diretor

    que busca continuamente novos parmetros.

  • Andr Luiz

    Circunstncias reflexas

  • Anlise de caso

    SENHOR F

    Felicin Do livro: O Cu e o Inferno

  • Andr Luiz

    Evoluo em dois mundos

  • (...) enquistaes de energias profundas, no imo de nossa

    alma expressando as chamadas dvidas crmicas por se

    filiarem a causas infelizes que nos mesmo plasmamos na

    senda do nosso destino so perfeitamente transferveis de

    uma vida para outra, isso porque se nos comprometemos

    diante da lei divina em qualquer idade de nossa vida

    responsvel, lgico que venhamos a registrar as nossas

    obrigaes em qualquer tempo, dentro das mesmas

    circunstncias nos quais patrocinamos a ofensa em prejuzo

    dos outros.

  • Joanna De Angelis

    O Homem Integral

    A felicidade relativa possvel e se

    encontra ao alcance de todos os

    indivduos, desde que haja

    neles a aceitao dos acontecimentos

    conforme se apresentam

  • Joanna De Angelis

    O Homem Integral

    O fatalismo crmico da evoluo

    a felicidade humana

  • Joanna De Angelis

    O Homem Integral

    A resoluo para ser feliz rompe as amarras de um

    carma negativo, face ao ensejo de conquistar

    mrito atravs das aes benficas e construtivas,

    objetivando a si mesmo, o prximo e a sociedade.