paradigmas estratégicos industriais

Download Paradigmas Estratégicos Industriais

Post on 05-Jun-2015

313 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • 1. PARADIGMASESTRATGICOSELEMENTOS CHAVESJoaquim Antonio de Souza Ribeiro

2. Este novo termo vem tratar demaneira conjunta e integradaos novos paradigmas degesto da produo, por meioda criao de umaconceituao e de elementos-chave comuns a todos osparadigmas.ELEMENTOS CHAVESJoaquim A. de S. Ribeiro 3. Direcionadores PrincpiosObjetivos deDesempenhoCapacitoresELEMENTOS CHAVESJoaquim A. de S. Ribeiro 4. DirecionadoresJoaquim A. de S. Ribeiro 5. . com a utilizao dos direcionadores, que surgemos objetivos de desempenho que a empresa devepriorizar.DirecionadoresOs direcionadores so as condies domercado que exigem a implantao dedeterminado paradigma.Por queJoaquim A. de S. Ribeiro 6. DirecionadoresHomogneoEstvelDiferencialDiversidade RapidezImprevisvelMERCADOPreo, Qualidade,DiferenciaoCustomizaoProdutos diversose mutveisVelocidade,Pontualidade,Alta VariedadePreo como principaldiferencial competitivoMassaEnxuta Customizaoem Massa ResponsivagilMERCADOJoaquim A. de S. Ribeiro 7. PrincpiosJoaquim A. de S. Ribeiro 8. Os princpios so caracterizadospelas idias que direcionam umadeciso ou ao. So os princpiosque norteiam a empresa rumo aosobjetivos de desempenho de umparadigma estratgico de gestoda produo. Os princpiosrepresentam assim, o o qu deveser buscado ou atingi-do.PrincpiosO queJoaquim A. de S. Ribeiro 9. PrincpiosEnxutaMassagilCustomizaoEm MassaResponsivaJoaquim A. de S. Ribeiro 10. PrincpiosFoco em clientes sensveis aosbaixos preos.Foco na padronizao do produto,sendo que alguma diferenciao possvel.Foco na eficincia operacional/altaprodutividade; alta especializaodo trabalho.EnxutaMassagilCustomizaoEm MassaResponsivaJoaquim A. de S. Ribeiro 11. PrincpiosFoco na qualidade.Foco no fornecimento aocliente de diferenciao deprodutos, com poucadiversidade.Foco na identificao eeliminao de desperdcios.EnxutaMassagilCustomizaoEm MassaResponsivaJoaquim A. de S. Ribeiro 12. PrincpiosFoco no atendimento de clientesque priorizam a diversidade deprodutos, o tempo de resposta e ocumprimento de prazos.Adoo de estratgia de controleda produo que foca acompetio baseada no temponum ambiente de alta variedadede produtos.EnxutaMassagilCustomizaoEm MassaResponsivaJoaquim A. de S. Ribeiro 13. PrincpiosFoco no atendimento da demandafragmentada para diferentesgostos e necessidades.Reduo no ciclo dedesenvolvimento do produto etambm no ciclo de vida dosprodutos.Participao do cliente ao longodas etapas do ciclo de vida dosprodutos.EnxutaMassagilCustomizaoEm MassaResponsivaJoaquim A. de S. Ribeiro 14. PrincpiosFoco na identificao de novas einditas oportunidades denegcios.Gesto baseada emcompetncias-chave; desenvolverhabilidades para dominarmudanas e incertezas.Empresa virtual.EnxutaMassagilCustomizaoEm MassaResponsivaJoaquim A. de S. Ribeiro 15. Objetivos deDesempenhoJoaquim A. de S. Ribeiro 16. Objetivos de desempenhoMassaEnxutaResponsivaCustomiza-oem MassagilVantagemCompetitivaProdutividadeQualidadeFlexibilidadeResponsividadeFlexibilidadeVelocidadePontualidadeCustomabilidadeAdaptabilidadeUm paradigmaestratgico de gesto daproduo busca dotar aempresa de umavantagem competitiva.Assim, um objetivo dedesempenho daproduo um critrioque posicionaestrategicamente aempresa em relao aseus concorrentesdiretos.Cada paradigmaestratgico de gesto damanufatura estrelacionado adeterminados objetivosde desempenho daproduo.Joaquim A. de S. Ribeiro 17. MassaEnxutaResponsivaCustomiza-oem MassaVantagemCompetitivaProdutividadeQualidadeFlexibilidadeResponsividadeFlexibilidadeVelocidadePontualidadeCustomabilidadeObjetivos de desempenhogilAdaptabilidadeCom base na priorizao deobjetivos de desempenho soestabelecidas as direes geraispara cada uma das principais reasde deciso da produo.ComprasPCPProdutoProcessoQualidadeJoaquim A. de S. Ribeiro 18. MassaEnxutaResponsivaCustomiza-oem MassaVantagemCompetitivaProdutividadeQualidadeFlexibilidadeResponsividadeFlexibilidadeVelocidadePontualidadeCustomabilidadegilAdaptabilidadeCom base na priorizao deobjetivos de desempenho soestabelecidas as direes geraispara cada uma das principais reasde deciso da produo.ComprasPCPProdutoProcessoQualidadeObjetivos de desempenhoA funo produo contribui para arealizao da estratgia empresarialpor meio da performance dosobjetivos estratgicos da produo.Joaquim A. de S. Ribeiro 19. Objetivos de desempenhoTrade Offs UMA EXPRESSO QUE DEFINE UMASITUAO DE CONFLITO DE ESCOLHA.Caracteriza-se por uma ao que visa resoluo de problema, mas acarreta outro,obrigando a uma escolha.Produtividade X Qualidade.Joaquim A. de S. Ribeiro 20. Trade OffsObjetivos de desempenhoRapidez X Customizao.Joaquim A. de S. Ribeiro 21. CapacitoresJoaquim A. de S. Ribeiro 22. CapacitoresComoSo as tecnologias, ferramentas emtodos que devem ser implementadospela empresa.Os capacitores nos dizem como os princpiosdevem ser implementados de modo que osobjetivos sejam atingidos.Joaquim A. de S. Ribeiro 23. CapacitoresComoEnxutaMassagilCustomizaoEm MassaResponsivaAutomaoReduo noconsumoSistemaOrganizao dosprocessosSoftwareComunicao como mercadoConhecimentoIntegrao dosparceirosparametrizaoComunicao comO clienteJoaquim A. de S. Ribeiro 24. Direcionadores PrincpiosObjetivos deDesempenhoCapacitoresJoaquim A. de S. Ribeiro 25. Direcionadores PrincpiosObjetivos deDesempenhoCapacitoresHomogneoPreo comoprincipal diferencialcompetitivoMassaFoco na padronizao doproduto, sendo que algumadiferenciao possvel.Foco na eficincia operacional,alta produtividade; altaespecializao do trabalho.Foco em clientessensveis aos baixospreos.ProdutividadeCustosAutomaoPadronizaoJoaquim A. de S. Ribeiro 26. Direcionadores PrincpiosObjetivos deDesempenhoCapacitoresGestoJoaquim A. de S. Ribeiro 27. Direcionadores PrincpiosObjetivos deDesempenhoCapacitoresDirecionadores PrincpiosObjetivos deDesempenhoCapacitoresDirecionadores PrincpiosObjetivos deDesempenhoCapacitoresDirecionadores PrincpiosObjetivos deDesempenhoCapacitoresDirecionadores PrincpiosObjetivos deDesempenhoCapacitoresEnxutaResponsivaMassagil CustomizaoGestoJoaquim A. de S. Ribeiro 28. A gesto da produo diferente para cada paradigmade manufatura. A gesto eficaz aquela que atende aoselementos chaves,consolidando os resultados daproduo com a estratgia daempresa.GESTO ESTRATGICADA PRODUOJoaquim A. de S. Ribeiro 29. Joaquim Antonio de Souza Ribeirojoaquimconsult@gmail.com