os cascateiros do ridÍculo

Download OS CASCATEIROS DO RIDÍCULO

Post on 24-Feb-2016

55 views

Category:

Documents

4 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

OS CASCATEIROS DO RIDÍCULO. Versão por Demetrius Macêdo. Você é Seilá de Prágaso , um cavaleiro de uma coisa qualquer que dedica a sua vida à proteção de Anthena , para que o mundo não perca a sua boa recepção e suas cores nítidas. Sendo este - PowerPoint PPT Presentation

TRANSCRIPT

OS CASCATEIROS DO RIDCULO

2O que voc v inacreditvel. Um homem que julgava morto, de acordo com o relato de seu amigo Quyroga. Diante de voc est Hasgen de Crak, um dos Guerreiros Desses de Asguard. -Impossvel! Voc no pode estar vivo! No pode! No pode!--voc repete incessantemente, tentando convencer a si prprio ou ao pblico telespectador. -Morra, Prgaso, em nome do Cavaleiro duas Reprises --grita Hasgen. Voc atravessa essa iluso, certo de que um fantasma do passado e no pode lhe fazer mal? (V para 12). Prepara-se para lutar, mesmo que isso atrase a sua misso por um instante (lembre-se, cada segundo conta)? (V para 28). 3-Mas a nica coisa de Prata que eu conheo so os cavaleiros de Pirata--responde voc. -Cavaleiros de Pirata? Voc no uma das guerreiras?--ela pergunta. -Ei! t me estranhando? Eu sou macho, entendeu? Ma-cho, ora essa! A garota faz uma daquelas caras de quem no sabe onde enfiar a dita, com aqueles olhos enormes (grandes demais at para o padro mang) , e diz: -H...desculpe...srie de animao errada... Enquanto a garota desaparece em um redemoinho azul, voc continua sem entender nada e (vai para 35)33Voc se defende na hora certa, protegendo-se dos efeitos da Umidade da Natureza. Queimando seu cosmo at o limite, voc atinge o Stimo Sentado, embora ele no tenha nada a ver com isso... -H...Prgaso...voc no prefere discutir isso como uma pessoa civilizada? voc nem d ouvidos splica de Alberico e garante a ele uma passagem s de ida para o alm-vida, e sem filme durante o vo. Com ele derrotado, voc pega a Safira de Pudim, imaginando que ela possa ser til mais tarde. V para 11. Finalmente chega esbaforido Cmara de Anthena. L voc encontra sua instrutora, Marfyn, desesperada: -Seil! Anthena foi seqestrada pelos cervos de um novo inimigo. -Como? Irkki e Shibun no estavam aqui? De que modo os bandidos passaram por eles? -No sei. Quando os encontramos, eles s diziam "eles voltaram...eles voltaram..." Voc precisa salvar Anthena! V, depressa voc s tem doze horas. Alm disso, o horrio de vero est acabando e todos os relgios sero adiantados em uma hora! Agora fica por sua conta, leitor. Voc corajoso, ousado ou idiota o bastante para vestir a armadura do cavaleiro Seil de Prgaso e comprar essa briga? Em caso afirmativo, lamentamos por sua sanidade--voc acaba de embarcar em uma aventura-solo baseada em DEFENSORES DE TQUIO, o RPG de gozao com os super-heris japoneses. Faa suas escolhas e siga as instrues. 1Correndo na direo das vastas escadarias do Santo trio (na verdade uma s, mas ela GRANDE), voc chega a um trecho onde ela se estreita, permitindo a passagem de apenas uma pessoa por vez; ento repara na figura diminuta, de colorao roxa e trajes verdes, com um estranho chapu de bambu, que desce pela escadaria apoiado em uma bengala e em um corrimo que ele quase no alcana. Voc o reconhece como o Mestre Ansioso, mentor de seu amigo Shurur de Drogo. Eles est a caminho e no d para voltar ou contornar. Voc pula por cima dele? (V para 30.) Voc prefere pedir licena com educao? (V para 4.) Prefere esperar que o Mestre desa, respeitando algum mais velho que voc? (V para 39). 4Voc dirige sua voz ao Mestre com o mximo respeito: -Mestre, por favor, por obsquio, por clemncia, eu poderia passar sua frente na escadaria para salvar Anthena? Contemplativa e serenamente, com a sabedoria dos anos estampada em sua face de maracuj, depois de longos minutos o Mestre mais do que calmamente responde de maneira zen: -No! Voc quer insistir? V para 6. Se voc acha melhor no desafiar o Mestre, v para 39. 8O corredor adiante longo, mas no parece perigoso. Seguindo confiante, voc de repente atingido por um jato de ar frio congelante glacial abaixo de zero. No pode ser! Voc no acredita no que v: Vamos de Aqurio, o Mestre do Mestre de Quyroga! Mas ele tambm morreu. Ser que Abel voltou e ningum te disse? -Vamos?! Como voc pode estar aqui? No possvel! -Perdoe-me, Seil, mas aqui ocorrem coisas que esto alm de sua compreenso--diz ele, unindo as mos acima da cabea. -Ex-excurso da Hora! -No, Vamos!--voc grita, pouco antes de virar picol de Prgaso, Como ele pde? Ele era leal Anthena. Ser que o vilo paga um salrio maior? Isso no ficar assim! Voc Seil de Prgaso, defensor de Anthena. Queimando seu cosmo, atinge mais uma vez o Stimo Sentado, rachando sua priso de gelo e encarando Vamos. Vamos...digo, v para 29. 20Protegendo-se na hora certa, voc consegue preparar o contra-ataque. Atinge o Stimo Sentado, mesmo que o pobre coitado no tenha nada a ver com isso. -Oh, droga! Eu j vi essa cena antes--diz Hasgen. -Me d a sua farsa, Prgaso! com Hasgen derrotado, voc pega sua Safira de Pudim, imaginando que ela possa ser til mais tarde. V para 8. 30Voc aproveita o embalo da sua corrida e d um salto magnfico, desses que s os cavaleiros conseguem. Porm, quando est passando por cima da cabea do Mestre, uma barreira de energia dourada reflete voc de volta pra trs! Essa no! Se agora pretende conversar, v para 4. Se voc pretende passar na marra, queimando cosmo e tudo, v para 6.AngraOther83184.0

Recommended

View more >