ordem juridica 158 - out-nov 2009

Download Ordem Juridica 158 - Out-Nov 2009

Post on 25-Mar-2016

227 views

Category:

Documents

6 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Veja os concorrentes para as Subseções Saiba como será a votação JORNAL DA ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL - SEÇÃO DO ESPÍRITO SANTO ANO XX • Nº 158 • OUTU BRO/NOVEMBRO/2009 NESTA EDIÇÃO (Págs. 6 e 8) (Págs. 5, 7 e 9) (Pág. 4)

TRANSCRIPT

  • ELEIO

    OAB-ES

    2 0 09

    NESTA EDIO

    Saiba como ser a votao

    (Pg. 4)

    Conhea os candidatos ao Conselho Seccional

    (Pgs. 5, 7 e 9)

    Veja os concorrentes para as Subsees

    (Pgs. 6 e 8)

    J O R N A L DA O R D E M D O S A DV O G A D O S D O B R A S I L - S E O D O E S P R I TO S A N TO A N O X X N 1 5 8 O U T U B R O / N OV E M B R O / 2 0 0 9

  • e d i t o r i a l

    diretoria

    PresidenteAntonio Augusto Genelhu Junior

    viCe-PresidenteMartiniano Lintz Junior

    seCretrio geralAndr Luiz Moreira

    tesoUreiraMrcia Maria de Arajo Abreu

    ConselHeiros seCCionais titUlaresAlexandre Puppim, Alosio Lira, Anabela

    Galvo, Ben-Hur Brenner Dan Farina, Carlos Augusto da Motta Leal, Christiano Dias Lopes

    Neto, Evandro de Castro Bastos, Francisco de Assis Arajo Herkenhoff, Gilmar Zumak

    Passos, Homero Junger Mafra, mero Devens Junior, Jayme Henrique Rodrigues dos Santos, Luiz Carlos Barros de Castro, Marcelo Abelha

    Rodrigues, Orlando Bergamini, Paulo Luiz Pacheco, Rafael de Anchieta Piza Pimentel,

    Sandoval Zigoni Junior, Sebastio Gualtemar Soares, Tarek Moyss Moussalem.

    ConselHeiros seCCionais sUPlentesDomingos de S Filho, Elivan Junqueira

    Modenesi, Gustavo Csar de Mello Calmon Holliday, Ivon Alcure do Nascimento, Joo

    Nogueira da Silva Neto, Ivone Vilanova de Souza, Luiz Gonzaga Freire Carneiro, Rodrigo Marques de Abreu Jdice, Udno

    Zandonade, Valeska Paranhos Fragoso.

    ConselHeiros Federais titUlaresAgesandro da Costa Pereira, Djalma Frasson

    e Luiz Antnio de Souza Baslio

    ConselHeiro Federal sUPlentePaulo Roberto da Costa Mattos

    Presidentes das sUBsees

    1. sUBseo - ColatinaGleide Maria de Melo Cristo

    2. sUBseo CaCHoeiro de itaPemirimMaria Salom de Freitas Costa

    3. sUBseo - linHaresAntonio da Silva Pereira

    4. sUBseo - gUaraPariGilberto Simes Passos

    5. sUBseo Barra de so FranCisCoJaltair Rodrigues de Oliveira

    6. sUBseo - gUaUDaniel Freitas Junior

    7. sUBseo - alegreCelso Piantavinha Barreto

    8. sUBseo vila velHaMarcus Felipe Botelho Pereira

    9. sUBseo - CasteloDayvson Faccin Azevedo

    10. sUBseo - itaPemirimMauricio dos Santos Galante

    11. sUBseo - CariaCiCaEudson dos Santos Beiriz

    12. sUBseo so mateUsAndr Luiz Pacheco Carreira

    13. sUBseo - araCrUZNilson Frigini

    14. sUBseo - iBiraUFrancisco Guilherme Maria Apolnio Cometti

    15. sUBseo nova venCiaCelso Cimadon

    Caaes

    PresidenteCarlos Magno Gonzaga Cardoso

    viCe-PresidenteCarlos Augusto Alledi de Carvalho

    seCretrioSrgio Vieira Cerqueira

    seCretrio adJUntoAnsio Otto Fiedler

    tesoUreiroIzael de Mello Rezende

    sUPlentes Maria Helena Reinoso Rezende e

    Srgio Zuliani Santos

    ordem JUrdiCaFundado por Manoel Moreira Camargo

    ProdUo e edioAssessoria de Comunicao da OAB-ES

    R. Alberto de Oliveira Santos, n 59Ed. Ricamar 3 e 4 andares Centro

    Vitria ES 29.010-908 - Tel.: (27) 3232-5608

    Jornalista resPonsvel Raquel Salaroli DRT/ES 556/92

    raquel.salaroli@oabes.org.br

    redao Ana Glaucia Chuna DRT/ES 2042

    ana.glaucia@oabes.org.br

    FotograFiasSamuel Vieira / Katyscia Campana

    PUBliCidade Inverte Comunicao Visual(27) 3323-1356 / 9999-2902

    ProJeto grFiCo e editorao eletrniCa Bios Editorao (27) 3222-0645

    No prximo dia 25, cerca de sete mil advogados capixabas vo s urnas para escolher o novo pre-sidente da OAB-ES. Nas Subse-es, alm de escolher os repre-sentantes da Seccional, os profi s-sionais vo eleger os diretores das 15 Subsees

    Na disputa pela diretoria da Seccional trs chapas esto con-correndo aos cargos que totalizam 63 vagas. Os cargos esto distribu-dos entre diretores da Seccional, conselheiros federais e conselhei-ros seccionais, titulares e suplen-

    tes. Tambm compem a chapa, diretores da Caixa de Assistncia dos Advogados do Esprito San-to (CAAES).

    A escolha dos representantes da Ordem um processo demo-crtico facultado a todos os advo-gados e tem por fi nalidade confe-rir legitimidade representao da classe advocatcia. A eleio um evento cvico no qual o advogado expressa a liberdade de suas pre-ferncias e em quem confi ar os destinos da Ordem para uma pr-xima gesto.

    A eleio o mais democr-tico processo de escolha do re-presentante de qualquer entida-de. Por isso, colega advogado, fundamental a sua participao nesse pleito que espelha o grau de aperfeioamento e avano de da nossa categoria.

    Nesta edio especial sobre as eleies da OAB-ES, voc po-der se informar melhor sobre as propostas das trs chapas que concorrem ao Conselho Seccio-nal, assim como os candidatos s 15 Subsees no Estado.

    Eleies: exerccio da democracia

    A Comisso de Prerrogativas da OAB-ES atuou em prol do cum-primento dos direitos dos advoga-dos Rogrio Pereira da Silva Boone e Ana Carolina Simes Pimentel, que acionaram a Comisso no dia 26 de outubro. No caso de Boo-ne, o profi ssional no estava con-seguindo ter acesso aos autos de um processo que corria sob segre-do de justia na 7 Vara Criminal de Vila Velha, mesmo tendo jun-tado procurao.

    A advogada representante da Comisso entrou em contato com

    o funcionrio do gabinete da juza responsvel pela Vara, questionou o no cumprimento da Lei 8.906, Estatuto da Advocacia e da OAB, que garante o acesso aos autos aos advogados. Aps a argumentao, a representante da Comisso foi informada por um assessor que o acesso seria liberado.

    A reclamao da advogada Ana Carolina Simes Pimentel, foi referente 1 Vara Federal C-vel de Vitria, que negou acesso a um processo para cpia. A ar-gumentao foi de que a profi s-

    sional no tinha procurao nos autos e, como no h copiadora no prdio, no poderia retir-los para cpia.

    Aps entrar em contato com a diretoria da Vara, a Comisso cons-tatou que no havia qualquer de-ciso a respeito do processo estar em sigilo. Na ocasio, foi argumen-tado, com base nas prerrogativas do advogado, sobre o direito do advogado ter acesso a cpias sem procurao nos casos de no ha-ver sigilo. Os autos foram libera-dos para a advogada.

    O Colgio de Presidente de Exame de Ordem da OAB, realizado pela primeira vez em Vitria, no dia 9 de outubro, fi cou marcado pela adeso da OAB de Minas Gerais ao Exame de Ordem Unifi cado. Das 27 Seccionais, a Seccional mineira era a nica que ainda no tinha aderido unifi cao.

    A adeso foi analisada pelo vice-presidente da Co-misso de Estgio e Exame de Ordem do Conselho Fe-deral e coordenador do Exame Unifi cado, Dlson Jos Lima de Oliveira como o fechamento de um ciclo, j que a OAB-ES foi a primeira a terceirizar a aplicao das provas do Exame com a contratao do CESPE-Unb. O encontro, que reuniu representantes de to-das as Comisses das Seccionais da OAB do pas, foi norteado por debates com o objetivo de aprimorar o Exame de Ordem e reforar a importncia da sua ma-nuteno.

    Entre os assuntos da reunio, destaque para a anulao de duas questes da prova objetiva do Exame de Ordem 2009.2, decidida na reunio, e a iseno da taxa de inscrio do Exame para pessoas de baixa renda. Sobre a iseno, Oliveira disse que o item ser inserido no prximo edital de acordo com o que a Legislao Federal prev para as pes-soas inscritas no cadastro nico do Governo Federal. Nesse caso considerada a renda familiar. Ns es-tamos consignando no edital essa questo da isen-

    o de taxa para as pessoas comprovadamente ca-rentes explicou.

    O presidente da Comisso de Estgio e Exame de Ordem da Seccional, Gilmar Zumak Passos, avaliou que, alm de possibilitar a manifestao em relao aos recursos e aperfeioamento do Exame, o encontro visa aprimorar, ainda, as discusses sobre a importn-cia da sua manuteno. O Exame de Ordem existe como um servio prestado pela OAB. No , de for-ma nenhuma, um mecanismo para reserva de merca-do, mas uma forma de aferir a qualidade do advoga-do que vai representar a sociedade, ressaltou.

    O integrante da Comisso da Seccional, Alosio Lira, tambm participou do evento e reforou a im-portncia da unifi cao das Seccionais na aplicao do Exame. A OAB tem se aprimorado cada vez mais em aperfeioar a qualidade do Exame e, consequen-temente, dos advogados que podem militar no exer-ccio da profi sso, disse.

    O Colgio de Presidentes de Comisses de Exame de Ordem contou, tambm, com a presena do vice-presidente da OAB-ES, Martiniano Lintz Junior; do se-cretrio geral em exerccio, Andr Luiz Moreira; e de representantes do CESPE. Unb. Durante o evento, a OAB-ES foi elogiada em relao reviso das ques-tes de direito empresarial formuladas pelo CESPE, realizada por uma advogada capixaba.

    Encontro em Vitria fecha ciclo de adeso ao Exame de Ordem Unifi cado

    Comisso de Prerrogativas garante direito a cpias

    pg. 2 ORDEM JURDICA OUTUBRO/NOVEMBRO/2009

  • e l e i e s

    Comisso eleitoral atua com imparcialidade e garante pleito tico

    Para conduzir e acompanhar todo o pro-cesso, uma Comisso Eleitoral foi designada pela OAB-ES para assegurar a todos os advo-gados a total iseno em relao ao processo. A Comisso formada pelos advogados An-tnio Franklin Moreira da Cunha (presidente), Willis Machado dos Santos, Genilda Cordeiro Baroni, Vera Carly Lopes e Rodrigo Werners-bach Ronchi.

    Todas as etapas das eleies corporativas 2009, desde a inscrio dos candidatos distri-buio das urnas, so coordenadas pela Comis-so, que tem autonomia em todas as decises. Queremos que todo o processo eleitoral seja rea-lizado de forma totalmente imparcial e isenta. Por isso designamos uma comisso para cuidar de to-dos os procedimentos, ressaltou o presidente da OAB-ES, Antonio Augusto Genelhu Junior.

    O presidente da Comisso, Antnio Franklin Moreira da Cunha, lembra que todos os candi-datos, sem exceo, recebero o mesmo tra-tamento, sem favorecimento ou discriminao, como oco