orcamento - grupo 1

Download Orcamento - Grupo 1

Post on 14-Dec-2014

147 views

Category:

Documents

51 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Orcamento, contabilidade de custos

TRANSCRIPT

UNIVERSIDADE EDUARDO MONDLANE

ESCOLA SUPERIOR DE HOTELARIA E TURISMO DE INHAMBANE CURSO DE GESTO PS-LABORAL

Terceiro ano

GRUPO I

CONTABILIDADE DE CUSTOS

ORAMENTODOCENTES: dra. Leydi Carracedo

DISCENTES: Anaclia Paulo Lucas Constncia Amrico Zunguze Crescncio Francisco Guiamba Eunsia Matavel Joo Simo Tamele Olvia Alberto Lissane Manica Maria Andr Calane Naice da A. Antnio Muendane Vitorino dos Santos Drcio

INHAMBANE, MAIO DE 2012

LISTA DE TABELAS Tabela.1 Oramentrio esttico .8 Tabela.2 Oramentrio Flexvel 8 Tabela 1. Projeco de Resultados para 31.12.2011 ...14 Tabela 2. Balano patrimonial do ano anterior 14 Tabela 3. Projeco de vendas para 2012 15 Tabela 4. Projeco de Custos Directos para 2012 ..15 Tabela 5. Projeco de Matria-prima para 2012 16 Tabela 6. Projeco de Custos indirectos para 2012 16 Tabela 7. Projeco de stock para 2012 ...17 Tabela 8. Projeco de despesas administrativas para 2012 18 Tabela 9. Despesas de aquisio de activos para 2012 18 Tabela 10 Oramento de vendas para 2012 ..19 Tabela 11. Oramento de produo para 2012 20 Tabela 12. Oramento de consumo de matria-prima para 2012 21 Tabela 13. Oramento de compras para 20122012 .. 22 Tabela 14. Oramento de Mo-de-obra directa para 2012 23 Tabela 15. Oramento de Oramento de CIF para 2012 .24 Tabela 16. Oramento de stock final de matria-prima para 2012 .. 24 Tabela 17. Oramento de stock final de produtos acabados para 2012 .. 25 Tabela 18. Oramento de despesas administrativas e de vendas para 2012 25 Tabela 19. Oramento de Despesa de Capital para 2012 26 Tabela 20. Oramento de custo dos produtos vendidos para 2012 .26 Tabela 21. Oramento de caixa para 2012 ..27 Tabela 22. Projeco de Resultados para 2012 .28 Tabela 23. Balano Patrimonial para 2012 28 Tabela 24. Acompanhamento oramentrio ..30

Oramento

Grupo1

LISTA DE FIGURAS Figura 1 Sistema oramentrio ...3 Figura 2 Planeamento organizacional .7 Figura 3 Oramento continuo .9 Figura 4 Classificao dos oramentos .11 Figura 5 Ciclo oramentrio .12 Figura 6 Processo de elaborao dos oramentos .13

Oramento

Grupo1

ndice I. INTRODUO .1 II. Objectivos .1 III. Metodologia .2 1. ORAMENTO ORGANIZACIONAL ..3 1.1. Conceitos ....4 1.2. Histrico .4 1.3. Importncia do oramento ..5 1.4. Vantagens do oramento 6 1.5. Limitaes do oramento ...7 1.6. Tipos de oramentos . 7 1.6.1. Oramento Esttico 7 1.6.2. Oramento flexvel 8 1.6.3. Oramento de com base num cenrio ou oramento de Tendncias ...9 1.6.4. Oramento Base Zero ..9 1.6.5. Oramento contnuo 9 1.6.6. Oramento Ajustado ..10 1.6.7. Oramento Corrigido .10 1.7. Classificao dos oramentos 11 2. CILCO ORCAMENTARIO .12 2.1. Processos de elaborao ..13 2.1.1. Projeco dos custos de Produo .13 2.1.2. Projeco da Matria-prima necessria 16 2.1.3. Custos Indirectos 16 2.1.4. Projeco de stock .17 2.1.5. Projeco das despesas administrativas e de vendas .17 2.1.6. Projeco do fluxo de caixa ...18 2.1.7. Oramento de Vendas 19 2.1.8. Oramento de Produo .20 2.1.9. Oramento de Consumo de matria-prima 21 2.1.10. Oramento de Compras .10 2.1.11. Oramento de Mo-de-obra Directa ..22 2.1.12. Oramento de Custos Indirectos de fabricao .23 2.1.13. Oramento de stock Final ..24 2.1.14. Oramento de despesas administrativas e de vendas .25 2.1.15. Oramento de Despesa de Capital .26 2.1.16. Oramento de Custos dos Produtos Vendidos ..26 2.1.17. Oramento de caixa 27 2.1.18. Demonstrao de Resultados (DRE) .27 2.1.19. Balano Patrimonial .. 28 3. AVALIAO DAS PROPOSTAS ORAMENTRIAS ...20 4. CONTORLE ORAMENTRIO 30 5. CONCLUSO ........................................32 BIBLIOGRAFIA...33 Oramento Grupo1

I. INTRODUO

Actualmente as empresas trabalham em um contexto altamente competitivo, precisando garantir a sua sobrevivncia, continuidade e crescimento. Para isso, necessrio identificar o conjunto em que est inserida e escolher as aces necessrias que permitam o alcance dos objectivos da empresa. fundamental que o processo operacional seja adequadamente conhecido, planeado e avaliado, para que os gestores possam fazer suas melhores escolhas e sejam avaliados em seu desempenho. Para controle e mensurao da situao futura da empresa, o oramento torna-se uma pea indispensvel. Segundo Padoveze (2004), o oramento a ferramenta de controle por excelncia, de todo o processo operacional da empresa, pois envolve todos os sectores da companhia. A partir deste conceito, constata-se a importncia de se utilizar o oramento em uma organizao. O mesmo autor explica ainda que o ponto principal do processo oramentrio, o estabelecimento e a coordenao de objectivos para todas as reas da empresa, onde todos trabalhem ao mesmo tempo na busca do plano de lucros. Muitas so as formas possveis de gesto da empresa, cada gestor tem suas experincias, seus objectivos prprios e sua forma de trabalhar. Uma cultura de gesto onde cada gestor tem suas responsabilidades e avaliado por isto, pode contribuir para uma melhor tomada de deciso, controle e avaliao na gesto dos recursos fsicos, financeiros e humanos. O presente trabalho focaliza e aborda orgulhosamente esta ferramenta de contabilidade e gesto, trazendo alguns conceitos, caractersticas, importncia, vantagens, tipos, classificao, elaborao e avaliao dos desvios dos oramentos.

II.

Objectivos Geral Dotar os estudantes em conhecimentos relativos ao processo oramentrio.

Para a materializao do objectivo geral, este, foi subdividido em objectivos especficos: Especficos Conceituar e explicar a importncia do oramento; Identificar as principais vantagens e limitaes do oramento; Fazer distino entre oramento operacional e financeiro; Dar a conhecer os tipos de oramento e sua elaborao; Determinao e analise dos desvios oramentrios.

Oramento

Grupo1

Pgina 1

III.

Metodologia

A elaborao deste trabalho foi feita em duas fazes, sendo a fase de pesquisa e a fase de compilao. Pesquisa A pesquisa foi realizada em trs semanas, tendo sido, primeiro, individual e posteriormente colectiva, onde os estudantes cruzaram as informaes obtidas individualmente, para alcanar um consenso no que diz respeito anlise crtica da informao pesquisada individualmente. Compilao Esta fase, foi feita em duas semanas, tendo contado com a ajuda dos pacotes informticos de Microsoft Word 2010 e Adobe Acrobat X Suite.

Oramento

Grupo1

Pgina 2

1. ORAMENTO ORGANIZACIONAL

No se pode falar de oramento sem se falar de planeamento. O planeamento oramentrio consiste em coordenar as actividades da empresa para o cumprimento dos objectivos delimitados, tendo sua compreenso facilitada quando se relaciona com as trs funes fundamentais da administrao: planear, organizar e controlar (SCHIER, 2004). Diz tambm Schmidt (2002, p. 56) que o sistema oramentrio vem formalizar e sistematizar a actividade de planeamento, execuo e controle das empresas visto que traadas e aprovadas as metas organizacionais para um determinado perodo, proceder-se- a sua execuo, e para que se atinjam os objectivos pretendidos, ser indispensvel o controlo, conforme rezam as funes de gesto.

PLANEAMENTO

CONTROLE EXECUO

Fig.1 Sistema oramentrio

Fonte: adaptao prpria, Maio, 2012

Chiavenato (1994) diz que definidos os objectivos, possvel utiliz-los como padres, atravs dos quais possvel comparar e avaliar o xito da empresa, isto , a eficincia e o rendimento da entidade. De acordo com Certo (2003), os gestores comeam a planear formulando os objectivos organizacionais. Com uma viso clara dos objectivos que se pode tomar medidas do processo de planeamento. No incio do sculo 20 o controle era tomado como regra sem considerar os aspectos motivacionais, influenciando a administrao e a contabilidade. Com o passar dos anos, estudos procuraram sistemas de controle com perspectivas sociais e comportamentais (SILVA, 2008). Oramento Grupo1 Pgina 3

1.1. Conceitos

Segundo Hope e Fraser (2003) oramento um plano expresso em termos financeiros que serve de base para o controle de desempenho, a alocao de recursos, o encaminhamento dos gastos e o compromisso com os resultados financeiros. Oramento muito mais um processo de desempenho gerencial do que um planeamento financeiro. Na opinio de Catelli (2001) a definio de oramento pode ser sumarizada como um plano de aco detalhado, desenvolvido e distribudo como um guia para as operaes e como base parcial a subsequente avaliao de desempenho. Horngren (2000) descreve que o oramento a expresso quantitativa de um plano de aco e ajuda na coordenao e implementao deste plano. Sendo assim, podemos concluir que oramento um plano administrativo que cobre todas as operaes da empresa, para um perodo de tempo definido, expresso em termos quantitativos.

1.2. Histrico

A necessidade de orar recursos no recente, sua origem to antiga quanto a humanidade, visto que o homem primitivo, previa suas necessidades visando a sobrevivncia no inverno. Segundo Lunkes (2003), existem vestgios de prtica oramentria antes do aparecimento do dinheiro. Segundo o mesmo autor, as razes das prticas contemporneas de oramento resultam do desenvolvimento da Constituio Inglesa em 1689. Em meados do sculo XVIII, o primeiro-ministro levou ao parlamento os planos de despesas envoltos em uma grande bolsa, cerimnia que passou a se chamar opening of the budget, ou abertura do oramento. A palavra budget substituiu rapidamente o termo bolsa e em 1800 foi incorporado ao dicionrio ingls. A maioria das polticas, procedimentos e prticas hoje conhecidas tiveram seu desenvolvimento no sculo XIX. As principais mudanas aconteceram na Frana durante o governo Napoleo, como parte de um esforo para obter maior controle sobre todas as despesas, inclusive as do exrcito. Por volta de 1860, a Frana tinha desenvolvido um sistema de contabilidade uniforme, que foi aplicado a todos os departamentos e todas as unida