orçamento empresarial unidade iii resumo de apostila

Download Orçamento Empresarial UNIDADE III RESUMO DE APOSTILA

Post on 22-Apr-2015

107 views

Category:

Documents

1 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • Slide 1
  • Oramento Empresarial UNIDADE III RESUMO DE APOSTILA
  • Slide 2
  • Educao a Distncia EaD Professor: Flvio Brustoloni Oramento Empresarial
  • Slide 3
  • Unidade 3 ORAMENTOS, PROJEES E FLUXO DE CAIXA
  • Slide 4
  • Objetivos da Unidade: Conhecer como so elaborados os oramentos; Identificar os processos de elaborao do oramento operacional, do oramento de vendas, do oramento de produtos em processo e do oramento de produtos acabados; Identificar como so elaborados os oramentos de compras, de consumo e estocagem de materiais; Conhecer de que forma os impostos sobre vendas influenciam os processos oramentrios; Saber como elaborado o oramento de mo de obra e despesas gerais; Conhecer como so elaboradas as projees oramentrias e os seus efeitos oramentrios;
  • Slide 5
  • Oramentos e Projees (Modelo Conceitual) Tpico 1 1/105
  • Slide 6
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.1 Processos de Elaborao a) Previso: esta etapa compreende a fase de clculo. Basicamente, quando colocamos no papel aquilo que se espera, aquilo que previsto para acontecer no prximo perodo. 2/105 Tpico 1 Unid. 3 162
  • Slide 7
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.1 Processos de Elaborao b) Reprojeo: os dados orados devem ser submetidos aos setores responsveis e, aps o retorno (feedback) de todas as observaes e crticas necessrias sua elaborao, realizados os ajustes e os acertos das previses iniciais. Deve ser elaborada e estar pronta no perodo de um a dois meses antes do incio do exerccio social. 3/105 Tpico 1 Unid. 3 162
  • Slide 8
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.1 Processos de Elaborao Geralmente, no ms de setembro de cada ano as projees oramentrias so realizadas, no ms de outubro se processa um prvia oramentria, no ms de novembro so realizados os ajustes necessrios (reprojeo) e no ms de dezembro apresentada a verso final para a aprovao dos gestores envolvidos, bem como dos diretores e presidncia da empresa. 4/105 Tpico 1 Unid. 3 162
  • Slide 9
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.1 Processos de Elaborao c) Controle: nesta etapa verificado se os objetivos previstos foram realmente alcanados. 5/105 Tpico 1 Unid. 3 163
  • Slide 10
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.2 Oramento Operacional O oramento operacional a parte que geralmente contm a maioria das peas oramentrias, pois praticamente envolve todos os oramentos especficos, englobando os oramentos da estrutura administrativa, da estrutura de produo e da estrutura de vendas da empresa. 6/105 Tpico 1 Unid. 3 163
  • Slide 11
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.3 Oramento de Vendas O processo oramentrio das vendas pode ser feito a partir de alguns mtodos: * Mtodo estatstico; * Coleta de Dados das fontes de origens das vendas; * Uso final do produto. 7/105 Tpico 1 Unid. 3 165
  • Slide 12
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.3 Oramento de Vendas O oramento de vendas envolve alguns pontos importantes: 8/105 Tpico 1 Unid. 3 167 * Previso de vendas em quantidades para cada produto; * Previso dos preos para os produtos e seus mercados; * Identificao dos impostos sobre as vendas; * Oramento de vendas em moeda corrente do pas.
  • Slide 13
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.3 Oramento de Vendas 9/105 Tpico 1 Unid. 3 167 Impostos sobre as Vendas Vendas Lquidas100,0000% PIS0,6500% COFINS3,0000% IRPJ1,2000% CSLL1,0800% ICMS17,0000% Total de Impostos sobre as Vendas22,9300% QUADRO 17 EFEITOS DOS IMPOSTOS SOBRE AS VENDAS
  • Slide 14
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.3 Oramento de Vendas 10/105 Tpico 1 Unid. 3 171 Despesas Variveis Comisses sobre vendas5,0000% Frete sobre vendas3,0000% Margem de Lucro8,0000% Total de Despesas Variveis16,0000% QUADRO 18 EFEITO DAS DESPESAS VARIVEIS DE VENDAS 22,9300% + 16,0000% = 38,9300%
  • Slide 15
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.3 Oramento de Vendas 11/105 Tpico 1 Unid. 3 173 No Quadro 19 da pgina 173 apresenta- se a previso de vendas com os impostos dos produtos (autoclavado e frisado).
  • Slide 16
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.3 Oramento de Vendas 12/105 Tpico 1 Unid. 3 174 importante estabelecer a previso oramentria em perodos semestrais, prevendo a demanda de produtos para o segundo perodo anual da empresa.
  • Slide 17
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.3 Oramento de Vendas 13/105 Tpico 1 Unid. 3 174 Para tanto, considera-se a influncia de alguns aspectos, como a influncia de alguns aspectos, como a inflao do perodo, que incide sobre os preos de vendas, e a sazonalidade ou identificao da demanda de acordo com a poca do ano em que a empresa melhor atua.
  • Slide 18
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.3 Oramento de Vendas 14/105 Tpico 1 Unid. 3 175 No Quadro 20 da pgina 175 apresenta- se a previso de vendas com os impostos dos produtos levando-se em conta a inflao do perodo (6% a.s. ou 12% a.a).
  • Slide 19
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.3 Oramento de Vendas 15/105 Tpico 1 Unid. 3 176 Agora possvel apresentar o Oramento Global de Vendas, assim como os impostos e demais percentuais variveis sobre vendas. O Quadro 21 da pgina 176 demonstra a soma do resultado dos dois perodos.
  • Slide 20
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.4 Oramento de Investimentos 16/105 Tpico 1 Unid. 3 178 A gesto dos investimentos fundamental para atingir as metas oramentrias. O oramento de investimento deve ser elaborado com muito critrio, j que suas decises so geralmente irreversveis. Os investimentos devem reduzir custos e melhorar a eficincia operacional e administrativa em seu conjunto.
  • Slide 21
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.5 Identificao dos Perodos de Estocagem dos Produtos 17/105 Tpico 1 Unid. 3 179 Antes de iniciar os clculos para a apurao do volume de produtos em processo e produtos acabados, devemos identificar os aspectos operacionais da empresa referente ao prazo mdio em dias de estocagem ou processo fabril.
  • Slide 22
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.5 Identificao dos Perodos de Estocagem dos Produtos 18/105 Tpico 1 Unid. 3 179 O Quadro 23 da pgina 179 demonstra os dias de estocagem estimados para produtos em processo e acabados dos quatro produtos que esto sendo estudados.
  • Slide 23
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.6 Oramento de Mo de Obra Direta 19/105 Tpico 1 Unid. 3 180 a) Mensurar a quantidade necessria de mo de obra direta, em termos de horas de trabalho e a partir da quantidade de funcionrios necessrios para atingir a produo planejada;
  • Slide 24
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.6 Oramento de Mo de Obra Direta 20/105 Tpico 1 Unid. 3 181 b) Estimar o custo da mo de obra direta da produo; c) Apresentar subsdios ao departamento de pessoal;
  • Slide 25
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.6 Oramento de Mo de Obra Direta 21/105 Tpico 1 Unid. 3 181 d) Propiciar ao oramento de caixa informaes sobre desembolso; e) Fornecer ao controle administrativo dados por centro de custos e o custo padro da mo de obra direta;
  • Slide 26
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.7 Oramento de Unidades Fsicas de Estoque 22/105 Tpico 1 Unid. 3 181 Com a estimativa das vendas em um perodo de seis meses (um semestre) e a estimativa de estocagem dos produtos acabados e em processo em dias, podemos transformar todas as informaes em uma mesma base de clculo, identificando necessidade de consumo dos insumos para 180 dias.
  • Slide 27
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.7 Oramento de Unidades Fsicas de Estoque 23/105 Tpico 1 Unid. 3 187 O oramento de produo ou oramento do programa de produo decorrente dos volumes de produtos a serem produzidos.
  • Slide 28
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.7 Oramento de Unidades Fsicas de Estoque 24/105 Tpico 1 Unid. 3 187 Baseado nos estoques iniciais e finais dos produtos acabados e em processo e de posse das estimativas de vendas, possvel mensurar o volume de produo para o prximo exerccio social, que fundamentar o ORAMENTO DE PRODUO.
  • Slide 29
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.7 Oramento de Unidades Fsicas de Estoque 25/105 Tpico 1 Unid. 3 188 O oramento de produo o instrumento para, atravs do oramento de vendas, determinar os recursos a serem adquiridos para atingir os objetivos de vendas j estabelecidos. Vamos definir os produtos:
  • Slide 30
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.7 Oramento de Unidades Fsicas de Estoque 26/105 Tpico 1 Unid. 3 188 - DAC622 Deck Autoclavado 100 x 50 = Produto A - DAC615 Deck Autoclavado 50 x 50 = Produto B - D350 Deck Frisado 50 x 50 = Produto C - D961 Deck 100 x 50 = Produto D
  • Slide 31
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.7 Oramento de Unidades Fsicas de Estoque 27/105 Tpico 1 Unid. 3 189 O Quadro 27 da pgina 189 demonstra o oramento de produo para o 1 Semestre.
  • Slide 32
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.7 Oramento de Unidades Fsicas de Estoque 28/105 Tpico 1 Unid. 3 190 Com as informaes, a Programao de Produo pode ser estimada com a seguinte frmula:
  • Slide 33
  • 2 Modelo Conceitual de Oramento 2.7 Oramento de Unidades Fsicas de Estoque 29/105 Tpico 1 Unid. 3 190 PP = VE + EFP - EI PP = Programao de Produo VE = Vendas Estimadas EFP = Estoque Final Previsto EI = Estoque Inicial
  • Slide 34