orçamento empresarial como ... - ?· orçamento empresarial no processo de gestão, o problema e...

Download Orçamento Empresarial como ... - ?· orçamento empresarial no processo de gestão, o problema e os…

Post on 09-Nov-2018

216 views

Category:

Documents

0 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

  • CHAGAS, M. J. R.; ARAJO, A. O. Oramento Empresarial como Ferramenta...

    REUNIR Revista de Administrao, Contabilidade e Sustentabilidade

    ISSN: 2237-3667 Vol.3, n 3, Edio Especial, p. 1-21, 2013.

    1

    Oramento Empresarial como Ferramenta de Auxlio Gesto: Um

    Estudo Emprico nas Indstrias de Calados da Cidade de Campina

    Grande-PB1

    Budget Enterprise As Tool Aid to Management: An Empirical Study of

    the Footwear Industry City of Campina Grande, PB

    Milton Jarbas Rodrigues Chagas Professor Assistente da Universidade Federal Rural do Semi-rido (UFERSA)

    Endereo: Avenida Francisco Mota, Presidente Costa e Silva, Mossor, RN Brasil, CEP: 59.625-395.

    e-mail: milton_jarbas@hotmail.com

    Aneide Oliveira Arajo Professora do Departamento de Cincias Contbeis da UFRN e do Programa Multiinstitucional e Inter-regional

    de Ps-Graduao em Cincias Contbeis UnB/UFRN/UFPB.

    Endereo: Universidade Federal do Rio Grande do Norte CCSA Departamento de Cincias Contbeis

    Av. Senador Salgado Filho, S/N, Campus Universitrio, Lagoa Nova, Natal, RN, Brasil, CEP 59.076-000.

    e-mail: aneide@ufrnet.br

    RESUMO

    O objetivo deste estudo consiste em investigar como as indstrias caladistas do polo de Campina Grande PB utilizam o

    oramento empresarial no processo de gesto, analisando as contribuies e limitaes das prticas oramentrias no

    desempenho das empresas estudadas. A pesquisa caracteriza-se como descritiva, bibliogrfica e quantitativa. De acordo com o

    Cadastro da Federao das Indstrias do Estado da Paraba (FIEP, 2010), 74 indstrias formam o polo caladista de Campina

    Grande PB, no entanto, no momento da coleta de dados constatou-se que 23 delas no existiam mais, restando assim 51

    empresas, constituindo a populao do presente estudo. A coleta de dados deu-se atravs da pesquisa de campo com aplicao

    de questionrios respondidos por 40 empresas, que representam 78,43% da populao. Para tratamento dos dados utilizou-se a

    anlise descritiva e inferncia estatstica, alm do teste Qui-quadrado para verificar relaes entre variveis. Os resultados

    demonstraram que a maioria das indstrias pesquisadas realiza planejamento de curto prazo e que os gestores utilizam as

    informaes contbeis apenas para cumprir exigncias fiscais, apesar de acreditarem serem importantes.

    Palavras-chave: Oramento Empresarial. Estratgia. Planejamento Estratgico.

    ABSTRACT

    The objective of this study is to investigate how footwear companies polo Campina Grande - PB using the enterprise budget management

    process, analyzing the contributions and limitations of budgeting practices in the performance of the companies studied. The research is

    characterized as descriptive and quantitative literature. According to the Register of the Federation of Industries of the State of Paraba

    (FIEP, 2010), 74 industries form the pole shoe of Campina Grande - PB, however, at the time of data collection it was found that 23 of them

    were gone, leaving just 51 companies, representing the population of the present study. The data was collected through the field survey

    questionnaires answered by 40 companies, representing 78.43% of the population. The data collected was used descriptive analysis and

    statistical inference, and the chi-square test to look for relationships between variables. The results showed that the majority of industries

    surveyed performs short-term planning and that managers use accounting information only to fulfill tax requirements, although they believe

    are important.

    Keywords: Budget business. Strategy; Strategic Planning.

    1 Artigo recebido em 17.03.2013. Avaliado pelos pares em 02.05.2013. Reformulado em 19.06.2013. Aceito para publicao em 22.07.2013. Recomendado para publicao

    por Jos Ribamar Marques de Carvalho (Editor Cientfico). Publicado em 15.09.2013. Instituio Responsvel UACC/CCJS/UFCG.

    mailto:milton_jarbas@hotmail.commailto:aneide@ufrnet.br

  • CHAGAS, M. J. R.; ARAJO, A. O. Oramento Empresarial como Ferramenta...

    REUNIR Revista de Administrao, Contabilidade e Sustentabilidade

    ISSN: 2237-3667 Vol.3, n 3, Edio Especial, p. 1-21, 2013.

    2

    1 INTRODUO

    As organizaes com ou sem fins lucrativos, ao iniciarem suas atividades, tm

    como finalidade dar continuidade a produo ou comercializao de um bem ou a

    prestao de um servio. Com o rpido avano tecnolgico buscam munir-se de

    informaes oportunas que possam ser utilizadas na tomada de deciso.

    A gesto do negcio inicia-se com o planejamento, no qual a empresa ir

    decidir o que produzir, comercializar e/ou qual servio prestar. As metas e objetivos,

    definidos nesta fase devem culminar na elaborao do oramento, o qual prev, para

    um determinado perodo, as receitas e os gastos administrativos e operacionais, alm

    de oferecer parmetros para a avaliao de desempenho.

    Com a utilizao do oramento as empresas podem se desenvolver de forma

    mais segura por meio do acompanhamento peridico da execuo das suas

    atividades, ampliando mercado e conquistando novos clientes, influenciando, dessa

    forma, o desenvolvimento econmico e social do estado ou municpio no qual

    estejam inseridas, gerando emprego e renda para a populao.

    Os gestores das indstrias necessitam de informaes que possam tornar o

    processo produtivo eficiente. Os dados referentes a custos, despesas, receitas, perdas,

    capacidade produtiva utilizada e ociosa devem ser analisados cuidadosamente pela

    empresa no que tange ao planejado e ao realizado, de modo que se possa ter

    parmetros comparativos e definies de objetivos, diretrizes e estratgias

    executveis.

    Mais de 67% das indstrias caladistas do plo de Campina Grande so micro

    e pequenas empresas que esto no mercado h mais de 10 anos e possuem gesto

    familiar, ocorrendo, na maioria das vezes, em problemas de ordem gerencial,

    aumentando o risco de extino das mesmas nos primeiros anos de existncia.

    (DANTAS, 2007; SEBRAE, 2007)

    Nessas indstrias, conforme Dantas (2007), o oramento foi a segunda

    ferramenta gerencial mais utilizada, representando cerca de 87,10%, emergido deste

    fato a questo que orienta a presente pesquisa: Como as indstrias do setor caladista

    do plo de Campina Grande-PB utilizam o oramento no processo de gesto? Ao

    responder esta questo espera-se entender a influncia das prticas oramentrias no

    processo de gesto das micro e pequenas empresas, sua adequao e eventuais

    contribuies de melhoria. Para tanto, define-se como objetivo do estudo investigar

    como seus gestores utilizam o oramento empresarial.

    Busca-se, deste modo, contribuir para a melhoria do desempenho das

    indstrias de calados do polo de Campina Grande por meio da utilizao de

    prticas oramentrias, promovendo a longevidade e ampliao dos negcios e, com

  • CHAGAS, M. J. R.; ARAJO, A. O. Oramento Empresarial como Ferramenta...

    REUNIR Revista de Administrao, Contabilidade e Sustentabilidade

    ISSN: 2237-3667 Vol.3, n 3, Edio Especial, p. 1-21, 2013.

    3

    isso, a gerao de mais empregos e renda para a sociedade, alm do maior poder

    aquisitivo da populao e o aumento no consumo de produtos.

    O presente trabalho encontra-se estruturado em cinco sees. Nesta primeira

    tem-se a introduo, contendo um breve relato sobre a importncia do estudo do

    oramento empresarial no processo de gesto, o problema e os objetivos da pesquisa.

    Na segunda est o referencial terico, que discute as teorias sobre o tema em questo,

    assim como traz conceitos e informaes essenciais utilizadas para a anlise dos

    dados. A terceira apresenta os procedimentos metodolgicos. Na quarta tem-se a

    anlise dos resultados, vindo em seguida as consideraes finais, contendo as

    limitaes do estudo e as sugestes para novas pesquisas. Na sexta e ltima parte

    encontra-se as referncias que serviram de arcabouo no desenvolver da pesquisa.

    2 REFERENCIAL TERICO

    O processo de gesto compreende as fases de planejamento, execuo e

    controle da empresa e de suas reas e atividades. O oramento parte do binmio

    planejamento e controle e se constitui na materializao das estratgias definidas

    pela organizao. Alm da traduo monetria do planejamento, o oramento

    utilizado como instrumento de anlise de desempenho e, consequentemente, como

    base de informaes para uma melhor tomada de deciso (PADOVEZE, 2009).

    Para elaborao do oramento empresarial so levados em conta os recursos

    humanos, assim como os objetivos da empresa; os aspectos tecnolgicos; a estrutura

    da empresa e a projeo de cenrios. Com base nas informaes advindas do

    oramento empresarial a organizao visualiza se a operacionalizao est de acordo

    com o que se planejou. Caso a empresa encontre indcios de ineficincias, estas

    podero ser sanadas com a adequao a nova realidade, que no foi detectada na

    etapa inicial do planejamento.

    Resultado das crticas e discusses acerca da necessidade de adaptao do

    modelo de gesto, considerando variveis como a tecnologia, a criatividade e os

    cenrios econmico, social e poltico, o oramento evoluiu, com a finalidade de dar

    maior flexibilidade ao processo operacional e integrar de forma sistemtica todos os

    setores sob objetivos e metas comuns, visando continuidade da organizao.

    As operaes empresariais so precedidas de decises, muitas delas baseadas

    na viso do gestor em relao s tendncias mercadolgicas