omar sabbag filho - revista

Download Omar Sabbag Filho - Revista

Post on 22-Mar-2016

219 views

Category:

Documents

2 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Retrospectiva da Legislatura 2009/2010

TRANSCRIPT

  • 1 - Especial Omar Sabbag Filho

    OMAR SABBAG FILHO

    Especial Omar Sabbag FilhoI Edio - Nmero 01 | Dezembro/2010

    Retrospectiva da Legislatura

    2009/2010

  • 02 - Especial Omar Sabbag Filho

    AprESEntAO

  • 03 - Especial Omar Sabbag Filho

    pAlAvrA dO OmAr SAbbAg FilhO

  • 04 - Especial Omar Sabbag Filho

    AtuAO cOm A cOmunidAdE rAbE

    Entre os diversos setores com os quais

    Omar Sabbag Filho atuou expressivamente

    nos ltimos dois anos, como vereador de

    Curitiba, podemos citar a Comunidade

    rabe.

    Filho de descendentes de libaneses

    e srios, Omar teve grande apoio da

    comunidade no s durante as disputas

    eleitorais, mas durante a legislatura.

    Promoveu eventos, apoiou as causas e

    necessidades da colnia e tornou conhecido

    nomes de membros que promoveram o

    desenvolvimento da capital paranaense,

    prestando servios aos cidados.

    Cabe destacar alguns desses eventos e

    homenagens.

    Grupo Folclrico rabe Almasbaha

  • 05 - Especial Omar Sabbag Filho

    Dom Damaskinos entregando uma homenagem a Omar Sabbag Filho e sua esposa, Denise, na ocasio

    dos 131 anos da imigraao da comunidade rabe no Brasil.

    hOmEnAgEnS

    Na ocasio da comemorao dos 130

    anos em 2009 e os 131 anos em

    2010 da Imigrao da Comunidade rabe

    no Brasil, Omar Sabbag Filho promoveu

    jantares comemorativos, em que prestou

    homenagens a alguns cidados de

    destaque no cenrio curitibano. Seguem

    os nomes dos homenageados:

  • 06 - Especial Omar Sabbag Filho

    Mesa de autoridades na comemorao dos 131 anos da imigrao da comunidade rabe no Brasil

    Omar Sabbag Filho e Gustavo Fruet

    As homenageadas com Voto de Louvor Maria de

    Lourdes Sabbag Akel e Laila Abbud Zraik

  • 07 - Especial Omar Sabbag Filho

    Dona Maria de

    Lourdes Sabbag

    Akel e seus filhos:

    Zaki, Nahim,

    Ardisson, Omar e

    Ricardo.

    Autoridades e os

    homenageados Sharif

    Usmann Abdel Majid

    Riyahi, Maria de Lourdes

    Sabbag Akel, Laila Abbud

    Zraik, Amied Reduan

    Ibrahim.

    Omar Sabbag Filho,

    Abdo abage (cnsul da

    sria), Dona Maria de

    Lourdes Sabbag Akel e

    seu filho, Ardisson Akel.

  • 08 - Especial Omar Sabbag Filho

    Gabriel Abdalla Kahale

    Nadia Kanhoush Hamati

  • 09 - Especial Omar Sabbag Filho

    Najah Janbaih Mousmar

    Ibrahim Mohamed Charkieh

    Habib Al-Hanna

  • 10 - Especial Omar Sabbag Filho

    Visita dos representantes da Comunidade rabe Cmara Municipal de Curitiba, momento em que receberam

    Votos de Congratulaes e Aplausos ou Doutores Ghassan Obeid, Ibrahim Issa e Ahmad Serryh.

  • 11 - Especial Omar Sabbag Filho

    Entrega do reconhecimento de Cidado Honorrio da Cidade de Curitiba para Hussein Ahmad Hamdar.

  • 12 - Especial Omar Sabbag Filho

    AS AtuAES dO vErEAdOr OmAr SAbbAg FilhO

    Omar Sabbag Filho ao encerrar seu

    segundo ano de mandato, tem um saldo

    positivo de atuaes na Cmara Municipal

    de Curitiba. Foram mais de 10 projetos de lei

    apresentados, 25 emendas ao oramento

    para beneficiar instituies, denominaes

    de bem pblico, requerimentos gerais

    para melhoria da cidade de Curitiba e

    homenagens prestadas aos cidados de

    destaque no municpio. Tambm participou

    de diversas comisses e atua hoje como

    presidente da Comisso Especial para

    Assuntos Metropolitanos.

    prOJEtOS dE lEi

    criao da cEAm

    Como apresentou o Vereador Omar

    Sabbag Filho na defesa da criao deste

    projeto de lei, em co-autoria com o

    Vereador Joo Cludio Derosso, o principal

    objetivo desta Comisso apreciar temas

    de amplitude metropolitana ou que digam

    respeito s relaes do Municpio de

    Curitiba com municpios vizinhos. Para

    isso, a Comisso Especial de Assuntos

    Metropolitanos est em atividade desde

    maio de 2010. [mais informaes na pgina

    XX, em CEAM]

    Identificao dos Esgotos

    Dispe sobre a obrigatoriedade da

    concessionria que explora os servios

    pblicos de abastecimento de gua, de

    coleta, remoo e tratamento de esgotos

    sanitrios do Municpio de Curitiba de

    identificar nas contas/faturas a destinao

    dos esgotos gerados pelos domiclios. O

    projeto ainda tramita na Cmara.

    Segurana pblica

  • 13 - Especial Omar Sabbag Filho

    A Comisso Permanente de Urbanismo

    de Obras Pblicas apresentou o Projeto de

    Lei, nmero 005.00042.2010, que disciplina

    a contratao de segurana privada nas

    casas noturnas e similares. Algumas das

    modificaes propostas so a necessidade

    de autorizao de funcionamento das

    empresas de segurana pelo Ministrio

    da Justia, atravs da Polcia Federal, a

    exigncia de porte da Carteira Nacional

    do Vigilante e o treinamento de todos

    os vigilantes. Tambm se torna de

    responsabilidade do vigilante a garantia

    da integridade fsica e moral dos cidados.

    O projeto ainda tramita na Cmara e

    aguarda revises e votao em plenrio.

    Sinalizao de Obras

    O Vereador Omar Sabbag Filho, em

    co-autoria com o Vereador Jonny Stica,

    propuseram a incluso dos artigos 109-A e

    342-A na lei 11.095, de 21 de julho de 2004,

    que Dispe sobre as normas que regulam

    a aprovao de projetos, o licenciamento

    de obras e atividades, a execuo,

    manuteno e conservao de obras no

    municpio, e d outras providncias.

    Para a nova abordagem do projeto,

    ficam sujeitos as modificaes a seguir.

    Nas principais vias do centro da cidade,

    necessrio sinalizar as obras com

    antecedncia de 500 metros, incluindo as

    informaes: do que a obra, o nome do

    local em que a obra est, a distncia em

    que se encontra do cidado e o aviso: Evite

    Omar Sabbag Filho e Joo Cludio Derosso na coletiva de imprensa que instaurou a CEAM

  • 14 - Especial Omar Sabbag Filho

    essa rua! Escolha caminhos alternativos.

    O projeto ainda aguarda votao e

    possveis alteraes.

    caixa de gordura

    O Projeto de Lei Ordinria n

    005.00253.2009, de iniciativa do vereador

    Omar Sabbag Filho, altera o cdigo de

    posturas do municpio, acrescentando o

    pargrafo 3 ao art. 144 da Lei 11.095, de

    21 de julho de 2004. Esta lei estabelece

    normas a respeito da aprovao de

    projetos do licenciamento de obras e da

    execuo e manuteno e conservao de

    obras. Na sua Seo V estabelece normas

    com relao a efluentes hdricos ou guas

    servidas e esgotos que so lanados nos

    sistemas urbanos, tanto de drenagem

    superficial como especialmente s redes de

    coleta e tratamento de esgotos sanitrios.

    O Projeto de Lei prev a instalao de

    caixas de gordura em restaurantes, hotis

    e residncias com a inteno de garantir a

    destinao correta dos resduos orgnicos

    gordurosos provenientes de pias, pisos

    de copas e cozinhas ou das descargas de

    mquinas de lavar-louas. Seu principal

    objetivo minimizar os danos ao meio

    ambiente, impedindo que a gordura seja

    lanada in natura rede de esgotos

    sanitrios e, com isso, atenuar os custos

    de tratamento da gua.

  • 15 - Especial Omar Sabbag Filho

    O dispositivo j vinha sendo

    contemplado em lei anterior, no Cdigo

    de Posturas anterior lei n. 699, no seu

    Artigo 481. E com o passar do tempo e

    com os ajustes legislativos havidos, esse

    aspecto ficou fora de ser considerado e

    fora de ser contemplado no novo Cdigo

    de Posturas que a Lei 11.095/2004.

    O sistema simples e barato. Retm

    a gordura, liberando efluentes livres

    dela, defendeu Omar Sabbag Filho,

    acrescentando que o valor da pea pr-

    fabricada nfimo se comparado ao

    benefcio ao meio ambiente e economia

    com o tratamento da gua. A caixa de

    gordura pr-fabricada custa cerca de R$

    136, podendo ainda ser construda no

    prprio local, com tijolos. Basta ter uma

    caixa sifonada para fazer a separao da

    gordura, que deve ir para o aterro sanitrio

    e no para os rios, esclareceu.

    A gordura, detritos alimentares e

    demais resduos retirados das caixas

    devem ser acondicionados em sacos

    plsticos e colocados no lixo. De maneira

    alguma devem ser lanados na rede pluvial.

    Isso de relevncia no apenas pelos

    impactos ambientais que o lanamento

    dessas gorduras causa ao meio ambiente,

    especialmente aos nossos recursos

    hdricos, mas tambm pelo impacto

    econmico que isso gera no processo

  • 16 - Especial Omar Sabbag Filho

    de tratamento dos esgotos. Quando

    h a presena de leos e gorduras

    nos esgotos sanitrios que chegam

    estao de tratamento, o processo de

    tratamento desse esgoto se encarece em

    aproximadamente 45%, porque remover

    gorduras do esgotamento sanitrio

    muito mais oneroso. No s encarece

    como tambm reduz a capacidade de

    tratamento de uma estao de tratamento

    de gua, porque o processo se torna alm

    de oneroso mais demorado e complexo.

    Isso faz com que se reduza em 20% a

    capacidade de uma estao de tratamento

    de esgoto, que recebe esgoto contaminado

    com leos e gorduras.

    Aprovada pela Cmara em primeiro e

    segundo turno, o projeto tambm j foi

    sancionado pelo prefeito e vigora desde 07

    de