olhos d'água

Download Olhos d'água

Post on 22-Mar-2016

235 views

Category:

Documents

8 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Livro de fotografias e poemas, produzido por adolescentes do Serpaf Sete Lagoas/MG

TRANSCRIPT

  • guas sob o olhar de adolescentes: Um mundo de subjetividade.

    Olhos dgua Olhos dgua

  • Foto: Felipe Augusto Ribeiro

  • Foto: Felipe Augusto Ribeiro

  • Olhos dguaOlhos dgua

    20122012

  • Olhos dguaOlhos dgua

    20122012

  • Unidades:Sede: Av. Prefeito Alberto Moura,530 - B. Nova Cidade - 31 3771.7363

    Centro Comunitrio: Rua Francisco Alves Macedo,226 - B. Verde Vale - 31 3774.7597Creche: Rua Jean Claudio Moreira,51 - B. Verde Vale - 3775.0071Marcenaria: Rua Ozires Viera, 923 - B. Verde Vale - 31 3771.3957www.serpafsetelagoas.wordpress.com - serpaf.adm@hotmail.com

    SERPAF - Servios de Promoo ao Menor e Famlia

    Entidade civil, filantrpica, utilidade publica municipal, estadual e federal, criada em 21 de outubro de 1968 por Helena Bartholomeu Rodrigues Branco.O SERPAF nasceu de uma mulher que ousou sonhar um mundo mais justo para famlias que sobreviviam em situao de

    grande vulnerabilidade, provocada pelo desequilbrio social conseqente do xodo rural ocorrido na dcada de 60 na regio de Sete Lagoas/MG. Senhora de grande viso estratgica e de futuro, D.Helena atuou atravs de inmeras e histricas aes de

    promoo da famlia empobrecida. Defendeu de maneira inovadora, durante toda sua histria, a filosofia de apoio, fortalecimento e promoo da famlia e no apenas da criana e do adolescente,

    numa forma de romper com o assistencialismo e com polticas clientelistas.Hoje o SERPAF, segue adiante com o mesmo ideal.

    H i s t r i c o

    M i s s o

    Estimular a participao de crianas, adolescentes, jovens e famlias para a defesa e garantia de seus direitosatravs de orientao, apoio e aes sociais, educativas e culturais.

    Fotos

    Alex Tlio Santos Ana Lusa Pereira Esteves Carine de Oliveira SoaresDanrley Maciel de Matos Lima Deleon Pereira BarbosaFelipe Augusto Ribeiro Gilvan Borges SoaresJoo Paulo Arajo Fonseca Mayna Rocha RibeiroPhilippe Diogo Alves da Silva Rhara Reis Samanta dos Santos Lima

    Coordenador da Oficina de Fotografias:Leo Drummond

    Poemas:

    Adriane Lopes Faccio Mendes Andr Nogueira GoulartCibele Rodrigues Pereira Deivity do Carmo SantosFagner Gonalves de Almeida Janusa C SilvaKeily do Carmo Santos Larissa Lorrany Lucas Emanuel TorresMarcos Vinicius Martins Micaele Aparecida Silva FonsecaMicaelle Cibele Philippe Diogo Alves da Silva Thiago Pereira

    Coordenadora de RH e Programa Jovens Aprendizes:Cludia Cristina Rodrigues de Souza

    Foto da capa: Mayna Rocha Ribeiro ( Lapinha da Serra/MG )

    Projeto grfico e diagramao:Leo Drummond

    Assistente de diagramao:Philippe Diogo Alves da Silva

  • Unidades:Sede: Av. Prefeito Alberto Moura,530 - B. Nova Cidade - 31 3771.7363

    Centro Comunitrio: Rua Francisco Alves Macedo,226 - B. Verde Vale - 31 3774.7597Creche: Rua Jean Claudio Moreira,51 - B. Verde Vale - 3775.0071Marcenaria: Rua Ozires Viera, 923 - B. Verde Vale - 31 3771.3957www.serpafsetelagoas.wordpress.com - serpaf.adm@hotmail.com

    SERPAF - Servios de Promoo ao Menor e Famlia

    Entidade civil, filantrpica, utilidade publica municipal, estadual e federal, criada em 21 de outubro de 1968 por Helena Bartholomeu Rodrigues Branco.O SERPAF nasceu de uma mulher que ousou sonhar um mundo mais justo para famlias que sobreviviam em situao de

    grande vulnerabilidade, provocada pelo desequilbrio social conseqente do xodo rural ocorrido na dcada de 60 na regio de Sete Lagoas/MG. Senhora de grande viso estratgica e de futuro, D.Helena atuou atravs de inmeras e histricas aes de

    promoo da famlia empobrecida. Defendeu de maneira inovadora, durante toda sua histria, a filosofia de apoio, fortalecimento e promoo da famlia e no apenas da criana e do adolescente,

    numa forma de romper com o assistencialismo e com polticas clientelistas.Hoje o SERPAF, segue adiante com o mesmo ideal.

    H i s t r i c o

    M i s s o

    Estimular a participao de crianas, adolescentes, jovens e famlias para a defesa e garantia de seus direitosatravs de orientao, apoio e aes sociais, educativas e culturais.

    Fotos

    Alex Tlio Santos Ana Lusa Pereira Esteves Carine de Oliveira SoaresDanrley Maciel de Matos Lima Deleon Pereira BarbosaFelipe Augusto Ribeiro Gilvan Borges SoaresJoo Paulo Arajo Fonseca Mayna Rocha RibeiroPhilippe Diogo Alves da Silva Rhara Reis Samanta dos Santos Lima

    Coordenador da Oficina de Fotografias:Leo Drummond

    Poemas:

    Adriane Lopes Faccio Mendes Andr Nogueira GoulartCibele Rodrigues Pereira Deivity do Carmo SantosFagner Gonalves de Almeida Janusa C SilvaKeily do Carmo Santos Larissa Lorrany Lucas Emanuel TorresMarcos Vinicius Martins Micaele Aparecida Silva FonsecaMicaelle Cibele Philippe Diogo Alves da Silva Thiago Pereira

    Coordenadora de RH e Programa Jovens Aprendizes:Cludia Cristina Rodrigues de Souza

    Foto da capa: Mayna Rocha Ribeiro ( Lapinha da Serra/MG )

    Projeto grfico e diagramao:Leo Drummond

    Assistente de diagramao:Philippe Diogo Alves da Silva

  • Ser padrinho de um projeto como esse que tem por objetivo a melhoria da qualidade de vida das pessoas, especialmente as crianas, muito gratificante e me d muito prazer.

    As pessoas hoje vivem muito em funo de si mesmas e esquecem que com pequenos gestos podem contribuir para um mundo melhor para todos.

    Penso que contribui de alguma forma, agradeo a Deus por isso e aproveito para convidar outras pessoas

    para que tambm tenham um gesto de ajuda ao prximo, pois quem ganha somos todos ns.

    Obrigado!

    NELSON C JUNIORGerente - HSBC Bank Brasil S.A.

    Ag. Pedro Leopoldo / MG

    Olhos dgua abre janelas.Nosso cotidiano tende a nos aprisionar, a nos enquadrar em formatos que acabam por nos tirar a liberdade, a criatividade... Muitas vezes, acabamos por nos sentir engaiolados.A idia deste livro a de abrir esta janela e ampliar os horizontes dos adolescentes que participaram do projeto. Abrindo as janelas, cada qual pde sentir o quanto capaz de superar os obstculos e dificuldades da vida diria, pde perceber o tamanho de sua capacidade de criar, de produzir, de ir alm.E nada - mas nada mesmo retrata melhor este movimento que a GUA.gua viva, que toma formatos os mais diversos ora fio nascente, ora jorrando, ora congelada, ora percorrendo caminhos, formando caminhos at mesmo nas pedras... ora cachoeira, ora rio lento... ora suja e ( quase ) destruda pelas mos ( ainda ) inconseqentes do homem... ora represada, ora livre...O que queremos encantar voc, leitor que prestigia nosso trabalho, com imagens capturadas por nossos adolescentes. Imagens que revelam a beleza suave, mas firme, da gua nos abrindo o corao. Mas, nossos meninos e meninas quiseram que todo o encantamento das imagens viesse acompanhado de poesias, onde eles demonstram o tamanho de sua sensibilidade e criatividade. Queremos ainda com esta proposta mostrar o quanto estes meninos e meninas que ainda vivem em situaes de vulnerabilidade social num pas to ricoso capazes de superar os desafios de suas vidas, so capazes de criar alternativas, desviar de obstculos e seguir seu caminho. Basta que a eles sejam dadas oportunidades, que acreditemos e apostemos neste desafio.

    Adriane Branco PennaDiretora do SERPAF

    Leo DrummondFotgrafo Profissional e Coordenador da Oficina de Fotografia do Serpaf

    Olhos D'gua de alegriaMais uma janela se abre

    Novas formas e possibilidades de sentir Uma nova viso de mundo...

    Senhoras e Senhores sejam bem vindos ao lago profundo, cachoeira de expresses, ao rio que

    corre cheio de vida, trazendo na gua a flexibilidade da expresso dos sentimentos de

    adolescentes do Serpaf.

    Olhos d'gua o resultado de oficinas que nos permitiram vivenciar a sensibilizao do olhar. Buscamos imagens para conscientizar a respeito da importncia da preservao do nosso manancial natural. Aprendemos sobre os efeitos de uma boa iluminao, enquadramento e movimento em uma imagem. Reforamos principalmente o papel do homem no contexto natureza-arte-cidadania. Mas o nosso maior desafio tentar trazer para fora destas pginas o movimento das guas que recomea na percepo do leitor.

    Rachel BrancoVice Diretora do Serpaf

  • Ser padrinho de um projeto como esse que tem por objetivo a melhoria da qualidade de vida das pessoas, especialmente as crianas, muito gratificante e me d muito prazer.

    As pessoas hoje vivem muito em funo de si mesmas e esquecem que com pequenos gestos podem contribuir para um mundo melhor para todos.

    Penso que contribui de alguma forma, agradeo a Deus por isso e aproveito para convidar outras pessoas

    para que tambm tenham um gesto de ajuda ao prximo, pois quem ganha somos todos ns.

    Obrigado!

    NELSON C JUNIORGerente - HSBC Bank Brasil S.A.

    Ag. Pedro Leopoldo / MG

    Olhos dgua abre janelas.Nosso cotidiano tende a nos aprisionar, a nos enquadrar em formatos que acabam por nos tirar a liberdade, a criatividade... Muitas vezes, acabamos por nos sentir engaiolados.A idia deste livro a de abrir esta janela e ampliar os horizontes dos adolescentes que participaram do projeto. Abrindo as janelas, cada qual pde sentir o quanto capaz de superar os obstculos e dificuldades da vida diria, pde perceber o tamanho de sua capacidade de criar, de produzir, de ir alm.E nada - mas nada mesmo retrata melhor este movimento que a GUA.gua viva, que toma formatos os mais diversos ora fio nascente, ora jorrando, ora congelada, ora percorrendo caminhos, formando caminhos at mesmo nas pedras... ora cachoeira, ora rio lento... ora suja e ( quase ) destruda pelas mos ( ainda ) inconseqentes do homem... ora represada, ora livre...O que queremos encantar voc, leitor que prestigia nosso trabalho, com im