O pre modernismo

Download O pre modernismo

Post on 10-Jun-2015

808 views

Category:

Documents

3 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

<ul><li> 1. LITERATURA</li></ul> <p> 2. VAMOS RELEMBRAR? 3. O PR-MODERNISMOO Pr-modernismo foi um perodo literriobrasileiro, que marca a transio entre oparnasianismo e o movimento modernista seguinte.Em Portugal, o pr-modernismo configura omovimento denominado saudosismo.O termo pr-modernismo parece haver sidocriado por Tristo de Athayde, para designar os"escritores contemporneos do neo-parnasianismo,entre 1910 e 1920. 4. CONTEXTO HISTRICOConflitos no Nordeste: fanatismo religioso do PadreCcero e de Antnio Conselheiro e o Cangao,As revoltas da Vacina e da Chibata, no Rio de Janeiro,As greves operrias em So Paulo e a Guerra doContestado,Oligarquia ruralO nascimento da burguesia urbana,A industrializao,Segregao dos negros ps-abolio,O surgimento do proletariado,A imigrao europeia. 5. CARACTERIZAOEmbora vrios autores sejam classificados como pr-modernistas, este no se constituiu num estilo ouescola literria, dado a forte individualidade de suas obras,mas essencialmente eram marcados por duas caractersticascomuns:conservadorismo - traziam na sua esttica os valoresparnasianos e naturalistas;renovao - demonstravam ntima relao com a realidadebrasileira e as tenses vividas pela sociedade do perodo.Embora tenham rompido com a temtica dos perodosanteriores, esses autores no avanaram o bastante paraserem considerados modernos - notando-se, at, alguns casos,resistncia s novas estticas. 6. CARACTERSTICAS ESPECFICAS Ruptura com o passado, com o academismo, com a Literatura Sorriso daSociedade; A linguagem de Augusto dos Anjos, ponteadas de palavras "no poticas" comocuspe, vmito, escarro, vermes, era uma afronta poesia parnasiana ainda emvigor; A denncia da realidade brasileira, negando o Brasil literrio herdado doRomantismo e Parnasianismo; O Brasil no oficial do serto nordestino, dos caboclos interioranos, dossubrbios, o grande tema do Pr-Modernismo; O regionalismo, montando-se um vasto painel brasileiro: o Norte e Nordestecom Euclides da Cunha; o Vale do Paraba e o interior paulista com MonteiroLobato; o Esprito Santo com Graa Aranha; o subrbio carioca com LimaBarreto; Os tipos humanos marginalizados: o sertanejo nordestino, o caipira, osfuncionrios pblicos, os mulatos; Uma ligao com fatos polticos, econmicos e sociais contemporneos,diminuindo a distncia entre a realidade e a fico. 7. EXCERTONum artigo publicado em 1917, Monteiro Lobato reagiuassim exposio de Anita Malfatti, no jornal O Estadode So Paulo:"H duas espcies de artistas. Uma composta dos quevem normalmente as coisas e em consequncia fazemarte pura. (...) A outra espcie formada dos que vemanormalmente a natureza e a interpretam luz dasteorias efmeras, sob a sugesto estrbica de escolasrebeldes, surgidas c e l como furnculos da culturaexcessiva. So produtos do cansao e do sadismo detodos os perodos da decadncia(...)" 8. PRINCIPAIS AUTORES PR-MODERNISTASEuclides da Cunha, com Os Sertes, onde aborda deforma jornalstica a Guerra de Canudos;A obra, dividida em trs partes (A Terra, O Homeme A Luta), procura retratar um dos maiores conflitosdo Brasil. 9. PRINCIPAIS AUTORES PR-MODERNISTASLima Barreto, que faz uma crtica da sociedadeurbana da poca, com Triste Fim de PolicarpoQuaresma e Recordaes do Escrivo IsaasCaminha; e O Homem Que Sabia Javans. 10. PRINCIPAIS AUTORES PR-MODERNISTAS Monteiro Lobato, com Urupse Cidades Mortas, retrata ohomem simples do camponuma regio de decadnciaeconmica; Ele tambm foium dos primeiros autores deliteratura infantil, dessesmodos, transmitindo aopblico infantil valoresmorais, conhecimentos doBrasil, tradies, nossa lngua.Destaca-se no gnero conto. Efoi, tambm, um dosescritores brasileiros demaiores prestgios. 11. PRINCIPAIS AUTORES PR-MODERNISTASAugusto dos Anjos que, segundo alguns autores,trazia elementos pr-modernos, embora no aspectolingustico tenda para o realismo-naturalismo, emseus Eu e Outras Poesias. 12. PRINCIPAIS AUTORES PR-MODERNISTASGraa Aranha, com Cana, retrata a imigraoalem para o Brasil.Nesse livro tinha o constanteconflito entre dois imigrantes Milkau e Lentz quediscutiam se o dinheiro era mais importante do que oamor.</p>