O LÍDER NEEMIAS

Download O LÍDER NEEMIAS

Post on 19-Jul-2015

43 views

Category:

Documents

1 download

Embed Size (px)

TRANSCRIPT

<p>AS REFORMAS DE NEEMIAS</p> <p>AS REFORMAS DE NEEMIASNa histria bblica Neemias se destaca por suas extraordinrias virtudes. Seu Perfil: Um homem de grande viso, enrgico, vibrante e capaz de contagiar a todos com o seu entusiasmo. Era tambm um homem humilde.</p> <p>No reino persa Estava exilado junto com outros milhares de judeus na cidade de Sus, capital do imprio. Ocupava uma posio de honra e influncia na corte. Como copeiro do rei, era admitido livremente presena real. Pela sua fidelidade e habilidade, havia se tornado amigo e conselheiro</p> <p>Um homem humilde que no negou as suas origens.Embora rodeado pela pompa, no esqueceu seu Deus e o seu povo. Por mensageiros vindo da Judia, foi informado do caos e abandono em que estava entregue a cidade de Jerusalm.</p> <p>Foi dito: Os restantes, que no foram levados para o exlio e se acham l na provncia, esto em grande misria e desprezo; os muros de Jerusalm derrubados, e as suas portas queimadas. Neemias 1:3</p> <p>Empatia - Chorei e lamentei por alguns dias. Neemias 1:4. Viso Ele no ficou apenas chorando e lamentando. Guiado pelo Esprito Santo, ele pode ver que o verdadeiro problema no eram paredes, muros cados ou portas queimadas. O</p> <p>Jejum e OraoUm homem de orao Estive jejuando e orando perante o Deus dos cus. Neemias 1:4 Durante quatro meses orou e jejuou perante o Deus dos cus; confessou os seus pecados e os pecados do povo. Orando, sua f e coragem se fortaleceram. Sua boca se encheu de santos</p> <p>Porque est triste o teu rosto, se no ests doente? Isto no seno tristeza de corao. Neemias 2:2</p> <p>A resposta de Neemias Com lbios trmulos e lgrimas nos olhos, ele revelou a causa da sua tristeza: Como no estaria triste o meu rosto, estando a cidade, o lugar dos sepulcros dos meus pais, assolada, e suas portas consumidas a fogo?</p> <p>Neemias alcana o favor real e consegue autorizao para retornar sua terra, reconstruir os muros e ainda obteve cartas do rei para os governadores das provncias alm do Eufrates para que lhe abastecesse em tudo o que precisasse.</p> <p>Neemias convocou o povo e apresentou os argumentos de molde a despertar suas energias adormecidas e conscientiz-los do estado em que se encontravam. Ele mostrou ao povo o seu estado de oprbrio e como Deus estava sendo desonrado e blasfemado. O apelo foi direto ao corao. O Esprito Santo falou pelo Seu servo. A resposta do povo foi:</p> <p>Todo Lder Encontra Opositores</p> <p>Aparecem os Inimigos e Opositores Quando os inimigos ouviram que a reconstruo fora iniciada, com escrnio e zombaria riram e disseram: Quereis rebelar-vos contra o rei? Vejam a resposta de Neemias: O Deus dos cus quem nos far prosperar; e ns, Seus servos, nos levantaremos e</p> <p>Como voc reage crtica e aos inimigos? Diante da crtica de inimigos e opositores sua f e coragem no se abateram. Sua confiana estava em Deus. Com palavras oportunas encorajava os tmidos, ativava os lentos, e aprovava os diligentes.</p> <p>O Lder de Hoje, a Oposio e as CrticasO Senhor nos diz, atravs do Esprito da Profecia: A oposio e desencorajamento que os reconstrutores nos dias de Neemias tiveram de enfrentar da parte de inimigos declarados e falsos amigos, tpica da experincia dos que trabalham hoje para Deus. Cristos so provados, no somente pela ira, desprezo e crueldade de inimigos, mas pela indolncia, inconstncia e pretensos amigos e auxiliares... Satans tira vantagem para a realizao dos seus propsitos de todo elemento no consagrado. PR, p. 614, 615.</p> <p>Assim como nos dias de Neemias, o inimigo tem suscitado pessoas dentro do prprio povo de Deus, contra Deus e contra Sua igreja. Nunca se viu tantas pessoas dentro das igrejas, onde o nico objetivo destas, desvirtualizar o ministrio e a organizao. So membros que deixam de buscar</p> <p>1 REFORMA CONDENADA A USURAOs muros nem ainda tinham sido concludos quando a ateno de Neemias foi chamada para a infeliz situao dos mais pobres. A fim de obter alimento para as suas famlias, os mais pobres foram obrigados a comprar a crdito e a preos exorbitantes. Foram tambm obrigados a tomar dinheiro emprestado a juros altos, para pagar as pesadas taxas impostas pelos reis</p> <p>AS REFORMAS DE NEEMIAS</p> <p>Condenada a usura Muitos destes pobres, tinham sido forados a vender seus filhos e filhas como escravos. Ouvindo Neemias desta cruel opresso, sua alma se encheu de indignao. Precisava tomar posio decidida ao lado da justia.</p> <p>A nossa posip deve ser sempre ao lado da verdade e da justia. O fato de que os opressores eram homens ricos, cujo apoio era grandemente necessrio na restaurao da cidade, nem por isso o intimidou.</p> <p>AS REFORMAS DE NEEMIASInsistiu com os magistrados e nobres a fim de que pusessem fim a esta obra inqua, e restitussem as terras dos pobres e o dinheiro que haviam tomado mediante altas taxas de juros e que a partir dali se emprestassem sem hipoteca ou juros. A resposta de todos foi: Restituir-lhe-emos assim como</p> <p>Advertncia de Deus:Cada erro praticado em relao aos filhos de Deus, feito ao prprio Cristo na pessoa de Seus santos. Toda tentativa de tirar vantagem da ignorncia, fraqueza ou infortnio de outrem, registrada como fraude nos livros do Cu... precisamente quando um homem chega a tirar vantagem para si da desvantagem de outrem, que sua alma se torna insensvel influncia do Esprito de Deus. O ganho obtido a tal preo uma terrvel perda. PR, p. 621,622</p> <p>2 REFORMA O Chamado FidelidadeO livro da Lei (pentateuco) foi lido diante do povo. E todos confessaram os seus pecados e se comprometeram a buscar a Sua misericrdia e andar em Seus mandamentos. O povo havia perdido seu zelo e fervor pela casa de Deus. No devolviam mais os dzimos, e as ofertas estavam sendo desviadas. Com isto, muitos dos sacerdotes e levitas tinham deixado a obra de Deus para trabalhar na agricultura e outras partes. Precisavam sustentar suas famlias. Com isto, a obra de Deus parou.</p> <p>O Povo Desafiado a Devolver ao Senhor o Que Lhe Pertence Neemias reuniu os levitas e os sacerdotes que tinham deixado o servio do ministrio, e os reconduziu s suas funes. Apelou ao povo a que fossem fiis ao Senhor e devolvessem a Deus o que Lhe pertence. O Esprito Santo falou ao corao de todos e o resultado foi: Ento todo o Jud trouxe os dzimos dos cereais, do vinho e do</p> <p>Um lder de ao</p> <p>Outro resultado deste afastamento de Deus foi a profanao do sbado. Ele diz: Naqueles dias vi em Jud os que pisavam lagares no sbado e traziam trigo que carregavam sobre jumentos; como tambm vinho, uvas e figos e toda sorte de cargas que traziam a Jerusalm no dia de sbado. Tambm habitavam em Jerusalm trios que traziam peixes e toda</p> <p>3 REFORMA FIDELIDADE NA GUARDA DO SBADO</p> <p>Destemidamente Neemias repreendeu os nobres e outros lderes por sua negligncia do dever. Que mal este que fazeis, profanando o dia de sbado? Neemias 13:17 Tem voc, de</p> <p>Neemias toma as medidas necessrias Ordenou-lhes que dando as sombras s portas de Jerusalm, antes do sbado, que fossem fechadas e s abrissem aps o sbado. E ainda colocou soldados s portas da cidade para ter certeza de que suas ordens seriam cumpridas. fazer o que precisa ser feito, na hora certa.</p> <p>Muitos do povo, inclusive lderes que deveriam ser exemplos, tinham si unido com outros povos atravs do casamento. Vi tambm, naqueles dias, que judeus haviam se casado com mulheres asdoditas, amonitas e moabitas. Neemias 13:23 Citando Salomo como exemplo deste tipo de casamento, ele diz: ...As mulheres estrangeiras o fizeram cair em pecado. Neemias 13:26 u.p.</p> <p>4 REFORMA Casamento Com Idlatras</p> <p>Prevendo a runa da nao, se o mal fosse permitido prosseguir, Neemias falou fortemente com os que erraram. Lhes foram apresentadas as ordenanas de Deus e os terrveis juzos que visitaram Israel no passado por causa deste mesmo pecado. A conscincia de todos foi despertada, e teve incio uma obra de reforma e consagrao no corao de todos.</p> <p> Os sucessos que acompanharam os esforos de Neemias mostram o que a orao, a f e ao sbia e enrgica podem realizar. Neemias no era sacerdote; no era profeta; no fez praa de altos ttulos. Era um reformador surgido para um importante tempo. Seu alvo era por o seu povo em harmonia com Deus.</p> <p>Ao pronta e decisiva no tempo certo alcanar gloriosos triunfos, ao passo que delonga e negligncia resultam em fracassos e desonra para Deus. Se os lderes na causa da verdade no mostram zelo, se so indiferentes, vagos, a igreja ser descuidada e indolente, e amante dos prazeres; mas se so cheios de santo propsito para servir a Deus e a Ele somente, o povo ser unido, esperanoso e</p>