o correio - ed 1042

Download O Correio - Ed 1042

Post on 18-Mar-2016

218 views

Category:

Documents

3 download

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Um jornal de verdade

TRANSCRIPT

  • LAGUNA/SC - ANO IXX - EDIO 1042 - LAGUNA/SC 05/04/2014 - R$ 2,00 - JORNAL BISSEMANAL O Senhor meu pastor, nada me faltar

    Laguna: 3646-5123 / 9926-6333Brao do Norte: 3658-2446 / 9627-3120

    Fone: 3646-2488Fone: 3646-2488

    Dr. Mauro Srgio Fernandes da Silva CRM 8789 - Pediatra

    Rua. Voluntrio Fermiano. 60 Laguna SC

    A sade de sua criana merece a ateno de um especialistaDiretor TcnicoMauro Srgio Fernandes da Silva

    CRM 8789 - PediatraRQE 4329

    Prximo a Colnia de Pescadores

    Temos vacina contra gripeVacine-se - convnios AMPE, PAX, UNIPESCA e SESCVisite o site: http://clinicavidalaguna.wix.com/vida

    Espetculo Sargento Getlio abre a circulao do Palco

    Giratrio 2014 em Santa CatarinaQuando: 09/04 quarta-feiraOnde: Centro Cultural Sto AntonioHoras: 19h30FICHA TCNICASARGENTO GETLIOClassificao etria: 14 anos. Durao: 50 mimTexto/concepo: Joo Ubaldo RibeiroAdaptao: Gil Vicente TavaresTrilha sonora: Ivan Bastos Elenco: Carlos Beto

    O governador Raimundo Colombo e o vice Eduardo Pinho Moreira, participaram na manh de sexta-feira, 4, da solenidade que marcou o incio das operaes do Aero-porto Regional Sul - Humberto Ghizzo Bortoluzzi, em Jaguaruna, no Sul do Estado. O avio do governo do Estado desceu s 9h15min desta quinta-feira.

    O prefeito Everaldo dos Santos acredita que aero-porto ir trazer turistas para os vrios pontos turs-ticos de Laguna. Um deles o Farol de Santa Marta, poucos quilmetros do novo empreendimento. Um enorme passo para a regio, disse Santos.Tambm foi entregue a autorizao emitida pelo

    Instituto de Cartografia da Aeronutica (ICA). A ho-mologao publicada no Dirio Oficial da Unio, na ltima quarta-feira, 2 de abril, permite a operao de voos regulares. Na oportunidade o governador e o vice, homenagearam o comandante Carmelo Mrio Faraco Jnior, um dos incentivadores da implantao do aeroporto.O Sul est vivendo um grande momento, com a otimizao das operaes do porto, o andamento das obras da BR-101 e agora o aeroporto de Jag-uaruna. So vetores fundamentais do desenvolvi-mento e essa independncia de infraestrutura ir produzir riqueza, desenvolvimento e maior quali-dade de vida para a regio, disse Colombo.

    O Aeroporto de Jaguaruna foi homologado para op-erao visual diurna e noturna. Com a autorizao emitida pelo ICA, o local est autorizado para pouso e decolagem de aeronaves com capacidade de at 190 passageiros, podendo ter voos comerciais regulares.

    Aeroporto Regional inaugurado

    COOPERATIVA SANTO ANTNIO DOS ANJOS DOS CRIADORES NOS CAMPOS PBLICOS DE LAGUNA COOPERSANTO

    CNPJ/ MF 75.405. 183/0001-24EDITAL DE CONVOCAAO

    ASSEMBLEIA GERAL ORDINRIA O Presidente da COOPERATIVA SANTO ANTNIO DOS ANJOS DOS CRIADORES NOS CAMPOS PBLICOS DE LAGUNA COOPERSANTO, no uso de suas atribuies a que confere o Estatuto Social, convoca todos os associados da Cooperativa para se reunirem-se em Assembleia Gerai Ordinria, no dia 13 de abril de 2014 (domingo) no endereo: Estrada Geral da Madre Laguna/SC, s09:00h (nove horas),em primeira convocao, com a presena de mnimo 2/3 (dois tero) dos associados em condies de votar, em segunda convocao, s 0930h (nove horas e trinta minutos), com a presena da metade mais 01 (um) dos associados e s 10:00h (dez horas) em terceira e ltima convocao, com a presena de no mnimo 10 (dez) associados afim de deliberarem sobre a seguinte Ordem do Dia: Para efeito de clculo para o qurum, a Cooperativa possui 230 associados na data de hoje.

    1 ) Prestao de contas do exerccio de 2013.2) Mutiro para trabalhar nos campos ou aumentar a mensalidade de R$ 1.50 (umreal e cinquenta centavos), para R$ 2,00 (dois reais).3 ) Outros assuntos de interesse dos associados.

    Laguna 03 de Abril de 2014.

    Renato CardosoPresidente

  • O CORREIO P. 02

    NOSSAS UTOPIAS

    Advocacia & Assessoria

    Dr. Victor Baio PereiraOAB/SC 15.896

    Atanazio Lameira lameira00@hotmail.com

    EXPEDIENTEFundado em 29.07.1995

    Direo Geral: PAULO SRGIO SILVAJORNAL O CORREIO. LTDA. ME.

    C.G.C. 03.002.178/0001-60 Insc. Mun. 54.0375

    Redao e Administrao:Rua Voluntrio Fermiano, 52 - Centro Fone: (48) 3644-3959 - Laguna/SC

    Nmero Avulso: R$ 2,00 Assinatura Semestral (Bissemanal) R$ 100,00

    Tiragem: 1.000 exemplaresOs artigos assinados so de

    responsabilidade de seus autores. Circulao quartas-feiras e aos sbados :

    Laguna, Pescaria Brava, Garopaba, Imbituba, Paulo Lopes e Imaru.

    E-mail: ocorreio@ocorreio.net hp:http://www.ocorreio.net

    Este jornal filiado:

    Visite o meu: Blog: athanaziolameira.blogspot.com

    LAGUNA/SC 05/04/2014

    Causas cveis: aes possessrias, indenizatrias e de famlia.

    Rua Raulino Horn - Centro - Fone 3644-6882

    Hora do cafezinho

    Paulo Srgio Silva

    Reinventando o Profissionalartigo

    Mello Jr - www.gmtreinamentos.com.br - mello@gmtreinamentos.com.br

    Consumidores C e D so potencializados

    No dia 25, os vereadores Kleber Kek e Dudu Carneiro, do Partido Progressista estiveram no gabinete do presidente da Assembleia Legislativa Joares Ponticelli. Os representantes da comunidade reivindicaram re-cursos para investimento em infraestrutura e lazer, como a pista de skate. O prefeito Everaldo dos Santos tambm esteve participando do encontro. Tubaro e Jaguaruna j foram contemplados com a pista de skate. Em Laguna temos muitos praticantes sem um local adequado, disse o vereador Dudu Carneiro.

    Edinho Bez deixa sua mensagem sobre o Aeroporto Regional:"Lembro que quando assumi a pasta de secretrio de estado Infraestrutura de Santa Catarina, no primeiro mandato do ento governador Luiz Henrique da Silveira, a construo do aeroporto estava abandonada. Atendendo a solicitao da Associao Empresarial de Tubaro (Acit), atravs do empresrio Gensio Mendes, CDL, lideranas polticas, imprensa, entre outros segmentos; recomeamos a obra praticamente do zero", aponta Edinho."Parabenizo o governador do estado, Raimundo Colombo, o secretrio de infraestrutura, Valdir Cobalchini, por terem dado continuidade s obras iniciadas no governo do LHS, entre elas o aeroporto. Parabenizo ainda todos que colaboraram de forma direta e indireta por este sucesso alcanado, destaca o deputado.

    Escrevi sobre a potencializao das classes C e D baseado em pesquisas e estudos que realizei durante o ano de 2006 at o ms de setembro e nosso artigo foi publicado em vrios veculos da mdia no por ser uma novidade, mas pela situao em que vivemos economicamente. Tenho trabalhado com empresas do varejo para que se adaptem rapidamente a esta realidade, pois no uma questo de modismo e sim uma tendncia do mercado brasileiro. No vou entrar no mrito poltico da informao abaixo, mas quero mais uma vez chamar a ateno que o sol nasceu pra todos, pelo menos para aqueles que desejam v-lo, claro. Tenho alertado os chamados empresrios de micro e pequenas empresas para a busca de alternativas de atendimento destes consumidores evitando que os grandes abocanhem esta fatia de mercado, j que alguns hiper mercados j esto montando empresas menores (mercadinhos de bairros) para concorrer com os pequenos. Larga-ram na frente, tiveram a informao antes? No acredito. Simplesmente agiram. Vejam a matria abaixo:Volume de compras das classes D e E cresce 11% Fonte:Zero HoraOs trs anos e meio do mandato de Lula most-raram avano no perfil de consumo das famlias com rendimento de at quatro salrios mnimos na rea de no-durveis. Essa faixa da populao aumentou de 21 para 27 categorias de produtos em agosto deste ano. O estudo apontou que o vol-ume de compras das classes D/E aumentou 11%, e o gasto mdio cresceu 35% com produtos mais elaborados, dos segmentos de alimentos, bebidas,

    higiene e limpeza no perodo. As novidades na cesta foram sucos em p, massa instantnea, caldo para tempero, salgadinhos e leite longa vida. O percen-tual prximo ao verificado nas demais classes. O acesso a esses produtos aumentou 15% no perodo. Nas classes C e A/B, o volume mdio de consumo cresceu 8% e 5%, respectivamente.

    Ento, o que fazer? Planejar, nunca tarde para isso! No ser da noite para o dia que a empresa ir mudar de foco e obter resultados positivos. Falo em mudana de foco porque a maioria nunca olhou para estas classes como consumidores em perspectivas, normalmente, as empresas querem resultados imediatos e visam os chamados clientes em potencial, aqueles que consomem, que todo mundo v e deseja conquist-los.

    Por isso, para que voc inicie o seu plano de ao, responda: Onde esto os chamados C e D e E? Minha empresa tem produtos para estes clientes? Tm ambiente apropriado para eles? Tm profissionais treinados para este perfil de consumidores? Tm carteira de financiamentos que pos-sam parcelar determinadas compras? Tenho banco de dados? Devo fazer uma pesquisa detalhada?

    Se voc conseguir respostas para estes itens j estar dando um grande passo para realizao de um planejamento mais completo.

    Ps no cho Muita gente sofre na escolha da profis-so ser que tenho vocao para isto ou aquilo? Fazem testes vocacionais, mas nem isso lhes garante nada. Na melhor das hipteses apontam caminhos, tendncias - apenas isso. No mais te-mos que esperar um pouco, a fim de que atravs do tempo possamos refletir - sopesar, o que na verdade seria o melhor para ns. Muita conversa com profissionais da rea escolhida para saber um pouco da realidade, no apenas sonhos do que seria o ideal.

    Livre para sonhar Nossa origem pedra de responsa no podemos fugir. Nossa terra bendita. Nosso desfrute das coisas boas. No h partido nisto. O amor a terra algo, que se coloca longe das cercanias pequenas de qualquer partido poltico. Eu sinto orgulho de ter nascido nesta terra. Apesar de al-guns dirigentes, ainda no perdeu seu natural, sua beleza estonteante. A Laguna maravilhosa. No se trata de um elogio apenas, mas de qualquer coisa sria que jamais pod